Shoppings somam mais de 7 mil vagas

A maioria das oportunidades é para os cargos de atendente de loja, operador de caixa e estoquista.

Redação
Publicado em 05/12/2012, às 13h46

A demanda de profissionais no setor de vendas motivada pelas festas de fim de ano continua forte em todo o país. A Sonae Sierra Brasil, empresa que administra 11 shoppings em diversas localidades, apurou em recente realizada junto aos lojistas dos shoppings que administra, que cerca de 7.700 postos foram abertos de forma temporária para reforçar seu quadros de funcionários.  

A maioria das oportunidades é para os cargos de atendente de loja, operador de caixa e estoquista. O valor dos salários e os benefícios oferecidos oscilam conforme a função almejada e a rede contratante.

Os seguintes centros de compras fizeram parte da pesquisa e estão com processos seletivos abertos: shoppings Penha, Plaza Sul, Campo Limpo e Boavista, em São Paulo/SP; Shopping Metrópole, em São Bernardo do Campo/SP; Franca Shopping, de Franca/SP; Tivoli Shopping, de Santa Bárbara D'Oeste/SP; Parque D. Pedro Shopping,  de Campinas/SP; Pátio Brasil, de Brasília/DF; Manauara Shopping, de Manaus/AM; e o Uberlândia Shopping, de Uberlândia/MG.

Boa parte das oportunidades continua aberta e interessados devem entregar currículo atualizado diretamente nas lojas que estiverem com sinalização na vitrine, aos cuidados dos gerentes. O horário de atendimento varia conforme o shopping e a rede.

Oportunidade – Trabalhadores devem ficar atentos na efetivação após os contratos temporários, comenta Luciano Bonassi, advogado especializado na área trabalhista. “As contratações de funcionários temporários ocorrem a partir da necessidade de substituição de um empregado efetivo ou por acréscimo sazonal e extraordinário de serviço, como normalmente acontece na época das festas de final de ano”, explica. De acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário, dos 155 mil contratos de trabalho temporário previstos em todo país, 15% têm chance de efetivação.

Douglas Terenciano/SP

.


Comentários

Mais Lidas