Tudo Sobre

Concurso Polícia Federal

PF quer autorização este ano e concursos em 2012

Pedido de seleções para os cargos de agente de polícia, escrivão, agente administrativo, papiloscopista e delegado está no Planejamento desde o ano passado. O órgão carece de servidores



Redação
Publicado em 22/09/2011, às 11h55

A Polícia Federal (PF) espera que o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorize ainda este ano as 1.352 vagas solicitadas em outubro de 2010. A análise do pedido enviado pela instituição se arrasta por 2011 sob influência do corte de R$ 50 bilhões no Orçamento Geral da União. Anunciada pelo governo em fevereiro, a medida que visa conter gastos na esfera pública torna rigorosa a liberação de novos concursos no Executivo – os casos são avaliados individualmente. A abertura das seleções depende do aval da ministra Miriam Belchior, que considera diversos fatores, entre eles área de atuação do órgão e déficit de profissionais.

A carência de servidores é uma realidade que interfere diretamente no trabalho desenvolvido pela Polícia Federal. Portanto, com um número maior de funcionários, a instituição também poderá atuar no Plano Estratégico de Fronteiras sem afetar os demais serviços: o objetivo é combater, nas áreas de fronteira, crimes como o contrabando ambiental e fiscal; e o tráfico de drogas, armas e pessoas. A Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, grandes eventos que ocorrerão no Brasil, são outros motivos que caracterizam como urgente a necessidade de concursos na PF. É importante lembrar que as ações do Plano Estratégico de Fronteiras, lançado em junho deste ano pela presidente Dilma Rousseff, ainda contam com a participação da Polícia Rodoviária Federal, do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, da Secretaria Nacional de Segurança Pública e da Força Nacional de Segurança Pública.


A expectativa do órgão, de acordo com a assessoria de imprensa, é de que os novos processos seletivos ocorram a partir de janeiro de 2012. Por isso a autorização, que deverá ser publicada no Diário Oficial, é aguardada para este semestre.

As 1.352 oportunidades previstas serão distribuídas entre os cargos de agente de polícia (396), escrivão (362), agente administrativo (328), papiloscopista (116) e delegado (150). Segundo a assessoria, cada edital corresponderá a uma carreira, a exemplo do que aconteceu nas seleções anteriores promovidas pela Polícia Federal.

No que diz respeito à ordem de divulgação dos editais, quando o pedido foi encaminhado ao Planejamento, a assessoria de imprensa da PF revelou ao JC&E que a intenção era lançar, primeiramente, o concurso para agente administrativo; a lista de prioridades seguiria com os postos de agente de polícia e papiloscopista. No último dia 15, a assessoria retificou a informação dizendo que a sequência de publicação dos editais será definida pelo departamento de recursos humanos somente depois que as vagas forem autorizadas. Enquanto isso, a instituição tem participado de reuniões com o MPOG para discutir a necessidade dos processos seletivos.

Requisitos e salários – Dos cargos que deverão ser preenchidos no órgão, o de agente administrativo será o único com exigência de nível médio completo. O valor atual do salário oferecido para quem exerce esta carreira não foi informado, mas na tabela de remuneração dos servidores federais de 2010 o vencimento, já com as gratificações, correspondia a R$ 2.988,44.

Candidatos que concluíram o nível superior em qualquer área de conhecimento poderão disputar as chances de agente de polícia, escrivão e papiloscopista, cujos salários previstos chegarão a R$ 7.514,33.

Já o requisito para quem almeja a função de delegado, que tem a maior remuneração prevista – R$ 13.368,68, será o nível superior completo em direito.

Seleções anteriores – Em 2009, a Polícia Federal realizou um concurso com 400 oportunidades de escrivão e 200 de agente de polícia. As vagas destinavam-se a profissionais com o nível superior completo em qualquer área e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de categoria no mínimo B. Os processos seletivos, que ficaram sob a responsabilidade do Cespe/UnB, tiveram as etapas de provas objetiva e discursiva; testes físico, médico e psicológico; curso de formação; e investigação social. A taxa de participação custou R$ 110.

Preparação – Das 1.352 ofertas solicitadas pela PF, a maioria (396) será para agente de polícia. Confira, a seguir, o conteúdo programático da seleção que ocorreu em 2009 e comece a se preparar para o concurso previsto para 2012.

CONHECIMENTOS GERAIS


I LÍNGUA PORTUGUESA:
1 Compreensão e interpretação de textos. 2 Tipologia textual. 3 Ortografia oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6 Emprego do sinal indicativo de crase. 7 Sintaxe da oração e do período. 8 Pontuação. 9 Concordância nominal e verbal. 10 Regência nominal e verbal. 11 Significação das palavras. 12 Redação de correspondências oficiais (conforme Manual da Presidência da República e respectivas atualizações).


II NOÇÕES DE INFORMÁTICA:
1 Conceito de Internet e intranet. 2 Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados a Internet/intranet. 2.1 Ferramentas e aplicativos comerciais de navegação, de correio eletrônico, de grupos de discussão, de busca e pesquisa. 2.2 Acesso à distância a computadores, transferência de informação e arquivos, aplicativos de áudio, vídeo, multimídia. 2.3 Conceitos de proteção e segurança. 3 Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos de informática: tipos de computadores, conceitos de hardware e de software. 3.1 Procedimentos, aplicativos e dispositivos para armazenamento de dados e para realização de cópia de segurança (back up). 3.2 Conceitos de organização e gerenciamento de arquivos, pastas e programas, instalação de periféricos. 3.3 Noções básicas dos principais aplicativos comerciais e softwares livres para: edição de textos e planilhas, geração de material escrito, visual e sonoro e outros.


III ATUALIDADES:
Domínio de tópicos atuais e relevantes de diversas áreas, tais como política, economia, sociedade, educação, tecnologia, energia, ecologia, relações internacionais, desenvolvimento sustentável e segurança pública, suas inter-relações e suas vinculações históricas.


IV RACIOCÍNIO LÓGICO:
1 Compreensão de estruturas lógicas. 2 Lógica de argumentação: analogias, inferências, deduções e conclusões. 3 Diagramas lógicos. 4 Princípios de contagem e probabilidade.


V NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO:
1 Conhecimentos de administração e de administração gerencial. 1.1 Comportamento organizacional: motivação e desempenho. 1.2 Princípios e sistemas de administração federal. 2 Administração Financeira e Orçamentária. 2.1 Orçamento público. 2.2 Princípios orçamentários. 2.3 Diretrizes orçamentárias. 2.4 SIDOR, SIAFI. 2.5 Receita pública: categorias, fontes, estágios e dívida ativa. 2.6 Despesa pública: categorias, estágios. 2.7 Suprimento de fundos. 2.8 Restos a pagar. 2.9 Despesas de exercícios anteriores. 2.10 Conta única do Tesouro.


VI NOÇÕES DE MICROECONOMIA:
1 A racionalidade econômica do governo. 2 Impostos, tarifas, subsídios, eficiência econômica e distribuição da renda. 3 Quotas e preços máximos e mínimos. 4 Regulação de mercados.


VII NOÇÕES DE CONTABILIDADE GERAL:
1 Livros obrigatórios e facultativos. 2 Registros contábeis. 2.1 Método das partidas dobradas. 2.2 Lançamentos de 1ª, 2ª, 3ª, e 4ª fórmulas. 2.3 Regime de competência e regime de caixa. 3 Critérios de avaliação do ativo e do passivo. 4 O patrimônio líquido. 5 Operações contábeis comuns às empresas comerciais, industriais e de prestação de serviços. 6 Principais demonstrações contábeis e suas finalidades.


VIII NOÇÕES DE DIREITO PENAL:
1 Infração penal: elementos, espécies. 2 Sujeito ativo e sujeito passivo da infração penal. 3 Tipicidade, ilicitude, culpabilidade, punibilidade. 4 Imputabilidade penal. 5 Concurso de pessoas. 6 Crimes contra a pessoa. 7 Crimes contra o patrimônio. 8 Crimes contra a administração pública.


IX NOÇÕES DE DIREITO PROCESSUAL PENAL:
1 Inquérito policial. 2 Prova (artigos 158 a 239 do CPP) 2.1 Busca e Apreensão. 3 Prisão em flagrante. 4 Prisão preventiva. 5 Prisão temporária (Lei nº 7.960/1989).


X NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO:
1 Estado, governo e administração pública: conceitos, elementos, poderes e organização; natureza, fins e princípios. 2 Organização administrativa da União: administração direta e indireta. 3 Regime jurídico dos servidores públicos civis federais (Lei nº 8.112/1990 [atualizada]). 4 Licitações: modalidades, dispensa e inexigibilidade (Lei nº 8.666/1993). 3 Regime jurídico peculiar dos funcionários policiais civis da União e do Distrito Federal (Lei nº 4.878/1965). 5 Sanções aplicáveis aos agentes públicos nos casos de enriquecimento ilícito no exercício de mandato, cargo, emprego ou função da administração pública direta, indireta ou fundacional (Lei nº 8.429/1992). 6 Poderes administrativos: poder hierárquico; poder disciplinar; poder regulamentar; poder de polícia; uso e abuso do poder. 7 Controle e responsabilização da administração: controle administrativo; controle judicial; controle legislativo; responsabilidade civil do Estado.


XI NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL:
1 Direitos e deveres fundamentais: direitos e deveres individuais e coletivos; direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade; direitos sociais; nacionalidade; cidadania e direitos políticos; partidos políticos; garantias constitucionais individuais; garantias dos direitos coletivos, sociais e políticos. 2 Poder Executivo: forma e sistema de governo; chefia de Estado e chefia de governo. 3 Defesa do Estado e das instituições democráticas: segurança pública; organização da segurança pública. 4 Ordem social: base e objetivos da ordem social; seguridade social; meio ambiente; família, criança, adolescente, idoso, índio.


XII LEGISLAÇÃO ESPECIAL:
Aspectos penais e processuais penais da legislação relacionada a seguir (e respectivas alterações). 1 Tráfico ilícito e uso indevido de substâncias entorpecentes (Lei nº 11.343/06). 2 O direito de representação e o processo de responsabilidade administrativa civil e penal, nos casos de abuso de autoridade (Lei nº 4.898/1965). 3 Definição dos crimes de tortura (Lei nº 9.455/1965). 4 Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1970). 5 Estatuto do Desarmamento (Lei nº 10.826/2003). 6 Crimes Ambientais (Lei 9.605/98).

Flávio Fernandes/SP

Veja também:

Amazonas: Implurb deverá abrir 155 oportunidades este ano

CFM/DF: Conselho contrata Fundação Universa como organizadora

+ Resumo do Concurso Polícia Federal

PF - Polícia Federal
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda do Concurso

21/09/2012 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas