Polícia Civil de SP anunciará organizadora em julho

Corporação tem autorizados concursos para 701 vagas e aguarda liberação para mais 2 mil postos. Os salários vão de R$ 2.310 a R$ 6,4 mil

Redação
Publicado em 29/06/2012, às 09h58

O cálculo quanto ao prazo é de Mário Leite Filho, delegado divisionário de concursos públicos da Academia da Polícia Civil (Acadepol) de São Paulo. A perspectiva é de que o anúncio da empresa que ficará responsável por realizar as provas seja feito no início do mês e a partir daí os editais deverão sair em pouco tempo. Ao todo, a Polícia Civil conta com autorização para o preenchimento de mais 701 postos e aguarda aval para mais 2 mil vagas.

O critério para publicação dos editais, segundo Leite Filho, será o grau de necessidade de cada um. Por esse viés, ficou estabelecido pela Acadepol que o primeiro edital a ser publicado será o de perito criminal, que deverá oferecer 56 oportunidades para profissionais com nível superior completo em qualquer área do conhecimento.  Na sequência deverão ser publicados os editais para investigador, escrivão de polícia e agente de polícia.

Vagas para todos os perfis – Para a área da Polícia Técnico-Científica, responsável por periciar cenas de crimes, por exemplo, já estão autorizados concursos para papiloscopista (113) e atendente de necrotério (22), carreiras que requerem formação de nível fundamental; e papiloscopista (103) e auxiliar de necropsia (16), ambas oportunidades para quem possui nível médio completo. Os aprovados irão atuar junto ao Departamento de Identificação, Registros Diversos (Dird), Poupatempo e Instituto Médico Legal (IML).

Os salários iniciais máximos são de R$ 2.310,64 para auxiliar de papiloscopista e de R$ 2.838,40 para auxiliar de necropsia e papiloscopista.

Agente de polícia – O governador Geraldo Alckmin (PSDB) autorizou em setembro de 2011 a abertura de concurso para 391 oportunidades, com salário inicial entre R$ 2.562,30 e R$ 2.757,30.  A carreira requer que os candidatos tenham nível médio completo e estejam habilitados para dirigir veículos da categoria “D”, como ônibus.  

Investigador e escrivão – O governador Alckmin deve liberar em breve a autorização para 1.100 vagas de investigador e 900 de escrivão.  Ambos os cargos são para candidatos com nível superior em qualquer área.

Quadro de vagas

Confira abaixo a relação dos cargos que deverão ser oferecidos em breve por meio de concursos públicos pela Polícia Civil/SP

Cargo

Vagas

Escolaridade

Salário inicial

Auxiliar de papiloscopista

113

Ensino fundamental

R$ 2.310,64

Atendente de necrotério

22

Ensino fundamental

R$ 2.310,64

Papiloscopista

103

Ensino médio

R$ 2.838,40

Auxiliar de necropsia

16

Ensino Médio

R$ 2.838,40

Agente policial

391

Ensino médio

R$ 2.310,64

Investigador

1.100

Ensino superior

R$ 2.757,30

Escrivão

900

Ensino superior

R$ 2.757,30

Perito criminal

56

Ensino superior

R$ 6.484,30

Aline Viana/SP

Comentários

Mais Lidas