MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Receita Federal paga hoje mais de R$ 800 milhões em restituições do Imposto de Renda

Novo lote residual de restituições do Imposto de Renda será pago nesta quarta-feira (31) para mais de 306.224 contribuintes que caíram na malha fina

Celular aberto com o site da Receita Federal
Celular aberto com o site da Receita Federal - Agência Brasil
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 31/01/2024, às 14h42

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A Receita Federal paga nesta quarta-feira (31) o lote residual de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de janeiro. Ao todo, 306.224 contribuintes que caíram na malha fina em anos anteriores e acertaram as contas com o Fisco receberão R$ 800 milhões.

O pagamento será feito na conta informada na declaração do Imposto de Renda. Grande parte dos contribuintes contemplados têm prioridade legal, sendo 8.613 idosos acima de 80 anos, 67.695 contribuintes entre 60 e 79 anos, 6.403 com alguma deficiência física ou mental, ou moléstia grave e 20.258 contribuintes cuja maior fonte de renda é o magistério.

📲 Junte-se ao canal de notícias do JC Concursos no WhatsApp

Os demais contribuintes contemplados são aqueles que não têm prioridade legal, mas que optaram por receber a restituição por meio de PIX ou que usaram a declaração pré-preenchida.

Como consultar?

A consulta à restituição foi aberta no último dia 24 na página da Receita Federal na internet. Para fazer a consulta, basta o contribuinte clicar em Meu Imposto de Renda e, em seguida, no botão Consultar a Restituição. Também é possível fazer a consulta no aplicativo da Receita Federal para tablets e smartphones.

Se o contribuinte não estiver na lista, deverá entrar no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC) e tirar o extrato da declaração. Se houver pendência, pode enviar declaração retificadora e esperar os próximos lotes da malha fina.

+ Piso salarial de R$ 5.500: Projeto de lei garante valor mínimo para profissionais do Suas

Como resgatar?

O ressarcimento será transferido para a conta bancária indicada na declaração, seja de maneira direta ou através da chave PIX fornecida. Caso ocorra alguma dificuldade, impedindo a realização do crédito, como, por exemplo, a desativação da conta informada, os fundos permanecerão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil.

Para resolver essa situação, o cidadão tem a opção de reagendar o crédito dos valores de maneira fácil e ágil através do Portal BB. Isso pode ser feito acessando o site ou entrando em contato com a Central de Relacionamento do Banco do Brasil pelos números 4004-0001 (para capitais), 0800-729-0001 (para demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone exclusivo para deficientes auditivos).

Se, por algum motivo, o contribuinte não realizar o resgate da restituição no prazo de um ano, será necessário solicitá-lo por meio do Portal e-CAC. Basta acessar o menu Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda e clicar em Solicitar restituição não resgatada na rede bancária.

 + Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.