Tudo Sobre

Concurso Defensoria Pública

Alesp aprova criação de 100 vagas de defensor

Projeto tramitava no legislativo paulista desde junho. Governador José Serra deve sancionar a lei em breve.



Redação
Publicado em 22/10/2009, às 11h48

Na  última quarta-feira, dia 21, a Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aprovou o projeto de lei complementar 25/2009, que prevê a criação de 100 vagas na Defensoria Pública do Estado de São Paulo. 

Os novos postos de trabalho serão para defensor, cargo que exige graduação completa em Direito e inscrição na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Para assumir a função, é preciso ser aprovado em concurso de provas e títulos. 

Agora, a lei deverá ser sancionada pelo governador José Serra.  O projeto, de autoria do próprio governador, foi encaminhado ao legislativo no mês de junho. De acordo com o texto, a criação dos cargos propiciará a expansão dos serviços prestados pela Defensoria.

Concurso previsto – A Defensoria Pública de São Paulo vem planejando uma nova seleção para o cargo de defensor.  O Conselho da Defensoria, responsável pelos processos seletivos, já definiu o nome do presidente da banca do próximo concurso.

A assessoria de imprensa do órgão informou que ainda não foi definido o número de vagas que serão abertas. Em breve, deve ser apresentada a proposta de edital da seleção.

Talita Fusco/SP

Veja também:  

Saúde/SP: secretaria realizará concurso para o Samu

SUSEP: autorizado concurso com 138 vagas

+ Resumo do Concurso Defensoria Pública

Defensoria Pública
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

22/10/2010 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas