Concurso Prefeitura de Anápolis (GO) 2019 Concurso Aberto

Orgão: Prefeitura Anápolis
Nº vagas: 600
Taxa de inscrição: De R$ 120,00 Até R$ 120,00
Cargos: Professor
Áreas de Atuação: Educação
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 2447,00 Até R$ 3273,00
Organizadora: UFG
Estados com Vagas: GO
Cidades: Anápolis - GO

0,50(10.0%)1 voto(s)

Publicado em 06/02/2019, às 11h07 - Atualizado em 19/11/2019, às 05h00


O edital do concurso de Anápolis, cidade localizada no Estado de Goiás (GO), oferece 600 vagas para o cargo de professor PIII - pedagogo, sendo 150 imediatas e 450 para formação de cadastro reserva. A exigência é de nível superior.

As inscrições serão recebidas entre os dias 25 de outubro e 20 de novembro de 2019, exclusivamente pela internet, através do site da banca organizadora, que é www.cs.ufg.br. O valor da taxa de participação é de R$ 120.

O concurso de Anápolis contará com prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório; e análise de títulos, unicamente classificatória.

Informações complementares

Atribuições do professor PIII pedagogo

Docência na Educação Infantil e/ou Anos Iniciais do Ensino Fundamental; Participar de todo o processo Ensino-Aprendizagem, em ação integrada Escola-Comunidade; Articular o Processo Pedagógico no interior da Unidade Escolar tendo como princípio do seu trabalho a gestão democrática, o trabalho coletivo, Ética Profissional e comprometimento Político Pedagógico; Elaborar Planos Curriculares de Ensino e de Aula; Elaborar, acompanhar e avaliar planos, programas e projetos de que necessite a Unidade Escolar ou Sistema Municipal de Ensino; Inteirar-se da Proposta Político-Pedagógica do Sistema Municipal de Ensino e integrar-se com suas Políticas Educacionais; Zelar pelo cumprimento dos preceitos Constitucionais e da Legislação Educacional vigente como fundamentos da Prática Educativa.

Conteúdo programático

Língua portuguesa: 1. Concepções teórico-metodológicas para o ensino da Língua Portuguesa na Educação Infantil e no Ensino Fundamental. 2. A BNCC e o ensino da Língua Portuguesa. 3. O livro didático: possibilidades e limites para o ensino da Língua Portuguesa. 4. Interpretação textual: efeitos de sentido, hierarquia dos sentidos do texto, situação comunicativa, pressuposição, inferência, ambiguidade, ironia, figurativização, polissemia, intertextualidade, linguagem não-verbal. 5. Modos de organização do texto: descrição, narração, exposição, argumentação, diálogo e esquemas retóricos (enumeração de ideias, relações de causa e consequência, comparação, gradação, oposição etc.). 6. Estrutura textual: progressão temática, parágrafo, período, oração, pontuação, tipos de discurso, mecanismos de estabelecimento da coerência, coesão lexical e conexão sintática. 7. Gêneros textuais: editorial, notícia, reportagem, resenha, crônica, carta, artigo de opinião, relatório, parecer, ofício, charge, tira, pintura, placa, propaganda institucional/educacional etc. 8. Língua padrão: ortografia, regência, concordância nominal e verbal, flexão verbal e nominal, pronome, advérbio, adjetivo, conjunção, preposição.

Matemática: 1. Concepções teórico-metodológicas para o ensino da Matemática na Educação Infantil e no Ensino Fundamental. 2. A BNCC e o ensino da Matemática. 3. O livro didático: possibilidades e limites para o ensino da Matemática. 4. Conhecimentos numéricos: operações em conjuntos numéricos (naturais, inteiros, racionais e reais), desigualdades, divisibilidade, fatoração, razões e proporções, porcentagem e juros, relações de dependência entre grandezas, sequências e progressões, princípios de contagem. 5. Conhecimentos geométricos: características das figuras geométricas planas e espaciais; grandezas, unidades de medida e escalas; comprimentos, áreas e volumes; ângulos; posições de retas; simetrias de figuras planas ou espaciais; congruência e semelhança de triângulos; teorema de Tales; relações métricas nos triângulos; circunferências; trigonometria do ângulo agudo. 6. Conhecimentos de estatística e probabilidade: representação e análise de dados; medidas de tendência central (médias, moda e mediana); noções de desvios e variância; noções de probabilidade. 7. Conhecimentos algébricos: gráficos e funções; funções algébricas do 1o e 2o graus, polinomiais, racionais, exponenciais e logarítmicas; equações e inequações; relações no ciclo trigonométrico e funções trigonométricas (seno, cosseno e tangente). 8. Conhecimentos algébricos/geométricos: plano cartesiano; retas; circunferências; paralelismo e perpendicularidade; sistemas de equações, matrizes e determinantes; números complexos (formas algébrica e trigonométrica e operações).

Ciências: 1. Concepções teórico-metodológicas para o ensino de Ciências na Educação Infantil e no Ensino Fundamental. 2. A BNCC e o ensino de Ciências. 3. O livro didático: possibilidades e limites para o ensino de Ciências. 4. Terra e Universo: formação do universo, do sistema solar e da Terra; gravidade; geocentrismo e heliocentrismo; solstício e equinócio; as estações do ano; movimento de rotação e translação da Terra; estrutura geológica da Terra; tipos de solo; os diferentes usos do solo; fertilidade do solo; atividades agrícolas do estado de Goiás; a atmosfera; efeito estufa; condições que permitem a vida no planeta Terra; o ciclo da água na Terra; estados físicos e mudanças de estado da água; tratamento da água; poluição e contaminação da água e do solo; a água como veículo de doenças; matéria e energia; propriedades da matéria; transformações físicas e químicas da matéria; substâncias puras e misturas; transformação e conservação de energia; magnetismo; temperatura e calor; radioatividade e seus efeitos sobre os organismos; ondas, som e luz; eletricidade. 5. Vida, ambiente e diversidade: biosfera; os reinos dos seres vivos; fatores abióticos e bióticos; importância ecológica e econômica de espécies do cerrado; cadeias e teias alimentares; relações ecológicas; obtenção de energia pelos seres vivos; autotrofismo, heterotrofismo, parasitismo; o fluxo de energia na natureza; os ciclos biogeoquímicos; o papel dos decompositores; os vegetais e a produção de alimentos e matéria prima; a diversificação da vida; os ciclos biogeoquímicos; o papel dos decompositores; evidências da evolução dos seres vivos; teorias da evolução; seres vivos e extinção. 6. Ser humano e saúde: desenvolvimento e crescimento do corpo humano; manutenção da vida; sustentação e locomoção; nutrição e digestão; hábitos alimentares; distúrbios nutricionais; sistema endócrino e nervoso; circulação; respiração; excreção, reprodução assexuada e sexuada dos seres vivos; reprodução humana; hereditariedade; engenharia genética; sexualidade; diversidade e gênero; infecções sexualmente transmissíveis; gravidez; órgãos do sentido; a pele; respiração celular; constituintes das células; tipos de células; o núcleo celular e suas funções; hábitos de higiene e saúde. 7. Ciência, Tecnologia e Sociedade: grandes descobertas das ciências naturais; grandes cientistas e suas descobertas; escalas de tempo; relógio de sol; telescópio; pontos cardeais; fases da lua; instrumentos de medidas de massa, de volume, de superfície e das características climáticas; tecnologia para prevenção e tratamento de doenças; uso de micro-organismos em benefício do ser humano; nanotecnologia; tecnologia de produção de alimentos; degradação ambiental de natureza antrópica e tecnologias para recuperação do solo; tecnologias de reaproveitamento de água; uso consciente da água; tecnologias de reciclagem; tecnologia de captação, tratamento e distribuição de água; tecnologias de geração, captação e distribuição de energia elétrica; fontes de energia renováveis; energia e combustíveis; equipamentos e técnicas da astronomia moderna; tecnologia de informação; biopirataria; biotecnologias.

Geografia: 1. Concepções teórico-metodológicas para o ensino de Geografia na Educação Infantil e no Ensino Fundamental. 2. Conhecimento geográfico: história e importância social. 3. As categorias de análise da Geografia. 4. A BNCC e o ensino de Geografia. 5. O livro didático: possibilidades e limites para o ensino de Geografia. 6. A Geografia local e regional. 7. A educação ambiental nas séries iniciais. 8. A alfabetização cartográfica. 9. Mapas e uso da linguagem cartográfica.

História: 1. Concepções teórico-metodológicas para o ensino da História na Educação Infantil e no Ensino Fundamental. 2. A BNCC e o ensino da História. 3. O livro didático: possibilidades e limites para o ensino da História. 4. Historiografia e produção do conhecimento histórico. 5. História local e regional. 5.1. Goiás colonial: bandeirantismo e sociedade mineradora. 5.2. Goiás nos séculos XIX, XX e XXI. 5.3. Goiás: sociedade e cultura. 5.4. Patrimônio natural, histórico e cultural de Goiás. 6. As cidades na história. 6.1. História de Anápolis: dos primórdios a atualidade. 6.2. A região de Anápolis nos séculos XVIII e XIX. 6.3. Anápolis nos séculos XX e XXI. 6.4. O patrimônio natural, histórico e cultural de Anápolis. 6.5. Os espaços públicos, a cultura, a arte e o lazer em Anápolis.

Conhecimentos específicos: 1. O significado histórico-social da Orientação Educacional - OE: origem e trajetória da Orientação Educacional no Brasil. 1.1. Dimensões filosóficas, políticas, sociais e pedagógicas. 1.2. Tendências e desafios atuais da Orientação Educacional. 1.3. Campos de atuação e a prática do orientador educacional: a função do orientador educacional. 1.4. A OE e a organização escolar. 2. Tendências pedagógicas em educação; abordagens do processo de ensino e aprendizagem; concepções de currículo e a organização do currículo escolar da educação básica (ensino médio) e da educação profissional. 3. Planejamento, planos e projetos educativos. 4. Projeto político-pedagógico (metodologia de elaboração, implementação, acompanhamento e avaliação do projeto político-pedagógico). 5. Formação docente; desenvolvimento interpessoal, comportamento grupal e intergrupal, liderança, equipe multidisciplinar. 6. Diversidade cultural e inclusão. 7. Avaliação institucional. 8. Avaliação do processo de ensino e aprendizagem. 9. Concepção, elaboração e realização de projetos de pesquisa. 10. Pesquisa quantitativa e qualitativa e seus procedimentos. 11. Aspectos legais da educação: Capítulo III da Constituição Federal, que trata de Educação; Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei 9.394, de 20 de dezembro de 1996, e alterações; Decretos, Pareceres e Resoluções da Educação Básica, da Educação Profissional e Tecnológica e do Ensino Superior; Diretrizes Curriculares Nacionais; Parâmetros Curriculares Nacionais, Estatuto da Criança e Adolescente, Legislação sobre Pessoas com Deficiência – PcD. 12. Lei Municipal nº 2.073, de 21 de dezembro de 1992. 13. Lei Complementar nº 211, de 22 de dezembro de 2009. 14. Lei nº 3.775, de 24 de junho de 2015, Plano Municipal de Educação de Anápolis – PME.

Concurso de Anápolis: dica de estudo

Acompanhamento

A equipe JC Concursos disponibiliza o resumo do concurso de Anápolis nesta página, com as principais informações do processo de seleção. Mais informações estão disponíveis abaixo, no edital anexado.


Cronograma

Abertura das inscrições25/10/2019
Encerramento das inscrições20/11/2019
Prova19/01/2020
Divulgação do Gabarito20/01/2020
Divulgação do Resultado14/05/2020

Notícias do concurso Prefeitura de Anápolis (GO) 2019

Edital e Anexos

Abertura Edital - processo seletivo Prefeitura de Anápolis GO
Abertura (26/09/2019) Edital nº 01/2019 concurso público

Provas Prefeitura Anápolis

Nenhuma prova encontrada

Provas UFG

Orgão, Cargos e OrganizadoraAnoAnexo
IF Administrador
UFG
2014 Prova / Gabarito
CELG Analista de Gestao Administracao
UFG
2014 Prova / Gabarito
IF Tecnico em Assuntos Educacionais
UFG
2014 Prova / Gabarito
CELG Analista de Gestao Analista de Sistemas Enfase em Governanca de TI
UFG
2014 Prova / Gabarito
CELG Analista de Gestao Advogado
UFG
2014 Prova / Gabarito

» Ver lista completa

Sobre Prefeitura Anápolis

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.


Comentários

Mais Lidas