Editais com 150 vagas previstos para agosto

Serão divulgados quatro editais, cada um para uma diferente área de atuação

Redação
Publicado em 04/07/2008, às 14h40

Devem ser divulgados, no próximo mês, os quatro editais do concurso que irá preencher 150 vagas no Senado Federal. Em entrevista concedida, recentemente, à Rádio Senado, o diretor-geral adjunto do Senado e presidente da comissão especial do concurso, José Alexandre Lima Gazineo disse que a seleção será dividida por área de atuação: “Nós estamos trabalhando com a hipótese de quatro editais: um para Analistas e Técnicos das áreas de Processo Legislativo e Administração; um para Consultor de Orçamento e Advogado; um para Comunicação e outro para Tecnologia da Informação. Isto por causa das especificidades desses cargos”, afirmou.

Ainda de acordo com o diretor-geral, para estimular a concorrência, o Senado pretende divulgar os editais com datas diferentes.  Embora as oportunidades sejam para lotação no Distrito Federal, as provas serão realizadas, além de Brasília, também nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife e Belém.

A empresa responsável pelo planejamento e execução do concurso deve ser escolhida em breve e, embora não haja ainda uma data definida, o diretor-geral informou que o edital está previsto para ser divulgado em agosto e as provas deverão ser aplicadas no final do mês de outubro.

Vagas

Do total das vagas a serem preenchidas, 90 serão para cargos de nível superior e 60 de nível médio. Para o cargo de Analista Legislativo, as vagas serão distribuídas entre as seguintes áreas: Processo Legislativo (25), Apoio Técnico Administrativo (25) e, no caso de Comunicação Social serão oferecidas 23 vagas, sendo 14 para especialidades, como Produção de Infografia Jornalística, Multimídia, Publicidade e Propaganda, Designer Jornalístico, Edição para TV e Revisão de Texto, entre outras. Os interessados também poderão contar com oito vagas para Analista de Informática, duas para Consultor Legislativo e oito de Advogado.

No caso de Técnico Legislativo, cargo que exige dos candidatos o ensino médio, as oportunidades serão para as seguintes áreas: Comunicação Social (36, sendo 11 para produtor de TV, sete para Produtor de Rádio, seis de Técnico de Locução, seis de Operador de TV e seis para Técnico Legislativo em Videografismo), Processo Legislativo (10), Apoio Técnico-Administrativo (10) e Polícia Legislativa (2).

Para a função de Técnico, o salário gira em torno de R$ 8 mil enquanto que para o Analista é de, aproximadamente, R$ 10 mil, segundo informou o próprio Gazineo à nossa equipe de reportagem.

Juliana Pronunciati/SP

Comentários

Mais Lidas