Edital dos Correios será publicado no 1º trimestre

Empresa está próxima da demarcação do número de vagas a ser oferecido. JC&E explica o raciocínio por trás dessa definição

Redação
Publicado em 30/01/2013, às 12h03

Quem aguarda com ansiedade pelo novo concurso da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos tem razões para comemorar. A nova seleção irá acontecer em 2013, conforme apontado pelo JC&E desde meados do ano passado. Com autorização para o provimento de 13.727 vagas expedida pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) em julho de 2012, os Correios – segundo dados disponibilizados à reportagem do JC&E pelo departamento de comunicação do órgão - já supriram essa demanda com o cadastro reserva do concurso realizado em 2011 – que disponibilizou 9.190 vagas.


A empresa já detém autorização para o provimento de mais 3.301 vagas a partir deste mês de janeiro e de outras 3.301 vagas a partir do mês de abril. É da soma dessas ofertas, subtraída das nomeações que ainda estão em curso, que deve surgir o quantitativo de oportunidades do próximo edital – que os Correios afirmam que deve ser divulgado entre março e abril.


A matemática é simples. A empresa pretende esgotar o cadastro reserva e lançar o novo concurso com maioria de ofertas para as localidades em que se verificar maior necessidade de mão de obra. Em virtude dessa predisposição é inviável iniciar os preparativos para o novo edital sem ter definidos os parâmetros básicos para a seleção, como o número de ofertas por cargo e região.


A boa notícia é que a última convocação para teste físico já foi feita e há pendência apenas dos exames médicos. Há poucos candidatos aptos para essa última fase no interior do Estado de São Paulo e em Santa Catarina.


Após as avaliações médicas, os Correios terão uma noção mais concreta de quantas vagas constarão do próximo edital e quais regiões do país serão mais bem contempladas no novo concurso.

As oportunidades - Estão confirmadas oportunidades para as carreiras de carteiro, operador de triagem e transbordo (OTT) e atendente comercial. Para concorrer a qualquer um destes postos, os interessados devem possuir formação de nível médio completo. No último contato com o JC&E, o departamento de comunicação do órgão confirmou que a função de analista de Correios, antes apenas apontada como uma possibilidade no novo edital, também está confirmada. O cargo exige formação superior.


O último concurso - Realizado em 2011, o processo seletivo teve mais de 1 milhão de inscritos para 9.190 vagas. Foram oferecidos os cargos de agente de correios, para nível médio, e oportunidades para graduados nas carreiras de advogado, arquiteto, contador, entre outras. Além dos salários, entre R$ 942,75 e R$ 3.211,58, a empresa ofereceu benefícios como vale-alimentação, vale-transporte, cesta básica, plano de saúde, plano medicamento, auxílio-creche, entre outros.


Reinaldo Matheus Glioche/SP

Comentários

Mais Lidas