Tudo Sobre

Empregos Ministério da Educação

Aprovados mais de 43 mil cargos para professor

Os postos são para as Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) e para os Institutos Federais (IFs).



Redação
Publicado em 05/12/2011, às 15h20

A Comissão de trabalho, de Administração e Serviço Público aprovou o Projeto de Lei 2134/11 que dispõe sobre a criação de cargos efetivos, de direção e funções gratificadas no âmbito do Ministério da Educação.

Segundo a Agência Câmara de Notícias, dentre os mais 77 mil postos, 19.569 serão para professor de nível superior e 24.306 para professor do ensino básico, técnico e tecnológico. Haverá também 27.714 oportunidades de técnico-administrativo.

O Projeto de Lei aguarda parecer na Comissão de Finanças e Tributação (CFT). A assessoria de imprensa do Ministério da Educação informou que os cargos são para as Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) e para os Institutos Federais (IFs), que cuidam do ensino profissional e tecnológico, e afirmou que está aguardando a aprovação para então efetuar a distribuição de cargos e lançar os editais pelas próprias instituições.  

Ainda segundo a Agência Câmara de Notícias também serão contemplados o Instituto Nacional de Educação de Surdos, O Instituto Benjamim Constant, o Colégio Pedro II, do Rio de Janeiro, as escolas técnicas e os colégios de aplicação vinculados às Ifes e às Instituições Federais de educação, ciência e tecnologia (Ifets).

Carolina Pera

Veja também

Confirmado: INSS define Carlos Chagas para organizar concurso

SP Obras/SP: Órgão define organizadora de seu primeiro concurso

+ Resumo Empregos Ministério da Educação

Ministério da Educação
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Educação
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda

04/12/2012 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas