MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

CUIDADO com o golpe do agiota no Instagram. Veja como funciona

Vítimas relatam prejuízos financeiros significativos, perda de dinheiro e a sensação de ameaça por parte dos golpistas. Veja as estratégias que são muito semelhantes entre os golpistas

Como funciona o golpe do agiota no instagram? Confira
Como funciona o golpe do agiota no instagram? Confira - Reprodução/Instagram
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 21/07/2023, às 17h32

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Nos últimos cinco anos, o Brasil testemunha um aumento impressionante nos casos de estelionato. Conforme o Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2023, em 2022 foram registrados 1.819.409 casos desse crime, um aumento de 326% em relação a 2018, quando houve 426.799 registros.

Recentemente, o g1 revelou uma nova tática adotada pelos golpistas, que estão se passando por agiotas no Instagram para enganar aqueles que buscam empréstimos fáceis na plataforma. Esses criminosos utilizam fotos de crianças e até mesmo de famosos para atrair a confiança de suas vítimas.

Questionada sobre as medidas para combater esses golpes, a Meta, empresa responsável pelo Instagram, respondeu que utiliza denúncias da comunidade, tecnologia e revisão humana para identificar e remover conteúdos violadores. No entanto, mesmo após contato do g1, centenas de perfis de golpistas continuavam ativos.

O g1 teve acesso a relatos de vítimas do golpe, incluindo um homem de 33 anos que mora em São Paulo e foi enganado quatro vezes. Na primeira tentativa, em 2020, ele enviou toda a documentação solicitada pelo suposto agiota via WhatsApp, mas foi bloqueado logo em seguida. Em outras ocasiões, tentou obter o empréstimo com perfis diferentes, mas sempre se deparou com novas tentativas de golpe.

Os criminosos oferecem empréstimos de dinheiro sem muita burocracia e utilizam nomes como "agiota Sabrina", "agiota Marcos", "agiota João Pedro" e outros, muitas vezes associados a fotos de luxo, viagens e momentos em família, incluindo crianças, para criar uma imagem de confiança.

As propagandas promovendo o suposto negócio são abundantes no Instagram, com prints de transferências bancárias e vídeos de "clientes" supostamente satisfeitos com os serviços prestados. Alguns desses perfis contam com milhares de seguidores, o que torna a situação ainda mais alarmante.

As vítimas relatam prejuízos financeiros significativos, perda de dinheiro e a sensação de ameaça por parte dos golpistas, que insistem na cobrança de taxas e valores para liberação de empréstimos que nunca são concretizados.

+++ Febraban alerta para golpes relacionados ao Desenrola Brasil; veja como se prevenir

Como funciona o golpe do agiota no instagram? 

Em uma investigação do g1, foram identificadas estratégias muito semelhantes entre os golpistas, apesar das variações de perfil para perfil. A maioria dos telefones utilizados pelos estelionatários tem o DDD 11, indicando que muitos estão baseados na região metropolitana de São Paulo.

Os golpistas atuam de forma direta, abordando as vítimas pelo WhatsApp e perguntando o valor desejado para o empréstimo. Em seguida, apresentam uma tabela com os valores disponíveis e informam que há um "seguro" a ser pago antes de fechar o negócio. As taxas variam entre R$ 50 e R$ 400, dependendo do montante solicitado.

Uma das táticas usadas pelos criminosos é utilizar fotos de famosos, como apresentadores de TV dos EUA, para criar uma aparência de legitimidade. Os golpistas enviam tabelas de empréstimos que chegam a até R$ 100 mil, mas para obter um empréstimo de até R$ 5 mil, por exemplo, o cliente precisa pagar uma taxa de R$ 89. Já para empréstimos acima de R$ 50 mil, o depósito prévio chega a quase R$ 400.

As vítimas do golpe relatam ter enviado documentos solicitados pelos estelionatários, como fotos de RG e comprovante de residência, mas foram bloqueadas após fazerem os depósitos exigidos. Algumas delas chegaram a registrar boletins de ocorrência após se sentirem ameaçadas pelos criminosos.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.