Via Varejo busca mulheres para posições de liderança

A carreira de gerente de lojas requer ensino superior completo, conhecimento em vendas e gestão de equipe e domínio do pacote Office

Renan Abbade
Publicado em 18/07/2014, às 12h37

A Via Varejo, empresa que administra as marcas Casas Bahia e Pontofrio, pretende atrair as mulheres para posições de liderança no varejo, especialmente no setor de operações.

Para isso, a companhia lançou uma campanha incentivando a contratação de mulheres em São Paulo e Minas Gerais. Nesta etapa, serão 20 vagas para o cargo de gerente de lojas, incluindo unidades das Casas Bahia e do Pontofrio nos dois Estados.

A carreira requer ensino superior completo, conhecimento em vendas e gestão de equipe e domínio do pacote Office.

As inscrições devem ser realizadas pelo site www.viavarejo.com.br/rh/gerentedeloja.

“O projeto faz parte da política de valorização da mulher de nossa empresa. Queremos aumentar a participação das profissionais em posições de liderança e evoluir nas ações que já realizamos internamente”, afirma Paulo Naliato, vice-presidente de desenvolvimento de gente da Via Varejo.

Atualmente a proporção entre homens e mulheres na liderança está desequilibrada, especialmente se for considerada a área de operações. “Contamos hoje com 80% de homens e 20% de mulheres à frente das lojas, enquanto nas áreas administrativas, a participação feminina cresce para 38%”, informa Naliato.

Para as que já são colaboradoras da companhia, o projeto deve funcionar como um estímulo para que participem dos programas internos de formação de gerentes. Uma das iniciativas é o “Líderes do Futuro”, que já vai para sua 4º edição e formou 267 gerentes. Deste total, 24% é composto por mulheres.

“Nossa meta é promover maior equilíbrio de gênero no nosso quadro de colaboradores. No varejo, o bom relacionamento interpessoal e a capacidade de conduzir atividades multifuncionais são características fundamentais. Ao promover uma maior participação de mulheres nos nossos quadros temos um desenvolvimento dessas competências em todo o time o que é de grande valor para nossos clientes e para companhia”, explica Cristiane Lacerda, diretora de desenvolvimento de gente da Via Varejo. “As características femininas são muito pertinentes à rotina do varejo”, completa.

Comentários

Mais Lidas