Tudo Sobre

Concurso Profissões e Cursos

Hotelaria

Exigência na qualidade de serviços



Redação
Publicado em 03/08/2007, às 15h06

No último mês, em visita ao Senac São Paulo (campus de Campos do Jordão/SP) e ao Grande Hotel Campos do Jordão, a ministra do Turismo Marta Suplicy mostrou interesse em firmar parceria com a instituição de ensino para projeto visando à implantação de uma escola de Hotelaria e Gastronomia para jovens de baixa renda na cidade.

Por conta disso, na última edição do JC&E (1391), apresentamos uma entrevista com a coordenadora do curso de Gastronomia dessa unidade, Cláudia Maria de Moraes Santos. Nesta semana, a seção "Profissões & Cursos" entrevista Liliane Azevedo Delage, responsável por coordenar o curso de Tecnologia em Hotelaria do Senac Campos do Jordão. Confira:

JC&E –O que faz o profissional de Hotelaria?
Liliane Azevedo Delage (coordenadora do Senac Campos do Jordão) – O profissional dessa área atua em atividades operacionais e de supervisão em empresas do segmento hoteleiro, assim como em empresas ligadas a este setor.

JC&E – Onde ele pode atuar?
Liliane – Poderá exercer funções em hotéis, flats, navios, motéis, spas, pousadas, complexos de lazer e recreação, clubes, parques temáticos, restaurantes, bares, redes de fast-food, empresas de eventos, hospitais e empreendimentos de prestação de serviços.

JC&E – Qual é o perfil necessário para atuar nessa área?
Liliane – O perfil desejado em Hotelaria é o de um profissional que atue em equipe, esteja atento aos detalhes, saiba se comunicar com clareza, seja dinâmico e criativo. O profissional de Hotelaria precisa, também, gostar de pessoas, ter prazer em servir, ser minucioso.

JC&E – Como é o curso de Hotelaria?
Liliane – Pioneiro nessa modalidade de ensino, o curso superior de Tecnologia em Hotelaria do Centro Universitário Senac proporciona ampla formação para exercer funções operacionais e gerenciais nos serviços de hospedagem, alimentação, entretenimento e eventos.
O curso tem enfoque nas atividades práticas hoteleiras, desenvolvidas em laboratórios de hospedagem (recepção e governança), de alimentos e bebidas (cozinha, restaurante e bar) e informática (software específico), possibilitando a vivência em ambientes de trabalho. Ao longo do programa, o aluno poderá obter certificações intermediárias de Assistente de Supervisão Hoteleira (ao final do 2º semestre) e Supervisor de Operações Hoteleiras (ao final do 3º semestre). O curso tem duração de dois anos e o estágio é opcional.

JC&E – Como está o mercado para profissionais desse setor?
Liliane –
O mercado consumidor está cada vez mais exigente quanto à qualidade dos servidos prestados. Nesta perspectiva, o segmento de Hotelaria tem apresentado boa demanda para profissionais que possuem essas características. Em São Paulo, há oportunidades de trabalho, principalmente, em função do turismo de negócio. Já na região nordeste, existem boas chances em virtude dos hotéis de lazer.

JC&E – Quais as áreas de atuação mais promissoras em Hotelaria?
Liliane – Não há destaque especial para alguma área, isto depende da habilidade de cada profissional. Posso citar algumas áreas que estão começando a crescer, como a hotelaria hospitalar. Outra possibilidade de atuação para este profissional, após alguns anos de experiência, são as consultorias.

JC&E – Quais são as maiores dificuldades dessa profissão?
Liliane – Muitos profissionais, no início de carreira, sentem dificuldade de abdicar dos finais de semana e feriado, épocas onde são mais requisitados. Porém, esses momentos de lazer podem ser compensados com uma adaptação na rotina do profissional.

JC&E – Qual a melhor maneira de iniciar a carreira?
Liliane – Geralmente, o estudante inicia a sua carreira pelas áreas de recepção, governança, restaurante ou bar.

JC&E – Como buscar atualização no segmento hoteleiro?
Liliane – O profissional pode manter-se atualizado por meio de revistas especializadas na área e internet. Leituras de jornal também são importantes para a atualização e conhecimento do contexto político-econômico. Vale ressaltar que a continuidade nos estudos é fundamental para a atualização do currículo e para acompanhar as tendências do mercado hoteleiro.

JC&E – Qual a remuneração inicial de um profissional desta área? Liliane – A remuneração inicial está em torno de R$ 1.000,00.

JC&E – Cite alguns sites indicados para quem quer conhecer mais detalhes sobre a área gastronômica ou quer ampliar conhecimentos nessa profissão?
Liliane – Indico os seguintes sites:

www.panrotas.com.br
www.abih.com.br
www.hotelonline.com.br
www.bj.inf.br


Rogerio Jovanelli

+ Resumo do Concurso Profissões e Cursos

Profissões e Cursos
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Educação
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário:
Organizadora: www.saber.srv.br
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda do Concurso

02/08/2008 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas