Tudo Sobre

Concurso SLU DF

Notícia em primeiro lugar

Concurso SLU DF: governador sanciona lei que reestrutura carreiras

Novo concurso SLU DF (Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal) tem previsão no orçamento para 100 vagas de assistentes, que passam a se chamar analistas. Ensino médio e R$ 3,3 mil



Fernando Cezar Alves | fernando@jcconcursos.com.br
Publicado em 19/11/2020, às 09h22 - Atualizado às 14h28

Concurso SLU DF: unidade do SLU DF
Google Maps

Com previsão na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)  para contratação de pessoal em 2021, o novo  concurso SLU DF (Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal) agora deve contar com mudanças significativas. Acontece que o governador Ibaneis Rocha sancionou, nesta quinta-feira, 19 de novembro, a lei 6.720, que altera a denominação das carreiras de gestão sustentável de recursos sólidos

Com a mudança, as carreiras de analista, assistente e agente de gestão de recursos sólidos, respectivamente, com exigências de nível superior, médio e fundamental, passam a se chamar gestor, analista e técnico de resíduos sólidos, com exigências de nível superior para gestor e analista e ensino médio para técnico.

De acordo com o documento:

Art. 2º Os cargos da carreira de Gestão de Resíduos Sólidos ficam organizados de acordocom os seguintes níveis de atuação:

  • I – Gestor de Resíduos Sólidos: estratégico-executivo;
  • II – Analista de Resíduos Sólidos: executivo-operacional;
  • III – Técnico de Resíduos Sólidos: administrativo-operacional

O ingresso nos cargos segue feito por meio da realização de concursos públicos de provas e títulos, com as seguintes condições:

  • I – para o cargo de Gestor de Resíduos Sólidos: diploma de curso superior ou habilitação legal equivalente, fornecido por instituição de ensino devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação, com formação nas áreas indicadas e, nos casos especificados no edital normativo do concurso, registro no respectivo conselho de classe;
  • II – para o cargo de Analista de Resíduos Sólidos: diploma de curso superior ou
    habilitação legal equivalente, fornecido por instituição de ensino devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação;
  • III – para o cargo de Técnico de Resíduos Sólidos: certificado de conclusão de ensino
    médio ou equivalente expedido por instituição educacional reconhecida pelo órgão próprio do sistema de ensino e, nos casos especificados no edital normativo do concurso, curso de formação profissional e registro no respectivo conselho de classe

A lei também transforma 121 vagas de analistas em resíduos sólidos em 80 de gestor de resíduos sólidos e extingue 1.627 vagas de técnicos de resíduos sólidos.

Concurso SLU DF: saiba mais sobre a seleção

O novo concurso SLU DF conta com previsão orçamentária para o preenchimento de 100 vagas em 2021 para o cargo de assistente de gestão em resíduos sólidos, cargo que pede apenas ensino médio para ingresso. Porém, com a nova lei, a carreira passa a se chamar analista de resíduos sólidos, com nova exigência para ingresso, que passa a ser de nível superior. As remunerações iniciais são de R$ 3.360 para a jornada de 30 horas semanais e R$ 4.480 para 40 horas. O novo documento não indica se, com a reestruturação e mudança de escolaridade haverá revisão das remunerações.

O certame ainda depende de autorização formal por parte do governador. Somente então poderá ser formada a respectiva comissão e definida a banca responsável. Após estes procedimentos poderá haver uma previsão de quando o edital de abertura de inscrições será efetivamente publicado.     

Concurso SLU DF: saiba como foi a última seleção 

O último concurso SLU DF ocorreu em 2019, quando foram oferecidas 150 vagas, sendo 50 para preenchimento imediato e 100 para formar cadastro reserva de pessoal. 

As oportunidades foram para o cargo de analista de gestão de resíduos sólidos em diversas áreas de atuação: administração, arquitetura, biologia, ciências contábeis, comunicação social - jornalismo, comunicação social - relações públicas, direito e legislação, economia, engenharia ambiental, engenharia civil, engenharia de produção, engenharia de segurança do trabalho, engenharia elétrica, engenharia mecânica, engenharia química, geografia, informática, modernização das gestões das atividades de resíduos sólidos e serviço social

A banca, na ocasião, foi o Cespe/UnB, atual Cebraspe. 

 

  •   

+ Resumo do Concurso SLU DF

SLU DF - Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal
Vagas: 100
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Analista, Assistente
Áreas de Atuação: Administrativa
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 3360,00 Até R$ 4480,00
Estados com Vagas: DF

concursosconcursos df (distrito federal)concursos 2020provas anteriores

Comentários

Mais Lidas