Tudo Sobre

Concurso TRT 15ª Região

Carlos Chagas organizará o novo concurso

A expectativa é de que o edital seja publicado em breve.



Redação
Publicado em 17/03/2009, às 09h42

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª Região, que tem sede em Campinas e abrange as Varas Trabalhistas do interior do estado de São Paulo, definiu a Fundação Carlos Chagas como a empresa organizadora do concurso para os cargos de técnico e analista judiciário. A previsão é de que o edital seja publicado em breve.

Para concorrer aos cargos, é necessário que o candidato tenha, entre outros requisitos, o nível médio (técnico) ou nível superior (analista) completos.

Concurso anterior

O último concurso promovido pelo TRT da 15ª Região que ofereceu vagas para o interior do Estado foi em 2004 e sua validade expirou em dezembro de 2008. Daí a necessidade de uma nova seleção ser realizada, já que os remanescentes de 2004 não podem mais ser nomeados.

O concurso foi regionalizado e, no momento da inscrição, os candidatos tiveram que optar por qual pólo concorreriam. Cada pólo abrangia um certo número de municípios (entre três e nove) e a classificação do candidato foi definida de acordo com os concorrentes da região para a qual se inscreveu.

Foram oferecidas 14 vagas para preenchimento imediato mais formação de cadastro reserva nas seguintes áreas: analista – área Judiciária, com especialidade em Execução de Mandados (para graduados em Direito), áreas Judiciária e Administrativa, sem especialidades, para formados em Direito e em qualquer curso, respectivamente; técnico – áreas Judiciária e Administrativa, sem especialidade e área Apoio Especializado, com especialidade em Enfermagem. Às vagas de técnico era necessário ter concluído nível médio e, no caso de Enfermagem, ter, ainda, o registro no Conselho Regional de Enfermagem (Coren).

Os salários oferecidos foram de R$ 1.836,91 para os cargos de nível médio e R$ 3.027,87 aos de nível superior. Atualmente, esses valores são de R$ 3.651,87 e R$ 6.007, respectivamente. O Tribunal oferece também alguns benefícios, como auxílios transporte e alimentação, convênios médicos e odontológicos.

As inscrições custaram R$ 47 para técnico e R$ 57 para analista.

Avaliação

As provas constaram de questões objetivas de Língua Portuguesa e Conhecimentos Específicos. Aos candidatos ao cargo de analista, a exigência era conhecimentos específicos nas seguintes áreas do Direito: Administrativo, Constitucional, Civil, do Trabalho, Processual do Trabalho e Processual Civil. Já aos concorrentes à função de nível médio (exceto os especialistas em Enfermagem), foi exigido o conhecimento do Regime Jurídico do Funcionalismo Federal e dos ramos do Direito a seguir: Constitucional, Civil, Processual Civil, do Trabalho e Processual do Trabalho.

Para aqueles que concorreram às vagas de técnico na área de Apoio Especializado, houve prova de conhecimentos especiais (Regime Jurídico do Funcionalismo Federal) e específicos na área de Enfermagem.

Os candidatos de nível médio e superior das áreas Administrativa e Judiciária (sem especialidade) realizaram, ainda, uma segunda etapa, composta de prova de digitação.

Juliana Pronunciati/SP

+ Resumo do Concurso TRT 15ª Região

TRT 15 (SP - Campinas) - Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo em Campinas
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: Carlos Chagas

+ Agenda do Concurso

17/03/2010 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas