Tudo Sobre

Concurso Prefeitura

Mauá/SP: acelerados preparativos do concurso da GCM

Com novos estatuto e plano de carreiras desde outubro, corporação fará concurso para preencher 100 vagas. Remuneração inicial é de R$ 2.741



Fernando Cezar Alves
Publicado em 21/01/2015, às 10h58

A Prefeitura de Mauá, na região metropolitana de São Paulo, a apenas 26 km da capital paulista, já iniciou os preparativos para a realização de seu concurso público para a Guarda Civil Municipal (GCM). A seleção vem sendo aguardada desde fevereiro de 2014, quando anunciada pelo secretário municipal de segurança pública, Carlos Wilson Tomaz, e pelo prefeito Donisete Braga.

Na ocasião, foi ressaltado que a seleção somente poderia ocorrer após a promulgação do novo estatuto da corporação e a instituição de um novo plano de carreiras que, após votação de projetos de lei na câmara municipal, foram oficializados em outubro de 2014, permitindo a realização do concurso. “Estamos trabalhando continuamente para melhorar as condições de segurança, área vital para o governo e para a população. Para 2015, pretendemos lançar concurso a fim de reforçar o quadro da GCM”, disse o prefeito, na ocasião.

Prepare-se: Vídeoaulas para Prefeitura.
Prepare-se: Edição Digital do Jornal dos Concursos. 

A oferta será de 100 vagas, número confirmado pela assessoria de imprensa da prefeitura. A remuneração inicial da carreira é de R$ 2.741,73, com jornada de 40 horas semanais. Como benefícios, os servidores contam com abono salarial, bônus mérito, auxílio-alimentação, auxílio transporte e regime especial pelo exercício da função.

Para concorrer ao cargo é necessário possuir ensino médio completo, carteira de habilitação nas categorias “A” ou “B”, idade de 21 a 40 anos e altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. Ainda será confirmada a distribuição de vagas por sexo.

Atribuições

Cabe, ao servidor, o patrulhamento preventivo e comunitário permanente, interação com polícias estaduais e ação junto à comunidade com vista na redução da violência e criminalidade e mediação de conflitos.

Reestruturação

O novo estatuto da GCM, promulgado em 22 de outubro, estabelece, junto com o novo plano de carreiras, diretrizes para a organização funcional da corporação, determina normas sobre atribuições e responsabilidade no exercício do cargo e estabelece um adicional de periculosidade de 30% sobre o salário base, o que permite aos guardas pleitear aposentadoria especial.

Os projetos para a reestruturação, encaminhados para a câmara, foram elaborados em sintonia com o marco regulatório das guardas municipais (PLC 39/2014), sancionada também em outubro pela presidente Dilma Roussef, que concede poder de polícia às GCMs, em nível nacional. “Nossa categoria vem pleiteando o estatuto ao longo dos anos. Além de benefícios, o estatuto e o plano de carreiras garantem possibilidade de ascensão profissional de uma maneira formalizada e específica”, disse o comandante da guarda, Carlos Conígero.

Atualmente, a guarda conta com 224 integrantes, para cobrir o território de 63 quilômetros quadrados.

Concurso anterior

 O último concurso da corporação ocorreu em 2008. Na ocasião, a oferta também foi de 100 vagas, sendo 80 para homens e 20 para mulheres. A organizadora foi a Moura Melo. O processo de seleção contou com provas objetivas de conhecimentos gerais, testes de aptidão física e avaliação psicológica.

APOSTILA ESPECÍFICA MAUÁ / SP - CLIQUE AQUI

Matéria atualizada em 14/01 às 14h55


+ Resumo do Concurso Prefeitura

Prefeitura
Vagas: 100
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Guarda Municipal
Áreas de Atuação: Segurança Pública
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário: De R$ 2741,00
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

21/01/2016 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas