Tudo Sobre

Concurso IBGE - Censo Demográfico

Concurso do IBGE: 5 motivos para convencê-lo a participar

Inscrições para o concurso do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) já estão abertas. Para quem ainda não se convenceu a concorrer, o JC Concursos lista razões que podem ajudar nessa tomada de decisão



Samuel Peressin | samuel@jcconcursos.com.br
Publicado em 23/02/2021, às 11h42 - Atualizado às 14h58

Concurso IBGE: recenseadora entrevista morador durante a coleta do Censo 2010
Concurso IBGE: recenseadora entrevista morador durante a coleta do Censo 2010 - Licia Rubinstein/Agência IBGE Notícias

Destinado à contratação de profissionais para a realização do Censo Demográfico 2021, o mais recente concurso do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) está com inscrições abertas.

Se você é daqueles que já bateu o martelo e vai concorrer, então basta acessar aqui o site da banca para se inscrever. Mas para quem ainda não se convenceu a participar, o JC Concursos listou cinco motivos que podem ajudar nessa tomada de decisão.

1 – Número de vagas

Não há razão maior para se render de vez a concorrer: os editais totalizam oportunidades na casa de seis dígitos (204.307 postos). Estão em disputa nada menos que 181.898 vagas para recenseador, 16.959 para agente censitário supervisor e 5.450 para agente censitário municipal. A primeira carreira é opção para quem possui nível fundamental, enquanto as últimas duas são destinadas a candidatos com ensino médio.

+ Descubra o que faz um recenseador

2 – Abrangência

De norte a sul, de leste a oeste: os 204 mil contratados pelo IBGE vasculharão cada canto do Brasil visitando domicílios para coletar dados e informações sobre a população. Os postos de trabalho estão distribuídos entre 5.297 municípios, mas o alcance da operação vai muito além: os recenseadores percorrerão endereços em todas as 5.570 cidades do Brasil, de acordo com o instituto.

+ Veja o passo a passo de como se inscrever

3 – Experiência

Embora o contrato seja temporário, trabalhar para o IBGE é uma boa oportunidade para quem deseja obter mais experiência profissional e acumular pontos ao currículo. O vínculo de trabalho terá duração prevista de três meses para recenseadores e de cinco meses para agentes, com possibilidade de prorrogação caso haja disponibilidade orçamentária e necessidade de extensão do prazo para conclusão do Censo.

+ Confira o que vai cair na prova

4 – Próxima chance só daqui a uma década

Como é realizado a cada dez anos, quem perder a oportunidade de participar do Censo Demográfico 2021 só terá uma oportunidade semelhante em 2030 (calma, a conta não está errada!). A atual edição da pesquisa ocorreria em 2020, mas foi adiada em função da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

5 – Fazer parte de algo grandioso

O Censo 2021 será o 13º realizado no Brasil. Desde 1872, ano da sua primeira edição, a pesquisa é responsável por retratar detalhes minuciosos sobre as condições de vida da população em todo o território nacional, servindo de base para diversas políticas públicas. Ou seja, quem trabalha nessa operação gigantesca — lembremos que ela passará por todos os 5.570 municípios brasileiros — ajuda diretamente a contar a história do Brasil!

+++ O JC Concursos disponibiliza mais detalhes sobre o processo seletivo, como atribuições, conteúdo programático e cronograma, na página do concurso do IBGE

+ Resumo do Concurso IBGE - Censo Demográfico

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística
Vagas: 209024
Taxa de inscrição: De R$ 25,77 Até R$ 39,49
Cargos: Recenseador, Agente Censitário Municipal, Agente Censitário Supervisor
Áreas de Atuação: Administrativa, Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio
Faixa de salário: De R$ 1278,00 Até R$ 2100,00
Organizadora: FGV
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

concursos autorizadosconcursos abertosconcursos 2022provas anteriores

Comentários

Mais Lidas