MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Sistema Valores a Receber está congestionado e impede saque de dinheiro esquecido

Diversos usuários não conseguiram efetuar o saque do dinheiro esquecido no Sistema Valores a Receber (SVR), do Banco Central, pelo excesso de acesso simultâneo

Várias notas de reais
Várias notas de reais - Divulgação
Mylena Lira

Mylena Lira

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 07/03/2023, às 16h57

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Diversos usuários não conseguiram efetuar o saque do dinheiro esquecido por enfrentar problemas com o Sistema Valores a Receber (SVR), do Banco Central. O sistema tem apresentado congestionamentos devido ao excesso de acesso simultâneo.

Após 11 meses de espera pela segunda fase da liberação dos recursos, muitos cidadãos se depararam com a seguinte mensagem ao tentar acessar o SVR: "Estamos com uma grande fila para acessar o SVR e sabemos que seu tempo é importante! Retorne em outro momento, pois já há um número muito grande de pessoas aguardando agora".

Valores a Receber

Uma das novidades anunciadas pelo BC seria a possibilidade de todos resgatarem o dinheiro ao mesmo tempo, por conta da criação de uma sala de espera virtual. Porém, nem todos têm conseguido acessar essa sala.

Mesmo os que conseguem entrar na fila precisam esperar um bom tempo para agendar o recebimento da grana que ficou esquecida em bancos e outras instituições financeiras. Por volta das 16h, quem entrava na sala virtual encontrava mais de 290 mil pessoas na sua frente, o que demandava aguardar meia hora.

"Você está em uma sala de espera virtual. Devido a alta demanda, pedimos que aguarde para acessar o Sistema de Valores a Receber (SVR)", informava o sistema. Passado o tempo, aparece a frase: "a sua vez chegou", momento em que é possível, finalmente, acessar o SVR.

Vencida essa etapa, épreciso fazer login na conta Gov.br. Porém, é preciso ter nível de segurança Prata ou Ouro. O nível padrão, Bronze, não permite fazer a transação. Porém, se esse for o caso, é permitido aumentar o nível pelo portal Gov.br ou pelo aplicativo de mesmo nome. Dá para recuperar via reconhecimento facial ou por meio da conta bancária.

+Idade mínima para laqueadura é reduzida; Veja as novas regras que entram em vigor hoje

Valores a Receber: saiba como sacar o dinheiro esquecido

As consultas foram reabertas em 28 de fevereiro. Conforme o balanço mais recente do BC, até o último domingo (5), 19,7 milhões de consultas haviam sido feitas. Desse total, 5,5 milhões (28%) têm quantias a receber e 14,2 milhões (72%) não encontraram valores esquecidos.

A nova fase do SVR incluiu fontes de recursos esquecidos que não estavam nos lotes do ano passado. Foram acrescentadas contas de pagamento pré ou pós-paga encerradas, contas de registro mantidas por corretoras e distribuidoras encerradas e outros recursos disponíveis nas instituições para devolução.

Além dessas fontes, o SVR engloba os seguintes valores, já disponíveis para saques no ano passado:

  • contas-corrente ou poupança encerradas;
  • cotas de capital e rateio de sobras líquidas de ex-participantes de cooperativas de crédito;
  • recursos não procurados de grupos de consórcio encerrados; e
  • tarifas cobradas indevidamente; e parcelas ou despesas de operações de crédito cobradas indevidamente.

O site oficial e o único para consultar a disponibilidade de eventual dinheiro esquecido é o https://valoresareceber.bcb.gov.br/. Também é nele que se consegue solicitar a devolução dos seus valores, da sua empresa ou de pessoas falecidas, se for o caso. Vale ressaltar que não é cobrada nenhuma taxa para acesso aos valores.

O interessado em embolsar a grana deverá seguir o passo a passo indicado abaixo para fazer o saque:

  • Acesse o site valoresareceber.bcb.gov.br;
  • Faça login na sua conta Gov.br de nível prata ou ouro;
  • Acesse 'Meus Valores a Receber';
  • Leia e aceite o Termo de Ciência;
  • Confira os dados; e
  • Solicite o valor.

É preciso fazer concluir o procedimento em até 30 minutos. Esse tempo é suficiente para fazer tudo que precisa, mas fique atento ao reloginho no canto superior da tela para não ultrapassar. Algumas instituições financeiras transferem via Pix em até 12 dias úteis. Caso a opção via Pix não esteja disponível, será preciso contatar o banco onde o dinheiro está para alinhar uma forma de repasse, sem que haja prazo máximo para a grana ser transferida nessa última situação.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.