Publicado: 22/10/2018 - 11:03 | Atualizado: 01/11/2018 - 18:17
Publicado: 22/10/2018 - 11:03 | Atualizado: 01/11/2018 - 18:17

Prefeitura de Piracicaba SP abre concurso com 17 vagas

Oportunidades estão distribuídas entre cargos de níveis fundamental, médio e superior de ensino. Salários podem chegar a R$ 16,3 mil

Dois editais

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

No interior paulista, a Prefeitura de Piracicaba divulgou dois editais de concurso público para contratação de 17 servidores em cargos de todas as escolaridades.

Os empregos de agente de zoonoses (1 posto e salário de R$ 2.211,72), auxiliar em saúde bucal (1 - R$ 1.888,79) e rádio operador (1 - R$ 2.039,44) cobram nível fundamental.

Ensino médio é requisito para oficineiro em atividades artísticas - dança, música e teatro (1 - R$ 2.039,44), oficineiro em artes (1 - R$ 2.039,44) e cuidador em saúde mental (1 - R$ 2.039,44).

Além de segundo grau, o concurso da Prefeitura de Piracicaba requer formação técnica para as funções de técnico nas áreas de enfermagem (1 - R$ 2.419,54), laboratório (1 - R$ 3.362,45) e raio X (1 - R$ 3.083,67).  

• APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA DE PIRACICABA 2018 - ZOONOSES

Há oportunidades com exigência de curso superior para fonoaudiólogo (1 - R$ 4.029,27), nutricionista (3 - R$ 4.029,27), analista de laboratório (1 - R$ 4.029,27), médico clínico geral (1 - até R$ 6.446,83), médico atendimento domiciliar (1 - até R$ 16.345,74) e médico veterinário (1 - R$ 6.446,83).

Concurso Prefeitura Piracicaba: inscrições e etapas

O período para registro de candidaturas termina em 5 de novembro. É necessário realizar cadastro pelo site da banca Caetanno Projetos e Assessoria (http://caetanno.com.br/editais) e pagar taxa que varia de R$ 20 a R$ 50.

A seleção prevê apenas prova objetiva, marcada para ocorrer em 9 de dezembro. As questões abordarão língua portuguesa, informática, matemática/raciocínio lógico, atualidades, políticas de saúde pública e/ou conhecimentos gerais e específicos.

O concurso da Prefeitura de Piracicaba terá validade de dois anos, a contar da data de homologação do resultado. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do governo municipal, conforme estabelecem os editais. 

Concurso Prefeitura Piracicaba: atribuições dos cargos de nível fundamental


 

Vídeos Prefeitura Piracicaba

Mais Lidas

Mais Recentes

Atualizado: 01/11/2018 - 16:09

Prefeitura de Parisi SP abre concurso com dez vagas

Oportunidades estão distribuídas entre funções destinadas a profissionais de todas as escolaridades. Inscrições terminam em 18 de novembro

Salários até R$ 3,6 mil

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

Localizado a cerca de 550 km da capital paulista, o município de Parisi abriu concurso público, por meio da prefeitura, para preencher dez vagas na área da educação.

São ofertadas chances de nível fundamental como auxiliar de creche (1 posto), merendeira (1), auxiliar de limpeza (1) e serviços gerais (1), todas com remuneração de R$ 788,13. 

Ensino médio é requisito para quem pretende disputar a função de inspetor de alunos (1), que paga R$ 1.129,39.  

Há ofertas de nível superior para diretor de escola (1) e professor nas áreas de educação básica (1), inglês (1), educação física (1) e arte (1). Os vencimentos vão de R$ 1.883,10 a R$ 3.600.

Concurso Prefeitura Parisi: inscrições e etapas

As inscrições vão até 18 de novembro, devendo ser efetuadas pelo site da Unisisp (www.unisisp.com.br), banca que organiza a seleção. As taxas custam R$ 35 (ensino fundamental), R$ 45 (médio) e R$ 70 (superior). 

As provas objetiva (todos os cargos) e dissertativa (vagas de nível superior) estão marcadas para 2 de dezembro. Na mesma data, os concorrentes a diretor e professor deverão entregar os documentos relativos à análise de títulos. 

O concurso da Prefeitura de Parisi terá validade de dois anos, a contar da data de homologação do resultado. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do governo municipal, conforme estabelece o edital

Concurso Prefeitura Parisi: conteúdo programático para auxiliar de creche

Língua portuguesa - Fonema e Sílaba; Ortografia; Estrutura e Formação das Palavras; Classificação e Flexão das Palavras; Classes de Palavras: tudo sobre substantivo, adjetivo, preposição, conjunção, advérbio, verbo, pronome, numeral, interjeição e artigo; Acentuação; Concordância nominal; Concordância Verbal; Regência Nominal; Regência Verbal; Sinais de Pontuação; Uso da Crase; Colocação dos pronomes nas frases; Termos Essenciais da Oração (Sujeito e Predicado); Análise e Interpretação de Textos.

Matemática - Conjunto de números: naturais, inteiros, racionais, irracionais, reais, operações, expressões (cálculo), problemas, raiz quadrada; MDC e MMC – cálculo – problemas; Porcentagem; Juros Simples; Regras de três simples e composta; Sistema de medidas: comprimento, superfície, massa, capacidade, tempo, volume; Sistema Monetário Nacional (Real); Equações: 1º e 2º graus; Inequações do 1º grau; Expressões Algébricas; Fração Algébrica; Geometria Plana.

Conhecimentos específicos - CAMPOS, Maria Malta, ROSEMBERG, Fúlvia. Critérios para um atendimento em creches que respeite os direitos fundamentais das crianças. Brasília: MEC/SEB, 2009. BRASIL. Política Nacional de Educação Infantil: pelo direito das crianças de zero a seis anos à educação. Brasília: MEC, SEB, 2006. ______. Guia alimentar para crianças menores de dois anos. Brasília: Ministério da Saúde, 2002. ______: Ministério da Saúde. Manual de Primeiros Socorros. Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz, 2003. ______. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Parâmetros nacionais de qualidade para a educação infantil – Volume 1. MEC/SEB, 2006. ______. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Parâmetros nacionais de qualidade para a educação infantil – Volume 2. MEC/SEB, 2006. ______. Lei Federal nº 9.394/96. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, seção I, 23 dez. 1996. ______. Lei Federal nº 8.069/90 (arts 1º ao 140). Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, seção I, 16 jul. 1990.
 

Continuar lendo

Atualizado: 01/11/2018 - 10:16

Concurso AGU: últimos dias de inscrição para 100 vagas

Concurso conta com oportunidades para quem possui nível superior em qualquer área ou áreas específicas. Remunerações iniciais de R$ 6,2 mil. Provas em 9 de dezembro, em todas as capitais

Diversos cargos

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

Serão recebidas até o dia 4 de novembro (domingo) as inscrições do concurso público da Advocacia-Geral da União (AGU). A seleção visa o provimento de 100 vagas, distribuídas por diversos cargos, todos com exigência de formação de nível superior em qualquer área ou áreas específicas.

Para todos os cargos, a remuneração inicial é de R$ 6.203,34, considerando salário básico de R$ 2.220,39 e gratificação de desempenho de atividade de apoio técnico administrativo de R$ 3.128, correspondendo a 80 pontos, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.


De acordo com o edital de abertura de inscrições, a escolha da lotação das vagas será feita de acordo com a lista de classificação final, conforme os critérios de oportunidade e conveniência do órgão.

• APOSTILAS CONCURSO AGU 2018 - CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR
• CURSO CONCURSO AGU 2018 - DIVERSOS CARGOS


A distribuição das vagas pelos cargos é feita da seguinte forma: administrador (48 vagas, com nível superior em administração e registro no conselho), analista técnico administrativo (10, com nível superior em qualquer área), arquivista (2, superior na área), bibliotecário (1, superior na área e registro no conselho), contador (32, superior na área e registro no conselho),     técnico em assuntos educacionais (2, formação de nível superior em qualquer área), técnico em comunicação social (5, com formação superior em comunicação social ou jornalismo).

As inscrições podem ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da banca organizadora, a Idecan, que é www.idecan.org.br.


A taxa será de R$ 95,que deverá ser paga por meio de Guia de Recolhimento da União, que deve ser paga nas agências bancárias, correios ou lotéricas.


A aplicação das provas objetivas está marcada para ocorrer em 9 de dezembro, em todas as capitais dos  26 estados e Distrito Federal, de acordo com opção do candidato no ato da inscrição.

 

Concurso AGU - Provas


As provas ocorrerão no período da manhã (das 9h30 às 13h30) para os cargos de administrador, arquivista, contador e técnico em assuntos educacionais e no período da tarde (das 15 horas às 19h30) para analista técnico administrativo, bibliotecário e técnico em comunicação social.


A prova objetiva contará com 60 questões, sendo 30 de conhecimentos básicos e 30 de conhecimentos específicos. Em conhecimentos gerais serão dez de língua portuguesa, cinco de raciocínio lógico, cinco de noções de informática e dez de conhecimentos gerais


Para todos os cargos também haverá prova dissertativa, aplicada no mesmo dia, com uma questão de conhecimentos específicos.

Concurso AGU - Novas vagas

  Vale ressaltar que tramita na Câmara dos Deputados o projeto de lei 6788/17, que cria mais 3.000 vagas na AGU, sendo 2.000 de analista técnico de apoio à atividade jurídica e 1.000 de técnico de apoio à atividade jurídica.   No caso de técnico, para concorrer será exigido apenas ensino médio, com inicial de R$ 4.669,35, com gratificações; e para analistas, nível superior, com inicial de R$ 6.985,34.  

Mais informações sobre este projeto podem ser obtidas aqui

 

AGU - Atribuições 

Administrador – atividades  relacionadas com supervisão, programação, coordenação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a estudos, pesquisas, análises e projetos a respeito de administração de pessoal, material, orçamento, organização e métodos.

Analista técnico administrativo - realizar atividades que envolvam a administração de pessoas, de processos, de recursos materiais e patrimoniais, de licitações e contratos, orçamento, finanças, contabilidade e auditoria; planejar, desenvolver, executar, acompanhar e avaliar planos, programas e projetos, inclusive voltados à modernização e à qualidade; realizar pesquisas e o processamento de informações; elaborar despachos, pareceres, informações, relatórios, certidões, declarações, ofícios, dentre outros; realizar trabalhos que exijam conhecimentos de informática; operar equipamentos disponíveis e os sistemas e recursos informatizados na execução de suas atividades; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Arquivista - realizar atividades voltadas ao planejamento, organização e direção de serviços de arquivo; planejar, orientar e acompanhar o processo documental e informativo; planejar, orientar e direcionar as atividades de identificação das espécies documentais e participação no
planejamento de novos documentos e controle de multicópias; planejar, organizar e direcionar serviços ou centro de documentação e informação constituídos de acervos arquivísticos e mistos; planejar, organizar e direcionar serviços de microfilmagem aplicada os arquivos; orientar o planejamento da automação aplicada aos arquivos; orientar a classificação, arranjo e descrição de documentos; orientar a avaliação e seleção de documentos, para fins de preservação; promover medidas necessárias a conservação de documentos; elaborar pareceres e trabalhos de complexidade sobre assuntos arquivísticos; assessorar os trabalhos de pesquisa cientifica ou técnico-administrativa; desenvolver estudos sobre documentos culturalmente importantes.

Bibliotecário - sistemas biblioteconômicos e/ou de informação e de unidades de serviços afins; organizar os serviços de documentação; executar serviços de classificação e catalogação de manuscritos e de livros, de mapotecas, de publicações oficiais e seriadas, de bibliografia e referência; realizar projetos relativos à estrutura de normalização da coleta, do tratamento e da recuperação e da disseminação das informações documentais em qualquer suporte; realizar estudos administrativos para  o dimensionamento de equipamentos, recursos humanos e layout das unidades da área biblioteconômica e/ou de informação; estruturar e efetivar a normalização e padronização dos serviços técnicos de tratamento da informação fixando índices de eficiência, produtividade e eficácia nas áreas operacionais da biblioteconomia e/ou ciência da informação; estabelecer, coordenar e executar a política de seleção e aferição do material integrante das coleções de acervo, programando as prioridades de aquisição dos bens patrimoniais para a operacionalização dos serviços; estruturar e executar a busca de dados e a pesquisa documental; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade da função que venham a ser determinadas pela autoridade superior.

Contador – desempenho de atividades relacionadas com supervisão, coordenação ou execução, em grau de maior complexidade, relativas à contabilidade e à administração financeira e patrimonial,  empreendendo balancetes, balanços, registros e demonstrações contábeis.

Técnico em assuntos educacionais - realizar atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a trabalhos de pesquisa e estudos pedagógicos, visando a solução dos problemas de educação, bem como de orientação e técnicas educacionais, administração escolar e educação sanitária.

Técnico em comunicação social - realizar atividades que envolvam a coleta, produção, revisão e edição de notícias voltadas à divulgação oficial da competência constitucional da Advocacia-Geral da União em
matérias de seu interesse, por meio da imprensa escrita, falada e televisionada, com a aplicação de técnicas de redação jornalística;
prestar assessoramento em atividades específicas de jornalismo e de assessoria de imprensa; analisar mídias divulgadas a respeito da Instituição, interpretando e avaliando a cobertura jornalística; propor
editorial adequado à missão, à visão e aos valores institucionais; usar,
de maneira eficaz, os recursos de rádio, TV, endereços eletrônicos e outros meios de divulgação e de comunicação; desenvolver o  planejamento estratégico de comunicação institucional; propor novos canais de comunicação com os diversos públicos da instituição, quando necessário, e o aperfeiçoamento dos já existentes; identificar e analisar as necessidades institucionais quanto à criação de identidades visuais e de campanhas; criar e desenvolver peças para campanhas publicitárias institucionais internas e externas, projetos, programações visuais e produções gráficas; implementar ações de publicidade, propaganda, marketing e projetos institucionais; elaborar projetos de layout para sítios web, utilizando conceitos e padrões de arquitetura da informação, usabilidade e acessibilidade; gerenciar o conteúdo web; planejar, coordenar, orientar e controlar as ações de relações públicas; realizar diagnósticos, estudos, pesquisas, levantamentos e relatórios para avaliação e aprimoramento das ações de divulgação e comunicação social; implementar programas e ações que promovam a integração, motivação e conscientização do público interno; aplicar normas de cerimonial e protocolo; planejar, organizar e executar eventos institucionais; realizar trabalhos que exijam conhecimentos de informática; operar equipamentos disponíveis e os sistemas e recursos informatizados na execução de suas atividades; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade da função que venham a ser determinadas pela autoridade superior.
 

Sobre a AGU

 

Cabe à Advocacia Geral da União (AGU) representar a União, judicial e extrajudicialmente, cabendo-lhe, nos termos da lei complementar que dispuser sobre sua organização e funcionamento, as atividades de consultoria e assessoramento jurídico do Poder Executivo. Em termos de representação judicial, sua atividade é exercida em defesa dos interesses dos referidos entes nas ações judiciais em que a União figura como autora, ré ou, ainda, terceira interessada. A representação extrajudicial é exercida perante entidades não vinculadas à justiça, como órgãos administrativos da própria união, estados ou municípios.


Ads

Quer agarrar uma vaga no AGU?

Curso Online com início imediato: Tudo o que você precisa saber para passar no AGU.


 

 

Continuar lendo

Atualizado: 31/10/2018 - 16:41

Aberto concurso para professor em Chavantes SP

Chances estão distribuídas entre 15 áreas de ensino. Inscrições seguem disponíveis até 7 de novembro

Educação

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A Prefeitura de Chavantes, no interior do Estado de São Paulo, abriu processo seletivo destinado a formar cadastro reserva de professores em cargos temporários.
    
Docentes com formação de nível médio (magistério) têm opções nas áreas de educação infantil - creche (remuneração de R$ 1.842), educação infantil - pré-escola (R$ 1.473,60), ensino fundamental (R$ 1.842) e educação de jovens e adultos (R$ 1.473,60). 

Já curso superior é requisito para educadores nas seguintes especialidades: brailista, educação especial, arte, ciências, educação física, geografia, história, informática, inglês, língua portuguesa e matemática, com vencimentos entre R$ 1.821,46 e R$ 1.842

Concurso Prefeitura Chavantes: inscrições e etapas

Será possível se inscrever até 7 de novembro, mediante a realização de cadastro pelo site da OM Consultoria (http://www.omconsultoria.com.br/). O valor da taxa é de R$ 18,80. 

Ainda sem data confirmada, a prova objetiva cobrará a resolução de 40 questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, matemática, atualidades e conhecimentos pedagógicos. 

A seleção inclui, ainda, análise de títulos, com entrega dos documentos em período a ser definido. Serão considerados diplomas de especialização (a partir de 360 horas), mestrado e doutorado. 

O concurso da Prefeitura de Chavantes terá validade durante o ano letivo de 2019, com possibilidade de prorrogação para 2020, a critério do governo municipal, conforme estabelece o edital

Concurso Prefeitura Chavantes: conteúdo programático parcial

Língua portuguesa – Compreensão, interpretação e produção de textos. Ortografia. Acentuação. Predicação verbal. Flexão verbal e nominal. Pronomes. Concordância verbal e nominal. Regência verbal e nominal. Emprego dos porquês. Crases. Pontuação. Estrutura das palavras. Formação das palavras. Classificações das orações. Figuras de linguagem, de pensamento e de sintaxe.

Matemática - Conjuntos: representação e operações. Números Naturais: operações e problemas com números naturais suas propriedades. Geometria: conceito, propriedades e operação. Medidas: conceito e operações. Sistemas de equação de 1º grau. Porcentagem e juros simples. Regra de Três. Gráficos e tabelas: execução e interpretação. Razões e proporções.

Continuar lendo

Atualizado: 31/10/2018 - 13:37

Valentim Gentil SP: edital em fase de ajustes finais

A seleção contará com sete vagas imediatas, além de formar cadastro reserva de pessoal, com remunerações iniciais de até R$ 2,3 mil. Em fase de licitação

Níveis médio e superior

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A Prefeitura de Valentim Gentil, no interior paulista, a 536 km da capital paulista e próxima a Votuporanga, está em fase de ajustes finais no edital de abertura de inscrições do  seu novo concurso público. Os últimos acertos estão sendo feitos em conjunto com a banca organizadora, que será a Universo Serviços Públicos Ltda (Unisisp).  Com isto, a expectativa é de que o documento possa ser publicado já no decorrer dos próximos dias. 

A seleção será para o preenchimento de sete vagas, sendo uma para quem possui ensino médio e seis para nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 1.220,44 a R$ 2.392, com jornadas de trabalho de 20 a 40 horas semanais.

Ensino Médio
Quem possui ensino médio poderá concorrer ao cargo de auxiliar de farmácia, com oferta de uma vaga imediata, além de formar cadastro reserva de pessoal. A remuneração inicial é de R$ 1.220,44, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Nível Superior
No caso de nível superior, as oportunidades serão para as carreiras de professor PEB I (3 vagas e cadastro reserva, com licenciatura plena em pedagogia com habilitação em educação infantil e séries iniciais do 1º ao 5º. R$ 2.392, 40 horas), médico atendente I (1, com registro no conselho, R$ 3.659,76, 20 horas), enfermeiro (1 + CR, com registro no conselho regional, R$ 1.953,98, 40 horas) e assistente social (1, com registro no conselho, R$ 1.953,98, 40 horas).


De acordo com o edital de licitação, as taxas já estão definidas e serão de R$ 40 para o cargo com exigência de ensino médio e R$ 70 para os de nível superior.  

 

Continuar lendo

Atualizado: 31/10/2018 - 12:31

Bilac SP recebe inscrições de concurso com nove vagas

Candidatos de todos os níveis escolares deverão garantir a participar até o dia 5 de novembro

Ganhos de até R$ 11,2 mil

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

O município de Bilac, localizado no Estado de São Paulo, está com inscrições abertas em dois editais, sendo um de concurso público com cargos efetivos e outro de processo seletivo para temporários. A seleção conta com o total de nove vagas. 

Interessados deverão se inscrever no endereço eletrônico www.cematconcurso.com.br até o dia 5 de novembro. Os valores da taxa de participação são de R$ 55 (ensino fundamental), R$ 65 (nível médio) e R$ 75 (formação superior). 

O certame será constituído das seguintes etapas: prova objetiva para todos os cargos; prova prática para motorista; e análise de títulos para nível superior dos postos efetivos. 

A prova objetiva será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de português, matemática e/ou conhecimentos específicos. Ela será aplicada na cidade de Bilac/SP, na data de 25 de novembro, na EMEIF “General Lima Figueiredo”, situada na Rua Olavo Bilac, nº 746, Centro, com início às 9h.

Vagas efetivas da Prefeitura de Bilac SP

O cargo de motorista (1 vaga) requer ensino fundamental incompleto, carteira de habilitação na categoria “D” e curso de transporte escolar. O salário inicial é de R$ 1.626,69. 

Quem tem o nível superior está apto às carreiras de nutricionista (1), fonoaudiólogo (1) e médico da família (1). As respectivas remunerações são de R$ 2.427,64, R$ 2.201,93 e R$ 11.254,44.

Ofertas temporárias

Para ensino fundamental incompleto, as chances são para as funções de auxiliar de serviços gerais (1) e merendeira (1), cujos respectivos ganhos são de 1.100,98 e R$ 1.156.

Ensino médio é requisito para auxiliar de desenvolvimento infantil (1), cujo inicial é de R$ 1.156, e auxiliar de escrita (1), com R$ 1.405,18.

Aqueles que têm o nível superior podem se inscrever para o posto de médico da família (1), cujo vencimento é de R$ 11.254,44. 
 

Continuar lendo

Atualizado: 31/10/2018 - 10:28

Concurso Core SP: último dia de inscrição para 147 vagas

Seleção preencherá cargos de todas as escolaridades distribuídos entre a capital, interior e litoral. Salários chegam a R$ 5,3 mil

Oito cidades

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

Após ser prorrogado, termina nesta quarta-feira (31), às 23h59, o prazo para inscrições no concurso do Core SP (Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado de São Paulo). A seleção preencherá 147 vagas, sendo 33 imediatas e 114 para formação de cadastro reserva (CR). 

 

Os cargos de copeiro (1 + 4 CR e salário de R$ 1.429,09) e office boy (1 + 4 CR - R$ 1.429,09) são opções para candidatos que possuem nível fundamental.

 

Ensino médio é requisito para assistente administrativo (19 + 62 CR - R$ 2.828,49), operador de teleatendimento (2 + 7 CR - R$ 2.571,36), telefonista (2 + 7 CR - R$ 2.571,36), motorista (1 + 4 CR - R$ 2.828,49), fiscal (2 + 7 CR - R$ 2.828,49) e técnico de TI (1 + 4 CR - R$ 3.438,03). 

 

Profissionais com curso superior têm chances no concurso do Core SP como assistente jurídico (2 + 7 CR - R$ 5.382,85), contador (1 + 4 CR - R$ 5.382,85) e analista de TI (1 + 4 CR - R$ 5.382,85).

• APOSTILAS CONCURSO CORE SP - DIVERSOS CARGOS

Todas as funções têm lotação na cidade de São Paulo, com exceção para a carreira de assistente administrativo, que destina parte das vagas, além da capital, aos municípios de Campinas, Bauru, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Araraquara, Sorocaba e Santos. 

 

 

Concurso Core SP: inscrição e etapas

 

 

As inscrições devem ser registradas pelo site da banca Inaz do Pará (http://paconcursos.com.br/). As taxas custam R$ 9 (nível fundamental), R$ 9,10 (médio) e R$ 9,20 (superior). 

 

As provas objetiva (todos os cargos) e discursiva (analista, contador e assistente jurídico) estão marcadas para ocorrer em 20 de janeiro, com aplicação na cidade de São Paulo. 

 

O conteúdo programático abrange língua portuguesa, informática, raciocínio lógico e conhecimentos gerais e específicos, variando as disciplinas conforme a carreira em disputa. 

 

Para os concorrentes aos postos com exigência de ensino superior, a seleção inclui, ainda, avaliação de títulos. A entrega dos documentos à empresa examinadora está programada para 4 e 5 de abril. 

 

O concurso do Core SP terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do conselho, conforme estabelece o edital

 

 

Concurso Core SP: conteúdo programático para cargos de nível fundamental

 

 

Língua portuguesa - 1. Elementos de construção do texto e seu sentido: gênero do texto (literário e não – literário, narrativo, descritivo e argumentativo); interpretação e organização interna. 2. Semântica: sentido e emprego dos vocábulos; campos semânticos; emprego de tempos e modos dos verbos em português. 3. Morfologia: reconhecimento, emprego, flexão e sentido das classes gramaticais; processos de formação de palavras. 4. Sintaxe: frase, oração e período; termos da oração; concordância nominal e verbal; transitividade e regência de nomes e verbos; mecanismos de coesão textual. 5. Ortografia. Acentuação gráfica. Pontuação. 

 

Raciocínio lógico - ESTRUTURAS LÓGICAS: sentença abertas e fechadas, proposições, operadores lógicos, negação, Tabua lógica, tautologia, contradição, quantificadores, negação das proposições, equivalência lógica, condição suficiente e necessária, logica da argumentação. TEORIA DOS CONJUNTOS: Representação de conjuntos, relações entre conjuntos, relações entre elementos e conjuntos, operações com conjuntos.

 

Conhecimentos gerais - 1. Domínio de tópicos atuais e relevantes de diversas áreas, tais como: Política, economia, sociedade, educação, tecnologia, energia, relações internacionais, desenvolvimento sustentável, segurança, artes e literatura e suas vinculações históricas. 2. Fatos da atualidade: locais e nacionais. 3. Higiene e saúde no ambiente de trabalho; 4. Noções de Ética: 4.1. Conceitos: ética, moral, valores e virtudes. 4.2. Ética aplicada: Noções de ética empresarial e profissional 4.3. O padrão ético no serviço público; 4.4. A gestão da ética nas empresas públicas e privadas; conflito de interesses; 4.5. Ética e responsabilidade social; 4.6 Código de Ética e Disciplina dos Representantes Comerciais; 5. Relacionamento interpessoal e trabalho em equipe; 6. Atendimento ao público. 7. Lei n° 4.886/1965 e suas alterações/atualizações; 8. Portaria n° 06/2018 – Plano de Cargos e Salários do Core-SP; 9. Regimento Interno do Core-SP.

 

Confira aqui o conteúdo programático completo para todos os cargos do concurso do Core SP

 

 

 

Atribuições do copeiro no concurso do Core SP

 

 

Preparar e servir sucos, cafés, chás, água e outros gêneros correlatos; receber, conferir, separar, armazenar e fiscalizar a validade dos gêneros alimentícios; cuidar da higienização de utensílios, equipamentos e local de trabalho; operar aparelhos ou equipamentos de preparo e manipulação dos gêneros alimentícios e aparelhos de aquecimento ou refrigeração; executar o tratamento e descarte dos resíduos de materiais provenientes do seu local de trabalho; zelar pela guarda e conservação, manutenção dos equipamentos utilizados no trabalho e informar defeitos que venham ocorrer nos mesmos; informar a necessidade de aquisição dos gêneros alimentícios; executar outras tarefas correlatas, conforme necessidade ou a critério de seu superior.

 

 

Concurso Core SP: atribuições do assistente administrativo

 

 

Realizar atividades relacionadas com atendimento ao público, tais como: encaminhar para os setores, efetuar registros profissionais, emitir boletos de pagamentos, negociar débitos, inscrever e acompanhar processos envolvendo inscrição de pessoas físicas e jurídicas. Acompanhar vencimentos e prazos de validades, transferências, cancelamentos, baixas, registros ativos, inativos e secundários. Levantar situações profissionais de qualquer natureza quando constar de processos em trâmite no Core-SP. Organizar processos, verificando os documentos necessários à sua composição e efetuando o registro. Receber e expedir correspondências eletrônicas. Realizar entrega de documentos e recebimento de materiais e malotes. Tirar cópias de documentos. Realizar atividades de apoio administrativo, tais como: efetuar e receber ligações telefônicas e ainda fornecer informações por telefone, enviar e receber fax, anotar recados e arquivar documentos em geral. Colaborar e/ou organizar eventos desenvolvidos pelo Core-SP e realizar contatos telefônicos com os Representantes Comerciais para a divulgação dos eventos. Elaborar e preparar relatórios e planilhas, coletando informações em arquivos e outras fontes. Executar tarefas nos sistemas operacionais do Core-SP, incluindo o Portal da Transparência, quando autorizado. Elaborar tabelas e gráficos ilustrativos. Proceder a inventários de materiais e de bens móveis permanentes. Realizar levantamentos de dados referentes a assuntos-administrativos, a fim de serem utilizados pelos órgãos competentes. Conferir, redigir e elaborar correspondências, memorandos, ofícios, relatórios e outros trabalhos administrativos. Organizar o processo de arquivos de documentos de acordo com a ordem numérica, alfabética, por assunto ou cronológica, a fim de manter o controle e facilitar sua-localização. Organizar e controlar as publicações expedidas; em estoque e o arquivo inativo do conselho. Realizar o controle de estoque de material, anotando os dados em formulário apropriado, bem como preparar requisições para solicitar novas remessas. Realizar a cobrança dos inadimplentes e de gerenciar as baixas automáticas e manuais. Representar o Core-SP em Repartições Públicas municipais, estaduais e federais quando necessário. Responsável pelas chaves do Escritório Seccional, quando lotado neste local. Responsável pela abertura e fechamento do Escritório Seccional no seu horário de expediente, quando lotado neste local. Redigir documentos diversos. Zelar pela guarda e segurança dos equipamentos de trabalho e documentação. Zelar pelo bom funcionamento e organização do ambiente de trabalho. Executar outras atividades correlatas ao departamento. Integrar a composição de Comissões instituídas para atender às necessidades do Core-SP. Executar outras tarefas semelhantes em complexidade e natureza às anteriormente descritas, por necessidade do trabalho elou por solicitação superior.
 

Continuar lendo

Atualizado: 30/10/2018 - 12:56

Câmara de Piquete SP abre concurso com seis vagas

Edital tem chances para motorista, servente, escriturário e diretor de contabilidade. Inscrições vão de 5 a 21 de novembro

Todos os níveis

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A Câmara de Piquete, no interior de São Paulo, abriu concurso público destinado a preencher seis vagas imediatas, além de formar cadastro reserva.

As funções de motorista CNH "D" (2 postos e salário de R$ 1.039,78) e servente (1 - R$ 1.039,78) requerem ensino fundamental.

A carreira de escriturário (2 - R$ 1.039,78) é opção para candidatos que possuem ensino médio.

O cargo de diretor de contabilidade (1 - R$ 1.979,86) tem como requisitos curso superior, registro no conselho da categoria e experiência mínima de três anos.

Concurso Câmara Piquete: inscrições e etapas

Será possível se inscrever entre 5 e 21 de novembro, mediante a realização de cadastro pelo endereço www.institutoibdo.com.br. As taxas variam de R$ 30 a R$ 50. 

A prova objetiva apresentará 30 questões de múltipla escolha para serem solucionadas em até três horas. A aplicação está prevista para ocorrer em 16 de dezembro. 

As outras fases incluem análise de títulos para diretor de contabilidade, com envio dos documentos entre 14 e 15 de janeiro, e avaliação prática para motorista, marcada para o dia 20 do mesmo mês.

O concurso da Câmara de Piquete terá validade de dois anos, a contar da data de homologação do resultado. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do Legislativo, conforme estabelece o edital.

Cronograma do concurso da Câmara de Piquete


 

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 15:56

Prefeitura Mogi das Cruzes SP prepara novo concurso

Seleção deverá ser para diversos cargos, com opções em todos os níveis de escolaridade. Edital em breve

Banca já está definida

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A Prefeitura de Mogi das Cruzes, na região da Grande São Paulo, já iniciou os preparativos para a realização de seu novo concurso público. O primeiro passo ocorreu na última semana, com a contratação da banca organizadora, que será a Fundação Vunesp. De acordo com informações obtidas junto ao setor de concursos da prefeitura, a quantidade de vagas, bem como a distribuição pelos cargos, ainda está sendo definida, mas adiantam que, em geral, o concurso deverá ser para aproximadamente os mesmos cargos do último grande concurso municipal para diversas secretarias, realizado em 2014.  A data de publicação do edital ainda não está definida, mas deve ocorrer nas próximas semanas.


No concurso de 2014 a oferta foi de 168 psotos, para cargos de níveis fundamental, médio e superior, com iniciais de até R$ 5.891,71.


Na Secretaria de Assistência Social, as opções foram para os cargos de agente social (cadastro, R$ 2.186,65, para nível superior),  assistente social (1, R$ 4.366,86, superior), pedagogo (CR, R$ 4.016,99, superior) e psicólogo (1, R$ 4.366,86, superior).


Na Secretaria Municipal de Educação: auxiliar de desenvolvimento da educação (10, R$ 1.400,97, fundamental), orientador de informática (1, R$ 3.912,25, superior) e psicopedagogo (1, R$ 3.273,47, superior).
Na Secretaria de Gestão Pública, cadastro para analista de sistemas, de nível superior e inicial de R$ 4.366,86.


Na Secretaria Municipal de Governo, uma de agente sepultador, com fundamental e R$ 1.492,68.


Na Secretaria Municipal de Saúde, administrador hospitalar (1, superior, R$ 5.676,85), contador (1, R$ 4.651,14, superior), enfermeiro (1, R$ 4.067,59, superior), enfermeiro do trabalho (1, R$ 4.067,59, superior), enfermeiro obstetra (1, R$ 4.067,59, superior), médico clínico geral (26, R$ 5.084,43, superior), médico geriatra (1, R$ 5.084,43, superior), médico ginecologista (1, R$ 2.906,90 para 12 horas, superior), médico ginecologista (8, R$ 5.084,43 para 20 horas, superior), médico neurologista (1, R$ 5.084,43 para 20 horas, superior), médico pediatra (3, R$ 2.906,90 para 12 horas, superior), médico pediatra (2, R$ 5.084,43 para 20 horas, superior), médico psiquiatra (2, R$ 5.084,43, superior), médico psiquiatra infantil (1, R$ 5.084,43, superior), médico veterinário (CR, R$ 5.084,43, superior), técnico de enfermagem (1, R$ 2.733,26, ensino médio) e terapeuta  ocupacional (1, R$ 3.496,10, superior).


Na Secretaria de Segurança: agente de defesa civil (6, R$ 2.186,65, ensino médio) e encarregado de setor de defesa civil (1, R$ 3.496,10, ensino médio técnico).


Por fim, na Secretaria de Serviços Humanos: carpinteiro (3, R$ 1.445,50, ensino fundamental), eletricista (CR, R$ 1.747,99, ensino fundamental) e pintor (CR, R$ 1.445,50, ensino fundamental).   
 

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 15:40

Concurso SME SP: edital com 628 vagas deve sair este ano

Novo concurso da SME (Secretaria Municipal de Educação) de São Paulo terá oportunidades para cargo de nível superior e com salário inicial de R$ 4,8 mil

Coordenador pedagógico

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

Já autorizado pelo prefeito Bruno Covas, o novo concurso de acesso da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (SME SP) deve sair ainda este ano. A expectativa é de que os preparativos para o edital com 628 vagas para coordenador pedagógico avancem agora em novembro e que ele seja lançado no mesmo mês ou, no mais tarde em dezembro.

O próximo passo para a realização do certame é constituir a comissão responsável. Logo a seguir, já deve ser iniciado os trâmites para a contratação da banca organizadora.

Para concorrer à carreira de coordenador pedagógico é necessário possuir licenciatura plena em pedagogia; pós-graduação stricto sensu em educação ou pós-graduação lato sensu em educação, de no mínimo 800 horas; e experiência mínima de três anos no magistério.

Segundo a tabela de remuneração dos servidores públicos municipais, o vencimento inicial vigente corresponde a R$ 4.084,35 para jornadas de 40 horas semanais, entretanto, o piso é de R$ 4.860,86, ou seja, a secretaria concede abono complementar para chegar a tal valor.

Atribuições do cargo 

Cabe ao profissional exercer as seguintes tarefas: coordenar a elaboração, implementação e avaliação do Projeto Pedagógico da unidade educacional, tendo em vista os desafios do cotidiano escolar, as modalidades e turnos em funcionamento, visando à melhoria da qualidade da educação, em consonância com as diretrizes educacionais do município; elaborar o plano de trabalho da coordenação pedagógica indicando metas, estratégias de formação, acompanhamento e avaliação dos impactos da formação continuada e cronograma de reuniões com a equipe docente para gestão pedagógica da unidade educacional; coordenar a elaboração e implementação dos planos de ensino dos professores, garantindo a consonância com as diretrizes curriculares da Secretaria Municipal de Educação; promover a análise dos resultados das avaliações internas e externas da aprendizagem dos alunos estabelecendo conexões com a elaboração do PP, Plano de Ensino e do Plano de trabalho da Coordenação Pedagógica; entre outras atividades.

Último concurso da SME/SP

Foi em 2011 que o órgão lançou um edital com 50 oportunidades para coordenador pedagógico. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Carlos Chagas (FCC).

A triagem dos participantes ocorreu por meio de provas objetivas, testes dissertativos e análise de títulos. Os exames objetivos constaram de 50 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais e 30 de conhecimentos específicos, já as avaliações dissertativas apresentaram três perguntas.

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 15:23

São Joaquim da Barra SP: concurso reúne 18 vagas

Ofertas do edital estão distribuídas entre os cargos de inspetor de alunos e professores, que exigem níveis médio e superior. Prazo se encerrará em 18 de novembro

Educação

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A Prefeitura Municipal de São Joaquim da Barra, localizada no interior do Estado de São Paulo, abriu as inscrições do concurso público que selecionará 18 vagas. Ofertas são destinadas a área da educação. 

O cargo de inspetor de alunos (4 vagas) exige diploma de conclusão de curso de ensino médio e paga R$ 1.069,61. 

Candidatos que têm o nível superior estão aptos às carreiras de professor de educação infantil (3), professor de educação básica I (7) e professor de educação básica II nas disciplinas de informática (1), libras (1), artes (1) e educação física (1). As remunerações oscilam entre R$ 2.091,70 e R$ 2.615,18. 

As inscrições deverão ser realizadas até o dia 18 de novembro, exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico www.institutoimagine.com.br. Os valores da taxa de participação são de R$ 50 (ensino médio) e R$ 60 (nível superior). 

Concurso Prefeitura de São Joaquim da Barra SP: provas

Todos os candidatos serão submetidos à prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela contemplará 30 questões de múltipla escolha, sendo dez de língua portuguesa, cinco de matemática, cinco de legislação e dez de conhecimentos específicos. 

A avaliação será aplicada no município de São Joaquim da Barra/SP no dia 13 de janeiro de 2019, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado a partir do dia 30 de novembro.

O certame ainda contará com análise de títulos para professores, unicamente classificatória. Os documentos deverão ser entregues no mesmo dia e local de realização da prova objetiva.

Atribuições do inspetor de alunos

Inspecionar alunos em todas as dependências do estabelecimento de ensino e adjacências, assistindo-os, fiscalizando-os e orientando-os; zelar pelas dependências e instalações dos estabelecimentos de ensino e material utilizado pelos educandos, anotar a frequência dos alunos e levantar os mapas de apuração das médias mensais de cada cadeira; registrar em livro próprio as ocorrências dos alunos, comunicando à autoridades superior as que exigirem providências; apresentar a relação dos alunos impedidos de nova matrícula por indisciplina; distribuir e recolher o material didático com a rubrica do professor nos devidos casos; atender solicitações de professores e alunos; receber e transmitir recados dentro de suas atribuições; colaborar na organização de testa cívicas e solenidade escolares; tomar conhecimento dos trabalhos prescritos aos alunos pelo professor, e providenciar sua execução; acompanhar os alunos, devidamente formados, à entrada e saída das aulas; fiscalizar e assistir os alunos nas aulas, intervalo, recreios, refeitórios, dormitórios e lavatórios; revistar após a saída dos alunos as salas de aulas, a fim de recolher objetos esquecidos, efetuando seu recolhimento à secretaria; auxiliar professores na fiscalização de provas e exame em geral; zelar pela prestação de assistência médica aos alunos; velar para que as cadernetas escolares sejam visadas pelos pais ou responsáveis; acompanhar, até a portaria, os alunos que tiverem permissão para se retirarem antes do fim das aulas; executar outras tarefas. 
 

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 15:01

Rio Claro SP: aberto concurso para 90 vagas na FMSRC

Interessados poderão se inscrever entre 5 de novembro e 20 de dezembro. Edital reúne cargos de todas as escolaridades

Área da saúde

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A Fundação Municipal de Saúde de Rio Claro (FMSRC), no interior de São Paulo, divulgou edital de concurso público para contratação de 90 servidores, além de formação de cadastro reserva (CR). 
 
Podem concorrer aos cargos de agente administrativo (5 postos), agente de serviços gerais (2) e agente de telecomunicações (2) profissionais que possuem nível fundamental.

Há chances com exigência de ensino médio e, em alguns casos, formação técnica para agente de controle de vetores (1), assistente de gestão municipal (2), auxiliar de saúde bucal (1), protético (1), técnico de enfermagem (20), técnico de nutrição e dietética (CR), técnico de processamento de dados (1), técnico de saúde - laboratório (CR), técnico em radiologia (1) e técnico em segurança do trabalho (1). 

• APOSTILAS CONCURSO FMSRC 2018 - DIVERSOS CARGOS
• CURSOS CONCURSO ÁREA DA SAÚDE

São disponibilizados empregos de nível superior para assistente social (2), biólogo (1), bioquímico (1), cirurgião dentista (10), educador físico (1), enfermeiro PSF (2), enfermeiro do trabalho (CR), engenheiro civil (CR), engenheiro de segurança do trabalho (CR), farmacêutico (2), fisioterapeuta (1), fonoaudiólogo (1), nutricionista (2), pedagogo (CR), psicólogo (1), veterinário (1), terapeuta ocupacional (1) e médicos PSF (2), cardiologista (1), cirurgião vascular (1), dermatologista (1), endocrinologista (1), fisiatra (CR), gastroenterologista (1), ginecologista obstetra (1), hematologista (1), infectologista (1), neurologista (1), neuropediatra (1), oftalmologista (1), ortopedista (1), otorrinolaringologista (1), pediatra (1), psiquiatra (1), psiquiatra infantil (1), radiologista (1), reumatologista (1), ultrassonografista (1), urologista (1), do trabalho (1), plantonista ortopedista (1), plantonista pediatra (2) e plantonista psiquiatra (1).        

Para as funções de regime mensalista, os vencimentos variam de R$ 1.099,68 a R$ 4.941,87. No caso das vagas para profissionais horistas, os valores ficam entre R$ 24,66 e R$ 74,12. 

A remuneração é acrescida de vale alimentação mensal de R$ 390. Para servidores que atuam em escala de plantão, o município concede tickets diários de lanche e refeição de R$ 7,50 e R$ 12, respectivamente. 

Concurso Saúde Rio Claro: inscrições e avaliação

Responsável pela organização do certame, o Instituto Mais recebe inscrições entre 5 de novembro e 20 de dezembro, por meio do site www.institutomais.org.br. As taxas são de R$ 42 (ensino fundamental), R$ 55 (médio) e R$ 69 (superior).  

A seleção prevê apenas prova objetiva, marcada para ocorrer em 10 de fevereiro. O número de questões (30, 40 ou 50) e as disciplinas (língua portuguesa, matemática, informática, legislação e conhecimentos específicos) variam conforme o cargo. 

O concurso da FMSRC terá validade de dois anos, a contar da data de homologação do resultado final. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério do órgão, de acordo com o edital.

Cronograma do concurso da Fundação de Saúde de Rio Claro


 

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 14:46

Concurso Iamspe SP: inscrições abertas para 58 vagas

Todas as oportunidades são para o cargo de médico, que exige nível superior e registro no órgão de classe. A atuação ocorrerá na capital paulista

Salário de R$ 5,3 mil

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

O Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo (Iamspe/SP) está com inscrições abertas em dois editais de concurso público que somam 58 vagas na área da saúde. A lotação ocorrerá na capital paulista.  

O primeiro edital conta com 30 postos de médico em área clínica/emergência. O cargo requer nível superior em medicina, registro no Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (CREMESP) e certificado de conclusão de residência médica em área clínica em programa credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) ou título de especialista em área clínica emitido pela Associação Médica Brasileira (AMB). 

Já o segundo edital dispõe de 28 vagas para a função de médico I, distribuídas entre as especialidades de medicina intensiva (15), medicina intensiva pediátrica (5), pediatria (5) e neonatologia (3). A exigência é de nível superior em medicina, registro no órgão de classe e certificado de conclusão de residência médica. 

A remuneração inicial oferecida pelo Iamspe é de R$ 5.371,65 para jornada de trabalho semanal de 24 horas, sendo composta pelas seguintes parcelas: R$ 2.359,80 de salário base, R$ 931,50 de gratificação executiva e 50% do Prêmio de Produtividade Médica (PPM) no valor de R$ 2.080,35.

Concurso Iamspe SP: inscrições e provas

As inscrições presenciais serão recebidas até o dia 12 de novembro para o cargo de médico em área clínica/emergência e 23 de novembro para médico I, no Núcleo de Planejamento, Seleção e Movimentação de Pessoal, situado na Avenida Ibirapuera, nº 981, 4º andar, no bairro de Indianópolis, na cidade de São Paulo/SP, com horário de atendimento das 8h às 18h, em dias úteis. 

Será cobrada uma taxa de participação, no valor único de R$ 84,81, e o seu pagamento deverá ser efetuado por meio de dinheiro ou cheque, exclusivamente na agência do Banco do Brasil localizada no térreo da Avenida Ibirapuera.

Os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será composta por 50 questões do tipo múltipla escolha, sendo quatro de língua portuguesa/interpretação de texto, três de noções de administração pública, três de noções de informática e 40 de conhecimentos específicos. 

O exame será aplicado no dia 2 de dezembro (médico em área clínica/emergência) e 9 de dezembro (médico I), em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser publicado no Diário Oficial do Estado (www.imprensaoficial.com.br) e no Portal de Concursos Públicos do Estado (www.concursopublico.sp.gov.br) em momento oportuno.

O certame ainda contará com análise de títulos, exclusivamente classificatória. De acordo com os editais, os documentos deverão ser entregues no período das inscrições. 
 

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 12:56

Concurso IFSP: saiu edital para professor em 20 cidades

No total, seleção preencherá 45 oportunidades com salários de até R$ 9,6 mil. Inscrições começam em 5 de novembro

Nível superior

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) divulgou edital de concurso público destinado a preencher 45 vagas de professor em unidades instaladas em 20 cidades do Estado.

As inscrições começam às 10h de 5 de novembro e se encerram às 20h de 2 de dezembro, devendo ser efetuadas pelo site https://concursopublico.ifsp.edu.br/. O valor da taxa é de R$ 180. 

Há ofertas nas áreas de arquitetura (2 postos), biologia (1), educação física (1), educação em pedagogia (4), eletroeletrônica/mecatrônica (3), eletrônica (2), eletrotécnica (2), engenharia civil (2), segurança do trabalho (1), produção industrial (1), física (2), geografia (2), história (2), informática (4), matemática (3), português (1), português e espanhol (3), português e inglês (5), química (1) e sociologia (3).     

A remuneração básica oferecida pelo IFSP é de R$ 4.463,93. Considerando a retribuição por titulação acadêmica, o salário pode chegar a R$ 4.892,44 (docentes com curso de aperfeiçoamento), R$ 5.288,05 (especialização), R$ 6.668,20 (mestrado) e R$ 9.600,92 (doutorado).    

As oportunidades estão distribuídas entre os campi de Jacareí, Registro, Campos do Jordão, Itaquaquecetuba, Presidente Epitácio, Sorocaba, Birigui, Tupã, Campinas, Ilha Solteira, Matão, Boituva, Pirituba, São Miguel Paulista, Suzano, Cubatão, Avaré, Itapetininga, Jundiaí e São José dos Campos. 

Etapas do concurso do IFSP

Prevista para 3 de fevereiro, a prova objetiva terá 40 questões abordando legislação e conhecimentos pedagógicos, étnico-raciais e específicos. Haverá aplicação na capital e em todos os municípios com oferta de vagas - exceto São José dos Campos. 

As outras fases incluem avaliação de desempenho didático, com divulgação da lista de convocados a partir de 18 de fevereiro, e análise de títulos, cujos documentos deverão ser entregues no mesmo dia das atividades da segunda etapa. 

O concurso do IFSP terá validade de 24 meses, a contar da data de homologação do resultado. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério da instituição, conforme prevê o edital
 

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 12:45

Prefeitura de Ipeúna SP abre concurso com 34 vagas

As inscrições serão recebidas até o dia 13 de novembro. Os salários iniciais oferecidos chegam a R$ 7,8 mil

Todos os níveis

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

Encontram-se abertas as inscrições do concurso público da Prefeitura Municipal de Ipeúna, localizada no Estado de São Paulo. A seleção visa o provimento de 34 vagas, além de formação de cadastro reserva de futuras oportunidades. 

Quem tem o ensino fundamental pode se inscrever para as funções de auxiliar de cuidador social (1 vaga), leiturista (1), merendeira/cozinheira (1), monitor de alunos de ensino infantil/fundamental (1), motorista (1), operador de máquina rodoviária (1), servente de limpeza (1), servente geral (1) e tratorista (1).

Aqueles que têm o ensino médio estão aptos às carreiras de agente comunitário de saúde (1), assistente em administração (1), auxiliar administrativo (1), auxiliar odontológico (1), cuidador social (1), técnico em enfermagem (1), técnico de radiologia (1) e técnico em segurança do trabalho (1). Os três últimos postos ainda exigem curso técnico. 

Nível superior é requisito para os cargos de analista de RH (1), assistente social (1), cirurgião dentista (1), enfermeiro (1), engenheiro civil (1), farmacêutico (1), fiscal de tributos (1), fisioterapeuta (1), nutricionista (1), químico (1), professor de educação infantil (1), professor de educação básica I (1), professor de educação física (1) e médico nas especialidades de pediatra (1), plantonista (1), PSF (1) e ginecologista/obstetra (1).

As remunerações iniciais oferecidas pela Prefeitura de Ipeúna partem de R$ 954 e chegam a R$ 7.852,04. 

Concurso Prefeitura de Ipeúna SP: inscrições e provas

Interessados em concorrer a uma das ofertas devem se cadastrar no site do Instituto Imagine (www.institutoimagine.com.br), organizador do certame, e efetuar o pagamento da taxa, nos valores de R$ 20 (ensino fundamental), R$ 30 (nível médio) e R$ 40 (superior). O prazo se encerrará no dia 13 de novembro. 

Marcada para o dia 2 de dezembro, a prova objetiva será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática e conhecimentos específicos. 

O concurso ainda será constituído das seguintes etapas: prova prática para os empregos de assistente em administração, auxiliar administrativo, auxiliar odontológico, merendeira/cozinheira, motorista, operador de máquina rodoviária, servente de limpeza, servente geral e tratorista; e análise de títulos para nível superior. 
 

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 12:21

Concurso Iamspe: órgão ainda conta com 161 vagas

O governador Márcio França autorizou o preenchimento de 377 vagas, sendo 219 para novo concurso e 158 para convocação de remanescentes. Outros editais em elaboração

Cargos de nível superior

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

Com a publicação do edital para 30 vagas de médico I no último dia 20, e um novo edital para mais 28 postos no mesmo cargo, no último sábado, dia 27, o Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo (Iamspe) ainda conta com 161 vagas para preenchimento por meio de novos concurso públicos, cujos editais devem ser publicados em breve. As oportunidades foram autorizadas em 28 de agosto, pelo governador Márcio França, que concedeu aval para o preenchimento de 377 vagas, sendo 158 para convocação de remanescentes de concursos em validade e 219 para novas seleções, para  diversos cargos  de nível superior, com remunerações iniciais de até R$ 14.386,50. Como os primeiros editais já liberados, para 58 postos, o órgão ainda conta com 161 vagas, que deverão ser oferecidas em breve. 

Do total de oportunidades autorizadas, 163 foram para o cargo de médico I. Com a liberação de 58 postos, o cargo ainda conta com mais 105 vagas para preenchimento em outras especialidades. Além disso, o aval também permite a liberação de mais 54 para o cargo de agente técnico de assistência à saude e 2 de cirurgião dentista. No caso de agente técnico de assistência à saúde, a remuneração inicial é de R$ 1.996,53, enquanto para cirurgião dentista é de R$ 2.658,14 e para médico é de R$ 3.726 para 12 horas semanais, R$ 6.210 para 20 horas, R$ 7.452 para 24 horas e R$ 14.386,50 para 40 horas. A autorização não determina a jornada das trabalho, que deve ficar à critério da instituição.

Já no caso de convocação de remanescentes, são 1 vaga para analista administrativo,, 5 de executivo público, 30 de oficial administrativo, 14 de agente de saúde, 25 de agente técnico de assistência à saúde, 2 de auxiliar de saúde, 21 de enfermeiro, 2 de médico !, 50 de técnico de enfermagem, 5 de técnico de laboratório e 3 de técnico de radiologia      

A comissão dos concursos, já formada,  é presidida pelo servidor Ricardo Oliveira de Souza e conta, ainda, com mais dois membros: Marco Broitman e Rosamara Aparecida Ribeiro. Como suplentes, foram indicados os servidores Pedro Mizraim de Carvalho Alcides, Andrea Lucia Silva Ladeira de Almeida e André Luiz de Freitas Silva.     

Último concurso do Iamspe

 

O último concurso da instituição ocorreu em abril deste ano, quando foram oferecidas 93 vagas para o cargo de técnico de enfermagem. Desta forma, as 50 vagas autorizadas para o preenchimento por meio de convocação de remanescentes devem ser destinadas a aprovados neste concurso. A banca organizadora, na ocasião, foi o Instituto Nosso Rumo.

 

 

Sobre o Iamspe

 

O Iamspe é uma autarquia do governo do estado de São Paulo, vinculada à Secretaria de Planejamento e Gestão. Foi criado em 1966, com o objetivo de oferecer atendimento médico aos servidores públicos estaduais, seus dependentes e agregados, por meio do Hospital do Servidor Público. Atualmente, oferece atendimento a 1,3 milhão de usuários por meio de rede própria e credenciada, em 173 municípios do estado de São Paulo.     

Continuar lendo

Atualizado: 29/10/2018 - 12:03

Agricultura SP: novo pedido prevê mais 899 vagas

Nova solicitação prevê realização de novo concurso para diversos cargos, em todos os níveis escolares, com iniciais de até R$ 4,3 mil

Todos os níveis

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento de São Paulo (SAA/SP) encaminhou novo pedido de autorização para a contratação de servidores para a Secretaria Estadual de Gestão Pública (SGP/SP). A solicitação visa o preenchimento de nada menos do que 899 vagas, sendo 644 por meio de realização de novo concurso público e 255 para a realização de concurso público ou convocação de remanescentes de concursos em validade em outros órgãos para cargos comuns a diversas secretarias do estado.

Do total de postos, 30 são para cargos com exigência de ensino fundamental incompleto, 85 para fundamental completo, 535 para ensino médio e 249 para nível superior, com remunerações iniciais de até R$ 4.306,87.


É importante ressaltar que para alguns cargos o órgão já realizou concurso em 2017. Porém, anterior ao envio do novo pedido, que não foi indicado como sendo para convocação de remanescentes, o que é possível tendo em vista que as oportunidades, na ocasião, foram vinculadas a apenas alguns municípios do estado. Desta forma, o órgão pode realizar outro concurso para preenchimento de postos em outras regiões. 

 

 

Concurso SAA - SP - Ensino Fundamental Incompleto


No caso de ensino fundamental incompleto, o pedido é para 30 vagas para o cargo de auxiliar de apoio à pesquisa agropecuária. Neste caso, os interessados devem possuir 4ª série do ensino fundamental e um ano de experiência na respectiva área de atuação, com inicial de R$ 1.142,69.

 

 

Concurso SAA - SP - Ensino Fundamental Completo


Para ensino fundamental completo, as oportunidades são para oficial de apoio agropecuário (50 vagas, com dois anos de experiência na área de atuação e R$ 1.142,64) e oficial de apoio à pesquisa científica e tecnológica (35, também com dois anos na respectiva área e inicial de R$ 1.142,63).

 

 

Concurso SAA - SP - Ensino Médio


Para ensino médio, técnico de apoio agropecuário (150, com formação específica e três anos na área de atuação, R$ 1.670,90), técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica (70, formação específica e três anos na área, R$ 1.670,90) e agente de apoio agropecuário (80, com dois anos na área e R$ 1.345,01).

 


Ainda para ensino médio, o pedido conta com 235 vagas para o cargo de oficial administrativo, para realização de concurso ou convocação de remanescentes, podendo ser de concurso de outro órgão estadual. Neste caso, o inicial é de R$ 1.339,29 em caso de 50% do Prêmio de Desempenho Individual (PDI) e R$ 1.535,94 para 100%.

 

 

Concurso SAA - SP - Nível Superior


Por fim, para nível superior, assistente agropecuário (180, 3.711,71), engenheiro (19, R$ 4.041,68) e assistente técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica (30, R$ 2.719,96).

 

Neste caso, para realização de novo concurso ou aproveitamento de remanescentes, a seleção também conta com oportunidades para analista sociocultural (4, R$ 2.402,05 para 50% do PDI e R$ 2.789,66 para 100%), executivo público (12, R$ 3.753,14 para 50% e R$ 4.306,87 para 100%) e analista administrativo (4, R$ 2.402,05 para 50% e R$ 2.789,66 para 100%).


Concurso SAA - SP - Último concurso


O último concurso realizado pelo órgão, em 2017, foi para o preenchimento de 156 vagas, para os cargos de assistente técnico de pesquisa (7 vagas), oficial administrativo (3), oficial de apoio agropecuário (6), técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica (5), assistente agropecuário (95), agente agropecuário (15), auxiliar de apoio agropecuário (19), oficial de apoio agropecuário (5) e técnico de apoio agropecuário (6).

 


Vale ressaltar que a autorização de 156 não supria o total de vagas solicitados para o concurso, na ocasião, que já era de 507 vagas,  sendo 15 para ensino fundamental incompleto, 44 para fundamental completo, 271 para ensino médio e 177 para nível superior. 
A organizadora, na ocasião, foi a RBO.    

Continuar lendo

Atualizado: 26/10/2018 - 13:22

TRF 3 SP MS: novo concurso deve ficar para 2019

Seleção foi confirmada em abril e deverá contar com oportunidades para quem possui níveis médio e superior, com remunerações iniciais de até R$ 11,8 mil

Técnicos e analistas

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A realização do aguardado novo concursos público do Tribunal Regional Federal da 3ª região (TRF 3ª), que engloba os estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, deve ficar mesmo para 2019. De acordo com informações obtidas junto ao setor de concursos para servidores, a seleção ainda está em fase de análise para definição de vagas e áreas de atuação que contarão com oportunidades, sem data específica para conclusão  

A seleção é aguardada desde abril, quando anunicada pela coordenadora da Comissão de Acessibilidade e Inclusão do órgão, juíza Luciana Ortiz Tavares Costa Zanoni, durante reunião com a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores do Judiciário Federal do Estado de São Paulo (Sintrajud). 

Na ocasião, a juíza adiantou que o TRF iria reservar de R$ 6 a R$ 8 milhões do orçamento de 2018 para a realização do novo certame. “Há toda uma estratégia quem tem como prioridade a realização do concurso”, declarou a juíza. Durante a reunião, confirmou que o problema de déficit de pessoal se agravou em decorrência do aumento do número de aposentadorias, provocada pelas preocupações dos servidores com a Reforma da Previdência e com os efeitos da Emenda Constitucional 95/2016, que congelou os orçamentos dos órgãos públicos por 20 anos. “Ainda que façamos economia em outras áreas, não podemos nomear servidores, salvo nos casos autorizados”, lembrou a juíza, mencionando as limitações impostas pela EC 95. “Ficamos de mãos amarradas. Assim como servidores, faltam juízes”, disse.

• CURSO PARA O CONCURSO TRF 3ª REGIÃO 2018 - TÉCNICO E ANALISTA JUDICIÁRIO

A intenção é de que os preparativos para a seleção sejam iniciados o quanto antes, uma vez que a validade da última grande seleção, iniciada em 2013, encerrou em 25 de abril. Depois disso, o órgão realizou outro concurso, em 2015, somente para algumas áreas específicas de técnicos e analistas.

Com isto, embora os cargos e vagas do novo certame ainda não estejam confirmadas, a tendência é de que sejam aproximadamente para as mesmas opções do concurso de 2013, para as carreiras de técnico e analista judiciário, destinadas, respectivamente, a quem possui níveis médio e superior. As três principais áreas, que tendem a ser oferecidas na próxima seleção, são as de técnico judiciário na área administrativa, que pede apenas ensino médio; analista judiciário na área administrativa, para quem possui formação de nível superior em qualquer área; e analista judiciário na área judiciária, para quem possui formação em direito.
As remunerações iniciais atualmente são de R$ 7.887,24 para os técnicos e R$ 12.374,34 para analistas, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 884 por mês.


Além disso, em decorrência da lei 13.317, de 21 de junho de 2016, as duas carreiras contarão com mais dois reajustes, em novembro de 2018 e janeiro de 2019.


Com isto, para técnicos, já com o auxílio-alimentação, os valores passarão a ser de R$ 8.178,65 e R$ 8.475,36. Para analistas, R$ 12.852,49; e R$ 13.339,30.

 


Último Concurso
No concurso de 2013 foram oferecidas 260 vagas, sendo 125 para analistas e 135 para técnicos. Do total, 195 foram para a região metropolitana de São Paulo, 50 para o interior e 15 para o Mato Grosso do Sul. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Carlos Chagas.


No caso de técnicos, a seleção foi para as áreas administrativa, administrativa – segurança e transporte,  telecomunicações e eletricidade, contabilidade, enfermagem, informática e segurança do trabalho.
Para os analistas, áreas judiciária, judiciária oficial de justiça avaliador federal, arquivologia, biblioteconomia, contador, engenharia civil, engenharia mecânica, informática, informática – banco de dados, informática –infraestrutura, medicina – cardiologia, medicina – ortopedia,  medicina – psiquiatria, psicologia do trabalho e serviço social.

 

Continuar lendo

Atualizado: 25/10/2018 - 13:40

Ipeúna SP: edital em fase de ajustes finais

Seleção contará com oportunidades para várias carreiras. Quantidade de vagas ainda será anunciada.

Todos os níveis

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

A prefeitura de Ipeúna, no interior paulista, deve divulgar, nos próximos dias, o edital de seu novo  concurso público. A liberação depende apenas dos últimos ajustes, que estão sendo feitos em conjunto com a banca organizadora, que  será o Instituto de Marketing, Assessoria e Gestão de Imagem na Empresa Ltda.  

O concurso será para o preenchimento de vagas em diversos cargos, com opções para quem possui níveis fundamental, médio e superior. A oferta de vagas para cada carreira ainda será divulgada, bem como os respectivos salários iniciais.  Porém, os cargos que contarão com oportunidades já foram anunciados.

Ensino Básico Incompleto
Quem possui apenas o ensino básico incompleto poderá concorrer aos cargos de servente de limpeza, servente geral e tratorista.

Ensino Fundamental Completo
No caso de ensino fundamental completo, as opções são para agente comunitário de saúde PSF, auxiliar de cuidador social, leiturista, merendeira/cozinheira, monitor de alunos de ensino infantil/fundamental, motorista e operador de máquina rodoviária.

Ensino Médio
Para ensino médio: assistente de administração, auxiliar administrativo, auxiliar odontológico e cuidador social.

Nível Superior
Quem possui formação técnica poderá contar com opções de técnico de enfermagem, técnico de radiologia e técnico de segurança do trabalho.
Por fim, para nível superior: analista de RH, assistente social, cirurgião dentista, enfermeiro, engenheiro civil, farmacêutico, fiscal de tributos, fisioterapeuta, médico plantonista, médico do PSF, médico ginecologista/obstetra, nutricionista, professor de educação física, professor de educação infantil PEI, professor de ensino básico PEG I e químico.


De acordo com o edital de licitação, as taxas deverão ser de R$ 20 para cargos com exigência de ensino fundamental, R$ 30 para ensino médio e R$ 40 para nível superior.


O documento também determina que, uma vez publicado o edital de abertura de inscrições, o atendimento deverá ser feito pelo prazo de, pelo menos, dez dias



 

 

Continuar lendo

Atualizado: 25/10/2018 - 12:23

Câmara de Sertãozinho SP divulga novo edital de concurso

Oferta é de cinco vagas imediatas e cadastro reserva. Inscrições serão recebidas entre os dias 5 de novembro e 6 de dezembro

Todos os níveis

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

No Estado de São Paulo, a Câmara Municipal de Sertãozinho divulgou um novo edital de concurso público que visa o preenchimento de quatro vagas do seu quadro de pessoal. A seleção ainda formará cadastro reserva (CR) de futuras oportunidades. 

Candidatos que concluíram o ensino fundamental podem disputar as funções de motorista parlamentar (CR) e telefonista (CR), cujo salário inicial é de R$ 1.962,70. O primeiro cargo ainda exige carteira de habilitação na categoria “D”. 

Para quem tem ensino médio, as chances do edital são para os empregos de escriturário (3 vagas) e técnico de som e imagem (CR). Os respectivos vencimentos são de R$ 2.074,46 e R$ 2.314,81. 

O posto de contador (CR) requer curso técnico ou nível superior em contabilidade, com registro no conselho de classe, e experiência mínima de seis meses na área. A remuneração é de R$ 5.013,05. 

• APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA DE SERTÃOZINHO 2018 - NÍVEIS FUNDAMENTAL E MÉDIO

Aqueles que têm o nível superior estão aptos às carreiras de auxiliar legislativo - informática (1), procurador jurídico legislativo (CR) e tesoureiro (1), com ganhos de R$ 4.073,09, R$ 6.480,76 e R$ 5.013,05, respectivamente. 

As inscrições serão recebidas entre os dias 5 de novembro e 6 de dezembro, exclusivamente pela internet, através do site da banca organizadora do certame, que é a Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). Os valores da taxa de participação são de R$ 45 (ensino fundamental), R$ 57 (nível médio) e R$ 83 (formação superior). 

Concurso Câmara de Sertãozinho SP: provas

Todos os participantes serão submetidos à prova objetiva, que contemplará questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, raciocínio lógico, noções de informática, legislação e/ou conhecimentos específicos. 

O exame será aplicado no município de Sertãozinho/SP no dia 3 de fevereiro de 2019, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado no site da Fundação Vunesp a partir do dia 24 de janeiro. 

Apenas o cargo de procurador jurídico legislativo realizará a prova prático-profissional (peça processual) na mesma data da objetiva. Serão analisados o conhecimento técnico e a capacidade teórico-prática do candidato em desenvolver a peça apresentada, com fundamentação, clareza, coerência e objetividade. 

Aqueles que pleiteiam o emprego de motorista parlamentar ainda serão avaliados por meio de prova prática. Somente serão convocados os candidatos mais bem classificados na objetiva, até a décima colocação. 
 

Continuar lendo

Atualizado: 25/10/2018 - 11:59

Prefeitura de Leme SP abre concurso com 46 vagas

Prazo para se inscrever termina em 14 de novembro. Há chances para professor, advogado, psicólogo, terapeuta ocupacional, entre outros cargos

Dois editais

JC Concursos - Samuel Peressin - Informe o Erro

Localizado a cerca de 200 km da capital paulista, o município de Leme abriu concurso público para preenchimento de 46 vagas no quadro de servidores da prefeitura

Foram divulgados dois editais, ambos com cargos de nível superior. Os vencimentos iniciais variam de R$ 1.468,26 a R$ 4.178,65, já considerando o abono salarial de R$ 306,68.  

Há oportunidades para diretor de escola (2 postos), advogado (1), assistente social (2), auditor de controle interno (1), fonoaudiólogo (1), psicólogo (2), psicopedagogo (1), terapeuta ocupacional (1), supervisor de ensino (1), professor substituto (5), professor de educação básica I (20) e professor de educação básica II nas áreas de artes (1), autismo e patologias associadas (1), ciências (1), deficiência auditiva (1), deficiência mental (1), deficiência visual (1), educação física (1), espanhol (1) e inglês (1).   

O prazo para inscrições permanece aberto até 14 de novembro. Os interessados devem se cadastrar pelo site da RBO Assessoria (www.rboconcursos.com.br) e pagar taxa de R$ 30 ou R$ 50, a depender da função escolhida. 

Etapas do concurso da Prefeitura de Leme SP

Todos os participantes realizarão prova objetiva de conhecimentos básicos e específicos com 40 perguntas de múltipla escolha. A aplicação está agendada para 16 de dezembro.

Haverá também análise de títulos para os concorrentes aos postos de professor. Os documentos (diplomas de especialização, mestrado e doutorado) devem ser encaminhados à banca, via Sedex, durante o período para registro de candidaturas. 

O concurso da Prefeitura de Leme terá validade de dois anos, a contar da data de homologação do resultado final. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do governo municipal, conforme estabelecem os editais. 

Concurso Leme: atribuições do auditor de controle interno

I - Execução de atividades de controle interno, correição, ouvidoria e promoção da integridade pública, bem como a promoção da gestão pública ética, responsável e transparente, na Administração Direta e Indireta da Prefeitura de Leme; II - Execução de auditorias, fiscalizações, diligências e demais ações de controle e de apoio à gestão, nas suas diversas modalidades, relacionadas à aplicação de recursos públicos, bem como à administração desses recursos, examinando a legalidade, legitimidade, impessoalidade, moralidade, publicidade, economicidade, eficiência e efetividade dos atos governamentais, em seus aspectos financeiro, orçamentário, contábil, patrimonial e operacional, podendo, inclusive, apurar atos ou fatos praticados por agentes públicos ou privados na utilização de recursos do Município; III - Realização de estudos e trabalhos técnicos que promovam o incremento da transparência pública, a participação da sociedade civil na prevenção da corrupção e o fortalecimento do controle social; IV - Realização de atividades inerentes à garantia da regularidade das sindicâncias e dos processos administrativos disciplinares instaurados no âmbito da Administração Municipal; V - Realização de estudos e trabalhos técnicos que contribuam para a promoção da ética e para o fortalecimento da integridade das instituições públicas. VI - Executar outras tarefas correlatas que lhe forem determinadas pelo superior imediato e os demais serviços concernentes a função.
 

Continuar lendo

Shopping