MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Levantamento revela ampliação das cotas no Concurso Nacional Unificado

De acordo com levantamento, 85% das 173 opções de vagas disponíveis incluem ao menos um tipo de cota. Verificação da condição dos candidatos é realizada por equipes especializadas

Para pessoas com deficiência, as cotas são aplicadas quando há cinco ou mais vagas
Para pessoas com deficiência, as cotas são aplicadas quando há cinco ou mais vagas - Divulgação/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 09/02/2024, às 19h32

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Um levantamento realizado pelo g1 trouxe à tona a expansão das cotas destinadas a grupos minoritários no Concurso Nacional Unificado (CNU), popularmente conhecido como 'Enem dos Concursos'. Os dados mostram que, das 173 opções de vagas disponíveis, 85% delas incluem ao menos um tipo de cota, como para negros, indígenas ou pessoas com deficiência.

📲 Junte-se ao canal de notícias do JC Concursos no WhatsApp

Essa medida visa promover a inclusão e a diversidade nos concursos públicos, ampliando as oportunidades para candidatos pertencentes a esses grupos. No entanto, há critérios específicos para a aplicação das cotas, como o número mínimo de vagas disponíveis para cada categoria.

Por exemplo, para haver cotas para negros, a especialidade deve oferecer três ou mais vagas. Da mesma forma, para as cotas destinadas a indígenas, é necessário que haja pelo menos três vagas na especialidade vinculada à Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai).

Para pessoas com deficiência, as cotas são aplicadas quando há cinco ou mais vagas 

A verificação da condição dos candidatos para as cotas é realizada por meio de uma equipe multiprofissional, garantindo uma avaliação criteriosa e justa. No caso das cotas para indígenas, a análise inclui a validação étnica por meio da análise de documentos, realizada por uma Comissão de Verificação Documental Complementar, na qual pelo menos três membros são indígenas.

Para as pessoas com deficiência, a equipe multiprofissional conta com profissionais capacitados em áreas específicas de deficiências, assegurando uma avaliação abrangente e precisa da condição do candidato.

É importante ressaltar que o objetivo dessas cotas é promover a igualdade de oportunidades e garantir a representatividade nos órgãos públicos, fortalecendo a diversidade e a inclusão em todos os setores da sociedade.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.