Tudo Sobre

Empregos Ministério da Justiça

Projeto financia fortalecimento da Justiça

O Ministério da Justiça, a Secretaria da Reforma do Judiciário (SRJ) e o Programa das Nações Unidas...



Redação
Publicado em 17/12/2009, às 10h43

O Ministério da Justiça, a Secretaria da Reforma do Judiciário (SRJ) e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) estarão selecionando projetos de pesquisa sobre o Fortalecimento da Justiça Brasileira. A seleção acontecerá até o dia 5 de fevereiro de 2010 e as propostas escolhidas receberão recursos para sua execução.

Podem participar da seleção faculdades e universidades públicas e privadas, fundações de apoio e amparo à pesquisa, centros de estudos e entidades não governamentais que comprovadamente atuem ou realizem pesquisas relacionadas às áreas temáticas propostas.

Será dada preferência às instituições que possuam grupos de pesquisa ligados às áreas temáticas indicadas e cadastrados no Diretório dos Grupos de Pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) ou programas de pós-graduação reconhecidos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), com área de concentração ou linha de pesquisa ligada às áreas temáticas indicadas.

O objetivo é estabelecer parcerias com as instituições de ensino, para o desenvolvimento de pesquisas em temas jurídicos considerados prioritários pelo Ministério da Justiça que possam ser objeto de elaboração ou alteração legislativa.

As instituições selecionadas ficarão responsáveis pela coordenação de grupos de pesquisa e pela elaboração de relatórios relacionados a diversos temas da área jurídica.

Os temas pesquisados deverão contemplar as especificidades de cada área, conforme as indicações estabelecidas pela Secretaria de Reforma do Judiciário.

O apoio financeiro destinado para cada instituição ou conjunto de instituições selecionadas em cada um dos temas pesquisados será de até R$ 85 mil, repassados em conformidade com o cronograma de desembolso a ser estabelecido na Carta Acordo, que prevê três parcelas.

A primeira delas será equivalente a 20% do valor no momento de assinatura da Carta Acordo; a segunda será equivalente a 40% do valor após entrega e aprovação do produto inicial, em 30 de abril de 2010; a última também será equivalente a 40% do valor, mas acontecerá apenas após a entrega e aprovação do produto final, em 30 de junho de 2010. 

Um comitê de avaliação formado por representantes do PNUD, da SRJ e de órgãos governamentais que tenham interesse nos temas selecionados ficará responsável pela escolha dos projetos de pesquisa. Os projetos escolhidos deverão ser executados até o dia 30 de julho de 2010.

Ronie Anderson

Veja também:

Defensoria Pública/SP: divulgada a lista de candidatos aprovados

TRT/BA: lista com os nomes dos classificados é aprovada

+ Resumo Empregos Ministério da Justiça

Ministério da Justiça
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Judiciária / Jurídica, Educação
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda

17/12/2010 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas