Concurso da Prefeitura de Praia Grande SP reúne 91 vagas

Ofertas são para vários cargos, de todos os níveis escolares. As inscrições já estão abertas e serão recebidas até o dia 25 de outubro

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro
Publicado: 24/09/2018 - 13:34 | Atualizado: 27/09/2018 - 13:03

A Prefeitura Municipal de Praia Grande, localizada no litoral sul do Estado de São Paulo, abriu as inscrições de dois editais de concurso público que somam 91 vagas. A seleção ainda formará cadastro reserva (CR) de futuras oportunidades. 

Candidatos alfabetizados podem se inscrever para a função de borracheiro (CR), enquanto que quem possui ensino fundamental incompleto pode disputar os empregos de pedreiro (CR), eletricista civil (CR), eletricista de autos (CR), mecânico de veículos leves (CR) e mecânico de veículos pesados (CR). O salário inicial é de R$ 1.650, exceto para mecânicos, cujo ganho é de R$ 1.750. 

Os cargos de cuidador social (CR) e guarda civil municipal feminino (20 vagas) e masculino (60) exigem ensino médio completo. Os respectivos vencimentos são de R$ 1.800 e R$ 1.700. 

• APOSTILAS CONCURSO PRAIA GRANDE 2018 - DIVERSOS CARGOS

Nível superior é requisito para os postos de educador físico (CR), médico nas especialidades de cardiologista (CR), cirurgião vascular (CR), endocrinologista pediatra (CR), ginecologista (CR), infectologista infantil (CR), mastologista (CR), nefrologista (CR), neurocirurgião (CR), oncologista (CR), psiquiatra infantil (CR), reumatologista (CR) e urologista (CR) e professor IV nas disciplinas de ciências físicas e biológicas (1), educação artística (1), educação física (1), geografia (1), história (1), inglês (1), língua portuguesa (1), matemática (1) biologia (1), física (1) e química (1). As remunerações são de R$ 2.200 para educador físico, R$ 4.048,23 para médicos (podendo chegar a R$ 15.000 aos adesistas da LC nº 701/2015, conforme produtividade) e R$ 2.085,53 para professores. 

Como participar do concurso da Prefeitura de Praia Grande SP

As inscrições serão recebidas até o dia 25 de outubro, exclusivamente pela internet, através do site do organizador do certame, que é o IBAM (www.ibamsp-concursos.org.br). Os valores da taxa de participação são de R$ 65 (níveis alfabetizado e fundamental), R$ 74 (ensino médio) e R$ 90 (formação superior). 

De acordo com o primeiro edital, os candidatos poderão se inscrever para mais de um cargo, desde que pertencentes a blocos diferentes, conforme tabela abaixo: 

Concurso Prefeitura de Praia Grande SP: provas

Todos os inscritos realizarão a prova objetiva no dia 25 de novembro. Ela contemplará questões de múltipla escolha que versarão sobre as matérias de língua portuguesa, matemática, políticas públicas de saúde, clínica médica, conhecimentos pedagógicos e de legislação e/ou conhecimentos específicos. 

A confirmação da data e as informações sobre horários e locais de aplicação do exame serão divulgados no edital de convocação, a ser divulgado nos sites do IBAM e da Prefeitura de Praia Grande (www.praiagrande.sp.gov.br) a partir do dia 14 de novembro. 

O concurso ainda contará com as seguintes etapas: prova prática para borracheiro, eletricistas, mecânicos e pedreiro; avaliações antropométrica, de aptidão física e psicológica para guarda civil municipal; e análise de títulos para professores. 
 

Vídeos Prefeitura Praia Grande

Mais Lidas

Mais Recentes

Notícias Recentes Prefeitura

Notícias Relacionadas Prefeitura

Atualizado: 02/10/2018 - 11:39

Cemmil Pró-Estrada: concurso reúne 32 vagas em Aguaí SP

Edital tem chances para auxiliar de serviços gerais e operador de trator agrícola, ambas com exigência de ensino fundamental incompleto. Salários chegam a R$ 2,5 mil

Dois cargos

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

O Consórcio Intermunicipal Cemmil Pró-Estrada abriu processo seletivo para preenchimento de 32 vagas em Aguaí, no interior de São Paulo. A seleção também formará cadastro reserva.

Destinadas a profissionais com nível fundamental incompleto, estão em disputa ofertas como auxiliar de serviços gerais (30 postos e salário de R$ 1.407,50) e operador de trator agrícola (2 - R$ 2.547,90). 

Os vencimentos informados já incluem o vale-alimentação de R$ 231 e o auxílio transporte de R$ 178,50, além do adicional de insalubridade de 20% sobre o salário-base (apenas para operador).

Concurso Cemmil Pró-Estrada Aguaí: inscrições e etapas

As inscrições seguem disponíveis até 17 de outubro. É necessário realizar cadastro pelo site da banca Orhion Consultoria (http://orhion.com.br) e pagar taxa de R$ 28.

Válida pela primeira fase, a prova objetiva apresentará 30 questões de múltipla escolha sobre português, matemática e conhecimentos específicos. 

A convocação para o exame, contendo informações sobre dia, local e horário de aplicação, será divulgada em 27 de outubro. 

A seleção prevê, ainda, avaliação prática para os concorrentes aos postos de operador de trator agrícola, em data a ser definida.  

De acordo com o edital, o concurso do Cemmil Pró-Estrada em Aguaí terá validade de um ano. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do consórcio.

Concurso Cemmil Pró-Estrada Aguaí: o que estudar para a prova


 

Continuar lendo

Atualizado: 02/10/2018 - 10:50

Concurso PRF: você sabe o que é efeito Doppler?

O professor Caio Fábio, do Alfacon, explica o conteúdo, que tem grande chance de cair na prova do concurso da PRF 2018

Dicas

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Tudo bem, pessoal? Meu nome é Caio Fábio e faço parte do Alfacon, hoje apresento para vocês um item que tem uma grande chance de cair na prova do concurso da PRF!


O efeito Doppler é um fenômeno que pode ser observado tanto em ondas sonoras (mecânicas) quanto em ondas eletromagnéticas (quem detectou o fenômeno nas ondas eletromagnéticas foi um cientista chamado de Hippolyte Fizeau, por isso em alguns livros utilizam o nome “ Efeito Doppler – Fizeau”), mas fica mais evidente quando as ondas envolvidas são sonoras.


O fenômeno consiste em um observador captar uma frequência aparente (algo que parece ser mas não é! Isso quer dizer “aparente”) diferente da frequência real, por apresentar um movimento relativo entre observador e a fonte.


Como isso cai na minha prova? E como resolvo? 

(CESPE – PRF – 2013) O fenômeno de redução na frequência do som emitido pela buzina de um veículo em movimento, observado por um ouvinte, é denominado efeito Doppler. Essa diferença na frequência deve-se ao deslocamento no número de oscilações por segundo que atinge o ouvido do ouvinte. Os instrumentos utilizados pela PRF para o controle de velocidade se baseiam nesse efeito. A respeito do efeito Doppler, julgue o item abaixo.


Considere que um PRF, em uma viatura que se desloca com velocidade igual a 90 km/h, se aproxime do local de um acidente onde já se encontra uma ambulância parada, cuja sirene esteja emitindo som com frequência de 1.000 Hz. Nesse caso, se a velocidade do som no ar for igual a 340 m/s, a frequência do som da sirene ouvido pelo policial será superior a 1.025 Hz.


Orienta-se a trajetória sempre do observador para a fonte de ondas (esse é o nosso diferencial! É o bizu!)

 

Usando a expressão do efeito Doppler, obtemos a frequência aparente.

 

O policial ouvirá um som mais alto (agudo) do que o verdadeiro som da sirene.


OBS: 90 km/h ÷ 3,6 = 25 m/s

 


Caio Fábio é graduado em Engenharia Civil e cursando Física. Trabalhou como Pesquisador no Instituto de Pesquisa Tecnológicas (IPT), também atuou na Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE) e no EMTU. Foi aprovado em Agente de Segurança Penitenciária de Classe I e atualmente ministra aulas de Física, Matemática, Matemática Financeira, Estatística e Raciocínio Lógico Matemático (RLM) no Alfacon Concursos Públicos

 

Continuar lendo

Atualizado: 02/10/2018 - 02:28

AGU: publicado edital do concurso para 100 vagas

Concurso conta com oportunidades para quem possui nível superior em qualquer área ou áreas específicas. Remunerações iniciais de R$ 6,2 mil. Provas em 9 de dezembro, em todas as capitais

Inscrições começam dia 3

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Advocacia-Geral da União (AGU)  divulgou, nesta terça-feira, 2 de outubro, o edital de abertura de inscrições do seu novo concurso público,  que conta com uma oferta de 100 vagas, distribuídas por diversos cargos, todos com exigência de formação de nível superior em qualquer área ou áreas específicas. As inscrições serão recebidas a partir  das 14 horas desta quarta-feira, dia 3 de outubro, com atendimento até 4 de novembro.

Para todos os cargos, a remuneração inicial é de R$ 6.203,34, considerando salário básico de R$ 2.220,39 e gratificação de desempenho de atividade de apoio técnico administrativo de R$ 3.128, correspondendo a 80 pontos, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.


De acordo com o edital de abertura de inscrições, a escolha da lotação das vagas será feita de acordo com a lista de classificação final, conforme os critérios de oportunidade e conveniência do órgão.


A distribuição das vagas pelos cargos é feita da seguinte forma: administrador (48 vagas, com nível superior em administração e registro no conselho), analista técnico administrativo (10, com nível superior em qualquer área), arquivista (2, superior na área), bibliotecário (1, superior na área e registro no conselho), contador (32, superior na área e registro no conselho),     técnico em assuntos educacionais (2, formação de nível superior em qualquer área), técnico em comunicação social (5, com formação superior em comunicação social ou jornalismo).

 

• CURSO CONCURSO AGU 2018 - CONTADOR / ANALISTA E TÉCNICO
• CURSO CONCURSO AGU 2018 - DIVERSOS CARGOS

As inscrições poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da banca organizadora, a Idecan, que é www.idecan.org.br.


A taxa será de R$ 95,que deverá ser paga por meio de Guia de Recolhimento da União, que deve ser paga nas agências bancárias, correios ou lotéricas.


A aplicação das provas objetivas está marcada para ocorrer em 9 de dezembro, em todas as capitais dos  26 estados e Distrito Federal, de acordo com opção do candidato no ato da inscrição.

 

Concurso AGU - Provas


As provas ocorrerão no período da manhã (das 9h30 às 13h30) para os cargos de administrador, arquivista, contador e técnico em assuntos educacionais e no período da tarde (das 15 horas às 19h30) para analista técnico administrativo, bibliotecário e técnico em comunicação social.


A prova objetiva contará com 60 questões, sendo 30 de conhecimentos básicos e 30 de conhecimentos específicos. Em conhecimentos gerais serão dez de língua portuguesa, cinco de raciocínio lógico, cinco de noções de informática e dez de conhecimentos gerais


Para todos os cargos também haverá prova dissertativa, aplicada no mesmo dia, com uma questão de conhecimentos específicos.

Concurso AGU - Novas vagas

  Vale ressaltar que tramita na Câmara dos Deputados o projeto de lei 6788/17, que cria mais 3.000 vagas na AGU, sendo 2.000 de analista técnico de apoio à atividade jurídica e 1.000 de técnico de apoio à atividade jurídica.   No caso de técnico, para concorrer será exigido apenas ensino médio, com inicial de R$ 4.669,35, com gratificações; e para analistas, nível superior, com inicial de R$ 6.985,34.  

Mais informações sobre este projeto podem ser obtidas aqui

 

AGU - Atribuições 

Administrador – atividades  relacionadas com supervisão, programação, coordenação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a estudos, pesquisas, análises e projetos a respeito de administração de pessoal, material, orçamento, organização e métodos.

Analista técnico administrativo - realizar atividades que envolvam a administração de pessoas, de processos, de recursos materiais e patrimoniais, de licitações e contratos, orçamento, finanças, contabilidade e auditoria; planejar, desenvolver, executar, acompanhar e avaliar planos, programas e projetos, inclusive voltados à modernização e à qualidade; realizar pesquisas e o processamento de informações; elaborar despachos, pareceres, informações, relatórios, certidões, declarações, ofícios, dentre outros; realizar trabalhos que exijam conhecimentos de informática; operar equipamentos disponíveis e os sistemas e recursos informatizados na execução de suas atividades; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Arquivista - realizar atividades voltadas ao planejamento, organização e direção de serviços de arquivo; planejar, orientar e acompanhar o processo documental e informativo; planejar, orientar e direcionar as atividades de identificação das espécies documentais e participação no
planejamento de novos documentos e controle de multicópias; planejar, organizar e direcionar serviços ou centro de documentação e informação constituídos de acervos arquivísticos e mistos; planejar, organizar e direcionar serviços de microfilmagem aplicada os arquivos; orientar o planejamento da automação aplicada aos arquivos; orientar a classificação, arranjo e descrição de documentos; orientar a avaliação e seleção de documentos, para fins de preservação; promover medidas necessárias a conservação de documentos; elaborar pareceres e trabalhos de complexidade sobre assuntos arquivísticos; assessorar os trabalhos de pesquisa cientifica ou técnico-administrativa; desenvolver estudos sobre documentos culturalmente importantes.

Bibliotecário - sistemas biblioteconômicos e/ou de informação e de unidades de serviços afins; organizar os serviços de documentação; executar serviços de classificação e catalogação de manuscritos e de livros, de mapotecas, de publicações oficiais e seriadas, de bibliografia e referência; realizar projetos relativos à estrutura de normalização da coleta, do tratamento e da recuperação e da disseminação das informações documentais em qualquer suporte; realizar estudos administrativos para  o dimensionamento de equipamentos, recursos humanos e layout das unidades da área biblioteconômica e/ou de informação; estruturar e efetivar a normalização e padronização dos serviços técnicos de tratamento da informação fixando índices de eficiência, produtividade e eficácia nas áreas operacionais da biblioteconomia e/ou ciência da informação; estabelecer, coordenar e executar a política de seleção e aferição do material integrante das coleções de acervo, programando as prioridades de aquisição dos bens patrimoniais para a operacionalização dos serviços; estruturar e executar a busca de dados e a pesquisa documental; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade da função que venham a ser determinadas pela autoridade superior.

Contador – desempenho de atividades relacionadas com supervisão, coordenação ou execução, em grau de maior complexidade, relativas à contabilidade e à administração financeira e patrimonial,  empreendendo balancetes, balanços, registros e demonstrações contábeis.

Técnico em assuntos educacionais - realizar atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a trabalhos de pesquisa e estudos pedagógicos, visando a solução dos problemas de educação, bem como de orientação e técnicas educacionais, administração escolar e educação sanitária.

Técnico em comunicação social - realizar atividades que envolvam a coleta, produção, revisão e edição de notícias voltadas à divulgação oficial da competência constitucional da Advocacia-Geral da União em
matérias de seu interesse, por meio da imprensa escrita, falada e televisionada, com a aplicação de técnicas de redação jornalística;
prestar assessoramento em atividades específicas de jornalismo e de assessoria de imprensa; analisar mídias divulgadas a respeito da Instituição, interpretando e avaliando a cobertura jornalística; propor
editorial adequado à missão, à visão e aos valores institucionais; usar,
de maneira eficaz, os recursos de rádio, TV, endereços eletrônicos e outros meios de divulgação e de comunicação; desenvolver o  planejamento estratégico de comunicação institucional; propor novos canais de comunicação com os diversos públicos da instituição, quando necessário, e o aperfeiçoamento dos já existentes; identificar e analisar as necessidades institucionais quanto à criação de identidades visuais e de campanhas; criar e desenvolver peças para campanhas publicitárias institucionais internas e externas, projetos, programações visuais e produções gráficas; implementar ações de publicidade, propaganda, marketing e projetos institucionais; elaborar projetos de layout para sítios web, utilizando conceitos e padrões de arquitetura da informação, usabilidade e acessibilidade; gerenciar o conteúdo web; planejar, coordenar, orientar e controlar as ações de relações públicas; realizar diagnósticos, estudos, pesquisas, levantamentos e relatórios para avaliação e aprimoramento das ações de divulgação e comunicação social; implementar programas e ações que promovam a integração, motivação e conscientização do público interno; aplicar normas de cerimonial e protocolo; planejar, organizar e executar eventos institucionais; realizar trabalhos que exijam conhecimentos de informática; operar equipamentos disponíveis e os sistemas e recursos informatizados na execução de suas atividades; outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade da função que venham a ser determinadas pela autoridade superior.
 

Sobre a AGU

 

Cabe à Advocacia Geral da União (AGU) representar a União, judicial e extrajudicialmente, cabendo-lhe, nos termos da lei complementar que dispuser sobre sua organização e funcionamento, as atividades de consultoria e assessoramento jurídico do Poder Executivo. Em termos de representação judicial, sua atividade é exercida em defesa dos interesses dos referidos entes nas ações judiciais em que a União figura como autora, ré ou, ainda, terceira interessada. A representação extrajudicial é exercida perante entidades não vinculadas à justiça, como órgãos administrativos da própria união, estados ou municípios.


Ads

Quartas das Carreiras. Inscreva-se!

Toda quarta-feira, às 18 horas, serão entrevistados servidores públicos das mais diversas carreiras de órgãos municipais, estaduais e federais. É a oportunidade que você tem de conhecer melhor sua futura profissão!


 

 

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 15:13

Câmara de Franco da Rocha abre concurso com sete vagas

As chances do edital são para candidatos que têm os níveis médio e superior. Inscrições serão recebidas até o dia 25 de outubro

Grande SP

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

A Câmara Municipal de Franco da Rocha, localizada na região metropolitana de São Paulo, abriu as inscrições do concurso público que preencherá sete vagas imediatas do seu quadro de pessoal. A seleção ainda formará cadastro reserva (CR) para futuras oportunidades. 

Quem tem o ensino médio está apto às carreiras de agente de manutenção (1 vaga), agente de serviços gerais (1), assistente administrativo (3), motorista (1) e vigia (CR). Os salários iniciais oscilam entre R$ 1.472,34 e R$ 2.615,31. 

Para nível superior, as chances são para os cargos de analista de tecnologia da informação (CR), assistente contábil (CR) e controlador interno (1). As respectivas remunerações são de R$ 2.615,31, R$ 5.885,60 e R$ 4.414,20. 

Além dos vencimentos, a Câmara de Franco da Rocha ainda oferece para os seus servidores os benefícios de vale-alimentação e vale-refeição. 

Concurso Câmara de Franco da Rocha SP: inscrições

Interessados em concorrer a uma das ofertas devem preencher a ficha cadastral no site do organizador do certame, que é o Instituto Mais (www.institutomais.org.br), e efetuar o pagamento da taxa de participação, nos valores de R$ 60 (ensino médio) e R$ 72 (nível superior). O prazo se encerrará às 17h do dia 25 de outubro. 

Serão aceitas inscrições para mais de um cargo, desde que a prova objetiva seja aplicada em horário distinto, especificado a seguir: turno da manhã para agente de serviços gerais, assistente administrativo e controlador interno; e à tarde para agente de manutenção, motorista, vigia, analista de tecnologia da informação e assistente contábil. 

Concurso Câmara de Franco da Rocha SP: provas

Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela contemplará questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, noções de informática, conhecimentos básicos de legislação municipal e/ou conhecimentos específicos. 

A avaliação será aplicada na cidade de Franco da Rocha/SP no dia 25 de novembro, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado, oportunamente, nos sites do Instituto Mais e da Câmara de Franco da Rocha (www.camarafrancodarocha.sp.gov.br). 

Aqueles que pleiteiam os postos de assistente administrativo e controlador interno ainda serão submetidos à prova de redação, eliminatória e classificatória, a ser realizada na mesma data da objetiva. Ela será composta de texto dissertativo/argumentativo sobre conteúdo pertinente a conhecimentos específicos e que deverá conter entre 20 e 30 linhas. 

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 14:37

Alesp: projeto que cria vagas de auditor aguarda votação

Projeto de lei visa criar a Controladoria Geral da Assembleia, com implantação de sete vagas para a carreira de auditor interno, que pede formação de nível superior

Inicial de R$ 10,5 mil

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Segue em análise, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), o projeto de lei complementar 28 de 2017, que cria a Controladoria Geral da Assembleia. Para isto, a proposta prevê a criação de oito vagas no quadro de pessoal da casa, sendo uma para o cargo de controlador geral, para preenchimento em comissão, e sete para a carreira de auditor interno, para preenchimento por meio de concurso público.    A proposta, que já foi aprovada pelas Comissões de Constituição, Justiça e Redação, bem como de Finanças, Orçamento e Planejamento em março,  agora depende apenas de votação no plenário da casa. 
Para concorrer ao cargo  será necessário possuir formação de nível superior, ainda sem previsão de edital, pois depende da aprovação do projeto, com remuneração inicial de nada menos do que R$ 10.584,70, incluindo salário de R$ 5.461,58, gratificação de representação de R$ 2.002,68 e gratificação legislativa de R$ 3.120,44.      

Atribuições

As atribuições do auditor interno, resguardadas as atribuições dos demais órgãos técnicos da Alesp, corresponderão a emitir notas e instruções de caráter interno relativas à Controladoria Geral; propor a formulação e implementação de políticas nas áreas contábil, financeira e patrimonial e de análise e avaliação de resultados, acompanhar o cumprimento das normas de encerramento do exercício financeiro; propor ao Controlador Geral o encaminhamento de recomendações aos dirigentes e gestores de recursos públicos quanto à gestão contábil, orçamentária, financeira, patrimonial e de pessoal; propor medidas que viabilizem o atendimento das diligências oriundas do Tribunal de Contas; realizar auditorias nas unidades gestoras em observância ao Plano Anual de Controle Interno; planear, organizar, avaliar e executar atividades referentes à fiscalização e ao controle interno da aplicação dos recursos e bens públicos, no âmbito das atribuições da Controladoria Geral.

Progressão Salarial

Além do salário inicial de R$ 5.461,58, a carreira de auditor contará com progressão em mais 18 níveis salariais, além dos complementos. Desta forma, o básico, com o tempo, de acordo com o projeto inicial, contará com  os seguintes reajustes: nível II – R$ 5.666,38; III – R$ 5.878,87; IV – R$ 6.099,32; V - R$ 6.328,06; VI – R$ 6.565,35; VII – R$ 6.811,57; VIII – R$ 7.066,99; IX – R$ 7.332; X – R$ 7.606,96; XI – R$ 7.892,23; XII 0 R$ 8.188,19; XIII – R$ 8.495,24; XIV – R$ 8.813,81; XV –R$ 9.144,34; XVI – R$ 9.487,25; XVII – R$ 9.843,03; XVIII – R$ 10.212,13; e XIX - R$ 10.595,10. Considerando com os atuais valores dos complementos, a remuneração em final de carreira, atualmente, no nível XIX, seria de R$ 15.718,22.        
Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 14:23

Concurso em Guarulhos SP reúne 92 oportunidades

As vagas da Proguaru são destinadas a candidatos que têm os níveis fundamental, técnico e superior. Inscrições serão recebidas entre 4 de outubro e 8 de novembro

Ganhos de até R$ 8 mil

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Na região metropolitana de São Paulo, foi publicado o edital de abertura das inscrições do concurso público da Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S/A, denominada Proguaru. A seleção visa o preenchimento de 92 vagas, sendo quatro reservadas a pessoas com deficiência. 

Quem tem o ensino fundamental pode concorrer para as funções de ajudante geral (50 vagas), jardineiro (5), motociclista (2), pintor predial (10) e soldador (3). Os salários iniciais oscilam entre R$ 1.275,47 e R$ 2.026,39.

Para aqueles que têm curso técnico, as chances são para os empregos de assistente contábil (1), auxiliar de enfermagem do trabalho (2), programador (1), técnico de informática (1), técnico de pavimentação (3) e técnico de segurança do trabalho (4). Os vencimentos variam de R$ 2.560,92 a R$ 3.495,57. 

Candidatos que têm o nível superior estão aptos às carreiras de analista de suporte e redes (1), analista econômico financeiro (1), arquiteto (2), assistente social (1), comprador (3) e engenheiro eletricista (2). As remunerações partem de R$ 3.733,08 e chegam a R$ 8.039,77. 

De acordo com o edital, o contrato de trabalho será regido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). 

Concurso Proguaru SP: inscrições e provas 

As inscrições serão recebidas no período das 10h do dia 4 de outubro às 17h de 8 de novembro. A ficha cadastral estará disponível no site do Instituto Mais (www.institutomais.org.br), organizador do certame. Os valores da taxa de participação são de R$ 25 (ensino fundamental), R$ 45 (curso técnico) e R$ 60 (formação superior). 

O certame será constituído das seguintes etapas: prova objetiva para todos os cargos; prova dissertativa para assistente social; prova de redação para técnico de segurança do trabalho; teste físico para ajudante geral; prova prática para jardineiro, motociclista, pintor predial e soldador; tempo de experiência profissional para assistente contábil, comprador, programador, técnico de informática, técnico de pavimentação e analista de suporte e redes; e análise de títulos para assistente social, analista econômico financeiro, arquiteto e engenheiro eletricista. 

As provas objetivas, dissertativas e de redação, assim como a entrega de documentos para a prova de títulos e de tempo de experiência profissional, serão realizadas na cidade de Guarulhos/SP na data prevista de 9 de dezembro, no período da tarde, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado nos sites do Instituto Mais e da Proguaru (www.proguaru.com.br) a partir do dia 30 de novembro. 

A prova objetiva será composta por questões do tipo múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, raciocínio lógico e/ou conhecimentos específicos. 

A prova de redação será constituída de texto dissertativo/argumentativo e deverá conter entre 20 e 30 linhas. Já a prova dissertativa contemplará quatro questões dissertativas, que deverão conter de cinco a dez linhas.
 

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 13:49

Concurso CRQ SP: inscrições abertas para 520 vagas

Destinadas a profissionais de níveis médio/técnico e superior, carreiras oferecem vencimentos acima de R$ 10,1 mil. Edital tem chances na capital e em cidades do interior e litoral

12 municípios

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Começaram nesta segunda-feira (1) as inscrições para o concurso do Conselho Regional de Química da 4ª Região (CRQ 4), com jurisdição em São Paulo, destinado a formar cadastro reserva em 520 vagas distribuídas entre a capital e cidades do interior e litoral. 

Profissionais com ensino médio podem concorrer como profissional de serviços técnico-administrativos (PSA) nas áreas de administração (20 - salário de R$ 4.419,55), manutenção predial (20 - R$ 4.419,55), manutenção predial/alvenaria/hidráulica e pintura (20 - R$ 4.419,55) e teleatendimento (20 - R$ 3.657,60).

Além de segundo grau, é necessário possuir formação técnica para disputar as funções de profissional de suporte técnico nas seguintes especialidades: compras (20), financeiro (20), recursos humanos (20), contabilidade (20) e informática (20). Todas as ofertas pagam R$ 5.129,13.  

Curso superior é requisito do concurso do CRQ SP para profissional de atividades estratégicas nas funções de fiscal (240 - R$ 10.117,45), bibliotecário (20 - R$ 7.097,15), analista de sistemas - programação (20 - R$ 7.097,15), analista de sistemas - rede (20 - R$ 7.097,15), advogado (20 - R$ 7.097,15) e jornalista (20 - R$ 7.097,15). 

• APOSTILAS CONCURSO CRQ SP 2018 - DIVERSOS CARGOS

Os vencimentos informados já incluem os valores referentes aos vales refeição e alimentação. Além disso, os contratados terão direito a convênio médico e odontológico, vale transporte e plano de cargos e salários. 

Todas as vagas são para atuar na capital, exceto para fiscal, carreira que também reúne oportunidades em Araçatuba, Araraquara, Bauru, Campinas, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba. 

Concurso CRQ SP: inscrição e etapas

Será possível se inscrever até as 23h59 de 12 de novembro, por meio do site do Instituto Quadrix (http://www.quadrix.org.br). São cobradas taxas de R$ 60 (ensino médio), R$ 65 (técnico) e R$ 75 (superior). 

Em 9 de dezembro, os candidatos realizarão provas objetiva e discursiva. A primeira trará 120 questões do tipo 'certo' ou 'errado', enquanto a segunda cobrará a elaboração de um texto contendo entre 15 e 30 linhas. 

Com duração de quatro horas, os exames ocorrerão em Araçatuba, Araraquara, Bauru, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto e São Paulo.

O processo seletivo será finalizado com teste prático para fiscal e jornalista. A aplicação está prevista para 16 e/ou 17 de fevereiro, na capital paulista. 

O concurso do CRQ SP terá validade de dois anos, a contar da data de publicação da homologação do resultado final. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do conselho, conforme prevê o edital

Cronograma do concurso do CRQ SP

Concurso CRQ SP: conteúdo programático parcial

Língua portuguesa - 1 Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados. 2 Reconhecimento de tipos e gêneros textuais. 3 Domínio da ortografia oficial. 4 Domínio dos mecanismos de coesão textual. 4.1 Emprego de elementos de referenciação, substituição e repetição, de conectores e de outros elementos de sequenciação textual. 4.2 Emprego de tempos e modos verbais. 5 Domínio da estrutura morfossintática do período. 5.1 Emprego das classes de palavras. 5.2 Relações de coordenação entre orações e entre termos da oração. 5.3 Relações de subordinação entre orações e entre termos da oração. 5.4 Emprego dos sinais de pontuação. 5.5 Concordância verbal e nominal. 5.6 Regência verbal e nominal. 5.7 Emprego do sinal indicativo de crase. 5.8 Colocação dos pronomes átonos. 6 Reescrita de frases e parágrafos do texto. 6.1 Significação das palavras. 6.2 Substituição de palavras ou de trechos de texto. 6.3 Reorganização da estrutura de orações e de períodos do texto. 6.4 Reescrita de textos de diferentes gêneros e níveis de formalidade. 7 Correspondência oficial (conforme Manual de Redação da Presidência da República). 7.1 Aspectos gerais da redação oficial. 7.2 Finalidade dos expedientes oficiais. 7.3 Adequação da linguagem ao tipo de documento. 7.4 Adequação do formato do texto ao gênero.

Raciocínio lógico e matemático - 1 Operações, propriedades e aplicações (soma, subtração, multiplicação, divisão, potenciação e radiciação). 2 Princípios de contagem e probabilidade. 3 Arranjos e permutações. 4 Combinações. 5 Conjuntos numéricos (números naturais, inteiros, racionais e reais) e operações com conjuntos. 6 Razões e proporções (grandezas diretamente proporcionais, grandezas inversamente proporcionais, porcentagem, regras de três simples e compostas). 7 Equações e inequações. 8 Sistemas de medidas. 9 Volumes. 10 Compreensão de estruturas lógicas. 11 Lógica de argumentação (analogias, inferências, deduções e conclusões). 12 Diagramas lógicos.

Atualidades - 1 Tópicos relevantes e atuais de diversas áreas, tais como recursos hídricos, segurança, transportes, política, economia, sociedade, educação, saúde, cultura, tecnologia, energia, relações internacionais, desenvolvimento sustentável e ecologia.

Confira o conteúdo programático completo do concurso do CRQ SP
 

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 11:49

Prefeitura de Carapicuíba SP abre concurso com 36 vagas

A participação deverá ser garantida entre os dias 3 de outubro e 1º de novembro. Os salários iniciais chegam a R$ 1,9 mil

Todos os níveis

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Serão abertas no dia 3 de outubro as inscrições do concurso público da Prefeitura Municipal de Carapicuíba, localizada no Estado de São Paulo. Oportunidade é de 36 vagas, sendo três reservadas a pessoas com deficiência. 

Candidatos que concluíram o ensino fundamental podem se inscrever para a função de vigia (10 vagas), cujo salário inicial é de R$ 974,10.

Aqueles que têm o ensino médio podem disputar os cargos de agente de defesa civil (2), oficial administrativo (10), visitador sanitário (2), técnico de enfermagem (10) e técnico em prótese dentária (1). O primeiro emprego ainda exige formação completa em bombeiro civil e os dois últimos requerem curso técnico na área. Os vencimentos oscilam entre R$ 975,12 e R$ 1.162,27. 

Para quem tem o nível superior, a chance é para o posto de bibliotecário (1), cuja remuneração é de R$ 1.915,62. 

A Prefeitura de Carapicuíba ainda oferece para os seus servidores os seguintes benefícios: abono no valor de R$ 180; cesta básica no valor de R$ 120; sacola básica na quantidade de 40 kg; e vale-transporte.

Como participar do concurso da Prefeitura de Carapicuíba SP

A RBO Assessoria Pública e Projetos Municipais é a empresa responsável pela organização e execução do certame. A ficha cadastral estará disponível no site www.rboconcursos.com.br até as 15h do dia 1º de novembro. Será cobrada uma taxa de participação, no valor único de R$ 23,70. 

Serão aceitas inscrições para mais de um cargo, desde que a prova objetiva seja aplicada em horário distinto, especificado a seguir: período A para agente de defesa civil, oficial administrativo e vigia; e período B para bibliotecário, técnico de enfermagem, técnico em prótese dentária e visitador sanitário. 

Concurso Prefeitura de Carapicuíba SP: prova 

O certame será constituído de uma única etapa: prova objetiva. Ela será composta por 40 questões do tipo múltipla escolha, sendo dez de língua portuguesa, dez de matemática e 20 de conhecimentos específicos. 

A avaliação será aplicada na cidade de Carapicuíba/SP no dia 2 de dezembro, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado no site da RBO a partir do dia 23 de novembro. 

Atribuições do oficial administrativo

Efetuar anotações das transações financeiras, adotando os procedimentos necessários para facilitar o controle contábil, procedendo ao encaminhamento dos mesmos aos setores competentes; verificar os comprovantes e outros documentos relativos a operação de pagamento, de arrecadação, e boletins de caixa, efetuando os cálculos necessários para assegurar a exatidão das transações; preparar o boletim de caixa, especificando saldos das contas, para facilitar o controle financeiro da prefeitura; registrar os pagamentos em cada tipo de conta mantida pela prefeitura, indicando o número e o valor dos cheques, para posterior pagamento; emitir cheques com cópia, anexando-os aos processos de pagamento; separar e classificar processos de pagamento de conformidade com as normas legais pertinentes; protocolar requisições de compras, formando os respectivos processos; requisitar ao almoxarifado materiais para entrega às secretarias e outros órgãos da administração; receber, conferir e registrar livros e fichas, as solicitações de inscrição, alteração ou cancelamento de lançamentos tributários; averbar os imóveis transferidos, expedir as respectivas certidões e providenciar o lançamento das taxas pertinentes; emitir guias de recolhimentos e contas de cobrança para pagamento pelos contribuintes; auxiliar na rotina de pessoal, fazendo registro em carteiras profissionais; digitar contratos de trabalho, rescisões, bem como efetuar os cálculos das verbas rescisórias; controlar férias do pessoal, informando o setor competente da época para as concessões, segundo as normas trabalhistas aplicáveis; digitar documentos e atos administrativos oficiais, conferindo-os; atendimento ao público, prestando as informações solicitadas e procedendo o encaminhamento, quando necessário; determinar o arquivo de fichas e demais documentos, segundo as normas de serviço do órgão onde se encontre lotado, de modo a facilitar consultas posteriores; controlar o recebimento do material adquirido; realizar, sob orientação, coleta de preços para aquisição de materiais; acompanhar a aquisição de materiais e equipamentos; examinar os pedidos de compras dos diversos setores da administração, verificando a possibilidade de atendimento; executar outras atribuições afins.
 

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 11:35

Concurso em Presidente Bernardes SP tem inscrição aberta

Prazo para registro de candidaturas termina no próximo domingo (7). Prefeitura oferece salários acima de R$ 13,2 mil

Últimos dias

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

A Prefeitura de Presidente Bernardes, em São Paulo, está com inscrições abertas para concurso público destinado a preencher duas vagas, além de formar cadastro reserva (CR).

Há ofertas de nível médio para auxiliar de enfermagem (2 postos + CR e salário de R$ 1.220,63) e agente comunitário de saúde (CR - R$ 1.314,48).

O processo seletivo tem oportunidades com exigência de curso superior para enfermeiro ESF (CR - R$ 3.051,57) e médico ESF (CR - R$ 13.222,62).

As inscrições terminam às 23h59 de 7 de outubro, devendo ser efetuadas pelo site da banca CMM Assessoria (www.cmmconcursos.com.br). As taxas custam R$ 45 (nível médio) e R$ 60 (superior). 

Em 21 de outubro, os candidatos realizarão prova objetiva contendo 40 questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, informática e conhecimentos específicos.

De acordo com o edital, a seleção terá validade de dois anos, a contar da data de homologação do resultado. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do governo municipal.

Cronograma do concurso da Prefeitura de Presidente Bernardes 

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 10:57

Câmara de Piquerobi SP: concurso inscreve até domingo

Edital tem chance para assessor parlamentar. Cargo cobra ensino médio e paga R$ 1,6 mil

Uma vaga

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

A Câmara de Piquerobi, em São Paulo, recebe inscrições até as 23h59 de domingo (7) para o concurso destinado a preencher uma vaga de assessor parlamentar.

Com salário inicial de R$ 1.685,08 e jornada semanal de 40 horas, o cargo requer ensino médio completo e conhecimentos gerais em informática.

Os interessados devem acessar o site da banca CMM Assessoria (www.cmmconcursos.com.br) para registrar a candidatura. O valor da taxa é de R$ 50.

Marcada para 21 de outubro, a prova objetiva trará 40 questões sobre língua portuguesa, matemática, informática e conhecimentos específicos. 

De acordo com o edital, o processo seletivo terá validade de dois anos, a contar da data de homologação do resultado. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do Legislativo.

Atribuições do assessor parlamentar no concurso da Câmara de Piquerobi

Assessorar os trabalhos da Presidência, da Mesa, e Vereadores em todos os assuntos referentes ao processo legislativo; Assessorar os trabalhos desenvolvidos durantes as Reuniões Camarárias; reunir legislação, projetos e propostas de interesse do Vereador; Preparar matérias relativas a pronunciamentos e proposições do Vereador; Efetuar o atendimento de pessoas; Informar o Vereador sobre prazos e providências das proposições em tramitação na Câmara; Recebe correspondências encaminhando-as aos Vereadores; Tem acesso direto aos mesmos para convoca-los para sessões extraordinárias, responde correspondências e e-mails a pedido do vereador; Arquiva documentos em pastas próprias relacionadas ao desempenho do mandado dos mesmos; Providencia a publicidade dos atos dos vereadores junto imprensa quando necessário; Controla os prazos de resposta aos requerimentos formulados pelos vereadores; Realizar pesquisas sobre assuntos e matérias legislativas a pedido do vereador, e mais atos relacionados ao mandato dos mesmos.

Cronograma do concurso da Câmara de Piquerobi SP

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 10:47

Concurso Sefaz SP: expectativa de novidade após eleições

Com grande necessidades de pessoal, órgão encaminhou novo pedido para preenchimento das 249 vagas mais prementes para o cargo de técnico da fazenda estadual, que conta com inicial de até R$ 3 mil

Ensino médio

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Cresce a expectativa por novas definições a respeito do aguardado concurso público da  Secretaria Estadual da Fazenda de São Paulo (Sefaz/SP)  para o cargo de técnico da fazenda estadual. De acordo com informações obtidas junto ao Sindicato dos Técnicos de Apoio à Arrecadação Fazendária (Sitesp), a entidade vem negociando a realização do novo certame, dentre uma série de outras reivindicações, junto ao secretário da fazenda Luiz Cláudio Rodrigues de Carvalho. A projeção, segundo informações do sindicato, é de que alguma definição possa ocorrer após as eleições, marcadas para domingo, dia 7. 

Sem a possibilidade de contratar novos servidores para o cargo desde maio de 2015, quando encerrada a validade do último certame, a Sefaz/SP visa preencher 294 vagas na carreira. O quantitativo do novo pedido, que tramita desde maio na Secretaria Estadual de Gestão Pública (SGP/SP), é menor que a solicitação anterior, encaminhada pelo órgão em 2017, no sentido de permitir melhor viabilizar o concurso financeiramente, diminuindo a defasagem de servidores, com menor impacto aos cofres públicos.    


Para concorrer ao cargo basta possuir ensino médio completo, com remuneração inicial de R$ 2.110,52 em caso de 50% do Prêmio de Incentivo à Qualidade (PIQ) e R$ 3.078,40, em caso de 100% do prêmio, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

• CURSO CONCURSO SEFAZ SP 2018 - TÉCNICO DA FAZENDA ESTADUAL

De acordo com informações obtidas com a diretoria do sindicato da categoria, entre os pontos que estão sendo discutidos com a secretaria, no sentido de garantir melhores condições de trabalho para os aprovados na seleção, estão a possibilidade de mudanças no dissídio, bem como na forma de realização das promoções e, inclusive, uma melhor definição das atribuições da carreira. 


Vale ressaltar que o pedido do concurso, encaminhado para a SGP/SP prevê a nomeação dos aprovados a partir de agosto de 2019. Desta forma, a seleção pode eventualmente ser autorizada ainda este ano, pelo governador Márcio França, ou no início de 2019, pelo seu sucessor.


De qualquer forma, o quantitativo solicitado está muito aquém do total necessário para suprir a necessidade de pessoal. De acordo com o último levantamento funcional, divulgado em 28 de abril, com base até 31 de dezembro de 2017, a carreira conta com um total de 941 vagas em aberto, número muito mais próximo do pedido de autorização de concurso anterior, enviado em 2017, que era de 849 postos. De um total de 2.122 vagas na carreira, a pasta conta com apenas 1.181 postos preenchidos.


Um ponto importante já definido para o novo concurso, segundo o presidente do Sitesp, Joaquim Goma, é que a seleção contará com distribuição de vagas de forma regionalizada, permitindo que os aprovados possam ser empossados em locais mais próximos de suas residências. Ainda de acordo com o sindicalista, em declaração para o Jornal dos Concursos, no primeiro semestre, em virtude da carência de pessoal, a Fazenda tem alocado pessoal não qualificado, em muitos casos, pessoas nem mesmo concursadas, para atender ao público, sem levar em conta o sigilo fiscal, que é prerrogativa apenas dos técnicos e agentes fiscais de rendas.   

 

Atribuições

  Cabe aos técnicos prestar apoio técnico e administrativo necessários ao desenvolvimento das atividades fazendárias, bem como o atendimento ao público, no âmbito da secretaria.      

Último Concurso

Na última seleção para o cargo, realizada em 2010, foram registrados 49.716 inscritos para a oferta inicial de 550 vagas. A organizadora foi a Fundação Carlos Chagas e a prova foi composta de 80 questões, sendo 40 de conhecimentos gerais e 40 de conhecimentos específicos. Conhecimentos gerais contou com temas de língua portuguesa (20 perguntas), matemática e raciocínio lógico (dez), noções de informática (cinco) e atualidades (cinco). Em conhecimentos específicos, noções de direito constitucional (dez), noções de direito administrativo (dez), noções de direito penal (cinco), noções de direito tributário (dez) e noções de direito civil (cinco).       
Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 09:17

Concurso Liquigás: prazo para 1.349 vagas encerra hoje

Oportunidades do edital são para diversos cargos, de todos os níveis de escolaridade. Os salários iniciais chegam a R$ 4,8 mil

Em 17 Estados e DF

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Chega ao fim nesta segunda-feira (1) o prazo de inscrição do processo seletivo público da Liquigás. A seleção visa o preenchimento de 1.349 vagas, sendo 74 imediatas e 1.275 para formação de cadastro reserva (CR) de futuras oportunidades. 

Candidatos que têm o ensino fundamental incompleto podem disputar a função pública de ajudante de carga e descarga I (19 vagas + 345 CR), cujo salário inicial é de R$ 1.321,09.

Quem concluiu o ensino fundamental pode se inscrever para o emprego de oficial de produção I (23 + 725 CR), com ganho de R$ 1.691,10.

Para ensino médio, as chances do edital são para os cargos de ajudante de motorista granel I (1 + 5 CR), assistente administrativo I (1 + 5 CR), assistente de logística I (8 + 40 CR), oficial de manutenção I elétrica (1 + 5 CR), oficial de manutenção I mecânica (1 + 10 CR), operador de gás I (5 + 35 CR), técnico de instalações I (1 + 5 CR) e técnico de segurança do trabalho I (1 + 5 CR). Os vencimentos oscilam entre R$ 1.321,09 e R$ 2.984,14.

• APOSTILAS CONCURSO LIQUIGÁS 2018 - DIVERSOS CARGOS
• CURSOS CONCURSO LIQUIGÁS 2018 - DIVERSOS CARGOS

Nível superior é requisito para profissional de vendas júnior (6 + 30 CR), profissional júnior - comunicação social (1 + 20 CR), profissional júnior - direito (1 + 15 CR), profissional júnior - economia (3 + 20 CR), profissional júnior TI analista de sistemas (1 + 5 CR) e profissional júnior TI arquiteto de soluções (1 + 5 CR). As remunerações são de R$ 3.583,26 para profissional de vendas júnior e R$ 4.894,08 para os demais postos. 

A Liquigás ainda oferece para os seus servidores os seguintes benefícios: vale-gás; vale-refeição ou refeitório no local; vale-alimentação; vale-transporte; convênio farmácia; convênio odontológico; auxílio a filho excepcional; auxílio-funeral; seguro de vida em grupo; e auxílio-creche.

Ofertas serão lotadas nos Estados de Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rio Grande do Norte, Tocantins e Espírito Santo, além do Distrito Federal. Somente em São Paulo, são oferecidas 346 vagas.

Como participar do concurso da Liquigás

A Fundação Cesgranrio é a banca organizadora do certame. As inscrições devem ser realizadas exclusivamente pela internet, através do site www.cesgranrio.org.br

Será cobrada uma taxa de participação do processo seletivo da Liquigás nos valores de R$ 37 (ensino fundamental), R$ 47 (nível médio) e R$ 67 (superior). O pagamento do boleto bancário deverá ser efetuado até a data limite do prazo, observado o horário de funcionamento do banco. 

Concurso Liquigás: informações sobre as provas

Os candidatos serão submetidos às seguintes avaliações: prova objetiva para todos os cargos; prova discursiva para profissional júnior - direito; e prova de capacidade física para ajudante de carga e descarga e de oficial de produção.

As provas objetiva e discursiva serão aplicadas no dia 18 de novembro, nas cidades de Belo Horizonte/MG, Curitiba/PR, Recife/PE, Rio de Janeiro/RJ, Macaé/RJ, Porto Alegre/RS, Florianópolis/SC, São Paulo/SP, Salvador/BA, Fortaleza/CE, Brasília/DF, Goiânia/GO, São Luís/MA, Cuiabá/MT, Belém/PA, Natal/RN, Palmas/TO, Vitória/ES e Campo Grande/MS.  

O gabarito será divulgado no dia 19 de novembro e o participante deverá acompanhar todas as publicações referentes ao processo seletivo no site da Fundação Cesgranrio. 

Mais informações sobre a Liquigás 

A Liquigás, fundada em 1953, foi adquirida pela Petrobras Distribuidora S.A. em 2004 e em novembro de 2012 passou a ser subsidiária direta da Petrobras. Ela atua no engarrafamento, distribuição e comercialização de gás liquefeito de petróleo, também conhecido como GLP. Está presente em 23 Estados (exceto Amazonas, Acre e Roraima).

A empresa conta com 23 centros operativos, 19 depósitos, 1 base de armazenagem e carregamento rodo-ferroviário, 4 unidades de envasamento em terceiros e uma rede com aproximadamente 4.800 revendedores autorizados, além de sua sede, na cidade de São Paulo/SP.

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 09:14

Bombeiros SP abre inscrições de concurso com 600 vagas

As chances são para a função de guarda-vidas, que requer nível fundamental completo e paga R$ 1,2 mil. A lotação ocorrerá em 16 cidades

Temporárias

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

O Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo abriu as inscrições do processo seletivo simplificado que preencherá 600 vagas temporárias na função de guarda-vidas, de ambos os sexos. A lotação ocorrerá nas praias do litoral paulista e nas praias de águas interiores de rios e represas com acesso público do Estado.

Para disputar uma das vagas o candidato deverá possuir diploma de conclusão de curso de ensino fundamental. O salário inicial oferecido é de R$ 1.290,66, além dos benefícios de vale-transporte e vale-refeição.

De acordo com o edital, a vigência do contrato será de, no máximo, cinco meses. A assinatura do contrato dos aprovados ocorrerá no dia 5 de novembro, com início de trabalho no dia seguinte.

Ofertas estão distribuídas entre as cidades de Ilha Comprida (36 vagas), Guarujá (50), Iguape (14), Bertioga (58), Peruíbe (40), São Sebastião (30), Itanhaém (50), Ilha Bela (12), Mongaguá (60), Caraguatatuba (20), Praia Grande (100), Ubatuba (50), São Vicente (20), São Paulo - Guarapiranga (36), Santos (10) e São Bernardo do Campo - Billings (14).

Entre as atribuições do cargo, estão: proteção de banhistas; salvamento simples de um banhista em risco na água; suporte básico da vida; atividades de prevenção passiva; limpeza e conservação das dependências de seu local de trabalho e de seus materiais de serviço.

Concurso Bombeiros SP: inscrições e provas 

As inscrições serão recebidas até o dia 28 de outubro, através do site www.ccb.policiamilitar.sp.gov.br, ou presenciais, no horário das 9h às 18h nas unidades do Corpo de Bombeiros constantes no edital, que está anexado à notícia. Não serão cobradas taxas de participação. 

O processo seletivo dos Bombeiros/SP contará com análise de documentação; apresentação de atestado médico; prova prática de habilidades técnicas; e investigação social. 

A prova prática será aplicada no dia 30 de outubro, com início às 10h, nos endereços indicados no ato da inscrição. Ela será constituída das seguintes modalidades: correr/andar um percurso de 1.000 metros, no tempo máximo de oito minutos; e nadar 200 metros em piscina, no tempo máximo de seis minutos.

Os candidatos aprovados na seletiva deverão realizar o estágio de treinamento durante três semanas, com atividades diárias de segunda a sexta-feira, além do estágio operacional aos finais de semana.

Concurso Bombeiros SP: atribuições do guarda-vidas

Realizar as medidas necessárias à proteção de banhistas, que consiste em identificar os riscos de afogamento em uma praia, ou represa, sob a supervisão de um bombeiro militar, sinalizando estes riscos, orientando os banhistas sobre os riscos existentes nas praias ou represas e alertando os banhistas que estejam em risco iminente. Realizar salvamento simples de um banhista, adentrando na água com os equipamentos adequados, nadando, atendendo à vítima de afogamento e retirando-a da água até um local seguro, sem riscos para o executante. Prestar suporte básico da vida à vítima de afogamento ou de outros incidentes em sua área de atuação, bem como atender outras emergências pré-hospitalares como auxiliar de um bombeiro militar. Prestar auxílio a um bombeiro militar em atividades de prevenção na da faixa de areia, na distribuição de material de educação pública, pulseirinhas para identificação de crianças, cartazes entre outros meios de alertar o banhista sob os riscos de afogamento. Promover a limpeza e conservação das dependências de seu local de trabalho e de seus materiais de serviço. Responsabilizar-se civilmente por prejuízos que causar ao Corpo de Bombeiros, por dolo, imprudência, imperícia ou negligência no desempenho de suas atividades, aplicando-se as disposições das legislações vigentes, independentemente da responsabilidade penal. Sujeitar-se aos mesmos deveres, proibições e responsabilidades previstos na Lei 10.261, de 28/10/1968. 
 

Continuar lendo

Atualizado: 01/10/2018 - 09:03

Santana de Parnaíba SP: concurso encerra inscrições hoje

Prefeitura preencherá postos de diretor de escola, vice-diretor de escola e supervisor de ensino. Salários alcançam R$ 4,7 mil

133 vagas

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Terminam às 17h desta segunda-feira (1) as inscrições para o concurso da Prefeitura de Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo, destinado a preencher 133 vagas em cargos de nível superior na área da educação.

 

Há oportunidades para diretor de escola (60 postos e remuneração de R$ 4.470), supervisor de ensino (8 - R$ 4.700) e vice-diretor de escola (65 - R$ 3.840).

 

Os vencimentos informados já incluem o vale-alimentação mensal de R$ 150. Além disso, os contratados terão direito a abono pecuniário e gratificação.  

 

O formulário para inscrição deve ser preenchido pelo site do Instituto Mais (www.institutomais.org.br), banca que organiza a seleção. O valor da taxa é de R$ 59,80. 

 

 

Fases do concurso da Prefeitura de Santana de Parnaíba

 

 

As provas objetiva e dissertativa estão marcadas para 21 de outubro. A primeira trará 40 questões de múltipla escolha, enquanto a segunda cobrará a elaboração de um texto a partir de problemática proposta pela banca examinadora. 

 

O conteúdo programático inclui língua portuguesa, conhecimentos básicos de legislação, legislação e conhecimentos pedagógicos e conhecimentos específicos.  

 

Na mesma data, os candidatos deverão entregar os documentos relativos à avaliação de títulos. Serão considerados diplomas de especialização, mestrado e doutorado.  

 

O concurso terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério da Prefeitura de Santana de Parnaíba, conforme estabelece o edital.
 

Continuar lendo

Atualizado: 28/09/2018 - 15:02

PM SP: autorizado concurso de 190 vagas de oficiais

Para concorrer ao cargo de aluno oficial da PM de Barro Branco é necessário possuir ensino médio, com inicial de R$ 2,9 mil

Ensino médio

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

O governador Márcio França  autorizou, nesta sexta-feira, 28 de setembro, a realização de novo concurso público para o preenchimento de 190 vagas para o cargo de aluno oficial da Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM/SP) para o curso de formação de oficiais da PM de Barro Branco. Para concorrer ao cargo é necessário possuir ensino médio, idade de 17 a 30 anos (exceto para servidores da corporação) e altura mínima de 1,60m para  homens e 1,55 m para mulheres. A remuneração inicial da carreira é de R$ 2.988,06.

Agora, com a autorização, o próximo passo é definir a banca organizadora. Somente então poderá ser definida a data de publicação do edital de abertura de inscrições. De qualquer forma, a autorização governamental determina que o preenchimento deverá ser para ingresso no curso a partir de 2020, tendo em vista a realização de concurso para a carreira recentemente.

 

Concurso PM SP - Oficiais -  Atribuições

 

Cabe aos servidores após o curso de oficiais, a gestão e comando de pessoas e análise e administração de processos, por intermédio da utilização ampla de conhecimentos na busca de soluções para os variados problemas pertinentes às atividades jurídicas e administrativas de preservação da ordem pública e de polícia ostensiva, em conformidade com a filosofia de polícia comunitária e direitos humanos, além de outras definidas em lei, por intermédio da conclusão com aproveitamento do bacharelado em ciências policiais de segurança e ordem pública, destinado a formar, com solidez teórica e prática, o profissional ocupante do posto inicial de oficial.

 

Concurso PM SP - Oficiais - Provas

 

A seleção para o ingresso no curso de oficiais é composta de seis etapas, incluindo provas objetivas, exames de aptidão física, exames de saúde, avaliação psicológica, avaliação de conduta social e idoneidade, além de análise de documentos.

A parte objetiva costuma contar com 80 questões, sendo 26 sobre ciências humanas e suas tecnologias (8 de história, 5 de filosofia, 5 de sociologia e 8 de geografia), 34 sobre linguagens, códigos e suas tecnologias (28 de língua portuguesa e 6 de língua inglesa ou espanhola) , 10 de matemática, 5 de noções de administração pública e 5 de noções básicas de informática.    
 

Continuar lendo

Atualizado: 28/09/2018 - 10:51

Ipeúna SP: confirmada nova banca do concurso

Seleção contará com oportunidades para várias carreiras. Quantidade de vagas ainda será anunciada. Em fase de licitação

Todos os níveis

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

A prefeitura de Ipeúna, no interior paulista, oficializou,  nesta sexta-feira, 28 de setembro, a escolha da nova banca organizadora do seu próximo concurso público.  Inicialmente, a seleção ficaria sob a responsabilidade da Caetanno Projetos e Assessoria, mas a empresa não compareceu dentro do prazo previsto com a documentação necessária para a assinatura do contrato. Com isto, uma nova empresa foi convocada: o Instituto de Marketing, Assessoria e Gestão de Imagem na Empresa Ltda. Agora, após a apresentação da documentação necessária, a nova banca foi efetivamente oficializada.

Fica mantida a contratação de outra empresa, que fidará responsável por outro processo seletivo no município, que será a Directa Desenvolvimento Institucional e Carreiras.

Após a assinatura do contrato com as empresas, que deve ocorrer nos próximos dias, poderão ser publicados os editais de abertura de inscrições.

O concurso será para o preenchimento de vagas em diversos cargos, com opções para quem possui níveis fundamental, médio e superior. A oferta de vagas para cada carreira ainda será divulgada, bem como os respectivos salários iniciais.  Porém, os cargos que contarão com oportunidades já foram anunciados.

Ensino Básico Incompleto
Quem possui apenas o ensino básico incompleto poderá concorrer aos cargos de servente de limpeza, servente geral e tratorista.

Ensino Fundamental Completo
No caso de ensino fundamental completo, as opções são para agente comunitário de saúde PSF, auxiliar de cuidador social, leiturista, merendeira/cozinheira, monitor de alunos de ensino infantil/fundamental, motorista e operador de máquina rodoviária.

Ensino Médio
Para ensino médio: assistente de administração, auxiliar administrativo, auxiliar odontológico e cuidador social.

Nível Superior
Quem possui formação técnica poderá contar com opções de técnico de enfermagem, técnico de radiologia e técnico de segurança do trabalho.
Por fim, para nível superior: analista de RH, assistente social, cirurgião dentista, enfermeiro, engenheiro civil, farmacêutico, fiscal de tributos, fisioterapeuta, médico plantonista, médico do PSF, médico ginecologista/obstetra, nutricionista, professor de educação física, professor de educação infantil PEI, professor de ensino básico PEG I e químico.


De acordo com o edital de licitação, as taxas deverão ser de R$ 20 para cargos com exigência de ensino fundamental, R$ 30 para ensino médio e R$ 40 para nível superior.


O documento também determina que, uma vez publicado o edital de abertura de inscrições, o atendimento deverá ser feito pelo prazo de, pelo menos, dez dias


Após assinado o contrato com a banca, o prazo de realização do processo seletivo será de 90 dias, podendo ser prorrogado uma vez, pelo mesmo período.
 

 

Continuar lendo

Atualizado: 28/09/2018 - 10:35

Concurso SME SP: saiu autorização para 628 vagas

Novo concurso da SME (Secretaria Municipal de Educação) de São Paulo terá oportunidades para cargo de nível superior e com salário inicial de R$ 4,8 mil

Coordenador pedagógico

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Finalmente foi divulgada a autorização para o novo concurso de acesso da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (SME SP) com oportunidades no cargo de coordenador pedagógico. O aval libera as 628 vagas solicitadas pelo órgão.

Para concorrer à carreira de coordenador pedagógico é necessário possuir licenciatura plena em pedagogia; pós-graduação stricto sensu em educação ou pós-graduação lato sensu em educação, de no mínimo 800 horas; e experiência mínima de três anos no magistério.

Segundo a tabela de remuneração dos servidores públicos municipais, o vencimento inicial vigente corresponde a R$ 4.084,35 para jornadas de 40 horas semanais, entretanto, o piso é de R$ 4.860,86, ou seja, a secretaria concede abono complementar para chegar a tal valor.

O próximo passo para a realização do concurso SME SP para coordenador é formar a comissão. Logo a seguir deve ser iniciado o processo de escolha da banca organizadora.

Atribuições do cargo 

Cabe ao profissional exercer as seguintes tarefas: coordenar a elaboração, implementação e avaliação do Projeto Pedagógico da unidade educacional, tendo em vista os desafios do cotidiano escolar, as modalidades e turnos em funcionamento, visando à melhoria da qualidade da educação, em consonância com as diretrizes educacionais do município; elaborar o plano de trabalho da coordenação pedagógica indicando metas, estratégias de formação, acompanhamento e avaliação dos impactos da formação continuada e cronograma de reuniões com a equipe docente para gestão pedagógica da unidade educacional; coordenar a elaboração e implementação dos planos de ensino dos professores, garantindo a consonância com as diretrizes curriculares da Secretaria Municipal de Educação; promover a análise dos resultados das avaliações internas e externas da aprendizagem dos alunos estabelecendo conexões com a elaboração do PP, Plano de Ensino e do Plano de trabalho da Coordenação Pedagógica; entre outras atividades.

Último concurso da SME/SP

Foi em 2011 que o órgão lançou um edital com 50 oportunidades para coordenador pedagógico. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Carlos Chagas (FCC).

A triagem dos participantes ocorreu por meio de provas objetivas, testes dissertativos e análise de títulos. Os exames objetivos constaram de 50 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais e 30 de conhecimentos específicos, já as avaliações dissertativas apresentaram três perguntas.

Continuar lendo

Atualizado: 28/09/2018 - 08:03

Ceeteps SP: autorizado concurso para 827 vagas docentes

Nova autorização é para realização de novo concurso ou convocação de remanescentes, com remunerações iniciais de até R$ 6,2 mil

Para nível superior

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

O governador Márcio França autorizou, nesta sexta-feira, 28 de setembro, o preenchimento de nada menos do que 827 vagas para docentes junto ao Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza (Ceeteps). As oportunidades são para quem possui formação de ensino médio técnico, nível superior específico ou pós-graduação, com remunerações iniciais de até R$ 6.200. De acordo com a autorização do governador, as oportunidades serão destinadas para a realização de novo concurso público ou convocação de remanescentes, em caso de existência de concurso em validade  

Agora, com a autorização, o próximo passo é definir a comissão do concurso e, posteriormente, o nome da banca organizadora. Também deve ser confirmado se o preenchimento das vagas será feita de forma descentralizada, de acordo com as necessidades de cada unidade ou se todas as oportunidades serão feitas por meio de concurso unificado. Isto deve ser confirmado pelo órgão em breve. Além disso, a autorização determina que o preenchimento das vagas deve ocorrer em 2019, em decorrência da lei eleitoral, que proíbe a nomeação de aprovados em concursos homologados dentro do período de três meses antes e três meses depois das eleições.

Do total de postos, 496 são para o cargo de professor de ensino médio ou técnico, sendo 120 exclusivamente para a reposição de pessoal contratato em caráter excepcional e temporário. Para concorrer na carreira é necessário possuir licenciatura de graduação plena ou equivalente, com habilitação na área específica da disciplina a ser lecionada ou formação de nível superior em área correspondente e complementação específica. A  remuneração inicial do cargo é de R$ 3.670.

 Além disos, a autorização também é para o preenchimento de 198 postos para o cargo de professor de ensino superior, sendo 55 exclusivamente para a reposição de pessoal contratado em caráter excepcional e temporário. Neste caso, para ingressar na carreira é necessário possuir mestrado ou doutorado ou, ainda, possuir graduação e, cumulativamente, especialização na área com experiência profissional de, no mínimo, três anos na disciplina a ser lecionada. Também pode ser considerada graduação e experiência profissional relevante de, no mínimo, cinco anos na disciplina a ser lecionada. A remuneração inicial do cargo é de R$ 6.206.

Por fim, as 133 vagas restantes da autorização governamental são para o cargo de auxiliar de docente. Neste caso, os interessados devem possuir formação profissional técnica de ensino médio, com habilitação específica na área de educação. A remuneração inicial é de R$ 2.542,77. 

 

Concurso Ceeteps - O órgão

 

O Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza é uma autarquia do governo do estado de São Paulo, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, que administra 220 escolas técnicas (Etecs) e 66 faculdades de tecnologia (Fatecs). Foi criado pelo governador Abreu Sodré em 1969 e possui mais de 290 mil estudantes matriculados em cursos técnicos e superior. Nasceu com o intuito de gerar os primeiros cursos superiores de tecnologia. Porém, ao longo do tempo, passou a realizar projetos de educação tecnológica para o ensino médio.

Continuar lendo

Atualizado: 27/09/2018 - 13:29

Prefeitura de Jundiaí SP abre concurso para professor

Edital tem oportunidades para docentes em 15 áreas de ensino. Salário inicial é de R$ 5,2 mil

Ano letivo de 2019

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

A Prefeitura de Jundiaí, a cerca de 50 km da capital paulista, abriu processo seletivo destinado a formar cadastro reserva de professores temporários para o ano letivo de 2019.

Serão selecionados docentes com formação de nível superior para educação básica I e educação básica II nas áreas de educação física, arte, português, matemática, história, geografia, ciências, física, química, biologia, inglês, francês, italiano e espanhol. 

Todas as funções têm jornada semanal de 30 horas e pagam R$ 5.241,62. O valor é composto pelo salário-base de R$ 4.254,50, além do auxílio alimentação de R$ 635,12 e do auxílio transporte de R$ 352. 

Concurso Prefeitura Jundiaí: inscrição e etapas

Os interessados têm até as 23h59 de 21 de outubro para se inscrever. É necessário efetuar cadastro pelo site http://igdrh.org.br/concursos_igdrh/ e pagar taxa de R$ 50. 

A seleção prevê apenas prova objetiva, marcada para 11 de novembro. O exame trará 50 questões de múltipla escolha para serem solucionadas no tempo máximo de três horas. 

As perguntas abordarão língua portuguesa, legislação educacional e conhecimentos pedagógicos e específicos (todas as vagas), além de matemática (apenas para professor de educação básica I), de acordo com o edital.  

Concurso Prefeitura Jundiaí: conteúdo programático parcial

Língua portuguesa - Técnicas de Redação, Interpretação de Texto e Gramática. As questões de Língua Portuguesa têm por objetivo verificar no candidato a capacidade de leitura, de compreensão e de interpretação de texto, bem como, a sua habilidade de usar a linguagem como meio para produzir, expressar e comunicar ideias em diferentes situações – Tipos de Comunicação: Descrição – Narração – Dissertação –Tipos de Discurso – Coesão Textual. ESTILÍSTICA – Figuras e Vícios de Linguagem. Vocabulário técnico inerente à área. Fonologia; Ortografia; sistema oficial vigente. Emprego das classes de palavras: substantivo, adjetivo, numeral, pronome, verbo, advérbio, preposição, conjunção (classificação e sentido que imprime às relações entre as orações). Colocação pronominal. Concordância verbal e nominal. Regência verbal e nominal. Análise sintática: termos da oração. Emprego da Crase.

Conhecimentos pedagógicos - REFERÊNCIAS: APPLE, Michel; NOVOA, Antonio. Paulo Freire: política e pedagogia. Lisboa: Porto editora, 1998. ARROYO, Miguel G. Ofício de mestre: Imagens e Auto-imagens. 6 ed. Rio de Janeiro: Editora Vozes, 2002. BOFF, Leonardo. O cuidado necessário. Petrópolis: Vozes, 2012. BRASIL. Secretaria de Educação Especial. Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da educação inclusiva. Brasília, MEC/SEESP, 2008. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/politicaeducespecial.pdf. GIROUX, Henry A. Os professores como intelectuais rumo a uma pedagógica crítica da aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 1997. HERNANDEZ, Fernando; A Organização do Currículo por Projetos de Trabalho. São Paulo: Penso, 2017. LA TAILLE, Yves de. Limites: três dimensões educacionais: São Paulo: Ática, 1998. JUNDIAÍ (SP). Diretrizes Curriculares da Educação Básica Municipal de Jundiaí SP / organização CEDUCAMP - Consultoria Educacional e Assessoria Pedagógica Campinas. - Jundiaí, SP: Prefeitura Municipal de Jundiaí SP, 2016. Disponivel em: https://jundiai.sp.gov.br/educacao/wp-content/uploads/sites/10/2016/12/Diretrizes-Curriculares-da-Educa%C3%A7%C3%A3o-B%C3%A1sica-Municipal-de-Jundia%C3%AD_v12.1-Colorido.pdf VASCONCELLOS, Celso dos Santos. (In) disciplina - Construção da disciplina consciente e interativa em sala de aula e na escola. 15 ed. São Paulo: Libertad, 2000. (Coleção Cadernos Pedagógicos do Libertad).WERNECK, Claudia. Ninguém mais vai ser bonzinho na sociedade inclusiva. 2 ed. Rio de Janeiro: WVA, 2000.

Legislação educacional - REFERÊNCIAS: Lei Federal 9394/96 – Incumbência dos estabelecimentos de ensino em relação às normas comuns e às do Sistema de Ensino ao qual pertencem. Lei n.º 8069 de 13.07.90 – Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA. Resolução CNE/CEB nº 04/2010 - Define Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a Educação Básica. Resolução CNE/CEB nº 07/2010: Fixa Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental de 9 (nove) anos. Resolução CNE/CEB nº 05/2009: Fixa as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil. Resolução CNE/CEB nº 02/2012: Define Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Resolução N.4, de 2/10/2009: Institui Diretrizes Operacionais para o Atendimento Educacional Especializado na Educação Básica, modalidade Educação Especial. Lei N. 13.257, de 8 de março de 2016. Dispõe sobre as políticas públicas para a primeira infância e altera a Lei n. 8.069, de 13 de julho de 1990 (Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA), o Decreto-Lei no 3.689, de 3 de outubro de 1941 (Código de Processo Penal), a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovada pelo Decreto-Lei no 5.452, de 1o de maio de 1943, a Lei no 11.770, de 9 de setembro de 2008, e a Lei no 12.662, de 5 de junho de 2012. Lei n. 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Decreto n. 6.949, de 25 de agosto de 2009. Promulga a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo.

Continuar lendo

Atualizado: 27/09/2018 - 13:28

Franco da Rocha SP inscreve para concurso com 17 vagas

Oportunidades do edital são para candidatos de níveis fundamental e superior. Inscrições serão recebidas até o dia 22 de outubro

Ganhos de até R$ 6,3 mil

JC Concursos - Patricia Lavezzo - Informe o Erro

Na região metropolitana de São Paulo, a Prefeitura Municipal de Franco da Rocha abriu as inscrições de concurso para provimento de 17 vagas, além de formação de cadastro reserva (CR). Ofertas são destinadas ao Programa Saúde da Família. 

Para quem concluiu o ensino fundamental, as chances do edital são para as funções de agente comunitário de saúde (12 vagas + CR), auxiliar de enfermagem (1 + CR) e auxiliar de consultório dentário (1 + CR). Os respectivos salário iniciais são de R$ 1.253,70, R$ 1.339,85 e R$ 994,14. 

Aqueles que têm o nível superior estão aptos às carreiras de cirurgião dentista (1 + CR), enfermeiro (1 + CR) e médico generalista (1 + CR), cujas remunerações são de R$ 3.693,03, R$ 2.192,23 e R$ 6.307,67. 

Segundo o edital, o contrato de trabalho será regido pelo regime jurídico da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), por tempo indeterminado, de acordo com a duração do Programa Saúde da Família.

Concurso Prefeitura de Franco da Rocha SP: inscrições e provas

Para participar do certame é necessário se inscrever no site da banca organizadora, que é www.igdrh.org.br, e efetuar o pagamento da taxa de inscrição, nos valores de R$ 40 (ensino fundamental) e R$ 65 (nível superior). O prazo para registro das candidaturas se encerrará no dia 22 de outubro. 

A seleção será constituída de duas etapas: prova objetiva para todos os empregos, eliminatória e classificatória; e análise de títulos e experiência profissional para nível superior, unicamente classificatória. 

A prova objetiva será composta por 40 questões do tipo múltipla escolha sobre conhecimentos gerais e conhecimentos específicos. Confira a distribuição das questões por disciplinas para todos os cargos a seguir: 

Com duração máxima de três horas, o exame será aplicado no município de Franco da Rocha/SP no dia 11 de novembro, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado a partir do dia 6 desse mesmo mês. 

Atribuições do agente comunitário de saúde

Realizar ações de promoção e prevenção em saúde bucal para as famílias, grupos e indivíduos, mediante planejamento local e protocolos de atenção à saúde; proceder à desinfecção e à esterilização de materiais e instrumentos utilizados; preparar e organizar instrumental e materiais necessários; instrumentalizar e auxiliar o cirurgião dentista e/ou o THD nos procedimentos clínicos; cuidar da manutenção e conservação dos equipamentos odontológicos; organizar a agenda clínica; acompanhar, apoiar e desenvolver atividades referentes à saúde bucal com os demais membros da equipe de saúde da família, buscando aproximar e integrar ações de saúde de forma multidisciplinar; participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da USF. 
 

Continuar lendo

Shopping