56% dos profissionais voltam para o antigo emprego

Pesquisa da Trabalhando.com aponta que mais da metade dos profissionais que se desligam de uma empresa acabam voltando.

Redação
Publicado em 21/06/2012, às 10h16

Segundo pesquisa da Trabalhando.com com mais de 800 pessoas, mais da metade dos profissionais que se desligam de uma empresa acabam voltando depois de algum tempo.

A pesquisa, que foi realizada com homens e mulheres, aponta que 56% dos trabalhadores que saíram ou foram demitidos acabaram retornando a mesma empresa. O motivo deste retorno para 42% foi por terem recebido convite para voltar e 14% por terem se arrependido de sair. Dos 44% restantes, 37% nunca pediram ou foram convidados a voltar e 7% até tentaram retornar, mas não foram aceitos.

De acordo com Renato Grinberg, diretor-geral da Trabalhando.com, os números demonstram dois pontos, sendo que o primeiro é por parte das empresas, pois com o apagão da mão de obra, profissionais muito capacitados estão em escassez. O segundo fator importante é que atualmente o mercado de trabalho está aquecido e o profissional acaba se precipitando ao tomar uma decisão e se arrepende. “Muitas vezes o profissional toma a decisão de deixar a empresa com a ilusão de que tudo será melhor na outra empresa, mas com o passar do tempo acaba descobrindo que não existe lugar perfeito”, explica.

O diretor comenta que as companhias também devem avaliar bem o funcionário antes de demiti-lo. “Algumas empresas demitem seus funcionários para contratar profissionais que custam menos e voltam atrás nessa decisão por não conseguirem encontrar outro tão capacitado. Muitas vezes, o barato sai caro”, ressalta.

Douglas Terenciano/SP

Comentários

Mais Lidas