MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Semana com 4 dias de trabalho já entra em vigor NESTES países

Em testes no Brasil, o modelo de trabalho de 4 dias por semana já é realidade em alguns país. Confira quais países adotaram e as vantagens

Profissional mulher sorrindo
Profissional mulher sorrindo - Freepik
Victoria Batalha

Victoria Batalha

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 19/10/2023, às 12h13 - Atualizado às 12h16

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Começou em setembro deste ano a fase de testes da semana de quatro dias de trabalho no Brasil! O programa e testes teve início em 2019 na Nova Zelândia e ficou ainda forte durante a pandemia. Conforme as informações do movimento “4-Day Week”, são quase 500 empresas espalhadas pelo mundo que estão testando esse novo modelo de trabalho.

A nova modalidade de trabalho com quatro dias da semana não afeta o salário, o profissional continua recebendo 100% do seu salário, em troca, ele precisa continuar mantendo a produtividade. Esse modelo ficou conhecido também como 100-80-100, onde recebe 100% do salário, trabalha 80% do tempo e entrega 100% de produtividade. 

Países com 4 dias de trabalho por semana

Alguns países já adotaram esse modelo de trabalho, como:

  • Emirados Árabes Unidos: foi o primeiro a adotar o modelo de forma integral, estando em vigor desde janeiro de 2022 em todos os órgãos públicos do país, para as empresas privadas, é facultativo.
  • Bélgica: os profissionais podem escolher entre quatro a cinco dias de trabalho, porém, mantendo a mesma carga horária total que é de 38 horas. É possível também trabalhar 45 horas em uma semana para reduzir na seguinte. 
  • Islândia: 1% da população do país já adorava o modelo de 4x3 entre 2015 a 2019, agora as jornadas são de 35 a 36 horas, mas mantendo a mesma remuneração.
  • Escócia: ainda em fase de testes, o país está recebendo apoio do governo para implementar o novo modelo de trabalho. 

O modelo de trabalho também traz vantagens, como mais bem-estar ao profissional, já que ele possui um dia a mais para descanso, podendo melhorar sua qualidade de vida, evitando o aumento de casos como Síndrome de Burnout. Também reduz os gatos da empresa, já que é um dia a menos de trabalho, causando redução nos custos de energia e água. 

A semana reduzida também aumenta a produtividade dos empregados e os motivam, já que estão mais descansados e focados.

Siga o JC Concursos no Google News

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.