HSPM/SP prorroga inscrições para 398 postos

Há vagas paras os níveis fundamental, médio e superior. Avaliações previstas para o dia 30 de junho. Remunerações chegam a R$ 2.736,17

Carolina Pera
Publicado em 21/05/2013, às 11h33

O Hospital do Servidor Público Municipal de São Paulo prorroga o prazo de inscrição do concurso que visa preencher 398 oportunidades efetivas em diversas carreiras. Do total, 5% são reservados a pessoas com necessidades especiais.

O total de vagas continua o mesmo, porém, houve retificação na distribuição de cargos. Não há mais vagas de médico gastro-cirurgia e obstetrícia passa de um para dois postos.

Como participar – As inscrições que terminariam dia 19 de maio foram prorrogadas até o dia 26 do mesmo mês. Os interessados poderão confirmar a participação no endereço eletrônico www.cetroconcursos.org.br. É cobrada taxa de R$ 22 para cargos de nível fundamental, R$ 32 para empregos que requerem ensino médio e R$ 45 de quem disputar postos que exigem graduação completa.

Oportunidades – Pessoas que completaram o nível fundamental e possuem ao menos seis meses de experiência podem concorrer às funções de ascensorista (7), telefonista (1), caldeireiro (3), eletricista (7), encanador (10), pedreiro (6), pintor (4) e motorista (5), que pede carteira de habilitação na categoria C ou D, noções de mecânica de autos e curso para condutores de veículos de emergência. Os salários variam de R$ 530,81 a R$ 612,77 em jornada semanal de 30 a 40 horas.

No mesmo estágio de formação são oferecidas, também, as colocações de auxiliar de serviço hospitalar (8), com remuneração de R$ 557,06 e carga de 40 horas por semana, e auxiliar de radiologia (6), que exige habilitação na área, registro no Conselho Regional de Auxiliar de Radiologia/SP, dedicação semanal de 24h e paga R$ 334,23 mensais.

Para quem possui nível médio, as opções são as profissões de auxiliar administrativo (107) e técnico em informática (6), segurança do trabalho (4), refrigeração (1), manutenção EQ. Hosp. I (3) e enfermagem (125). Enquanto as vagas de auxiliar pedem domínio em Windows e Office, os aspirantes a técnico precisam apresentar curso técnico e, em alguns casos, registro no órgão de classe e especialização no setor de atuação. Os vencimentos vão de R$ 747,34 a R$ 1.336,42, com carga semanal entre 30 e 40 horas. 

Com salários de R$ 2.098,69 e jornada semanal de 40 horas, graduados disputam postos de programador (2) e técnico em seleção e treinamento pessoal (2) e em avaliação e desempenho pessoal (1). Dentro do estágio de formação, remunerações de R$ 2.736,17, com carga semanal de 20 horas, são destinadas a carreiras de médicos anestesista (15), clínico geral (18), neurocirurgião (6), psiquiatra (7), pediatra - PSI (4), UTI 6º intesivista adulto (8), UTI 7º intesivista adulto (2), cardiologista (3), oftalmologista (2), proctologista (1), otorrinolaringologista (1), de clínica médica - ambulatório (5), endocrinologista (2), geriatra (2), nefrologista (3), neurologista (2), oncologista (2), ortopedista (2), mastologista (1), obstetra (2), gastroenterologista (1) e urologista (1). Para se candidatar a estas funções, os concursandos precisam ficar atentos aos requisitos adicionais, que envolvem experiência profissional, certificados e registro no conselho da classe correspondente. 

Para todas as oportunidades o HSPM-SP concede vale-transporte; assistência médica; vale-cesta ou vale-alimentação; refeitório (a partir da 6ª hora trabalhada), e adicional de insalubridade.

Processo seletivo – Todos os candidatos passarão por prova objetiva na data provável de 30 de junho, a ser realizada na capital paulista no tempo máximo de quatro horas. O horário da manhã será reservado às pessoas que disputam colocações de nível fundamental e médio. À tarde ocorrem os testes para graduados. A convocação dos inscritos será divulgada em 12 de junho.

As disciplinas cobradas variam conforme o cargo e podem abranger português, matemática, atualidades, raciocínio lógico, informática, políticas de saúde e/ou conhecimentos específicos.

Profissionais que disputam carreiras de nível superior também terão de apresentar os títulos, conforme especificado no edital de abertura.

Comentários

Mais Lidas