MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | saúde | Sociedade | youtube jc

Concurso PM SP 2022 - Aluno oficial Em andamento

Orgão: PM SP - Polícia Militar de São Paulo
Nº vagas: 220
Taxa de inscrição: De R$ 130,00
Cargos: Oficial
Áreas de Atuação: Segurança Pública
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário: De R$ 3310,13
Organizadora: Vunesp
Estados com Vagas: SP

Redação
Publicado em 22/03/2019, às 10h47 - Atualizado em 21/03/2022, às 18h00

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

O mais recente concurso da PM SP (Polícia Militar de São Paulo) oferece 220 vagas para ingresso na Academia do Barro Branco, com salário de R$ 3.310,13. Os candidatos devem possuir ensino médio completo, idade entre 17 e 30 anos e altura mínima de 1,55m (mulheres) ou 1,60m (homens).

Resumo do concurso

Tatuados podem participar do concurso da PM SP para aluno oficial?

Conforme estabelece o edital, pessoas tatuadas podem se inscrever normalmente no processo seletivo, exceto se os desenhos ou mensagens:

  • ofendam valores e deveres éticos inerentes aos integrantes da Polícia Militar;
  • façam alusão à ideologia terrorista ou extremista contrária às instituições democráticas;
  • preguem violência ou criminalidade;
  • tenham discriminação ou preconceito de raça, credo, sexo ou origem;
  • apresentem ideia ou ato libidinoso;
  • remetam à ideia ou ato ofensivo aos direitos humanos.

Saiba quais são as atribuições do aluno oficial da PM SP

  • Cumprindo as condições para a posse o Aluno-Oficial PM cursará a graduação, Bacharelado em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública, de forma sequencial e consecutiva, que se destina a formar, com solidez teórica (Ciência Política, Didática, Sociologia, Gestão de Finanças etc) e prática (Educação Física, Técnicas de Direção Policial Preventiva, Procedimentos Operacionais Padrão, Tiro Defensivo na Preservação da Vida – Método Giraldi, Ordem Unida, Maneabilidade Básica a Cavalo etc), o profissional ocupante do posto inicial de Oficial, tornando-o apto à gestão e comando de pessoas e análise e administração de processos, por intermédio da utilização ampla de conhecimentos na busca de soluções para os variados problemas pertinentes às atividades jurídicas e administrativas de preservação da ordem pública e de polícia ostensiva, em conformidade com a filosofia de polícia comunitária e direitos humanos, além de outras definidas em lei.

Concurso PM SP: o que vai cair nas provas?

  • História - 1. ANTIGUIDADE 1.1. Os povos do Oriente Próximo e suas organizações políticas. 1.2. As cidades-estados da Grécia. 1.3. Formação, desenvolvimento e declínio do Império Romano do Ocidente. 1.4. A vida socioeconômica e religiosa dos mesopotâmicos, egípcios, fenícios e hebreus. 1.5. O legado cultural dos gregos e dos romanos. 2. MUNDO MEDIEVAL 2.1. Formação e desenvolvimento do sistema feudal. 2.2. A organização política feudal; os reinos cristãos da Península Ibérica. 2.3. O crescimento comercial-urbano e a desagregação do feudalismo. 2.4. A Civilização Muçulmana. 2.5. O legado cultural do Mundo Medieval. 2.6. A Civilização Bizantina. 3. MUNDO MODERNO 3.1. A Renascença: a Reforma e a Contrarreforma. 3.2. A expansão marítimo-comercial e o processo de colonização da América, África e Ásia. 3.3. Formação e evolução das monarquias nacionais; as revoluções burguesas do século XVII; Iluminismo e Despotismo. 3.4. A política econômica mercantilista; a crise do sistema colonial e a independência no continente americano. 4. MUNDO CONTEMPORÂNEO 4.1. A Revolução Francesa; o período napoleônico; os movimentos de independência das Colônias Latino-Americanas; o ideal europeu de unificação nacional. 4.2. A Revolução Industrial; a expansão e o universo capitalista; o apogeu da hegemonia europeia. 4.3. A corrida imperialista; a Primeira Guerra Mundial; a Revolução Russa de 1917 e a formação da URSS. 4.4. O período Entre Guerras; as democracias liberais e os regimes totalitários. 4.5. A Segunda Guerra Mundial; a descolonização afro-asiática; a Guerra Fria; a estrutura de espoliação da América Latina. 4.6. A fase do Pós-Guerra; os oprimidos do Terceiro Mundo; as grandes linhas do desenvolvimento científico e tecnológico do século XX. 4.7. O petróleo, o Oriente Médio e as lutas religiosas. 5. BRASIL COLÔNIA 5.1. A expansão marítima portuguesa e o descobrimento do Brasil; o reconhecimento geográfico e a exploração do pau- -brasil; a ameaça externa e os primórdios da colonização. 5.2. A organização político-administrativa; a expansão territorial; os tratados de limites. 5.3. A agricultura de exportação como solução; a presença holandesa; a interiorização da colonização; a mineração e a economia colonial. 5.4. A sociedade colonial; os indígenas e a reação à conquista; as lutas dos negros; os movimentos nativistas. 5.5. A arte e a literatura da fase colonial; a ação missionária e a educação. 6. BRASIL IMPÉRIO 6.1. A crise do antigo sistema colonial e o processo de emancipação política do Brasil; o reconhecimento internacional. 6.2. O processo político no Primeiro Reinado; as rebeliões provinciais; a abdicação de D. Pedro I. 6.3. O centralismo político e os conflitos sociais do Período Regencial; a evolução político-administrativa do Segundo Reinado; a política externa e os conflitos latino-americanos do século XIX. 6.4. A sociedade brasileira da fase imperial, o surto do café, as transformações econômicas, a imigração, a abolição da escravidão, as questões religiosa e militar. 6.5. As manifestações culturais; as ciências, as artes e a literatura no período imperial. 7. BRASIL REPÚBLICA 7.1. A crise do sistema monárquico imperial e a solução republicana; a Constituição de 1891. 7.2. A Primeira República (1889-1930) e sua evolução político-administrativa; as dissidências oligárquicas e a Revolução de 1930; a vida econômica e os movimentos sociais no campo e nas cidades. 7.3. A Segunda República e sua trajetória político-institucional; do Estado Novo ao golpe militar de 1964; a curta experiência parlamentarista; as Constituições de 1946, 1967 e 1988. 7.4. As transformações socioeconômicas ao longo dos cem anos de vida republicana; o café e o processo de industrialização; as crises e as lutas operárias; o processo de internacionalização da economia brasileira e o endividamento externo. 7.5. Aspectos do desenvolvimento cultural e científico do Brasil no século XX. 7.6. A globalização e as questões ambientais.
  • Filosofia - 1. INTRODUÇÃO À FILOSOFIA 1.1. História da Filosofia: instrumentos de pesquisa. 1.2. Introdução à Filosofia da Ciência. 1.3. Introdução à Filosofia da Cultura. 1.4. Introdução à Filosofia da Arte. 1.5. O intelecto: empirismo e criticismo. 1.6. Democracia e justiça. 1.7. Os direitos humanos. 2. FILOSOFIA E EDUCAÇÃO 2.1. O eu racional: introdução ao sujeito ético. 2.2. Introdução à bioética. 2.3. A técnica.3. IMPORTÂNCIA DA FILOSOFIA PARA A CIDADANIA 3.1. O homem como um ser da natureza. 3.2. A concepção platônica da desigualdade. 3.3. A desigualdade segundo Rousseau.
  • Sociologia - 1. O HOMEM NA SOCIEDADE E A SOCIOLOGIA 1.1. Como pensar diferentes realidades. 1.2. O homem como ser social. 2. O QUE PERMITE AO HOMEM VIVER EM SOCIEDADE? 2.1. A inserção em grupos sociais: família, escola, vizinhan- ça, trabalho. 2.2. Relações e interações sociais. 2.3. Socialização. 3. O QUE NOS UNE E O QUE NOS DIFERENCIA COMO HUMANOS? 3.1. O que nos diferencia como humanos. 3.2. Conteúdos simbólicos da vida humana: cultura. 3.3. Características da cultura. 3.4. A humanidade na diferença. 4. O QUE NOS DESIGUALA COMO HUMANOS? 4.1. Etnias. 4.2. Classes sociais. 4.3. Gênero. 4.4. Geração. 5. A DIVERSIDADE SOCIAL BRASILEIRA 5.1. A população brasileira: diversidade nacional e regional. 5.2. O estrangeiro do ponto de vista sociológico. 5.3. A formação da diversidade: 5.3.1. Migração, emigração e imigração. 5.3.2. Aculturação e assimilação. 6. A IMPORTÂNCIA DO TRABALHO NA VIDA SOCIAL BRASILEIRA 6.1. O trabalho como mediação. 6.2. Divisão social do trabalho: 6.2.1. Divisão sexual e etária do trabalho. 6.2.2. Divisão manufatureira do trabalho. 6.3. Processo de trabalho e relações de trabalho. 6.4. Transformações no mundo do trabalho. 6.5. Emprego e desemprego na atualidade. 7. O HOMEM EM MEIO AOS SIGNIFICADOS DA VIOLÊNCIA NO BRASIL 7.1. Violências simbólicas, físicas e psicológicas. 7.2. Diferentes formas de violência: doméstica, sexual e na escola. 7.3. Razões para a violência. 8. CIDADANIA 8.1. O significado de ser cidadão ontem e hoje. 8.2. Direitos civis, direitos políticos, direitos sociais e direitos humanos. 8.3. A Constituição Brasileira e a Constituição Paulista. 8.4. A expansão da cidadania para grupos especiais: 8.4.1. Crianças e adolescentes, idosos e mulheres. 9. A ORGANIZAÇÃO POLÍTICA DO ESTADO BRASILEIRO 9.1. Estado e governo. 9.2. Sistemas de governo. 9.3. Organização dos poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário. 10. A NÃO CIDADANIA 10.1. Desumanização e coisificação do outro. 10.2. Reprodução da violência e da desigualdade social.
  • Geografia - 1. A RELAÇÃO SOCIEDADE-NATUREZA 1.1. Os mecanismos da natureza. 1.2. Os recursos naturais e a sobrevivência do homem. 1.2.1. As desigualdades na distribuição e na apropriação dos recursos naturais no mundo. 1.2.2. O uso dos recursos naturais e a preservação do meio ambiente. 2. ESTRUTURAÇÃO ECONÔMICA, SOCIAL E POLÍTICA DO ESPAÇO MUNDIAL 2.1. Capitalismo, industrialização e transnacionalização do capital. 2.1.1. Economias industriais e não industriais: articulação e desigualdades. 2.1.2. As transformações na relação cidade-campo. 2.2. Industrialização e desenvolvimento tecnológico: dominação/subordinação político-econômica. 2.3. O papel do Estado e as organizações político-econômicas na produção do espaço. 2.4. Fundamentos econômicos, sociais e políticos da mobilidade espacial e do crescimento demográfico. 2.5. A divisão internacional e territorial do trabalho. 2.6. O fim da Guerra Fria. A desagregação da URSS. A nova ordem econômica mundial. 3. O PROCESSO DE OCUPAÇÃO E PRODUÇÃO DO ESPAÇO BRASILEIRO 3.1. A formação territorial do Brasil e sua relação com a natureza. 3.2. O processo de industrialização brasileira e a internacionalização do capital. 3.2.1. Urbanização, metropolização e qualidade de vida. 3.2.2. Estrutura e produção agrária e impactos ambientais. 3.2.3. População: crescimento, estrutura e migrações, condições de vida e de trabalho. 3.3. O papel do Estado e as políticas territoriais. 3.4. A regionalização do Brasil: desenvolvimento desigual e combinado.
  • Língua portuguesa - 1. NORMA ORTOGRÁFICA 2. MORFOSSINTAXE 2.1. Classes de palavras. 2.2. Processos de derivação. 2.3. Processos de flexão verbal e nominal. 2.4. Concordância nominal e verbal. 2.5. Regência nominal e verbal. 2.6. Crase. 2.7. Coordenação e subordinação. 2.8. Colocação das palavras. 3. PONTUAÇÃO 4. LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTO 4.1. Organização textual. 4.1.1. Mecanismos de Coesão e Coerência. 5. FIGURAS DE LINGUAGEM 6. SIGNIFICAÇÃO DAS PALAVRAS 7. LITERATURA BRASILEIRA: desde as origens até a atualidade. 8. LITERATURA PORTUGUESA: desde as origens até o Primeiro Modernismo (século XX). - Para LITERATURA BRASILEIRA e LITERATURA PORTUGUESA: Autores e obras mais representativos, como também épocas ou “escolas literárias” a que eles pertencem. Interpretação de textos e suas relações com a realidade cultural que os produziu, nomeadamente com os processos literários dos quais se mostram como índices exemplares.
  • Línguas inglesa e espanhola - 1. Compreensão geral do sentido e do propósito do texto. 2. Compreensão de ideias específicas expressas em parágrafos e frases e a relação entre parágrafos e frases do texto. 3. Localização e identificação de informações específicas em um ou mais trechos do texto. 4. Identificação de marcadores textuais como conjunções, advérbios, preposições etc., e compreensão de sua função essencial no texto. 5. Compreensão do significado de itens lexicais fundamentais para a correta interpretação do texto seja por meio de substituição (sinonímia) ou de explicação da carga semântica do termo ou expressão. 6. Localização de referência textual específica de elementos, tais como pronomes, advérbios, entre outros, sempre em função de sua relevância para a compreensão das ideias expressas no texto.7. Compreensão da função de elementos linguísticos específicos na produção de sentido no contexto em que são utilizados.
  • Matemática - 1. CONJUNTOS NUMÉRICOS 1.1. Números naturais e números inteiros: indução finita, divisibilidade, máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum, decomposição em fatores primos. 1.2. Números racionais e noção elementar de números reais: operações e propriedades, ordem, valor absoluto, desigualdades. 1.3. Números complexos: representação e operações nas formas algébrica e trigonométrica, raízes da unidade. 1.4. Sequências: noção de sequência, progressões aritmética e geométrica, noção de limite de uma sequência, soma da série geométrica, representação decimal de um número real. 1.5. Grandezas direta e inversamente proporcionais. 1.6. Porcentagem; juros simples e compostos. 2. POLINÔMIOS 2.1. Conceito, grau e propriedades fundamentais. 2.2. Operações com polinômios, divisão de um polinômio por um binômio da forma x-a, divisão de um polinômio por outro polinômio de grau menor ou igual. 3. EQUAÇÕES ALGÉBRICAS 3.1. Definição, conceito de raiz, multiplicidade de raízes, enunciado do Teorema Fundamental da Álgebra. 3.2. Relações entre coeficientes e raízes. Pesquisa de raízes múltiplas. Raízes: racionais, reais e complexas. 4. ANÁLISE COMBINATÓRIA E PROBABILIDADE 4.1. Princípio fundamental de contagem. 4.2. Arranjos, permutações e combinações simples. 4.3. Binômio de Newton. 4.4. Eventos. Conjunto universo. Conceituação de probabilidade. 4.5. Eventos mutuamente exclusivos. Probabilidade da união e da intersecção de dois ou mais eventos. 4.6. Probabilidade condicional. Eventos independentes. 5. NOÇÕES BÁSICAS DE ESTATÍSTICA 5.1. Representação gráfica (barras, segmentos, setores, histogramas). 5.2. Medidas de tendência central (média, mediana e moda). 6. MATRIZES, DETERMINANTES E SISTEMAS LINEARES 6.1. Matrizes: operações, matriz inversa. 6.2. Sistemas lineares. Matriz associada a um sistema. Resolução e discussão de um sistema linear. 6.3. Determinante de uma matriz quadrada: propriedades e aplicações, regras de Cramer. 7. GEOMETRIA ANALÍTICA 7.1. Coordenadas cartesianas na reta e no plano. Distância entre dois pontos. 7.2. Equação da reta: formas reduzida, geral e segmentária; coeficiente angular. Intersecção de retas, retas paralelas e perpendiculares. Feixe de retas. Distância de um ponto a uma reta. Área de um triângulo. 7.3. Equação da circunferência; tangentes a uma circunferência; intersecção de uma reta a uma circunferência. 7.4. Elipse, hipérbole e parábola: equações reduzidas. 8. FUNÇÕES 8.1. Gráficos de funções injetoras, sobrejetoras e bijetoras; função composta; função inversa. 8.2. Função e função quadrática. 8.3. Função exponencial e função logarítmica. Teoria dos logaritmos; uso de logaritmos em cálculos. 8.4. Equações e inequações: lineares, quadráticas, exponenciais e logarítmicas. 9. TRIGONOMETRIA 9.1. Arcos e ângulos: medidas, relações entre arcos. 9.2. Razões trigonométricas: Cálculo dos valores em /6, /4 e /3. 9.3. Resolução de triângulos retângulos. 9.4. Resolução de triângulos quaisquer: lei dos senos e lei dos cossenos. 9.5. Funções trigonométricas: periodicidade, gráficos, simetrias. 9.6. Fórmulas de adição, subtração, duplicação e bissecção de arcos. Transformações de somas de funções trigonométricas em produtos. 9.7. Equações e inequações trigonométricas. 10. GEOMETRIA PLANA 10.1. Figuras geométricas simples: reta, semirreta, segmento, ângulo plano, polígonos planos, circunferência e círculo. 10.2. Congruência de figuras planas. 10.3. Semelhança de triângulos. 10.4. Relações métricas nos triângulos, polígonos regulares e círculos. 10.5. Áreas de polígonos, círculos, coroa e sector circular. 11. GEOMETRIA ESPACIAL 11.1. Retas e planos no espaço. Paralelismo e perpendicularismo. 11.2. Ângulos diedros e ângulos poliédricos. Poliedros: poliedros regulares. 11.3. Prismas, pirâmides e respectivos troncos. Cálculo de áreas e volumes. 11.4. Cilindro, cone e esfera: cálculo de áreas e volumes.
  • Física - 1. MOVIMENTOS 1.1. Conceitos básicos e formas de representação. 1.2. Leis de Newton. 2. CONSERVAÇÃO DA ENERGIA 2.1. Trabalho, energia cinética, energia potencial e energia mecânica. 2.2. Conservação da Energia Mecânica. 3. TERMOLOGIA 3.1. Temperatura, calor como energia em trânsito, dilatação térmica. 4. ELETRICIDADE 4.1. Carga elétrica e sua conservação, Lei de Coulomb. 4.2. Corrente elétrica e sua conservação.
  • Química - 1. ASPECTOS MACROSCÓPICOS DA MATÉRIA 1.1. Estados físicos da matéria. 1.2. Mudança de estado. 1.3. Processos de separação e critérios de pureza. 1.4. Densidade. 2. ÁTOMOS E MOLÉCULAS 2.1. Constituição do átomo; distribuição eletrônica em níveis. 2.2. Elementos químicos, moléculas. 2.3. Número atômico, número de massa e isotopia. 2.4. Massa atômica e molecular. 3. CLASSIFICAÇÃO E PROPRIEDADES PERIÓDICAS DOS ELEMENTOS 3.1. Periodicidade das propriedades químicas dos elementos. 3.2. Tabela periódica. 4. LIGAÇÃO QUÍMICA 4.1. Metálica, iônica e covalente. 5. FUNÇÕES INORGÂNICAS 5.1. Óxidos, ácidos, bases e sais. 6. REAÇÕES QUÍMICAS 6.1. Transformações químicas e sua representação simbólica. 6.2. Lei da conservação da matéria. 6.3. Balanceamento de equações químicas.
  • Biologia - 1. CÉLULA 1.1. A unidade dos seres vivos. 1.2. Diversidade e organização das células. 1.3. Célula e manutenção da vida. 1.4. Diversidade celular nos organismos multicelulares. 2. A CONTINUIDADE DA VIDA HEREDITARIEDADE E EVOLUÇÃO 2.1. As concepções da hereditariedade. 2.2. Teoria cromossômica da herança. 2.3. Ampliações dos princípios de Mendel. 2.4. A natureza química e a expressão dos genes. 2.5. Teoria da Evolução. 3. DIVERSIDADE DOS SERES VIVOS 3.1. Alguns sistemas de classificação. 3.2. Caracterização geral dos grandes grupos. 3.3. A Biologia das plantas. 3.4. A Biologia dos animais.
  • Noções de administração pública - 1. CONSTITUIÇÃO FEDERAL 1.1. Título II – Dos Direitos e Garantias Fundamentais: 1.1.1. Capítulo I – Dos Direitos e Deveres Individuais e Coletivos; 1.1.2. Capítulo IV – Dos Direitos Políticos. 1.2. Título III – Da Organização do Estado: 1.2.1. Capítulo VII – Da Administração Pública: 1.2.1.1. Seção I – Disposições Gerais; 1.2.1.2. Seção III – Dos Militares dos Estados, do Distrito Federal e dos Territórios. 1.3. Título V – Da Defesa do Estado e das Instituições Democráticas: 1.3.1. Capítulo III – Da Segurança Pública. 2. CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO 2.1. Título II – Da Organização e Poderes: 2.1.1. Capítulo III – Do Poder Executivo; 2.1.2. Capítulo IV – Do Poder Judiciário: 2.1.2.1. Seção V – Do Tribunal de Justiça Militar e dos Conselhos de Justiça Militar. 2.3. Título III – Da Organização do Estado: 2.3.1. Capítulo I – Da Administração Pública: 2.3.1.1. Seção I – Disposições Gerais; 2.3.2. Capítulo II – Dos Servidores Públicos do Estado: 2.3.2.1. Seção I – Dos Servidores Públicos Civis; 2.3.2.2. Seção II – Dos Servidores Públicos Militares; 2.3.3. Capítulo III – Da Segurança Pública: 2.3.3.1. Seção I – Disposições Gerais; 2.3.3.2. Seção III – Da Polícia Militar. 3. LEI FEDERAL Nº 12.527/11 – Lei de Acesso à Informação; 3.1. DECRETO nº 58.052/12 – Regulamenta a Lei nº 12.527/11, que regula o acesso a informações, e dá providências correlatas.
  • Informática - 1. MS-Windows 10: conceito de pastas, diretórios, arquivos e atalhos, área de trabalho, área de transferência, manipulação de arquivos e pastas, uso dos menus, programas e aplicativos, interação com o conjunto de aplicativos MS-Office 2010. 2. MS-Word 2010: estrutura básica dos documentos, edição e formatação de textos, cabeçalhos, parágrafos, fontes, colunas, marcadores simbólicos e numéricos, tabelas, impressão, controle de quebras e numeração de páginas, legendas, índices, inserção de objetos, campos predefinidos, caixas de texto. 3. MS-Excel 2010: estrutura básica das planilhas, conceitos de células, linhas, colunas, pastas e gráficos, elaboração de tabelas e gráficos, uso de fórmulas, funções e macros, impressão, inserção de objetos, campos predefinidos, controle de quebras e numeração de páginas, obtenção de dados externos, classifica- ção de dados. 4. MS-PowerPoint 2010: estrutura básica das apresentações, conceitos de slides, anotações, régua, guias, cabeçalhos e rodapés, noções de edição e formatação de apresentações, inserção de objetos, numeração de páginas, botões de ação, animação e transição entre slides. 5. Correio Eletrônico: uso de correio eletrônico, preparo e envio de mensagens, anexação de arquivos. 6. Internet: Navegação na Internet, conceitos de URL, links, sites, busca e impressão de páginas.

Curso grátis de língua portuguesa para o concurso da PM SP

Acompanhamento

A equipe JC Concursos apresenta o resumo do concurso da PM SP nesta página, com as principais informações do processo seletivo. Mais detalhes podem ser conferidos no edital abaixo, disponível entre os anexos. 


Cronograma

Abertura das inscrições15/12/2021
Encerramento das inscrições20/01/2022
Prova20/03/2022

Notícias do concurso PM SP 2022 - Aluno oficial

Edital e Anexos

Documento (15/04/2019) Edital de abertura de inscrições (2019)
Abertura (09/12/2021) Edital de abertura de inscrições (2021)

Provas PM SP - Polícia Militar de São Paulo

Orgão, Cargos e OrganizadoraAnoAnexo
PM SP Soldado
Vunesp
2021 Prova / Gabarito

» Ver lista completa

Provas Vunesp

Orgão, Cargos e OrganizadoraAnoAnexo
PM SP Soldado
Vunesp
2021 Prova / Gabarito
PM Soldado de 2ª classe
Vunesp
2018 Prova / Gabarito
Prefeitura Assistente Social
Vunesp
2018 Prova / Gabarito
Previdência Analista Previdenciario
Vunesp
2018 Prova / Gabarito
Prefeitura Contador
Vunesp
2018 Prova / Gabarito

» Ver lista completa

Sobre PM SP - Polícia Militar de São Paulo

A Polícia Militar de São Paulo (PM SP) tem em sua função prioritária a polícia ostensiva e a preservação da ordem pública no Estado de SP. Para fins de organização é uma força auxiliar e reserva do Exército Brasileiro, assim como os demais órgaos de segurança pública do Estado e integra o Sistema de Segurança Pública e Defesa Social brasileiro e está subordinada ao Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP).

Em 15 de dezembro de 1831, por lei da Assembleia Provincial, foi criado o Corpo de Guardas Municipais Permanentes, composto de cem praças a pé, e trinta praças a cavalo, em atendimento ao decreto Imperial baixado pelo Regente Feijó. A Polícia Militar, assim como o Corpo de Bombeiros, a Guarda Nacional, a Marinha e Exército Fixo, faziam parte da Força Pública do Estado de São Paulo. Seus integrantes são denominados militares estaduais (artigo 42 da CRFB), assim como os membros do Corpo de Bombeiros Militar de São Paulo (CB PMESP). Atualmente, em efetivo, é a maior polícia do Brasil e a terceira maior Instituição Militar da América Latina, contando com aproximadamente 100.000 policiais.

Sobre Vunesp

Criada em 1979, a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp) possui personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos. A banca tem como principais atividades: planejar, organizar, executar e supervisionar o  vestibular da Unesp; realizar vestibulares e concursos diversos para outras instituições e promover as atividades de pesquisa e extensão de serviços à comunidade, na área educacional.


Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.