MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Sai ranking ATUALIZADO dos países mais seguros do mundo. Posição do Brasil preocupa

Países menos pacíficos do mundo permanecem os mesmos há vários anos. Número de conflitos e guerras em escala global atingiu o patamar mais alto dos últimos 15 anos

Países menos pacíficos do mundo permanecem os mesmos há vários anos
Países menos pacíficos do mundo permanecem os mesmos há vários anos - Divulgação/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 30/06/2023, às 17h27

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Segundo o 17º Índice Global de Paz divulgado pelo Institute for Economics and Peace, a Islândia mantém o título de país mais seguro do mundo, enquanto o Brasil ocupa a 132ª posição entre os 163 países avaliados. O relatório aponta que o mundo está se tornando menos seguro, refletindo os impactos da pandemia.

O estudo revela que o número de conflitos e guerras em escala global atingiu o patamar mais alto dos últimos 15 anos. Alguns governos, como o do Reino Unido, incluem uma porcentagem significativa da massa terrestre mundial em listas de locais desaconselháveis para viagens, impactando diretamente a estabilidade econômica desses países, devido ao papel fundamental do turismo.

Entre as conclusões do Índice Global de Paz 2023, dos 10 países mais seguros, oito estão localizados na Europa, representando o maior número de países europeus já presentes no top 10. Embora a Guerra da Ucrânia e a tensão com a Rússia tenham impacto na estabilidade, a Europa continua sendo o continente mais pacífico, com sete países no top 10.

+++ Brasil salta 155% de crescimento em veículos registrados desde 2006, segundo IBGE

Países menos pacíficos do mundo permanecem os mesmos há vários anos

O relatório também aponta que a instabilidade política diminuiu em 59 países no último ano, enquanto melhorou em apenas 22, conforme os indicadores analisados. Mais mortes ocorreram por conflitos na Etiópia (100 mil) do que na Ucrânia (83 mil), evidenciando a complexidade das questões globais de paz.

Desde 2008, os indicadores de "violência armada" e "conflitos externos" têm piorado globalmente, enquanto as taxas de homicídio nos Estados Unidos são seis vezes maiores que a média da Europa Ocidental, impulsionadas pela violência armada e tensões políticas.

Os países menos pacíficos do mundo permanecem os mesmos há vários anos, com o Afeganistão ocupando a pior posição pelo oitavo ano consecutivo, seguido por Iêmen, Síria, Sudão do Sul e República Democrática do Congo. Essa lacuna entre os países mais e menos pacíficos continua a aumentar, destacando a importância de esforços globais para promover a paz e a estabilidade.

Essa crescente instabilidade global tem implicações diretas nas viagens, uma vez que um mundo menos seguro aumenta a instabilidade econômica e reduz significativamente o PIB global. Quando as pessoas estão envolvidas em conflitos ou preocupadas com suas vidas, torna-se difícil dedicarem-se à criação artística, à construção de moradias, à gestão de negócios ou ao recebimento de visitantes.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.