MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Tarcísio recomenda diversas linhas da CPTM em programa de privatização

Governador destaca que a parceria público-privada pode ter uma ordem de investimentos na casa dos R$ 180,17 bilhões

Tarcísio recomenda diversas linhas da CPTM  em programa de privatização
Governo SP
Victor Meira

Victor Meira

victor@jcconcursos.com.br

Publicado em 28/02/2023, às 23h14

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O governador do estado de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos) participou nesta terça-feira (28) da reunião que qualificou 15 projetos de concessões e de parcerias público-privadas (PPPs) no âmbito do Programa de Parcerias de Investimentos de São Paulo (PPI-SP).

Em uma delas, há recomendação da inclusão das Linhas 10, 11, 12, 13 e 14 da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) no programa de privatização, assim como ocorre com as atuais linhas 8 e 9 da Via Mobilidade. 

Além disso, há a intenção de investir R$ 69 bilhões em transportes com o TIC Sorocaba e das linhas atualmente operadas e em estudo para implantação e/ou expansão pelo Metrô. 

+China proíbe uso do ChatGPT: "tendencioso"

O PPI também avaliará a implantação do TIC Eixo Norte, que irá avaliar a viabilidade da construção de linhas ferroviárias que ligam São Paulo, Jundiaí, Campinas e Francisco Morato. Uma parte do projeto será integrada à Linha 7-Rubi da CPTM, até Francisco Morato, e seu custo é estimado em R$ 12,7 bilhões.

Vamos buscar a parceria com o setor privado para trazer investimentos, para trazer empregos, para gerar eficiência. Acreditamos muito na eficiência do setor privado. Percebemos que existe o capital no mercado e o que precisamos são bons projetos”, destacou Tarcísio de Freitas.

+Vinícolas que praticavam trabalho escravo são SUSPENSAS do mercado internacional

Outros possíveis investimentos público-privados

Nos próximos meses, serão realizados estudos para avaliar a viabilidade de concessão de trechos de rodovias que cruzam o estado de São Paulo. Uma parte dos trechos avaliados se refere às estradas que passam pelo Litoral Paulista, com investimentos estimados em R$ 3 bilhões. A Rodovia Rio-Santos (SP-055) também será contemplada no projeto, com investimentos destinados à contenção de encostas e prevenção de desastres na área.

Além disso, cerca de 1,8 mil quilômetros de vias no interior poderão ser leiloados para operação, manutenção e investimentos pela iniciativa privada, incluindo as atuais concessões da ViaOeste e Renovias, com um potencial de investimento de até R$ 25 bilhões.

A Estrada de Ferro de Campos do Jordão será estudada para possível concessão, com investimentos previstos de R$ 160 milhões para modernização e reforma da estrada eletrificada.

+Nova antena parabólica: agendamento para instalação gratuita do dispotivo é liberado em 439 cidades

Por fim, será avaliada a possibilidade de formação de uma PPP para a construção de um túnel submarino que ligará as cidades de Santos e Guarujá, com investimentos que podem chegar a R$ 4,6 bilhões, incluindo a operação e manutenção da infraestrutura.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.