MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Banco Mundial vai auxiliar na transição para o novo Bolsa Família. Entenda

Ministério do Desenvolvimento Social ainda destaca que está reestruturando o CadÚnico para reformular o novo Bolsa Família

Banco Mundial vai auxiliar na transição para o novo Bolsa Família. Entenda
Agência Senado
Victor Meira

Victor Meira

victor@jcconcursos.com.br

Publicado em 26/01/2023, às 12h59

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O governo federal está trabalhando para atualizar e trazer o novo Bolsa Família, com características diferentes do antigo Auxílio Brasil, que era gerenciado pelo governo do ex-presidente Jair Bolsonaro. 

Para ajudar com este novo momento, o ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, comentou que se reuniu, na última segunda-feira (23), com o diretor do Banco Mundial no Brasil, América Latina e Regiões do Caribe, Johannes Zutt, para tratar deste assunto. 

+Prêmio da Mega-Sena está acumulado de novo e chega a valor impressionante; confira

Na reunião, eles trataram de um estudo feito pela instituição financeira que vai fornecer elementos que contribuem para a transição do novo Bolsa Família.

“O Banco Mundial é um importante parceiro do povo brasileiro há muitos anos. Nesta agenda, nós tivemos a oportunidade de receber boas informações oriundas de uma parceria feita anteriormente, um estudo comparando o Auxílio Brasil com o Bolsa Família, apontando quais são as alternativas para que se possa fazer essa transição de um programa para o outro”, explicitou Wellington Dias.

Uma das funções do Banco Mundial é oferecer empréstimos para garantir aos países condições de estruturação na área da assistência social, segurança alimentar, inclusão socioeconômica pelo emprego ou empreendedorismo.

+Os 10 MELHORES salários mínimos dos países da América Latina; Brasil fora da lista

Bolsa Família: reestruturação no CadÚnico 

O ministério do Desenvolvimento Social ainda relata que o Banco Mundial está colaborando com a reestruturação do Cadastro Único (CadÚnico). A ferramenta é necessária para fazer parte do grupo de beneficiários do Bolsa Família. 

Segundo o MDS, o Banco Mundial pode usar o CadÚnico para fazer projetos de inclusão socioeconômica, possibilitando uma série de cruzamento de dados e recortes de perfis dos beneficiários, o que possibilita uma série de cruzamento de dados e recortes de perfis dos beneficiários. 

Nós conversaremos, porque há um modelo por parte do MDS em que queremos trabalhar também por resultado. Um modelo de assistência técnica no qual, se fizer o projeto, recebe; se o projeto for implantado, recebe; se o projeto der o resultado esperado, for positivo para tirar aquelas famílias da situação que estava, melhorou a vida das pessoas, então, tem um prêmio por resultado”, prosseguiu o ministro. 

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.