Tudo Sobre

Concurso EDS

EDS deve contratar 1.200 profissionais

A EDS, empresa multinacional especializada em terceirização de serviços de TI, vai centralizar suas operações



Redação
Publicado em 23/04/2007, às 11h12

A EDS, empresa multinacional especializada em terceirização de serviços de TI, vai centralizar suas operações em um novo complexo localizado no município de São Bernardo do Campo, no bairro Batistini, na Grande São Paulo. O anúncio foi feito na última terça-feira, dia 17, pelo presidente da empresa, Chu Tung, e o prefeito de São Bernardo, William Dib.

O presidente esteve no gabinete do prefeito acompanhado por diretores da EDS e lembrou que a empresa está na cidade desde 2001, quando inaugurou o Data Center que concentra, hoje, cerca de cerca de 600 profissionais e responde por 50% dos serviços de infra-estrutura, processos e desenvolvimento de sistemas realizados no País. Naquela ocasião, a empresa investiu US$ 30 milhões no empreendimento, localizado no quilômetro 17 da Via Anchieta.

A nova unidade, que ocupará as instalações do antigo prédio da Basf e terá o nome de EDS Imigrantes, demandará investimentos de US$ 20 milhões. Serão transferidos progressivamente para o complexo cerca de quatro mil funcionários até o final de 2007, que hoje trabalham em diversos escritórios da empresa na Grande São Paulo.

Além da migração de mão-de-obra, a EDS Brasil pretende contratar até dezembro outros 1,2 mil profissionais, dos quais 800 para esta nova unidade. Este número reflete o aumento de funcionários na empresa, o qual vem mantendo-se em torno de 18% ao ano nos últimos três anos.

“Nossa estratégia é centralizar profissionais em um grande centro como este em São Bernardo, criando um ambiente de integração e sinergia”, afirma o diretor de desenvolvimento organizacional da empresa, Alcino Therezo Junior.

Segundo Tung, os primeiros 400 funcionários iniciarão suas atividades já na primeira semana de maio. “Até a última etapa, prevista para o último trimestre do ano, o quadro será completado com mais 3.600 funcionários”, garante o presidente.

O executivo informou, ainda, que 1,5 mil funcionários trabalharão no atendimento exclusivo para o mercado externo. “A mão-de-obra é extremamente qualificada, pois o perfil técnico é de universitários, que representam 80% dos contratados”, diz. A meta da EDS para 2007 é crescer em torno de 24% a 25% e o desafio é manter o mesmo índice para os próximos três anos.

William Dib garantiu que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo de São Bernardo será responsável pelo suporte logístico para a instalação da nova unidade. Segundo o prefeito, a Lei de Incentivos Seletivos, a mão-de-obra qualificada e o Programa São Bernardo Moderna foram fatores determinantes para a decisão da empresa em expandir suas atividades na cidade.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Fernando Longo, presente ao encontro, que também contou com a participação do deputado estadual Orlando Morando, disse que a expansão das atividades da EDS em São Bernardo é o melhor presente que o município poderia receber na proximidade da semana do Dia do Trabalho.

Perfil

Para preencher suas vagas, a EDS Brasil busca profissionais, recém-graduados e estudantes das áreas de Engenharia, Ciências da Computação e Tecnologia, que possuam domínio da língua inglesa e/ou espanhola e conhecimento específico na função para a qual pretende candidatar-se. Há chances para Gerentes de Projetos, Analistas de Projetos, de Infra-Estrutura e de Sistemas, além de Programadores e Desenvolvedores.

Serviço:

Os candidatos devem cadastrar seus currículos apenas no site www.edscareers.com/br.


                                                                    Cristiane Navarro Vaz

+ Resumo do Concurso EDS

EDS
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Operacional
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário:
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

22/04/2008 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas