Kassab autoriza concurso para nutricionista

De acordo com despacho desta terça-feira, 22 de junho, hospital poderá abrir sete oportunidades para o cargo. Enquanto o concurso não acontece, vagas temporárias foram autorizadas.

Redação
Publicado em 22/06/2010, às 12h16

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, autorizou o Hospital do Servidor Público Municipal (HSPM) a promover nova seleção. De acordo com o despacho, publicado no Diário Oficial da cidade de São Paulo desta terça-feira, 22 de junho, a instituição disponibilizará sete oportunidades para analista de suporte técnico em saúde na especialidade de nutricionista (nível superior).

Além da autorização para abertura do processo seletivo, o prefeito paulistano também deu o aval para o hospital contratar sete nutricionistas em caráter temporário. Segundo o documento, estes profissionais poderão atuar no órgão por, no máximo, 12 meses. Também ficou estipulado que os contratos de trabalho temporário serão rescindidos assim que os aprovados no concurso autorizado forem nomeados.

Não foi divulgado qual será o valor da remuneração para nutricionista. Mas, pode servir como referência o último concurso do órgão, no qual o salário para o cargo de analista em saúde correspondia a R$ 2.054,31, para carga horária de 40h semanais de trabalho.

Última seleção – No início deste ano, o Hospital do Servidor Municipal promoveu concurso, que ofereceu 326 oportunidades para profissionais de níveis médio e superior. Grande parte das vagas estava voltada às carreiras de técnico de enfermagem, enfermeiro e médico em diversas especialidades, mas também havia chances para outras funções, como fonoaudiólogo, psicólogo e técnico de radiologia. Não foram abertas, no entanto, ofertas para nutricionista. As remunerações variavam de R$ 642,63 (técnico de radiologia) a R$ 2.889,48 (médico pediatra UTI para 24h semanais).

O processo seletivo foi organizado pelo Instituto Cetro, que cobrou taxas de participação de R$ 45 e R$ 75, para cargos de níveis médio e superior, respectivamente. Todos os candidatos enfrentaram prova objetiva e, os concorrentes às vagas de nível superior, passaram também por avaliação de títulos. O resultado final foi publicado em maio e, atualmente, o órgão vem convocando os aprovados para tomar posse.

Talita Fusco/SP

Veja também:

Exército: órgão define organizadora de próxima seleção

PM/SP: autorizada seleção para oficial de saúde

Comentários

Mais Lidas