Tudo Sobre

Concurso CGU

Concurso CGU: ministro confirma capitais onde provas serão aplicadas

O concurso CGU (Controladoria Geral da União) contará com 375 vagas, sendo 300 para o cargo de auditor e 75 para técnico. Edital em novembro



Fernando Cezar Alves | fernando@jcconcursos.com.br
Publicado em 25/10/2021, às 08h53 - Atualizado às 14h10

Concurso CGU: sede da CGU
Concurso CGU: sede da CGU - Google Maps

A publicação do edital do novo concurso CGU (Controladoria Geral da União) segue prevista para ocorrer na segunda quinzena de novembro, conforme anunciado recentemente pelo ministro Wagner Rosário. Além disso, novas informações  sobre o certame estão sendo divulgadas pelo ministro, conforme as definições se concretizam. A mais recente é a confirmação das capitais que contarão com aplicação das provas, divulgadas neste final de semana, em resposta a questionados, em suas redes sociais.  Novas informações devem ser confirmadas em breve.

Embora o edital esteja previsto para  a segunda quinzena de novembro, a seleção ainda depende de escolha da banca organizadora, que deve ser anunciada nos próximos dias. A aplicação das provas, segundo o ministro, deve ocorrer em fevereiro.

Ao todo serão oferecidas 375 vagas, sendo 300 para o cargo de auditor fiscal de finanças e controle e 75 para técnico de finanças e controle. Para concorrer a técnico será exigido apenas ensino médio, com inicial de R$ 7.283,31. Para auditor é necessário possuir nível superior, com iniciais de R$ 19.197,06.

Além da remuneração básica, os aprovados também contarão com R$ 458 de auxílio-alimentação, elevando os ganhos para R$ 7.741,31 para os técnicos e R$ 19.655,06 para auditor.

As bancas cotadas para organizar a seleção são as seguintes:

  • BFC
  • Cebraspe
  • FCC
  • FGV
  • Cesgranrio
  • Iades

De acordo com as últimas informações do ministro, a aplicação das provas nas capitais será da seguinte forma, de acordo com cada região:

  • Sudeste - São Paulo (SP)
  • Nordeste - Recife (PE)
  • Sul - Porto Alegre (RS)
  • Centro-Oeste - Brasília (DF)
  • Norte - Manaus (AM), Rio Branco (AC), Macapá (AP), Belém (PA), Porto Velho (RO), Palmas (TO) e Boa Vista (RR).

Concurso CGU: veja distribuição de vagas por estados

Como já havia sido anunciado, o projeto básico do concurso CGU também indica a distribuição das vagas imediatas por estados.

As 75 oportunidades serão distribuídas da seguinte forma:

  • Distrito Federal (51 vagas, sendo 10 para negros)
  • Acre (2 para ampla concorrência)
  • Amazonas (4, sendo 1 para negros)
  • Amapá (4, sendo 1 para negros)
  • Pará (4, sendo 1 para negros)
  • Rondônia (4, sendo 1 para negros)
  • Roraima (3, sendo 1 para negros)
  • Tocantins (3, sendo 1 para negros)

Já as 300 de auditor serão distribuídas da seguinte forma:

  • Distrito Federal (254, sendo 52 para negros)
  • Acre (6, sendo 1 para negros)
  • Amazonas (7, sendo 1 para negros)
  • Amapá (6, sendo 1 para negros)
  • Pará (10, sendo 2 para negros)
  • Rondônia (5, sendo 1 para negros)
  • Roraíma (6, sendo 1 para negros)
  • Tocantins (6, sendo 1 para negros)

O ministro já antecipou que as disciplinas ainda estão sendo definidas, mas não deverão contar com muitas mudanças em relação ao concurso anterior.

Também confirmou que haverá vagas voltadas para a área de conhecimentos específicos em direito, mas sem necessidade de graduação na área e que o certame contará com oportunidades para todos os estados da região norte do país.

Além disso, segundo ele, para a carreira de técnico, a seleção contará com prova única, sem áreas de conhecimentos diferenciadas.

Concurso CGU: saiba como serão as provas

No concurso CGU, segundo o projeto básico, a seleção contará com quatro etapas:

  • provas objetivas
  • provas discursivas
  • perícia médica para candidatos com deficiência
  • verificação da condição declarada para candidatos negros

A prova objetiva deverá versar sobre conhecimentos básicos e conhecimentos especializados. A seleção poderá contar com 120 questões do tipo certou ou errado ou, ainda, 70 de múltipla escolha, com cinco alternativas

Na prova discursiva, para os técnicos, o exame contará com uma redação de 30 linhas sobre atualidades.

Para os auditores versarão sobre conhecimentos específicos, com uma dissertação ou peça técnica de até 90 linhas e duas questões, com até 15 linhas cada.

Concurso CGU: saiba como foi a última seleção

O último concurso CGU ocorreu em 2012, quando foram oferecidas 250 vagas para o cargo de analista de finanças e controle.

A seleção foi destinada para as seguintes áreas de atuação: administrativa (18 vagas), correição (12), comunicação social (4), auditoria e fiscalização - infraestrutura (22), auditoria e fiscalização - geral (118), TI - sistemas (32), TI - infraestrutura (14) e prevenção e ouvidoria (30).

A lotação foi no Distrito Federal e estados de Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia e Roraima.

A seleção contou com provas objetivas de conhecimentos básicos, conhecimentos específicos e conhecimentos especializados

A parte de conhecimentos básicos contou com temas sobre língua portuguesa (20), administração pública (5), língua inglesa ou espanhola (5) e raciocínio lógico, quantitativo e analítico (5).

Em conhecimentos específicos, direito constitucional (10), direito administrativo (10) e AFO (10)

Já em conhecimentos especializados, o total variou de acordo com o cargo.

De acordo com o projeto básico a carreira de auditor contará com oportunidades nas seguintes áreas de atuação:

  • tecnologia da informação
  • fiscalização
  • auditoria
  • direito
  • finanças
  • contabilidade pública

 

+ Resumo do Concurso CGU

CGU
Vagas: 375
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Técnico, Analista
Áreas de Atuação: Administrativa
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 7283,00 Até R$ 19197,00
Organizadora: FGV
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

concursosconcursos federaisconcursos 2022provas anteriores

Comentários

Mais Lidas