MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Saiba quais cidades recebem vacina da dengue e quem será imunizado

Ao todo, 521 municípios de 16 estados brasileiros, além do DF, foram escolhidos para receber a vacina da dengue. Imunização contra a doença começa em fevereiro pelo SUS

Mosquito transmissor da dengue
Mosquito transmissor da dengue - Divulgação/Agência Brasil
Mylena Lira

Mylena Lira

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 28/01/2024, às 22h49

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O Ministério da Saúde anunciou que 521 municípios de 16 estados brasileiros, além do Distrito Federal, foram escolhidos para iniciar a vacinação contra a dengue pelo Sistema Único de Saúde (SUS) a partir de fevereiro. Nesta matéria, o JC lista todas as cidades que recebem a vacina da dengue nessa primeira leva.

Os municípios estão distribuídos em 37 regiões de saúde consideradas endêmicas para a doença. Crianças e adolescentes de 10 a 14 anos serão o público-alvo nesse primeiro momento, devido à faixa etária concentrar o maior número de hospitalizações por dengue.

O esquema vacinal será composto por duas doses, com um intervalo de três meses entre elas. O Ministério da Saúde esclareceu que a definição do público-alvo e das regiões prioritárias foi necessária devido à capacidade limitada de fornecimento de doses pelo laboratório fabricante da vacina.

A primeira remessa, que já chegou ao Brasil, contém cerca de 757 mil doses, fazendo parte de um total de 1,32 milhão de doses fornecidas pela farmacêutica Qdenga, produzida pelo laboratório Takeda.

A vacinação, prevista para começar em fevereiro, representa uma importante estratégia para combater a propagação da dengue no Brasil, que enfrenta a circulação simultânea de todos os sorotipos do vírus. 

+Concurso Nacional Unificado ultrapassa 1 milhão de inscritos; Veja como participar

Cidades contempladas com a vacina da dengue

  • Acre (AC): Acrelândia, Bujari, Capixaba, Jordão, Manoel Urbano, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira, Senador Guiomard.

  • Amazonas (AM): Autazes, Barcelos, Careiro da Várzea, Careiro, Iranduba, Manaquiri, Manaus, Nova Olinda do Norte, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Santa Isabel do Rio Negro, São Gabriel da Cachoeira.

  • Bahia (BA): Aiquara, Almadina, Amélia Rodrigues, Angical, Anguera, Antônio Cardoso, Apuarema, Arataca, Aurelino Leal, Baianópolis, Baixa Grande, Barra do Rocha, Barreiras, Barro Preto, Boa Nova, Brejões, Brejolândia, Buerarema, Camacan, Camaçari, Canavieiras, Candeal, Candeias, Capela do Alto Alegre, Catolândia, Coaraci, Conceição do Jacuípe, Conde, Coração de Maria, Cotegipe, Cravolândia, Cristópolis, Dário Meira, Dias d’Ávila, Feira de Santana, Floresta Azul, Formosa do Rio Preto, Gavião, Gongogi, Ibicaraí, Ibirapitanga, Ibirataia, Ichu, Ilhéus, Ipecaetá, Ipiaú, Ipirá, Irajuba, Iramaia, Irará, Itabuna, Itacaré, Itagi, Itagibá, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itamari, Itaparica, Itapé, Itapitanga, Itaquara, Itiruçu, Jaguaquara, Jequié, Jitaúna, Jussari, Lafaiete Coutinho, Lajedo do Tabocal, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Madre de Deus, Manoel Vitorino, Mansidão, Maracás, Maraú, Mascote, Mata de São João, Mundo Novo, Nova Fátima, Nova Itarana, Pau Brasil, Pé de Serra, Pintadas, Planaltino, Pojuca, Rafael Jambeiro, Riachão das Neves, Riachão do Jacuípe, Salvador, Santa Bárbara, Santa Cruz da Vitória, Santa Inês, Santa Luzia, Santa Rita de Cássia, Santanópolis, Santo Amaro, Santo Estêvão, São Desidério, São Francisco do Conde, São Gonçalo dos Campos, São José da Vitória, São Sebastião do Passé, Saubara, Serra Preta, Simões Filho, Tabocas do Brejo Velho, Tanquinho, Teodoro Sampaio, Terra Nova, Ubaitaba, Ubatã, Una, Uruçuca, Vera Cruz, Wanderley.

  • Distrito Federal (DF): Brasília.

  • Espírito Santo (ES): Afonso Cláudio, Brejetuba, Cariacica, Conceição do Castelo, Domingos Martins, Fundão, Guarapari, Ibatiba, Itaguaçu, Itarana, Laranja da Terra, Marechal Floriano, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Santa Teresa, Serra, Venda Nova do Imigrante, Viana, Vila Velha, Vitória.

  • Goiás (GO): Abadia de Goiás, Abadiânia, Acreúna, Água Fria de Goiás, Água Limpa, Águas Lindas de Goiás, Alexânia, Aloândia, Alto Paraíso de Goiás, Anápolis, Anhanguera, Anicuns, Aparecida de Goiânia, Aparecida do Rio Doce, Aporé, Aragoiânia, Araçu, Avelinópolis, Bela Vista de Goiás, Bom Jesus de Goiás, Bonfinópolis, Brazabrantes, Buriti Alegre, Cabeceiras, Cachoeira Alta, Cachoeira Dourada, Caiapônia, Caldas Novas, Caldazinha, Campestre de Goiás, Campo Alegre de Goiás, Campo Limpo de Goiás, Castelândia, Catalão, Caturaí, Caçu, Cezarina, Chapadão do Céu, Cidade Ocidental, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Corumbaíba, Cristalina, Cristianópolis, Cromínia, Cumari, Damolândia, Davinópolis, Doverlândia, Edealina, Edéia, Flores de Goiás, Formosa, Gameleira de Goiás, Goianápolis, Goiandira, Goiânia, Goianira, Goiatuba, Gouvelândia, Guapó, Hidrolândia, Inaciolândia, Indiara, Inhumas, Ipameri, Itaguari, Itajá, Itarumã, Itauçu, Itumbiara, Jandaia, Jataí, Jesúpolis, Lagoa Santa, Leopoldo de Bulhões, Luziânia, Mairipotaba, Marzagão, Maurilândia, Mineiros, Morrinhos, Nazário, Nerópolis, Nova Aurora, Nova Veneza, Novo Gama, Orizona, Ouro Verde de Goiás, Ouvidor, Panamá, Paranaiguara, Perolândia, Petrolina de Goiás, Piracanjuba, Pirenópolis, Pires do Rio, Planaltina, Pontalina, Porteirão, Portelândia, Professor Jamil, Quirinópolis, Rio Quente, Rio Verde, Santa Bárbara de Goiás, Santa Cruz de Goiás, Santa Helena de Goiás, Santa Rita do Araguaia, Santa Rosa de Goiás, Santo Antônio da Barra, Santo Antônio de Goiás, Santo Antônio do Descoberto, São Francisco de Goiás, São João d’Aliança, São Miguel do Passa Quatro, São Simão, Senador Canedo, Serranópolis, Silvânia, Taquaral de Goiás, Terezópolis de Goiás, Três Ranchos, Trindade, Turvelândia, Urutaí, Valparaíso de Goiás, Varjão, Vianópolis, Vicentinópolis, Vila Boa.

  • Maranhão (MA): Alcântara, Paço do Lumiar, Raposa, São José de Ribamar, São Luís.

  • Mato Grosso do Sul (MS): Água Clara, Alcinópolis, Amambai, Anastácio, Anaurilândia, Angélica, Antônio João, Aparecida do Taboado, Aquidauana, Aral Moreira, Bandeirantes, Bataguassu, Batayporã, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Brasilândia, Caarapó, Camapuã, Campo Grande, Caracol, Cassilândia, Chapadão do Sul, Corguinho, Coronel Sapucaia, Corumbá, Costa Rica, Coxim, Deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Dourados, Eldorado, Fátima do Sul, Figueirão, Glória de Dourados, Guia Lopes da Laguna, Iguatemi, Inocência, Itaporã, Ivinhema, Japorã, Jaraguari, Jardim, Jateí, Juti, Ladário, Laguna Carapã, Maracaju, Miranda, Mundo Novo, Naviraí, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul, Paraíso das Águas, Paranaíba, Paranhos, Pedro Gomes, Ponta Porã, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso, Rochedo, Santa Rita do Pardo, São Gabriel do Oeste, Selvíria, Sete Quedas, Sidrolândia, Sonora, Tacuru, Taquarussu, Terenos, Três Lagoas, Vicentina.

  • Minas Gerais (MG): Antônio Dias, Belo Horizonte, Belo Vale, Caeté, Coronel Fabriciano, Córrego Novo, Dionísio, Jaboticatubas, Jaguaraçu, Marliéria, Moeda, Nova Lima, Nova União, Pingo-d’Água, Raposos, Ribeirão das Neves, Rio Acima, Sabará, Santa Luzia, Santa Maria de Itabira, Taquaraçu de Minas, Timóteo.

  • Paraíba (PB): Alhandra, Bayeux, Caaporã, Cabedelo, Conde, Cruz do Espírito Santo, João Pessoa, Lucena, Mari, Pitimbu, Riachão do Poço, Santa Rita, Sapé, Sobrado.

  • Paraná (PR): Alvorada do Sul, Assaí, Bela Vista do Paraíso, Cafeara, Cambé, Centenário do Sul, Florestópolis, Foz do Iguaçu, Guaraci, Ibiporã, Itaipulândia, Jaguapitã, Jataizinho, Londrina, Lupionópolis, Matelândia, Medianeira, Miraselva, Missal, Pitangueiras, Porecatu, Prado Ferreira, Primeiro de Maio, Ramilândia, Rolândia, Santa Terezinha de Itaipu, São Miguel de Itaipu, Serranópolis do Iguaçu, Sertanópolis, Tamarana.

  • Rio de Janeiro (RJ): Belford Roxo, Duque de Caxias, Itaguaí, Japeri, Magé, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados, Rio de Janeiro, São João de Meriti, Seropédica.

  • Rio Grande do Norte (RN): Apodi, Areia Branca, Augusto Severo, Baraúna, Caraúbas, Extremoz, Felipe Guerra, Governador Dix-Sept Rosado, Grossos, Janduís, Macaíba, Messias Targino, Mossoró, Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Serra do Mel, Tibau, Upanema.

  • Roraima (RR): Alto Alegre, Amajari, Boa Vista, Bonfim, Cantá, Iracema, Mucajaí, Normandia, Pacaraima, Uiramutã.

  • Santa Catarina (SC): Araquari, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Corupá, Garuva, Guaramirim, Itapoá, Jaraguá do Sul, Joinville, Massaranduba, São Francisco do Sul, São João do Itaperiú, Schroeder.

  • São Paulo (SP): Arujá, Biritiba-Mirim, Corupá, Ferraz de Vasconcelos, Guaramirim, Guararema, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Jaraguá do Sul, Massaranduba, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel, São João do Itaperiú, Schroeder, Suzano.

  • Tocantins (TO): Aparecida do Rio Negro, Fortaleza do Tabocão, Lagoa do Tocantins, Lajeado, Lizarda, Miracema do Tocantins, Miranorte, Novo Acordo, Palmas, Rio dos Bois, Rio Sono, Santa Tereza do Tocantins, São Félix do Tocantins, Tocantínia.

O Brasil se torna o primeiro país do mundo a oferecer o imunizante contra a dengue pelo sistema público de saúde, com a vacina Qdenga, incorporada ao SUS em dezembro do ano passado.

Estados vacina dengue

Situação Epidemiológica no Brasil

O Brasil registrou 12 mortes por dengue e 120.874 casos prováveis da doença nas três primeiras semanas de 2024. Esse número representa um aumento em relação ao mesmo período do ano anterior, quando foram contabilizados 26 óbitos e 44.753 casos prováveis.

A diretora do departamento de Doenças Transmissíveis do Ministério da Saúde, Alda Cruz, destacou que os quatro sorotipos da dengue circulam simultaneamente no país, incluindo o sorotipo 3, que não circulava epidemicamente há mais de 15 anos. O sorotipo 1 é atualmente classificado como predominante.

Prevenção dengue

+Dinheiro Esquecido: aumentam golpes sobre valores a receber, alerta BC

Aumento de casos no Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro, o Centro de Inteligência em Saúde (CIS) aponta uma forte tendência de alta da dengue, com um aumento de 587% nos casos prováveis em relação ao mesmo período de 2023.

Oito das nove regiões do estado estão com números acima da média, e algumas áreas, como Resende, Itatiaia e Rio das Ostras, apresentam alta acima do esperado.

Emergência no Distrito Federal

O Distrito Federal declarou situação de emergência devido à explosão de casos de dengue. Nas três primeiras semanas de 2024, houve um aumento de 646% nos casos em comparação com o mesmo período do ano anterior. A região administrativa da Ceilândia lidera em incidência, com 3.963 casos. O governo local já confirmou três óbitos pela doença em 2024.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedade

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.