MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

EUA registram 9,9 milhões de vagas abertas; saiba as profissões para solicitar o Green Card

Esse é um cenário que beneficia os imigrantes, pois a mão de obra estrangeira é a principal solução para o país expandir sua força de trabalho

Estados Unidos oferecem milhares de vagas de emprego
Estados Unidos oferecem milhares de vagas de emprego - Getty Images / iStockphoto
Douglas Terenciano

Douglas Terenciano

douglas@jcconcursos.com.br

Publicado em 05/04/2023, às 08h15 - Atualizado às 08h37

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Os Estados Unidos encerraram fevereiro de 2023 com 9,9 milhões de vagas de emprego abertas no país, segundo divulgou o Departamento de Trabalho americano na última terça-feira (4). Trata-se de uma queda de 5,7% sobre o dado revisado do mês anterior (10,5 milhões), contudo, trabalhar na terra do Tio Sam ainda é um sonho de muitos brasileiros.

De acordo com os números, é a primeira vez que o indicador fica abaixo da marca dos dez milhões desde maio de 2021, quando havia anotado 9,8 milhões. Ainda assim, segue bem acima da média pré-pandêmica, mostrando que a demanda por trabalhadores continua forte nos EUA. Esse é um cenário que, segundo analistas, beneficia os imigrantes, pois a mão de obra estrangeira é a principal solução para o país expandir sua força de trabalho.

Atualmente, a taxa de desemprego nos EUA é de 3,6%, sendo uma das menores das últimas cinco décadas. Em números absolutos, são 5,9 milhões de pessoas. Isso significa que, mesmo que todas elas fossem contratadas, ainda assim restariam 4 milhões de postos de trabalho abertos nas empresas estadunidenses.

“A queda em fevereiro mostra a preocupação de alguns setores, em especial o de tecnologia, com o crescimento ao longo do ano. Isso faz com que as empresas ajustem suas folhas de pagamento. Ainda assim, é um cenário bastante aquecido e que mostra a resiliência da economia americana”, analisa Rodrigo Costa, CEO da AG Immigration, consultoria imigratória sediada em Washington, D.C. e que atende clientes de mais de 30 países.

Ainda de acordo com os dados divulgados hoje pelo Departamento de Trabalho, os EUA registraram 6,2 milhões de contratações e 5,8 milhões de demissões em fevereiro. Esses números incluem trabalhadores que podem ter sido contratados e desligados mais de uma vez durante o mês. No acumulado de 2023, são 12,49 milhões de admissões e 11,72 milhões de desligamentos, um saldo líquido positivo de 770 mil.

A maior quantidade de vagas abertas nas empresas dos EUA foi registrada em março de 2022. Naquele mês, havia 12 milhões de posições a serem preenchidas. “É preciso esperar para ver se o recuo em fevereiro foi apenas um ajuste de rota ou pode representar uma tendência para o resto do ano”, pondera Costa.

Setores em alta nos Estados Unidos

Em fevereiro de 2023, os setores da economia americana que mais reduziram a quantidade de vagas abertas foram os de serviços profissionais e empresariais (-278 mil), que concentra grande parte das empresas de tecnologia; saúde e assistência social (-150 mil); e transporte, armazenagem e serviços essenciais (-145 mil). Por outro lado, houve acréscimo de 129 mil vagas na construção civil e de 38 mil no ramo de artes, entretenimento e recreação.

Também vale destacar que os EUA ainda vivem o fenômeno da “Grande Demissão” ou “Grande Renúncia”, em que uma quantidade elevada de trabalhadores tem pedido para sair de seus empregos. Em fevereiro de 2023, foram 4 milhões de pedidos de demissão. Em janeiro, haviam sido 3,9 milhões.

Setores dos EUA com mais vagas de emprego abertas

  • Serviços Profissionais e Empresariais – 1,823 milhão
  • Saúde e Assistência Social – 1,684 milhão
  • Acomodação e Serviços de Alimentação – 1,275 milhão
  • Poder Público – 995 mil
  • Comércio Varejista – 829 mil
  • Transporte, Armazenagem e Serviços Essenciais – 448 mil
  • Bens Duráveis – 475 mil
  • Construção – 412 mil
  • Outros Serviços – 360 mil
  • Finanças e Seguros – 350 mil

Profissões que possibilitam a solicitação de Green Card

Obter o visto EB-3, que concede o conhecido Green Card, é o sonho de muitos brasileiros que querem sair do país e tentar uma vida nova em solo norte-americano. Contudo, todo profissional que pensa sobre o tema, acaba com a indagação: como conseguir o visto? De acordo com a advogada americana Kris Lee, sócia-gerente da LEETOLEDO PLLC e YOUJIN LAW GROUP PLLC, com mais de 30 anos de experiência, existem setores que vêm requisitando mais trabalhadores e podem abrir as portas para um Green Card. “É o caso de tecnologia, agricultura, logística, pecuária e indústria”, explica.

O que é visto EB-3?

O visto EB-3 é uma autorização de residência permanente nos Estados Unidos destinada a profissionais que já tenham uma proposta de emprego estabelecida no país. A modalidade se divide em três categorias:

  • Skilled: para trabalhadores que já possuem experiência na área de atuação;
  • Professional: para aqueles que têm nível superior ou equivalente em determinada área;
  • Unskilled: para quem não possui experiência de no mínimo dois anos em determinado setor.

De acordo com a advogada, é importante fazer a aplicação para a categoria correta para ter sucesso na solicitação do visto EB-3.

A área de tecnologia é uma das que mais vem oferecendo emprego para essa modalidade de visto, especialmente nas categorias professional e skilled. Outra área que também possui alta demanda é a aviação, com vagas para pilotos de aeronaves.

Outros setores carentes de mão de obra qualificada que podem levar a um Green Card são os de agricultura e pecuária. “Com o aumento na aquisição de propriedades rurais por parte de investidores, veterinários e engenheiros agrônomos se tornaram profissionais muito procurados para atuar nessas áreas”, conta Kris Lee.

Além disso, os Estados Unidos, assim como outros países desenvolvidos, precisam cada vez mais de mão de obra que envolva todo o segmento logístico, como manutenção de navios, trens, ferrovias e hidrovias. “O mercado está aquecido e existe muita dificuldade para encontrar profissionais qualificados que queiram trabalhar nos Estados Unidos de maneira legal”, explica a advogada.

Siga o JC Concursos no Google Newsempregosvagas de emprego

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.