Tudo Sobre

Concurso TRT

Lula sanciona lei que cria 158 cargos no tribunal

Lei nº 12.252/10 prevê implementação de 80 vagas de analista (nível superior) e 78 de técnico (nível médio). Novos cargos deverão ser preenchidos através de concurso.



Redação
Publicado em 17/06/2010, às 12h17

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou, recentemente, a lei nº 12.252/10, que estabelece a implementação de cargos efetivos e comissionados no Tribunal Regional do Trabalho da 8ª região, nos Estados do Pará e Amapá (TRT/PA e AP). De acordo com nota da presidente desembargadora do TRT, Francisca Formigosa, estes novos cargos reduzirão o déficit de profissionais nas varas trabalhistas do órgão.

Segundo a lei, ficam criadas 158 vagas de provimento efetivo, ou seja, que exigem dos futuros servidores a aprovação em concurso. O tribunal poderá contar, a partir de agora, com 80 novos postos de trabalho para analista judiciário (carreira de nível superior completo) e 78 oportunidades para técnico judiciário (cargo de nível médio completo). Além disso, foram estabelecidos nove cargos em comissão e 116 funções comissionadas.

Concurso anterior – Em 2004, o TRT promoveu seleção para preencher 20 vagas imediatas de analista e técnico. Foram oferecidas ainda chances para formação de cadastro reserva (CR). Organizado pela Fundação Carlos Chagas, o concurso cobrou taxas de inscrição de R$ 32 e R$ 47.

Para a carreira de analista, as oportunidades eram para as áreas de execução de mandados (4 + CR), judiciária (2 + CR) e administrativa (1 + CR). Para as duas primeiras especialidades, exigia-se formação em direito. Já a vaga para o setor administrativo pedia ensino superior completo em qualquer área. O salário para analista correspondia a R$ 2.968.

As vagas de técnico (nível médio) estavam divididas em duas áreas: administrativa (13 + CR) e serviços gerais/segurança e transporte (CR). Neste caso, a remuneração, segundo o edital, era de R$ 1.777,03.

Os candidatos enfrentaram provas objetivas de conhecimentos gerais (português e noções de informática) e conhecimentos específicos. Os concorrentes às chances de técnico/serviços gerais passaram ainda por exames físico e de direção veicular. No total, 19.233 pessoas se inscreveram no processo seletivo.

Talita Fusco/SP

Veja também:

TCM/RJ: lei institui 50 cargos de nível superior no órgão

Serviço Funerário/SP: concurso deverá ser lançado ainda em 2010

 

+ Resumo do Concurso TRT

TRT
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: AP, PA

+ Agenda do Concurso

17/06/2011 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas