Publicado: 11/07/2018 - 10:35 | Atualizado: 07/08/2018 - 10:16

Concurso TRT SP: divulgado gabarito da prova objetiva

Com mais de 162 mil inscritos, concurso do TRT SP tem ofertas para profissionais de níveis médio, técnico e superior. Salários variam de R$ 7,5 mil a R$ 13,6 mil

Por JCConcursos - Samuel Peressin

Aplicada em 22 de julho, a prova objetiva do concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT SP), com sede na capital paulista, já teve o gabarito divulgado pela Fundação Carlos Chagas. O documento pode ser consultado aqui

A avaliação objetiva cobrou a resolução de 60 questões para técnico e de 70 para analista. A redação, por sua vez, exigiu entre 20 e 30 linhas. Os participantes tiveram quatro horas e meia para concluir os exames.

O conteúdo programático previa língua portuguesa, matemática/raciocínio lógico, informática, noções sobre direitos das pessoas com deficiência, legislação e ética no serviço público e conhecimentos específicos.

O processo seletivo inclui, ainda, testes prático e físico para técnico - especialidade segurança, em datas a serem definidas. 

APOSTILA CONCURSO TRT2/SP 2018 - ANALISTA E TÉCNICO JUDICIÁRIOS
CURSO ONLINE TRT2/SP 2018 - ANALISTA E TÉCNICO JUDICIÁRIO

concurso do TRT SP preencherá 320 vagas, além de formar cadastro reserva (CR). As oportunidades são para carreiras de técnico (salários entre R$ 7.592,53 e R$ 8.650,18) e analista (de R$ 11.890,83 a R$ 13.626,14), com exigência de ensino médio e superior, respectivamente. Os vencimentos já incluem o auxílio-alimentação de R$ 884 e foram atualizados conforme retificação do edital divulgada em 17 de maio.

Do total de empregos em disputa, o edital reserva 63 a candidatos que se declararem negros e 18 a pessoas com deficiência.

Além da cidade de São Paulo, o TRT/2 tem jurisdição sobre a região metropolitana da capital e a Baixada Santista.

O certame recebeu o total de 162.340 inscritos, sendo 85.998 somente para técnico judiciário - área administrativa e 30.370 para analista judiciário - área judiciária. A estatística de candidatos por opção pode ser conferida no site da banca organizadora. 

Vagas no concurso do TRT SP 2018

As chances para técnico estão distribuídas entre as áreas administrativa (144 postos), telefonia (1), segurança (35), enfermagem (CR) e tecnologia da informação (1) - as duas últimas especialidades também requerem formação técnica.

Já para analista, há ofertas em 20 áreas: judiciária (53), oficial de justiça avaliador federal (54), administrativa (27), contabilidade (1), arquivologia (CR), biblioteconomia (1), enfermagem (CR), enfermagem (CR), especialidade engenharia (CR), engenharia - segurança do trabalho (CR), estatística (CR), medicina (CR), medicina - cardiologia (CR), medicina - clínico geral (CR), medicina do trabalho (CR), medicina - psiquiatria (CR), nutrição (CR), psicologia (CR), serviço social (1), tecnologia da informação (1) e história (1).    

 
Ads

Prepare-se para o concurso do TRT/SP

A Central de Concursos oferece curso preparatório 100% presencial, com 28 anos de experiência em aprovação. Antecipe seus estudos e garanta sua vaga! Confira.  


PROVA ANTERIOR DO CONCURSO TRT/SP

 

O concurso terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do Tribunal Regional do Trabalho 2ª Região de São Paulo, de acordo com o edital.

Concurso TRT SP 2018: atribuições do técnico - área administrativa (144 vagas)

Prestar apoio técnico e administrativo pertinente às atribuições das unidades organizacionais; executar tarefas de apoio à atividade judiciária; arquivar documentos; efetuar tarefas relacionadas à movimentação e à guarda de processos e documentos; atender ao público interno e externo; classificar e autuar processos; realizar estudos, pesquisas e rotinas administrativas; redigir, digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Atribuições do técnico - especialidade segurança (35 vagas) no concurso do TRT2 SP

I - Atuar na segurança dos magistrados, servidores e demais autoridades na área de jurisdição do órgão e em qualquer localidade do território nacional, quando autorizado pelo Presidente do Tribunal; II - realizar a segurança de magistrados e servidores no exercício de suas funções institucionais; III - atuar na preservação da ordem em recintos oficiais, conduzindo à autoridade policial, pessoas em situação de flagrante delito, ou ato infracional, ou, ainda, por determinação de autoridade judiciária; IV - realizar a guarda e vigilância dos bens móveis e imóveis do Tribunal, bem como auxiliar na segurança do patrimônio intelectual e imaterial; V - auxiliar, quando solicitado pela Presidência do Tribunal, na segurança das equipes de trabalho executantes das políticas institucionais e de erradicação do trabalho análogo ao de escravo e infantil, em cooperação com outros Órgãos. VI - realizar ações da atividade de inteligência destinadas a instrumentalizar o exercício da segurança institucional, produzindo conhecimentos e informações que subsidiem ações, de forma a neutralizar e coibir ameaças e atos criminosos na esfera de competência do Tribunal; VII - realizar investigações preliminares de interesse institucional, quando autorizadas pela Presidência do Tribunal; VIII - auxiliar na escolta de presos nas dependências do Tribunal; IX - fiscalizar as atividades de controle de acesso, circulação e permanência de pessoas, materiais, equipamentos e volumes nas dependências do Tribunal; X - conduzir, utilizando técnicas de segurança e prevenção, veículos em missão oficial; XI - executar ações de prevenção e combate a incêndio e outros sinistros de qualquer natureza, bem como atendimento a primeiros socorros; XII - executar a gestão e fiscalização dos contratos de segurança, conforme o caso; XIII - cooperar com outros órgãos de esfera pública, quando autorizado pela Presidência do Tribunal; XIV - executar outras tarefas de interesse institucional, mediante autorização expressa do Presidente do Tribunal; sem prejuízo das atribuições descritas no Ato CSJT.GP.SG.CGPES n.° 193/2008, para servidores ocupantes da área de segurança.

Concurso TRT SP 2018: atribuições do analista - área administrativa (27 vagas)

Realizar tarefas relacionadas à administração de recursos humanos, materiais, patrimoniais, orçamentários e financeiros, de desenvolvimento organizacional, licitações e contratos, contadoria e auditoria; emitir informações e pareceres; elaborar, analisar e interpretar dados e demonstrativos; elaborar, implementar, acompanhar e avaliar projetos pertinentes à área de atuação; elaborar e aplicar instrumentos de acompanhamento, avaliação, pesquisa, controle e divulgação referentes aos projetos desenvolvidos; atender ao público interno e externo; redigir, digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Conteúdo programático parcial para o concurso do TRT 2ª Região

Língua portuguesa – Interpretação de texto. Argumentação. Pressupostos e subentendidos. Níveis de linguagem. Articulação do texto: coesão e coerência. Termos da oração. Processos de coordenação e subordinação. Discurso direto e indireto. Tempos, modos e vozes verbais. Classes de palavras. Flexão nominal e verbal. Concordância nominal e verbal. Regência nominal e verbal. Ocorrência da Crase. Ortografia e acentuação. Pontuação. Equivalência e transformação de estruturas. Redação.

Matemática e raciocínio lógico-matemático – Números inteiros e racionais: operações (adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação); expressões numéricas; múltiplos e divisores de números naturais; problemas. Frações e operações com frações. Números e grandezas proporcionais: razões e proporções; divisão em partes proporcionais; regra de três; porcentagem e problemas. Estrutura lógica de relações arbitrárias entre pessoas, lugares, objetos ou eventos fictícios; deduzir novas informações das relações fornecidas e avaliar as condições usadas para estabelecer a estrutura daquelas relações. Compreensão e elaboração da lógica das situações por meio de: raciocínio verbal, raciocínio matemático, raciocínio sequencial, orientação espacial e temporal, formação de conceitos, discriminação de elementos. Compreensão do processo lógico que, a partir de um conjunto de hipóteses, conduz, de forma válida, a conclusões determinadas.

Informática – Noções de sistema operacional (ambientes Linux e Windows 7, 8 e 10). Edição de textos, planilhas e apresentações (ambientes Microsoft Office 2010, 2013 e LibreOffice 5 ou superior). Redes de computadores: Conceitos básicos, ferramentas, aplicativos e procedimentos de Internet e Intranet; Programas de navegação (Microsoft Internet Explorer, Mozilla Firefox e Google Chrome); Programas de correio eletrônico (Microsoft Outlook e Mozilla Thunderbird); Sítios de busca e pesquisa na Internet; Grupos de discussão; Redes sociais; Computação na nuvem (cloud computing). Conceitos de organização e de gerenciamento de informações, arquivos, pastas e programas. Segurança da informação: Procedimentos de segurança; Noções de vírus, worms e outras pragas virtuais; Aplicativos para segurança (antivírus, firewall, antispyware etc.); Procedimentos de backup; Armazenamento de dados na nuvem (cloud storage).

Noções sobre direitos das pessoas com deficiência (Resolução CNJ nº 230/2016 - art. 19) – Inclusão, direitos e garantias legais e constitucionais das pessoas com deficiência (Lei nº 13.146/2015; Lei nº 11.126/2005 e Constituição Federal). Normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida (Lei nº 10.098/2000 e Decreto 5.296/2004). Prioridade de atendimento às pessoas portadoras de deficiência (Lei nº 10.048/2000 e Decreto 5.296/2004). Direitos no sistema de transporte coletivo (Lei nº 8.899/1994) e Decreto 3.691/2000). Símbolo de identificação de pessoas portadoras de deficiência auditiva (Lei nº 8.160/1991). Normas de apoio às pessoas portadoras de deficiência e sua integração social (Lei nº 7.853/1989 e Decreto 3.298/1999).

Legislação e ética no serviço público – Ética e moral. Ética, princípios e valores. Ética e democracia: exercício da cidadania. Ética e função pública. Ética no Setor Público: Estatuto de Ética Profissional do Servidor do TRT da 6ª Região. Lei nº 8.112/1990 e alterações posteriores: Provimento, vacância, remoção, redistribuição e substituição; Direitos e vantagens; Regime disciplinar: deveres, proibições, acumulação, responsabilidades, penalidades, processo administrativo disciplinar. Lei nº 8.429/1992 e alterações posteriores: disposições gerais, atos de improbidade administrativa.

APOSTILAS CONCURSO TRT2 2018 - TÉCNICO E ANALISTA JUDICIÁRIOS

Confira o conteúdo programático completo para a prova do concurso do TRT/SP 2018

Vídeos TRT São Paulo

Mais Lidas

Comissão de Finanças e Tributação

Comissão de Finanças e Tributação

MPU e CNMP: PL que aumenta salários aguarda parecer

Mais Recentes

Atualizado: 07/08/2018 - 09:26

Concurso São Bernardo SP: PROVA está prevista para 26/8

Concurso da Prefeitura de São Bernardo do Campo preencherá postos em 37 cargos, com destaque para oficial administrativo, que reúne 100 chances, cobra ensino médio e paga R$ 1,7 mil

752 vagas

Por JCConcursos - Samuel Peressin

Destinado a preencher 752 vagas, o novo concurso da Prefeitura de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, tem a prova da primeira fase prevista para 26 de agosto.    

 

Profissionais com ensino médio têm opções como analista de transportes (3 - R$ 3.945,81), auxiliar de serviços de agrimensura (1 - R$ 2.809,62), oficial administrativo (100 - R$ 1.722,95), guarda civil municipal - homem (70 - R$ 2.239,83), guarda civil municipal - mulher (30 - R$ 2.239,83) e professor de educação básica I (300 - até R$ 3.715,41).

 

As ofertas de nível superior no concurso da Prefeitura de São Bernardo são para procurador (9 - R$ 9.611,41), agente contábil (5 - R$ 4.715,83), agente de controladoria (2 - R$ 4.715,83), agente de tesouraria (3 - R$ 4.715,83), analista tributário financeiro (1 - R$ 7.903,21), arquiteto (10 - R$ 7.903,21), assistente jurídico (1 - R$ 5.586,87), assistente social (1 - R$ 5.187,41), contador (3 - R$ 7.903,21), desenhista (1 - R$ 5.107,20), engenheiro civil (9 - R$ 7.903,21), engenheiro eletricista (2 - R$ 7.903,21), fiscal de cadastro tributário (5 - R$ 4.715,83), fiscal I (32 - R$ 4.715,83), fisioterapeuta (1 - R$ 3.890,62), fonoaudiólogo (1 - R$ 5.187,41), geólogo (1 - R$ 5.946,50), psicólogo (9 - R$ 5.946,50), psicólogo - Secretaria de Educação (1 - R$ 5.187,41), técnico em agrimensura (9 - R$ 6.533,60), técnico em licitações (13 - R$ 4.324,61), técnico em meio ambiente (3 - R$ 4.715,83), terapeuta ocupacional (1 - R$ 3.890,62), coordenador pedagógico (35 - R$ 5.402,51), diretor escolar (50 - R$ 5.617,91), orientador pedagógico (5 - R$ 5.617,91) e professor nas áreas arte (10 - até R$ 3.938,33), educação física (15 - até R$ 3.938,33), educação especial - audiocomunicação (1 - até R$ 4.132,14), educação especial - deficiência intelectual/mental (8 - até R$ 4.132,14) e educação especial - deficiência visual (1 - até R$ 4.132,14). 

 

Inscrições e etapas do concurso da Prefeitura de São Bernardo do Campo 2018

 

As inscrições foram recebidas até 26 de junho, por meio do site da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). As taxas custaram R$ 56,50 (nível médio) e R$ 82,20 (superior).

APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO SP 2018 - CARGOS DE NÍVEIS MÉDIO E SUPERIOR

Em 26 de agosto, a banca aplicará prova objetiva para todos os candidatos, além de exame prático-profissional apenas para os concorrentes a procurador.

 

As outras etapas do processo seletivo envolvem: análise de títulos (procurador, professor, coordenador pedagógico, diretor escolar e orientador pedagógico) e teste físico, avaliação psicológica e curso de formação (guarda civil municipal), em datas a serem definidas.

 

De acordo com os editais, o concurso da Prefeitura de São Bernardo do Campo terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

Atribuições do oficial administrativo no concurso da Prefeitura de São Bernardo 2018

 

Datilografar serviços rotineiros, utilizando impressos padronizados relativamente simples e/ou correspondência interna e externa, relatórios, memorandos, etc., com base em minutas. Atender o expediente normal da unidade, efetuando abertura, recebimento, registro, distribuição, apensamento, desapensamento de processos, correspondência interna e externa e respectivos protocolos. Efetuar controles simples de arquivo, arquivamento em kardex, elaborar índices simples e remissivos. Redigir relatórios, minutas de ofícios, memorandos, declarações, circulares, ordens de serviço e similares, que envolvam interpretações de elementos analíticos complexos. Efetuar controles relativamente complexos envolvendo interpretação e comparação de dois ou mais tipos de informações: conferências de cálculos de licitações, apreciação em processos de compra, previsão orçamentária, controle contábil, controle de subvenções, controle de fundos, controle de férias, seguros e empréstimos e/ou outros tipos similares de controle. Efetuar cálculos simples, utilizando somente as quatro operações: cálculos de taxas de expediente, soma de avisos de crédito, cálculo de quilometragem e outros similares. Efetuar controles simples, que não envolvam interpretação e comparação de informações: controle de materiais, de quilometragem, de horas trabalhadas, cartões de ponto e/ou controles similares; Dar atendimento ao público, fornecendo informações relativamente complexas: informações sobre concorrências, editais, processos, leis, decretos, e/ou similares. Efetuar cálculos relativamente complexos, utilizando-se de fórmulas e envolvendo dados comparativos, cálculos de áreas, metragens de muros e passeios, cálculos de licença-prêmio, cálculos de juros de mora, correção monetária e/ou semelhantes. Dar atendimento de balcão, fornecendo informações gerais simples, atinentes ao serviço da Unidade. Redigir memorandos, cartas, relatórios e/ou mensagens simples, ofícios, cotas em processos, termos de juntada e retirada de documentos em expedientes, etc. Executar outras atividades correlatas ao cargo.

 

Concurso Prefeitura São Bernardo: o que vai cair na prova para oficial administrativo

 

Língua portuguesa – Leitura e interpretação de diversos tipos de textos (literários e não literários). Sinônimos e antônimos. Sentido próprio e figurado das palavras. Pontuação. Classes de palavras: substantivo, adjetivo, numeral, pronome, verbo, advérbio, preposição e conjunção: emprego e sentido que imprimem às relações que estabelecem. Concordância verbal e nominal. Regência verbal e nominal. Colocação pronominal. Crase.

 

Matemática – Resolução de situações-problema, envolvendo: adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação ou radiciação com números racionais, nas suas representações fracionária ou decimal; Mínimo múltiplo comum; Máximo divisor comum; Porcentagem; Razão e proporção; Regra de três simples ou composta; Equações do 1.º ou do 2.º graus; Sistema de equações do 1.º grau; Grandezas e medidas – quantidade, tempo, comprimento, superfície, capacidade e massa; Relação entre grandezas – tabela ou gráfico; Tratamento da informação – média aritmética simples; Noções de Geometria – forma, ângulos, área, perímetro, volume, Teoremas de Pitágoras ou de Tales.

 

Atualidades – Questões relacionadas a fatos políticos, econômicos, sociais e culturais, nacionais e internacionais, ocorridos a partir de 1º de janeiro de 2018, divulgados na mídia local e/ou nacional.

 

Informática – MS-Windows 7: conceito de pastas, diretórios, arquivos e atalhos, área de trabalho, área de transferência, manipulação de arquivos e pastas, uso dos menus, programas e aplicativos, interação com o conjunto de aplicativos MS-Office 2010. MS-Word 2010: estrutura básica dos documentos, edição e formatação de textos, cabeçalhos, parágrafos, fontes, colunas, marcadores simbólicos e numéricos, tabelas, impressão, controle de quebras e numeração de páginas, legendas, índices, inserção de objetos, campos predefinidos, caixas de texto. MS-Excel 2010: estrutura básica das planilhas, conceitos de células, linhas, colunas, pastas e gráficos, elaboração de tabelas e gráficos, uso de fórmulas, funções e macros, impressão, inserção de objetos, campos predefinidos, controle de quebras e numeração de páginas, obtenção de dados externos, classificação de dados. MS-PowerPoint 2010: estrutura básica das apresentações, conceitos de slides, anotações, régua, guias, cabeçalhos e rodapés, noções de edição e formatação de apresentações, inserção de objetos, numeração de páginas, botões de ação, animação e transição entre slides. Correio Eletrônico: uso de correio eletrônico, preparo e envio de mensagens, anexação de arquivos. Internet: navegação na Internet, conceitos de URL, links, sites, busca e impressão de páginas.

APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO 2018 - OFICIAL ADMINISTRATIVO E CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR

Continuar lendo

Atualizado: 06/08/2018 - 14:27

Concurso em Monte Alegre do Sul SP reúne dez vagas

Oportunidades no concurso da Prefeitura de Monte Alegre do Sul estão distribuídas entre funções destinadas a profissionais de todas as escolaridades

Interior paulista

Por JCConcursos - Samuel Peressin

A Prefeitura de Monte Alegre do Sul, em São Paulo, abriu concurso público destinado a preencher dez vagas em carreiras de todas as escolaridades.

 

Para concorrer ao cargo de merendeira (2 postos e salário de R$ 982,62) é necessário possuir nível fundamental.

 

Ensino médio e formação técnica são requisitos para auxiliar de enfermagem (1 - R$ 1.143,52), técnico de enfermagem (2 - R$ 1.065,12) e técnico em segurança do trabalho (1 - R$ 1.065,12). 

 

Há ofertas de nível superior para contador (1 - R$ 1.627,37), farmacêutico (1 - R$ 1.468,83), professor de educação física (1 - R$ 12,03 por hora/aula) e professor de informática (1 - R$ 12,03 por hora/aula). 

 

 

Inscrições e prova do concurso da Prefeitura de Monte Alegre do Sul 2018

 

 

Com taxas entre R$ 28 e R$ 52, as inscrições podem ser registradas até 20 de agosto, mediante o preenchimento de formulário disponível no site www.integribrasil.com.br.

 

Os candidatos serão avaliados, em 23 de setembro, por meio de prova objetiva com 40 questões de múltipla escolha e duração de três horas. 

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Monte Alegre do Sul terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal. 

 

 

Concurso Prefeitura Monte Alegre do Sul: atribuições da merendeira

 

 

Executa tarefas inerentes ao preparo e distribuição de merendas, selecionando alimentos, preparando refeições e distribuindo-as aos comensais, para atender ao programa de alimentação escolar de promoção social, e ainda auxiliar esporadicamente à realização de eventos cívicos ou sociais.

Continuar lendo

Atualizado: 06/08/2018 - 14:01

Taboão da Serra SP abre prazo de concurso com 17 vagas

Todas as chances do concurso da Prefeitura Municipal de Taboão da Serra são para o cargo de médico. As inscrições serão recebidas até 31 de agosto

Saúde

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Encontram-se abertas as inscrições do concurso público da Prefeitura Municipal de Taboão da Serra, situada na região metropolitana de São Paulo. Oportunidade é de 17 vagas imediatas, além de cadastro reserva, para o seu quadro de médicos. 

As ofertas estão distribuídas entre as especialidades de clínico geral (2), médico cardiologista (1), ginecologista (4), neurologista adulto (2), neurologista infantil (2), gastroenterologista (1), pneumologista adulto (1), ultrassonografista (1), geriatra (1), do trabalho (1) e veterinário (1). 

Para concorrer é necessário possuir nível superior em medicina, título de residência e/ou curso de especialização, além de registro no órgão de classe. A remuneração inicial é de R$ 60 por hora, exceto para veterinário, cujo ganho é de R$ 2.500. 

As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico do Instituto Zambino (www.zambini.org.br), responsável pela organização e execução do processo de seleção. O valor da taxa de participação é de R$ 108. 

O concurso da Prefeitura de Taboão da Serra será constituído de uma única etapa: prova objetiva. Com duração máxima de três horas, ela será composta por 20 questões de múltipla escolha, sendo dez de conhecimentos gerais na área médica/SUS (peso 1) e dez de conhecimentos específicos (peso 2). 

A avaliação será aplicada no município de Taboão da Serra/SP no dia 16 de setembro, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado no site do Instituto Zambini em momento oportuno. 

 

Atribuições dos cargos da Prefeitura de Taboão da Serra SP

 

Médicos e suas especialidades - examinar pacientes, manter seu registro com anotação sobre possível diagnóstico e tratamento prescrito requisitar e analisar resultados de exames. Preencher os formulários de informações dos sistemas de saúde (físicos e digitais). Acompanhar o paciente verificando a evolução da doença, bem como: realizar consultas médicas, individuais e/ou em grupos, utilizando seu melhor saber em todas as etapas, como exame físico, requisição e análise de exames complementares, definição de hipótese dignóstica e terapêutica adotada; encaminhar para especialidades médicas ou outros profissionais não médicos quando a patologia apresentada assim o exigir; manter registrado todos os dados do prontuário em letra legível, devidamente assinado, com aposição de carimbo onde conste o número de inscrição no CRM de São Paulo; realizar visita domiciliar nos casos em que se fizerem necessários; entre outras. 

Medico do trabalho - analisar e interpretar resultados de exames de raio-x, bioquímicos, hematológicos e outros para confirmar e formar diagnósticos; executar e providenciar os exames médicos ocupacionais para a avaliação da capacidade ou aptidão física ou mental do funcionário; estudar, planejar e promover programas de conscientização, educação e orientação dos trabalhadores e medidas preventivas, considerando as atividades insalubres, a penosidade e periculosidade dos locais ou condições de serviço, visando à prevenção de acidentes ou doenças profissionais; elaborar relatórios das atividades de higiene do trabalho contendo os resultados para análise e planejamento futuro; elaborar, anualmente, o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional - PCMSO; propor normas e regulamentos da higiene e segurança do trabalho; participar da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA, mantendo permanente relacionamento, além de apoiá-la e atendê-la conforme NR-5; participar de treinamento dos funcionários quando se relacionar com assuntos ligados a prevenção, proteção da saúde e higiene e medicina do trabalho; executar outras atividades correlatas.

Médico veterinário - praticar clínica médica veterinária em todas as suas modalidades. Realizar exames clínicos, dar diagnósticos e coletar material para exames laboratoriais. Prescrever e efetuar tratamento dos animais e promover a profilaxia. Orientar quanto aos procedimentos de coleta e de análises: anatomopatológica, histopatológica, hematológica, imunológica etc. Desenvolver e executar programas de reprodução, nutrição e higiene sanitária. Realizar eutanásia e necropsia animal. Participar de programa de treinamento, quando convocado. Elaborar relatórios e laudos técnicos em sua área de especialidade. Trabalhar segundo normas técnicas de segurança, qualidade, produtividade, higiene e preservação ambiental. Executar outras tarefas.

Continuar lendo

Atualizado: 06/08/2018 - 11:38

Concurso INSS: sindicato cobra aval para 16 mil vagas

Solicitação de concurso do INSS encaminhada recentemente ao Ministério do Planejamento é para os cargos de técnico, analista e perito

Níveis médio e superior

Por JCConcursos - Camila Diodato

No dia 5 de agosto, encerrou o prazo de validade do último concurso do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). O sindicato da categoria cobrou várias vezes a necessidade da convocação de pessoal, como isso não aconteceu, a expectativa é de que ao menos uma nova seleção seja autorizada o mais rápido possível.

A Fenasps (Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social) informou que o instituto precisa urgentemente repor 16 mil vagas, já que há uma situação calamitosa de defasagem de pessoal. A entidade ainda revelou que, se nada for feito, o atendimento prestado pelo INSS entrará em colapso.

Recentemente, o instituto solicitou o preenchimento de 10.468 oortunidades, número inferior ao requerido no ano passado, de 16.548 oportunidades. As chances requeridas são para os cargos de técnico do seguro social (6.034 vagas), analista do seguro social (2.222) e perito médico previdenciário (2.212). Tais ofertas são para novo certame e a convocação de remanescentes.

APOSTILAS CONCURSO INSS 2018 - TÉCNICO E ANALISTA DO SEGURO SOCIAL

Das vagas solicitadas inicialmente no pedido do concurso INSS 2018/2019, pelo menos 7.580 são para a abertura de novo concurso público a partir de 2018. Destas chances, 3.941 são para técnico (área meio), 1.493 para analista (diversas formações) e 2.146 para perito.

CURSO ONLINE CONCURSO INSS 2018 - TÉCNICO DO SEGURO SOCIAL

Consta na nota técnica enviada pelo INSS ao Planejamento que as demais ofertas são para as seguintes situações: 2.644 vagas para os excedentes da seleção vigente (2.114 para técnico e 530 para analista) e 6.324 que podem ser tanto para o atual processo seletivo quanto para o novo certame (6.160 para técnico e 164 para analista).

A expectativa é de que o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão libere o mais rápido possível a autorização para que o novo concurso do INSS aconteça entre 2018 e 2019.

Sobre os cargos do novo concurso do INSS 2018/2019

A carreira de técnico do seguro social é uma das mais visadas pelos concurseiros, ainda mais que exige apenas ensino médio completo e apresenta salário inicial de R$ 5.344,87, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458.


Ads

Prepare-se para o INSS 2018!

Tenha uma preparação completa para o Concurso INSS 2018 com os materiais mais completos e atualizados do mercado. Clique aqui!.

O emprego de analista exige formação superior em diversas áreas de atuação (incluindo serviço social, administração, engenharia, direito, pedagogia, psicologia, comunicação, ciências sociais, arquitetura e letras, entre outras), sendo que a remuneração corresponde a R$ 7.954,09 por mês, contado com o benefício alimentação.

Já a posição de perito destina-se aos profissionais com graduação em medicina e registro no respectivo conselho regional. O inicial é de R$ 8.988,41, também com o auxílio.

Defasagem de pessoal no INSS

Atualmente, o órgão conta com uma defasagem de quase 20 mil servidores em todo o país, sendo que o maior déficit é para a função de técnico. Com esse quadro, o INSS não consegue atender com eficiência à população.

A situação ainda está mais crítica porque o governo federal diminuiu os recursos para o instituto. Consta no site da Fenasps que um técnico do seguro social, não identificado, comentou que o cenário está caótico: "Falta dinheiro para tudo. Estamos operando no limite da irresponsabilidade. Não por acaso, as pessoas têm reclamado demais do atendimento. O estresse é total".

Veja também:
O sabor de ser primeiro lugar no INSS

Artigo: Sim, existe vida após o INSS

Como estudar para analista do INSS

Dicas de aprovada no concurso do INSS

Dicas de professores para o concurso do INSS

Justiça proíbe papanicolau em concurso do INSS

Último concurso do INSS

No final de 2015, foi lançado o edital do concurso do INSS para o preenchimento de 950 vagas. Um total de 800 oportunidades foi para o emprego de técnico e as outras 150 para analista - serviço social.

A banca organizadora foi o Cespe/UnB e os participantes passaram por uma prova com questões no estilo certo ou errado. A validade do certame vai encerrar em meados de 2018.

O último concurso do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), cujo resultado foi publicado no dia 4 de agosto, foi um dos mais concorridos da história. Ao todo, a seleção registrou nada menos que 1.087.789 inscrições, sendo 1.043.807 somente para técnico do seguro social - em número de inscritos, o concurso INSS 2016 perde apenas para duas outras seleções: a da Caixa Econômica Federal (CEF) realizada 2014, com 1.156.744 candidatos; e a da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) promovida em 2011, com 1.120.393 participantes.

Considerando que o concurso do INSS ofereceu 800 oportunidades para técnico, é possível concluir que a concorrência para o cargo foi de aproximadamente 1.304 candidatos por vaga.

Confira o depoimento da 1ª colocada no último concurso do INSS

Atribuições do técnico e analista do seguro social

Quanto às atribuições dos cargos, de acordo com o edital do último concurso INSS, o técnico do seguro social é responsável por proceder ao reconhecimento inicial, manutenção, recurso e revisão de direitos aos benefícios administrados pelo INSS; exercer atividades internas e externas ligadas ao suporte e apoio técnico especializado; executar as atividades de orientação e informação, de acordo com as diretrizes estabelecidas nos atos específicos e outras relacionadas aos fins institucionais do INSS, que venham ser determinadas pela autoridade superior.

Já o analista do seguro social é responsável por prestar atendimento e acompanhamento aos usuários dos serviços prestados pelo INSS e aos seus servidores, aposentados e pensionistas; elaborar, executar, avaliar planos, programas e projetos na área de serviço social e reabilitação profissional; realizar avaliação social quanto ao acesso aos direitos previdenciários e assistenciais; promover estudos socioeconômicos visando a emissão de parecer social para subsidiar o reconhecimento e a manutenção de direitos previdenciários, bem como a decisão médico-pericial; e executar de conformidade com a sua área de formação as demais atividades de competência do INSS.

 
Continuar lendo

Atualizado: 06/08/2018 - 11:25

Última semana de inscrição para concurso em Platina SP

Concurso da Prefeitura de Platina, no interior paulista, selecionará para cargos de farmacêutico e médico, com salários até R$ 7,2 mil

Área da saúde

Por JCConcursos - Samuel Peressin

Terminam às 23h59 da próxima segunda-feira (13) as inscrições para o concurso da Prefeitura de Platina, em São Paulo, destinado a preencher cinco vagas em cargos de nível superior na área da saúde. 

 

Há chances para farmacêutico (1 posto e salário de R$ 2.527,11), médico clínico geral (1 - R$ 3.285,35), médico ESF (1 - R$ 7.280), médico ginecologista (1 - R$ 3.285,35) e médico pediatra (1 - R$ 3.285,35).

 

Os interessados devem acessar o endereço www.exitusconcursos.com.br para realizar a inscrição. O valor da taxa é o mesmo para todas as funções: R$ 80. 

 

Prevista para 2 de setembro, a prova objetiva cobrará a resolução de 30 questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, políticas públicas e conhecimentos específicos.

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Platina terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

 

Concurso Prefeitura Platina 2018: conteúdo programático parcial

 

 

Língua portuguesa - Leitura e interpretação de textos (gênero literário e não literário, textos verbais e não verbais); Morfologia; Classes de Palavras e Formação de Palavras, Sintaxe: Concordância Nominal e Verbal, Regência Nominal e Verbal, Uso dos Pronomes e Colocação Pronominal, Tipologia Textual, Registro Formal e Informal da Linguagem.

 

Políticas públicas - Sistema Único de Saúde: princípios básicos, limites e perspectivas. Artigos de 196 a 200 da Constituição Federal; Lei 8.142 de 28/12/90 – Sistema Único de Saúde. Lei 8080/1990 – Lei Orgânica da Saúde; Lei n. 8.069, de 13 de julho de 1990 - Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências – atualizado. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil/leis/L8069.htm; Lei no 10.741, de 1º de outubro de 2003 – Dispõe sobre o Estatuto do Idoso e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2003/l10.741.htm; O Estatuto do Idoso comentado por Paulo Frange – Disponível em: http://www.paulofrange.com.br/Livroidosofinal.pdf.
 

Continuar lendo

Atualizado: 06/08/2018 - 10:45

Câmara de Cubatão SP ABRE concurso com 19 vagas

A participação no concurso da Câmara Municipal de Cubatão deverá ser garantida até o dia 5 de setembro. Os salários iniciais chegam a R$ 7,9 mil

Todos os níveis

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

Entra em vigor nesta segunda-feira (6) o prazo de inscrição do concurso da Câmara Municipal de Cubatão, situada no Estado de São Paulo, na Região Metropolitana da Baixada Santista. A seleção visa o provimento de 19 vagas do seu quadro de pessoal. 

Candidatos que concluíram p ensino fundamental podem se inscrever para a função de auxiliar legislativo - administrativo II (10 vagas). O salário inicial é de R$ 2.364,91. 

Quem tem o ensino médio está apto às carreiras de assistente em administração pública (3) e motorista legislativo categoria “B” (3), cujos vencimentos são de R$ 3.889,39 e R$ 4.087,80, respectivamente. 

O cargo de técnico de suporte (1) requer curso técnico em área da tecnologia de informação e paga R$ 4.987,89. 

APOSTILAS CONCURSO CÂMARA DE CUBATÃO 2018 - CARGOS DE NÍVEIS FUNDAMENTAL E MÉDIO

Para nível superior, as chances são para os postos de analista de sistemas (1), cuja remuneração é de R$ 7.528, e procurador legislativo II (1), com ganho de R$ 7.912,02.

 

Como participar do concurso da Câmara de Cubatão SP

 

Interessados em concorrer a uma das vagas devem se inscrever na página eletrônica do organizador do processo de seleção, o IBAM (www.ibamspconcursos.org.br), e efetuado o pagamento da taxa, nos valores de R$ 52 para ensino fundamental, R$ 65 para nível médio, R$ 74 para curso técnico e R$ 95 para formação superior. O prazo se encerrará no dia 5 de setembro. 

Serão aceitas inscrições para mais de um cargo, desde que a prova objetiva seja aplicada em blocos distintos, especificados a seguir: bloco A para assistente em administração pública e técnico de suporte; e bloco B para analista de sistemas, auxiliar legislativo - administrativo II, motorista legislativo e procurador legislativo II. 

 

Provas do concurso da Câmara de Cubatão SP

 

Todos os participantes serão submetidos à prova objetiva, de caráter classificatório e eliminatório. Ela será composta por 40 questões de múltipla escolha, que versarão sobre as matérias de língua portuguesa, matemática e/ou conhecimentos específicos. 

A avaliação será aplicada no município de Cubatão/SP no dia 30 de setembro, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser publicado no site do IBAM em momento oportuno.

Apenas o cargo de procurador legislativo II realizará a prova dissertativa, eliminatória e classificatória, na mesma data da objetiva. Ela será composta de um parecer jurídico um dos temas descritos no conteúdo programático.

O concurso da Câmara de Cubatão ainda contará com as seguintes etapas: prova prática para o cargo de motorista legislativo, classificatória e eliminatória; e análise de títulos para procurador legislativo II, unicamente classificatória. 

Continuar lendo

Atualizado: 06/08/2018 - 10:05

Concurso em Catanduva SP abre INSCRIÇÕES para 54 vagas

Há chances no concurso da Prefeitura de Catanduva para coordenador pedagógico, diretor e vice-diretor de escola, com salário de R$ 3,6 mil

Área da educação

Por JCConcursos - Samuel Peressin

A Prefeitura de Catanduva, município paulista localizado a cerca de 400 km da capital, abriu nesta segunda-feira (6) as inscrições do concurso que disponibiliza 54 vagas em cargos de nível superior na área da educação.

 

Há chances para coordenador pedagógico (20 postos e salário de R$ 3.622,68), diretor de escola (28 - R$ 3.652,01) e vice-diretor de escola (6 - R$ 3.622,68).

 

Com taxa de R$ 83, as candidaturas podem ser registradas até 5 de setembro, mediante o preenchimento de formulário disponível no site www.ibamsp-concursos.org.br.

 

 

Etapas do concurso da Prefeitura de Catanduva SP

 

 

Prevista para 30 de setembro, a prova objetiva apresentará 40 questões de múltipla escolha abordando língua portuguesa e conhecimentos específicos.

 

No mesmo dia, os candidatos deverão entregar os documentos relativos à análise de títulos. Serão considerados diplomas de especialização, mestrado e doutorado.

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Catanduva terá validade de um ano, prorrogável por mais um, a critério do governo municipal.

 

 

Concurso Prefeitura Catanduva 2018: principais atribuições do coordenador pedagógico

 

 

I - Articular a elaboração participativa do Projeto Político Pedagógico da Escola; II - assessorar a direção em todas as ações pedagógicas; III - promover a articulação e a integração das ações pedagógicas desenvolvidas na unidade escolar, de acordo com a política educacional da Secretaria Municipal de Educação, respeitada a legislação em vigor; IV - coordenar a consecução e a avaliação do Projeto Pedagógico da unidade escolar; V - propor e executar ações junto ao corpo docente que possam garantir a implementação do Projeto Pedag6gico do unidade escolar; VI - articular as reuniões pedagógicas, oferecendo subsídios para um trabalho pedagógico mais dinâmico e significativo; VII - coordenar e acompanhar os horários das atividades pedagógicas dos docentes, viabilizando a atualização pedagógica em serviço: VIII - assessorar os docentes no planejamento do recuperação da aprendizagem e da dependência, considerados os índices de avaliação interna e externa; Entre outras atividades. 
 

Continuar lendo

Atualizado: 03/08/2018 - 15:30

São Luiz do Paraitinga SP prepara novo concurso público

Seleção terá 20 vagas imediatas, além de formar cadastro reserva de pessoal para diversos cargos, com iniciais de até R$ 10,5 mil

Todos os níveis

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves

A Prefeitura de São Luiz do Paraitinga, na região do Vale do Paraíba, a 171 km da capital paulista, realizará concurso público para o preenchimento de 20 vagas imediatas, além de formar cadastro reserva de pessoal em diversos cargos. Das oportunidades imediatas, 14 são para quem possui ensino fundamental, três para ensino médio e três para nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 960,05 a R$ 10.561,11, com jornadas de trabalho de 16 a 40 horas semanais.


O processo está em fase de licitação, que está sendo feito pelo critério de pregão presencial, com abertura dos envelopes marcada para o próximo dia 15 de agosto. Somente após a contratação da empresa poderá ser definida a data de publicação do edital de abertura de inscrições.

 

Ensino Fundamental
Quem possui ensino fundamental poderá concorrer aos cargos de agente comunitário de saúde (7 vagas, com inicial de R$ 1.119,47, para 40 horas semanais), conserveiro de estradas (cadastro reserva, com 5 série do ensino fundamental, R$ 960,05, 40 horas), eletricista (CR, R$ 1.394,06, 40 horas), gari (CR, 5 série do ensino fundamental, R$ 960,05, 40horas), merendeira (CR, 5 série do ensino fundamental, R$ 960,05,40 horas), motorista (1, com 5 série do ensino fundamental e carteira de habilitação específica, R$ 1.394,06, 40 horas), operador de máquinas (CR, 5 série do ensino fundamental e habilitação, R$ 2.112,23, 40 horas), pedreiro (CR, 5 série do ensino fundamental, R$ 1.394,06, 40 horas), pessoal de obras (CR, 5 série do ensino fundamental, R$ 960,05, 40 horas) e servente de serviços gerais (6 + CR, 5 série do ensino fundamental, R$ 960,05, 40 horas).

 

Ensino Médio
Para ensino médio: auxiliar administrativo (CR, R$ 1.309,58, 40 horas), auxiliar de enfermagem do PSF (2 + CR, R$ 1.478,57, 40 horas), fiscal de obras (1, R$ 1.879,89, 40 horas), fiscal de trânsito (R$ 1.394,06, 40 horas), fiscal de tributos (CR, R$ 1.879,89, 40 horas), fiscal municipal (CR, R$ 1.879,89, 40 horas), técnico de segurança do trabalho (CR, com curso técnico e registro no Ministério do Trabalho, R$ 1.572,61, 40 horas) e técnico em informática (CR, com curso específico, R$ 1.394,06, 40 horas).

 

Nível Superior
Por fim, para nível superior: advogado (CR, R$ 2.957,09, 30 horas), arquiteto (CR R$ 2.957,09, 30 horas), contabilista (CR, R$ 4.013,20, 40 horas), controlador interno (CR, R$ 3.590,75, 40 horas), enfermeira (CR, R$ 3.168,34, 40 horas), enfermeiro do PSF (1 + CR, R$ 4.436,42, 30 horas), engenheiro civil (CR, R$ 3.168,34, 30 horas), farmacêutico (1, R$ 3.168,34, 40 horas), fonoaudiólogo (CR, R$ 2.745,90, 30 horas), médico do trabalho (CR 3.273,93, 16 horas), médico generalista do PSF (1 + CR, R$ 10.561,11, 40 horas), médico ginecologista (CR, R$ 4.013,20, 16 horas), médico pediatra (CR, R$ 4.013,20, 16 horas), médico psiquiatra (CR, R$ 4.013,20, 16horas), professor de educação básica de educação infantil para crianças de 4 e 5 anos (CR, R$ 1.659,82, 25 a 32 horas), professor de educação básica II ensino fundamental de 6 a 9 ano – matemática (CR, R$ 14,74 por hora aula, de duas a 40 horas aulas semanais), professor de educação básica II – ensino fundamental de 6 a 9 séries – língua portuguesa (CR, R$ 14,74, duas a 40 horas semanais), professor de educação básica I – ensino fundamental 1 a 5 anos (CR, R$ 1.991,77,30 a 32 horas), professor de educação básica II – ensino fundamental de 6 a 9 séries – ciências (CR, R$ 14,74 por hora aula,  de duas a 40 horas semanais), professor de educação básica  II – ensino fundamental de 6 a 9 séries – educação física (CR, R$ 14,74 por hora aula para duas a 40 horas semanais), professor de educação básica II – ensino fundamental de 6 a 9 séries – geografia (CR, R$ 14,74 por hora aula, de duas a 40 horas semanais), professor de educação básica II – ensino fundamental de 6 a 9 séries – história (CR, R$ 14,74 por hora aula para duas a 40 horas), professor de educação básica II – ensino fundamental de 6 a 9 séries – inglês (CR, R$ 14,74 para duas a 40 horas semanais) e psicólogo (CR, R$ 2.323,42, 20 horas).


De acordo com o edital de licitação, as taxas previstas são de R$ 30,83 para cargos de ensino fundamental, R$ 34,83 para ensino médio e R$ 49,16 para nível superior.                     

 

Continuar lendo

Atualizado: 03/08/2018 - 12:14

Concurso Receita Federal: 2.083 vagas seguem em análise

Oportunidades solicitadas ao Ministério do Planejamento são para as carreiras de auditor-fiscal e analista tributário. Iniciais do concurso da Receita serão de até R$ 16,2 mil

Aguarda autorização

Por JCConcursos - Camila Diodato

Segue em análise no Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) o pedido do concurso da Receita Federal do Brasil (RFB). O órgão solicitou autorização para preencher 2.083 vagas em seu quadro de pessoal.

Dados indicam que a falta de servidores na RFB está cada vez mais crítica, ainda mais que a cada novo levantamento cresce o número de postos vagos. A tendência é que a quantidade de servidores fique cada vez mais escassa, caso uma nova seleção não ocorra.

APOSTILAS CONCURSO RECEITA FEDERAL 2018 - AUDITOR

CURSO ONLINE PARA CONCURSO RECEITA FEDERAL 2018 - AUDITOR FISCAL

Último levantamento, de dezembro de 2017, aponta que a Receita Federal tem 20.830 postos em aberto, número em constante crescimento. Do déficit de servidores, 10.922 são de auditores e 9.908 de analista. A situação pode ficar mais crítica, ainda mais que cerca de 20% do pessoal já está apto a se aposentar.

Pedido do concurso da Receita Federal 2018

Em maio de 2017, o Ministério da Fazenda encaminhou ao Ministério do Planejamento pedido para que sejam liberadas à Receita Federal 2.083 oportunidades para auditor-fiscal e analista tributário.

Do total de ofertas requeridas para o concurso da Receita Federal, 630 são para auditor e 1.453 para analista. Ambas as carreiras aceitam profissionais com formação superior completa em diversas áreas de atuação. A remuneração inicial corresponde a R$ 16.201,64 e a R$ 9.714,42, respectivamente, já incluindo o vale-alimentação de R$ 458.

Veja também: simulado completo para o concurso da Receita 2018

Concurso da Receitra Federal para a área administrativa

Outra seleção aguardada é a que contempla 400 vagas para os cargos de assistente-técnico administrativo e analista administrativo, com lotação no quadro de pessoal da Receita Federal. Vale ressaltar que o lançamento do edital, assim que autorizado pelo MPDG, é feito pelo Ministério da Fazenda, que depois distribui as oportunidades para o seu quadro e o da RFB.

Para concorrer a assistente é necessário possuir ensino médio, sendo que o salário inicial, atualizado, é de R$ 4.137,97, considerando o vale-alimentação de R$ 458. Já a função de analista administrativo pede nível superior e oferece vencimento de R$ 5.490,09, incluindo o benefício.
Ads

Uma das vagas na Receita Federal será sua!

Essa é sua chance. São mais de 2 mil oportunidades com remuneração de até R$ 20.123. Garanta sua vaga e construa uma carreira de sucesso! Confira

Uma vez autorizado, o concurso contará com uma grande parte das vagas destinada para o Estado de São Paulo, por não ter sido contemplado na última seleção para os cargos administrativos.

Preparação para o concurso da Receita Federal 2018

Por ser considerado um dos concursos mais concorridos do Brasil, já que soma milhares de concorrentes, quem deseja conquistar um posto na RFB deve iniciar os estudos com antecedência. Em entrevista anterior ao JC, o auditor-fiscal da Receita Federal e ex-presidente do Sindifisco Nacional (Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil), Pedro Delarue, comentou que “as provas são disputadíssimas e as pessoas que estão estudando estão super preparadas, então, é necessário estudar bastante, já que há uma grande variedade de temas”.

Uma opção para se preparar para a seleção é analisar o conteúdo programático e as avaliações dos processos seletivos anteriores. 

Último concurso da Receita Federal

No caso de assistente técnico-administrativo, o concurso anterior ocorreu em 2014, sendo organizado pela Escola de Administração Fazendária (Esaf). A prova contou com 70 questões, sendo 50 de conhecimentos básicos e 20 de conhecimentos específicos. Em conhecimentos básicos foram 20 de língua portuguesa, dez de matemática e raciocínio lógico, dez de conhecimentos de informática e dez de atualidades. Em conhecimentos específicos, cinco de gestão de pessoas e atendimento ao público, cinco de ética do servidor na administração pública, cinco de administração pública brasileira e cinco do regime jurídico dos agentes públicos. Informática e atualidades contaram com peso um e as demais disciplinas, com peso dois.  

Prepare-se para o concurso Receita Federal

PROVA ANTERIOR CONCURSO RFB

Para analista técnico administrativo, a última seleção foi em 2013, também organizada pela Esaf. O cargo contou com duas provas, sendo a primeira com 65 questões de conhecimentos básicos e a segunda com 50 de conhecimentos específicos. Em conhecimentos gerais foram 15 de língua portuguesa, dez de atualidades, dez de raciocínio lógico quantitativo, dez de direito constitucional dez de direito administrativo e dez de informática básica. Língua portuguesa e conhecimentos específicos tiveram peso dois, enquanto as demais disciplinas contaram com peso um. Além disso, os candidatos foram submetidos a uma prova discursiva.

Saiba mais sobre o concurso da Receita Federal 2018


Continuar lendo

Atualizado: 02/08/2018 - 12:07

São Joaquim da Barra SP definida BANCA para 71 vagas

Seleção contará com oportunidades para diversos cargos, com opções em todos os níveis de escolaridade. Edital em breve

Iniciais até R$ 13,3 mil

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves

A prefeitura de São Joaquim da Barra, no interior paulista, a 396 km da capital e próxima de Franca, já definiu o nome da banca organizadora do seu novo concurso público. A escolhida é o Instituto de Marketing, Assessoria e Gestão de Imagem na Empresa Ltda. Com isto, a expectativa é de que o edital de abertura de inscrições possa ser publicado no decorrer dos próximos dias.

Ao todo serão oferecidas 71, sendo seis para cargos com exigência de ensino fundamental incompleto, oito para fundamental completo, 21 para ensino médio e 36 para nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 1.069,61 a R$ 13.365,96, com jornadas de trabalho de 10 a 44 horas semanais.

Ensino Fundamental Incompleto
Quem possui ensino fundamental incompleto poderá concorrer aos cargos de operador de máquinas e equipamentos sênior (1 vaga, com carteira de habilitação “C” ou superior, R$ 1.674,11, com jornada de trabalho de 44 horas semanais), encanador sênior (1, R$ 1.533,53, 44 horas), pedreiro (3, R$ 1.413,01, 44 horas) e pintor de paredes (1, R$ 1.378,14, 44 horas).

 

Ensino Fundamental Completo
Para fundamental completo:  motorista (2, com carteira de habilitação ”D”, R$ 1.413,01, 44 horas), frentista (2, R$ 1.413,01, 44 horas), merendeira (2, R$ 1.413,01, 44 horas) e agente comunitário de saúde (2, R$ 1.344,97, 44 horas).

 

Ensino Médio
Ensino médio: auxiliar de dentista (1, R$ 1.274,88, 44 horas), fiscal de posturas (2, R$ 1.674,11, 44horas), fiscal de rendas (2, ensino médio incompleto, R$ 1.674,11, 44 horas), encarregado de rede de água e esgoto (1, R$ 1.674,11, 44 horas), eletricista (2, com curso técnico em eletrotécnica, R$ 1.578,23, 44 horas), auxiliar de tesoureiro (3, com curso técnico em contabilidade, R$ 1.674,11, 44 horas), escriturário II (1, R$ 1.343,94, 40horas), inspetor de alunos (1, R$ 1.069,61, 44 horas), auxiliar de almoxarife (1, R$ 1.578,23, 44 horas),  agente sanitário (1, R$ 1.447,72, 44 horas), auxiliar de dentista (1, R$ 1.274,88, 44 horas), fiscais de posturas (2, R$ 1.674,11, 44 horas), fiscais de rendas (2, R$ 1.674,11, 44 horas) e encarregado de rede de água e esgoto (1, R$ 1.674,11, 44 horas).

 

Nível Superior
Por fim, para nível superior: contador (2, com registro no conselho, R$ 4.133,18, 40 horas), chefe de setor de licitações e despesas (1, com superior e curso técnico em contabilidade, administração ou informática, R$ 1.722,94, 44 horas), tesoureiro (1, com superior e curso técnico em contabilidade, administração ou informática, R$ 1.819,14, 44 horas), professor de educação básica peb I – ensino fundamental (1, com licenciatura plena em pedagogia com habilitação de magistério nas séries iniciais, R$ 2.091,70, 24 horas), professor de educação infantil (1, com licenciatura plena em pedagogia com habilitação em educação infantil, R$ 2.091,70, 24 horas),  procurador jurídico (2, R$ 4.477,47, 30 horas), médico vascular (1, com registro no conselho, R$ 3.616,25, 10 horas), médico pediatra (3, com registro no conselho, R$ 3.616,25, 10 horas), médico ginecologista/obstetra (2, com registro no conselho, R$ 3.616,25, 10 horas), médico endocrinologista (1, com registro no conselho, R$ 3.616,25, 10 horas), médico psiquiatra (3, com registro no conselho, R$ 3.616,25, 10 horas),  médico clinico geral (8, com registro no conselho, R$ 13.365,96, 40 horas), enfermeiro padrão (6, R$ 3.100,77, 40 horas), psicólogo (2, com registro no conselho, R$ 2.411,80, 20 horas) e tecnólogo em raio X (2, com superior em radiologia, R$ 1.819,14, 44 horas).  

 

Continuar lendo

Atualizado: 02/08/2018 - 11:35

Concurso Ibram: MPDG avalia solicitação para 313 vagas

Pedido de concurso do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) encaminhado ao Ministério do Planejamento é para carreiras com exigência de níveis médio e superior de ensino

Órgão federal

Por JCConcursos - Camila Diodato

O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) ainda avalia o novo pedido para a abertura do concurso público do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). Em maio, o órgão solicitou aurorização para o preenchimento de 313 vagas em cargos com exigência de níveis médio e superior.

Das oportunidades requeridas, 73 destinam-se à carreira de assistente técnico, 19 para técnico em assuntos educacionais, 121 para técnico em assuntos culturais e 100 para analista.

O posto de assistente técnico exige nível médio completo, enquanto as demais colocações se destinam aos profissionais com formação superior em diversas áreas de atuação. Os salários iniciais vigentes não foram divulgados.

É grande a expectativa para que o novo concurso do Ibram seja autorizado em breve, para que o mesmo aconteça até o início de 2019.

Último concurso do Ibram

Organizado pela Funcab e lançado em 2010, o edital anterior apresentou 294 ofertas distribuídas nos empregos de assistente técnico I, técnico em assuntos educacionais, técnico em assuntos culturais e analista. A remuneração oferecida chegou a R$ 3.012,82.

Na época, a lotação das vagas ocorreu nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, além do Distrito Federal.

A seleção constou de prova objetiva para todos os concorrentes. Em seguida, houve avaliação discursiva e análise de títulos para os postos de nível superior.

O teste objetivo aplicado no processo seletivo foi composto de perguntas sobre língua portuguesa, noções de informática, conhecimentos gerais e conhecimentos específicos. Os exames para técnico e analista também tiveram perguntas de língua estrangeira (inglês ou espanhol).

Para os empregos de nível médio, a validade do certame expirou em abril de 2014. Já para as colocações que necessitam de ensino superior, o prazo terminou em 16 de junho do mesmo ano.

Sobre o órgão

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) foi criado pelo ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em janeiro de 2009, com a assinatura da lei nº 11.906. A nova autarquia sucedeu o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) no que se refere aos direitos, deveres e obrigações dos museus federais.

O órgão é responsável pela Política Nacional de Museus (PNM) e pela melhoria dos serviços do setor – aumento de visitação e arrecadação dos museus, fomento de políticas de aquisição e preservação de acervos e criação de ações integradas entre os museus brasileiros. Atualmente, cuida da administração direta de 30 museus.

Continuar lendo

Atualizado: 02/08/2018 - 11:01

MPU: TCU revê decisão e CONCURSO pode ser agilizado

Oportunidades do concurso do MPU 2018 serão para os cargos de técnico e analista, que apresentam salários de até R$ 10,1 mil. Níveis médio e superior de ensino

Banca em breve

Por JCConcursos - Fernando Cezar Alves

O Tribunal de Contas da União (TCU) reviu sua decisão tomada  em sessão extraordinária de 18 de julho, na qual negava a possibilidade de o concurso público do Ministério Público da União (MPU) ocorrer por meio da utilização do valor recolhido pelas taxas no sentido de custear o certame. Na ocasião, a decisão proferida seria de que o certame deveria contar com previsão orçamentárias para ocorrer. No entanto, novo parecer divulgado pelo Tribunal agora atesta que o MPU pode solicitar crédito especial, tendo como justificativa a utilização do valor da taxa. A decisão foi publicada no diário oficial de 27 de julho.

O item 9.2.5 do documento publicado em diário oficial diz o seguinte: " é possível editar créditos suplementares ou especiais para fazer frente às despesas com a realização de concursos para o provimento de cargos públicos decorrentes de vagas não onerosas, lastreados na arrecadãção das taxas de inscrição, que somente poderão ser executados na medida da efetiva arrecadação da receita que lhe confere lastro"

Com isto, o MPU agora deve recorrer à Secretaria de Orçamento Federal, ligada ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG), no sentido de solicitar crédito especial nete sentido, com base no parecer do TCU.  

Além disso, o órgão possui outras opções que ainda permitem agilizar a contratação de pessoal. A primeira é incluir os custos no orçamento de 2019, que ainda não foi votado. O MPU também pode requerer crédito suplementar ao governo. Outra opção é requerer  orçamento junto aos quatro ramos do órgão, que são o Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Trabalho (MPT), Ministério Público Militar (MPM) e Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT). 

A intenção inicial é de publicar o edital em outubro, segundo declaração do próprio secretário-geral do órgão, Alexandre Camanho, com oportunidades para ingresso de analistas, técnicos administrativos e técnicos de segurança, além de formar cadastro reserva de pessoal.

O órgão divulgou, em agosto de 2017, a portaria 84, que fixa as atribuições e requisitos para ingresso nas carreiras de analistas e técnicos, que serão oferecidas no certame.   

 


» CURSO ONLINE TÉCNICO E ANALISTA DO MPU «
» APOSTILAS CONCURSO MPU 2018 - TÉCNICO E ANALISTA «

 

 


Para concorrer ao cargo de técnico basta possuir ensino médio, com remuneração inicial de R$ 6.862,73. No caso de analista, com necessidade de nível superior, o salário corresponde a R$ 11.259,81.  

Melhorias salariais


É importante ressaltar que as carreiras contarão com mais dois reajustes salariais nos próximos meses. No caso de técnico, os valores básicos passarão a ser de  R$ 7.080,21 em novembro e R$ 7.591,37 em janeiro de 2019.

 

 

Para o analista, R$ 11.616,61 em novembro  e R$ 12.455,30 em janeiro de 2019.    

A comissão do concurso do MPU, instituída dede março de 2017, é presidida pelo servidor Blal Yassine Dalloul e conta, ainda, com os seguintes participantes: Eloá Todarelli Junqueira, Denise Costa Recedive, Sandra Roberta de Souza Oliveira, Tatiane Diniz da Silva e Rayza Madlum de Paula.

APOSTILA TÉCNICO DO MPU

 


Ads

Quer agarrar uma vaga no MPU?

Para alcançar a aprovação em um dos concursos mais disputados do país, você precisa ser Imparável! Confira os cursos completos com PDFs, videoaulas e orientação de estudos para você! Acesse agora.


 

Atribuições

  De acordo com a portaria, as atribuições do técnico são as seguintes: Auxiliar, dentro ou fora do ambiente da sede de trabalho, os membros e as chefias em processos judiciais e administrativos e em procedimentos extrajudiciais; atuar em processos judiciais e administrativos e em procedimentos extrajudiciais; auxiliar os membros e as chefias em eventos oficiais, audiências e diligências; elaborar e analisar informações, certidões, declarações, relatórios e documentos congêneres; elaborar minutas de atos administrativos e normativos; atuar em planos, programas, projetos e convênios; atuar na gestão de contratos quando formalmente designado; realizar estudos, pesquisas e levantamentos de dados; participar de reuniões, comissões, grupos e equipes de trabalho; participar do planejamento estratégico institucional e dos planos da sua unidade de atuação; observar e zelar pela segurança institucional no âmbito de sua área de atuação; atender o público interno e externo por telefone, correio eletrônico ou presencialmente; prestar informações sobre a localização e tramitação de processos e documentos; orientar quanto à aplicação das normas internas ou de sua área de atuação; contribuir para a melhoria contínua dos processos e rotinas de trabalho; orientar e supervisionar estagiários e aprendizes; inserir dados e utilizar os sistemas de informação corporativos; observar e zelar pelo cumprimento dos prazos; realizar tarefas de expediente; realizar atividades relativas à instrução, tramitação e movimentação de processos, procedimentos e documentos; manter e controlar o arquivo setorial; e executar demais atividades necessárias ao desempenho do cargo ou outras que eventualmente venham a ser determinadas pela autoridade competente, sempre respeitando, quando for o caso, os limites impostos pelos órgãos de classe

  Para os técnicos, na área de administração: Auxiliar na prática de atos em processos judiciais e na instrução e acompanhamento de processos administrativos e procedimentos extrajudiciais; desempenhar atividades de apoio técnico-administrativo; atuar na elaboração, execução e avaliação de planos, programas e projetos; realizar atividades, estudos, pesquisas e levantamentos de dados inerentes às atividades de suporte administrativo do órgão, dentre elas, as relacionadas a orçamento, finanças e controle interno; atuar na fiscalização, instrução e acompanhamento de contratos e convênios; atuar nas atividades de compras e de contratação de bens e serviços; registrar e controlar dados e informações cadastrais; emitir certidões, declarações e atestados; expedir e/ou anexar documentos e correspondências oficiais; elaborar atas, estatísticas setoriais e minutas de expedientes e de atos; organizar eventos, ações e atividades institucionais; preparar malotes; publicar documentos oficiais; realizar atividades de gestão de bens materiais e patrimoniais; realizar diligências; realizar serviços técnicos e especializados; manter atualizado o conteúdo de páginas virtuais na internet e na intranet; e analisar a conformidade documental.   Para analista: Assessorar, dentro ou fora do ambiente da sede de trabalho, os membros e as chefias em processos judiciais e administrativos e em procedimentos extrajudiciais; atuar em processos judiciais e administrativos e em procedimentos extrajudiciais; assessorar os membros e as chefias em eventos oficiais, audiências e diligências; realizar avaliações e vistorias; realizar perícias quando formalmente designado pelo órgão competente; acompanhar o desenvolvimento de trabalhos periciais; realizar estudos, pesquisas e levantamentos de dados; elaborar e analisar informações, certidões, declarações, laudos, pareceres, relatórios e documentos congêneres; elaborar minutas de atos administrativos e normativos; propor planos, projetos, programas, diretrizes e políticas de atuação; atuar em planos, programas, projetos e convênios; atuar na gestão de contratos quando formalmente designado; participar de reuniões, comissões, grupos e equipes de trabalho; participar do planejamento estratégico institucional e dos planos da sua unidade de atuação; observar e zelar pela segurança institucional no âmbito de sua área de atuação; atender o público interno e externo por telefone, correio eletrônico ou presencialmente; prestar informações sobre a localização e tramitação de processos e documentos; orientar quanto à aplicação das normas internas ou da sua área de atuação; contribuir para a melhoria contínua dos processos e rotinas de trabalho; orientar e supervisionar estagiários e aprendizes; inserir dados e utilizar os sistemas de informação corporativos; observar e zelar pelo cumprimento dos prazos; realizar tarefas de expediente; realizar atividades relativas à instrução, tramitação e movimentação de processos, procedimentos e documentos; manter e controlar o arquivo setorial; e executar demais atividades necessárias ao desempenho do cargo ou outras que eventualmente venham a ser determinadas pela autoridade competente, sempre respeitando, quando for o caso, os limites impostos pelos órgãos de classe.   Para analista, na área de direito: Assessorar os membros e chefias na coordenação e supervisão das atividades de processos judiciais e administrativos e de procedimentos extrajudiciais; planejar e executar tarefas relativas à análise jurídica de atos, documentos, processos judiciais e administrativos e de procedimentos extrajudiciais, produzindo os atos e documentos pertinentes; elaborar minutas de petições, denúncias, recursos, acordos judiciais ou extrajudiciais, termos de ajustamento de conduta, decisões, despachos, pareceres, notas técnicas, notificações, votos e atos congêneres, bem como manifestações jurídicas para subsidiar decisão administrativa; receber, analisar, acompanhar e dar andamento a processos e a outros documentos; auxiliar na instrução de processos, procedimentos e inquéritos civis e analisar inquéritos policiais; controlar prazos prescricionais; proceder à oitiva de vítimas, testemunhas e quaisquer outras pessoas que possam, direta ou indiretamente, colaborar com a instrução processual, reduzindo a termo suas declarações; realizar análise prévia e triagem de representações, denúncias, processos e procedimentos; realizar pesquisa, seleção, indexação e estudo de legislação, doutrina e jurisprudência; acompanhar a atualização legislativa; observar os prazos processuais e de conclusão de investigações; conferir atos e andamentos processuais; providenciar o cumprimento de decisões e despachos; atuar na manualização de processos e na elaboração de instrumentos normativos; e acompanhar a tramitação de processos judiciais e administrativos e de procedimentos extrajudiciais Último concurso do MPU


No concurso de 2013,  a seleção contou com 263 vagas para níveis médio e superior. As oportunidades foram para os cargos de técnico do MPU, técnico na área técnico administrativa especialidade tecnologia da informação e comunicação, técnico na área de saúde – enfermagem e técnico na área de saúde – saúde bucal.

No caso de analista, as opções foram para analista do MPU, analista na área técnico-administrativa – especialidade arquivologia, analista na área técnico administrativa – biblioteconomia, analista na área técnico administrativa – comunicação social, analista na área técnico administrativa – educação, analista na área técnico administrativa – estatística, analista na área técnico especializado – finanças e controle, analista na área técnico especializado – gestão pública, analista técnico especializado - planejamento e orçamento, analista na área de clínica médica, analista área de medicina – psiquiatria, analista na área de perícia – antropologia, analista na área de perícia – arquitetura, analista na área de perícia -contabilidade,analista na área de perícia – economia, analista na área de perícia – engenharia agronômica, analista na área de perícia – engenharia ambiental, analista na área de perícia – engenharia civil, analista na área de perícia – engenharia de segurança do trabalho, analista na área de perícia – engenharia elétrica, analista na área de perícia - engenharia florestal, analista na área de perícia – engenharia mecânica, analista na área de perícia – engenharia sanitária, analista na área de perícia – geografia, analista na área de perícia – medicina, analista na área de perícia medicina do trabalho, analista na área de perícia – oceanografia, analista na área de saúde – enfermagem, analista na área de saúde – odontologia, analista na área de saúde – psicologia, analista na área de saúde – serviço social, analista na área de tecnologia da informação e comunicação – desenvolvimento de sistemas e analista na área de tecnologia da informação e comunicação – suporte e infraestrutura.

Na ocasião, o concurso do MPU contou com oportunidades para o Distrito Federal e Eestados de Pernambuco, São Paulo, Amazonas, Rondônia, Maranhão, Pará, Rio Grande do Sul, Acre, Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais,Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Alagoas, Maranhão, Mato Grosso, Paraíba e Tocantins.

A banca foi o Cespe/UnB.

 

Continuar lendo

Atualizado: 02/08/2018 - 10:19

Aberto concurso com 51 vagas na Prefeitura de Bálsamo SP

Concurso da Prefeitura de Bálsamo preencherá postos em cargos de todas as escolaridades. Inscrições vão de 6 a 27 de agosto

Diversas áreas

Por JCConcursos - Samuel Peressin

A Prefeitura de Bálsamo, em São Paulo, a cerca de 450 km da capital, divulgou edital de concurso público destinado a preencher 51 vagas, além de formar cadastro reserva (CR). 

 

O processo seletivo tem chances de nível fundamental para serviços gerais (10 postos + CR e salário de R$ 1.099,75), operador de máquinas (1 + CR - R$ 1.044,36), padeiro (1 + CR - R$ 1.009,75), auxiliar de enfermagem (2 + CR - R$ 1.009,75), motorista (1 + CR - R$ 1.009,75), visitador domiciliar (1 + CR - R$ 1.099,75) e auxiliar de apoio operacional (CR - R$ 1.009,75).

 

Há ofertas com exigência de ensino médio e, em alguns casos, formação técnica para recepcionista (2 + CR - R$ 1.009,75), técnico de enfermagem (1 + CR - R$ 1.009,75), lançador (CR - R$ 1.224,78), escriturário (1 + CR - R$ 1.009,75), agente administrativo (1 + CR - R$ 1.009,75) e agente comunitário de saúde (1 + CR - R$ 1.014).

 

O edital disponibiliza vagas de nível superior para enfermeiro (2 + CR - R$ 1.950,03), fisioterapeuta (1 + CR - R$ 1.508,35), nutricionista (1 + CR - R$ 1.131,49), psicólogo (1 + CR - R$ 1.277,38), farmacêutico (1 + CR - R$ 1.224,68), fiscal de tributos (CR - R$ 1.950,03), engenheiro civil (CR - R$ 1.642,06), assistente social (1 + CR - R$ 2.037,15), fonoaudiólogo (CR - R$ 1.277,38) e professor nas áreas de educação infantil (7 + CR - R$ 1.841,51), educação fundamental (13 + CR - R$ 1.841,51), artes (1 + CR - R$ 1.841,51) e educação física (1 + CR - R$ 1.841,51). 

 

 

Inscrição e etapas do concurso da Prefeitura de Bálsamo SP

 

 

As inscrições serão recebidas entre 6 e 27 de agosto, no endereço: www.consulpam.com.br. As taxas foram fixadas em R$ 40 (nível fundamental), R$ 55 (médio) e R$ 70 (superior).

 

Todos os candidatos realizarão, em 23 de setembro, prova objetiva com questões de múltipla escolha sobre conhecimentos gerais e específicos.

 

Haverá também teste prático (motorista, padeiro e operador de máquinas), em data a ser definida, e avaliação de títulos (vagas de nível superior), com entrega dos documentos no mesmo dia do exame objetivo.

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Bálsamo terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

 

Concurso Prefeitura Bálsamo: o que vai cair na prova para cargos de nível fundamental

 

 

Língua portuguesa - Compreensão e interpretação de textos. Tipos e gêneros textuais: narrativo, descritivo e argumentativo. Frase e oração. Língua padrão: ortografia, acentuação gráfica, pontuação, classes de palavras, concordância nominal e verbal, regência verbal e nominal, sintaxe de colocação. Produção Textual. Formação de palavras. Palavras primitivas e derivadas. Variação linguística.

 

Matemática - Raciocínio Matemático. Conjuntos. Sistema de numeração decimal. Números racionais. Medida de tempo. Operações Fundamentais: adição, subtração, multiplicação e divisão. Resolução de Problemas.

 

Atualidades - História recente do Brasil, do Estado de São Paulo e Região. Notícias nacionais e internacionais atuais referentes a temas sócio/econômico/político/cultural, veiculados pela imprensa nos últimos 12 meses.

Continuar lendo

Atualizado: 02/08/2018 - 09:34

Concurso em Ubarana SP oferece salários de até R$ 6 mil

Com inscrições até 9 de agosto, concurso da Prefeitura de Ubarana apresenta oportunidades para psicólogo, dentista, médico clínico geral e médico pediatra

Nível superior

Por JCConcursos - Samuel Peressin

A Prefeitura de Ubarana, no Estado de São Paulo, abriu concurso público destinado a preencher quatro vagas em cargos de nível superior.

 

Há ofertas para cirurgião dentista (salário de R$ 2.581,69), psicólogo (R$ 1.787,95), médico clínico geral (R$ 6.006,73) e médico pediatra (R$ 6.006,73).

 

Com taxa de R$ 50, as inscrições devem ser registradas até as 23h59 de 9 de agosto, por meio do site http://www.glconsultoria.com.br

 

 

Prova do concurso da Prefeitura de Ubarana SP

 

 

A prova objetiva cobrará a resolução de 40 questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, raciocínio lógico e conhecimentos específicos.

 

O exame será aplicado em 26 de agosto, das 9h às 12h, na escola José Roberto Candido da Costa (rua Alfredo Martins de Souza, 548, centro).

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Ubarana terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

 

Conteúdo programático parcial para o concurso da Prefeitura de Ubarana 2018

 

 

Língua portuguesa - Compreensão e interpretação de texto. Reconhecimento de tipos e gêneros textuais. Fonética e fonologia. Emprego das classes de palavras. Sintaxe da oração e do período. Semântica. Ortografia oficial. Acentuação gráfica. Pontuação. Concordância verbal e nominal. Regência. Crase. Coesão e coerência. Elementos de comunicação. Funções da linguagem. Figuras de linguagem. Estrutura e formação de palavras.

 

Raciocínio lógico - Operações elementares com números inteiros e fracionários: adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação e radiciação. Múltiplos e divisores. Equações do primeiro e segundo graus e sistemas de equações do primeiro grau. Razão e proporção: regra de três simples, composta, regra de sociedade, divisão em partes proporcionais. Porcentagens e juros simples. Geometria plana e espacial. Lógica sentencial: proporções, argumentação, equivalências e negações. Quantificadores e diagramas lógicos. Lógica organizacional e ordenação. Sequências lógicas.

Continuar lendo

Atualizado: 01/08/2018 - 11:43

Concurso PGE SP: formada comissão para 62 oportunidades

Todas as oportunidades do concurso da PGE SP serão para oficial administrativo. O salário inicial chega a R$ 1,9 mil

Nível médio

Por JCConcursos - Camila Diodato

Saiu no Diário Oficial, da edição de 1º de agosto, que foi formada a comissão responsável pelo novo concurso público para a Procuradoria Geral do Estado de São Paulo (PGE SP). A portaria autorizativa, publicada em 8 de maio, libera 62 vagas para oficial administrativo.

A equipe é presidida por Vinicius Teles Sanches, cuja suplente é Camila Rocha Cunha Viana, e composta por pelos seguintes integrantes: Valter Farid Antonio Junior, Lucia de Faria Freitas, Maria Elizabeth Ikeda e Valéria Aparecida Velloso. Os suplentes do grupo são Fabio Augusto Daher Montes, Renata Santiago Pugliese, Rosa Monica Pessoa de Menezes e Regiane Yumi Fujita.

Agora, o próximo passo para a realização do concurso PGE/SP é a escolha da banca organizadora. Depois de definida a banca, é que será elaborado o cronograma do certame. A expectativa é de que ele seja realizado no segundo semestre.

O cargo de oficial aceita candidatos com ensino médio completo. A remuneração inicial corresponde a R$ 1.562,23, no caso de 50% do Prêmio de Incentivo à Produtividade e Qualidade (PIPQ), podendo chegar a R$ 1.981,82, se for 100% do prêmio.

Atribuições do oficial administrativo

Cabe ao oficial administrativo da PGE/SP executar tarefas de apoio administrativo, de média complexidade, em diversas áreas, sob supervisão direta; prestar atendimento ao público externo e interno, sobre assuntos relacionados à sua área de atuação; efetuar o controle simples de registro de papéis de interesse em sua área de atuação; redigir correspondências de natureza simples; arquivar processos, leis, publicações, atos normativos e documentos diversos de interesse da unidade administrativa, segundo normas preestabelecidas; preencher fichas de registro e formulários, conferindo as informações e os documentos originais; elaborar, sob orientação, demonstrativos e relações, realizando os levantamentos necessários; digitar textos e documentos em geral; dar suporte administrativo na realização de eventos, reuniões e outras atividades específicas; e desenvolver outras atividades pertinentes e necessárias ao desempenho das funções do cargo. 

Último concurso PGE/SP para oficial

No final de 2011 foi lançado um edital para o preenchimento de 250 oportunidades na carreira de oficial administrativo. A banca organizadora, na ocasião, foi o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

As chances ficaram distribuídas entre a capital (129 vagas) e as unidades da Grande São Paulo (25), Santos (7), Taubaté (7), Sorocaba (10), Campinas (17), Ribeirão Preto (10), Bauru (10), São José do Rio Preto (7), Araçatuba (5), Presidente Prudente (8), Marília (5), São Carlos (4) e Brasília/DF (6).

Os participantes do concurso PGE/SP foram submetidos a uma prova objetiva com 80 questões de múltipla escolha, sendo 25 de língua portuguesa, 25 de matemática e raciocínio lógico, 15 de noções de informática e 15 de conhecimentos específicos (legislação).

Continuar lendo

Atualizado: 01/08/2018 - 11:10

Concurso em Barretos SP reúne 66 oportunidades

A participação no concurso do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do município de Barretos deverá ser garantida entre os dias 8 de agosto e 12 de setembro

Todos os níveis

Por JCConcursos - Patricia Lavezzo

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do município de Barretos, situado no interior do Estado de São Paulo, divulgou o edital de abertura das inscrições do concurso que dispõe de 66 vagas. Do total de ofertas, 13 são reservadas a pessoas com deficiência. 

Candidatos que têm o ensino fundamental podem concorrer para as funções de auxiliar de construção (1), auxiliar de eletricista (1), auxiliar de leitura e fiscalização (3), auxiliar de manutenção de bombas e equipamentos (2), auxiliar de mecânico (1), auxiliar de serviços gerais (3), auxiliar de serviços operacionais (20), eletricista (1), jardineiro (1), mecânico (1), operador de máquinas (3), pedreiro (3) e vigia (5). 

Para ensino médio e/ou curso técnico, as chances são para os cargos de auxiliar administrativo (6), auxiliar geral de laboratório (1), caixa (2), coletor de amostras (1), auxiliar de operador - seção de captação e adução, ETA, poços e ETE (2) e analista de laboratório (4).  

Quem tem o nível superior está apto às carreiras de advogado (1), assistente de tecnologia da informação (2), engenheiro civil (1) e químico (1). 

APOSTILAS CONCURSO SAAE 2018 - CARGOS DE NÍVEIS FUNDAMENTAL E MÉDIO

Os salários iniciais oferecidos pelo SAAE de Barretos partem de R$ 1.035,50 e chegam a R$ 2.746,49. 

 

Etapas do concurso do SAAE de Barretos SP

 

As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br), entre os dias 8 de agosto e 12 de setembro. Os valores da taxa de participação são de R$ 60 para ensino fundamental, R$ 80 para nível médio/técnico e R$ 100 para formação superior. 

O concurso do SAAE de Barretos será constituído das seguintes avaliações: prova objetiva para todos os cargos; prova prático-profissional advogado; prova de redação para auxiliar administrativo; e prova prática para auxiliar de construção, auxiliar de eletricista, auxiliar de manutenção de bombas e equipamentos, auxiliar de mecânico, auxiliar de serviços gerais, auxiliar de serviços operacionais, eletricista, jardineiro, mecânico, operador de máquinas e pedreiro. 

As provas objetiva, de redação e prático-profissional serão aplicadas na cidade de Barretos/SP no dia 21 de outubro, em locais e horários a serem comunicados no edital de convocação, a ser divulgado no site da Fundação Vunesp em momento oportuno. 

 

Atribuições do auxiliar administrativo do SAAE de Barretos SP

 

Executar trabalhos simples de escritório, compreendidos em rotinas pré-estabelecidas, que possam ser prontamente aprendidas e que requeiram pouca capacidade de julgamento; fazer anotações em fichas e manusear fichários; classificar e organizar expedientes recebidos; obter informações de fontes determinadas a fornecê-las aos interessados, quando autorizado; digitar textos e executar outros serviços rotineiros no computador; digitar cartas, ofícios, memorando, folhas de pagamento, etc.; operar máquinas de escritório; fazer cálculos simples, com utilização de máquinas; auxiliar na separação, classificação, distribuição, numeração, selagem e expedição de correspondências; auxiliar no controle e movimentação de bens patrimoniais; prestar informações simples de caráter geral, pessoalmente ou por telefone; anotar e transmitir recados; Participar de comissões internas; observar e cumprir as normas de higiene e de segurança do trabalho; manter-se atualizado sobre as normas municipais e estrutura organizacional do SAAE de Barretos; participar de cursos de qualificação e requalificação profissional; manter conduta profissional compatível com os princípios reguladores da administração pública, especialmente os da legalidade, da impessoalidade, da moralidade, da publicidade, da razoabilidade e da eficiência, preservando o sigilo das informações; tratar com zelo e urbanidade os clientes do SAAE de Barretos; dirigir veículos do SAAE de Barretos; cumprir normas de saúde e segurança do trabalho e utilizar adequadamente equipamentos de proteção individual e coletivo; executar demais funções ligadas à sua área de atuação, por determinação dos superiores competentes.

Continuar lendo

Atualizado: 01/08/2018 - 10:57

Jacupiranga SP inscreve para concurso com 31 vagas

Chances em disputa no concurso da Prefeitura de Jacupiranga, no interior paulista, estão distribuídas entre funções destinadas a profissionais de todas as escolaridades

Até 24/8

Por JCConcursos - Samuel Peressin

A Prefeitura de Jacupiranga, cidade paulista com cerca de 20 mil habitantes, abriu hoje (1) as inscrições para o concurso público que disponibiliza 31 vagas, além de chances para cadastro reserva (CR).

 

Para concorrer como auxiliar de serviços gerais (3 postos e salário de R$ 964,64), borracheiro (1 - R$ 1.088,83) e operário braçal (3 - R$ 964,64) basta ser alfabetizado.  

 

Profissionais com nível fundamental têm opções como auxiliar de saúde bucal (CR - R$ 1.143,32), guarda para policiamento administrativo/vigia (1 - R$ 964,64), mecânico (1 - R$ 1.502,68), motorista de ambulância (CR - R$ 1.143,32), motorista de veículos e cargas em geral (CR - R$ 1.143,32), operador de máquinas (CR - R$ 1.153,13) e recepcionista hospitalar (1 - R$ 1.016,40).

 

Quem possui ensino médio está apto a se inscrever no concurso da Prefeitura de Jacupiranga para as funções de agente comunitário de saúde (2 + CR - R$ 1.214,08), agente de combate a endemias (1 - R$ 1.214,08), agente de organização escolar (2 - R$ 1.153,13), auxiliar de desenvolvimento infantil (CR - R$ 1.173,04), auxiliar de farmácia (1 - R$ 971,86), eletricista (1 - R$ 1.203,66), eletricista de veículos automotores (1 - R$ 1.502,68), escriturário (2 - R$ 1.153,13), fiscal geral (CR - R$ 1.502,68), monitor de transporte escolar (1 - R$ 1.153,13), office boy (CR - R$ 964,64), secretário de escola (CR - R$ 1.163,04), técnico de enfermagem (1 - R$ 1.163,04), técnico de informática (1 - R$ 1.701,35), técnico de raio X (CR - R$ 1.929,28) e técnico em segurança do trabalho (1 - R$ 1.849,85).  

 

São ofertadas carreiras de nível superior para assistente social (CR - R$ 3.110,31), bibliotecário (CR - R$ 2.192,93), contador (CR - R$ 4.464,46), dentista (CR - R$ 3.110,31), enfermeiro (1 - R$ 3.110,31), engenheiro agrônomo (CR - R$ 3.110,31), engenheiro de segurança do trabalho (1 - R$ 3.406,95), farmacêutico (1 - R$ 3.110,31), fiscal tributário (CR - R$ 3.110,31), fisioterapeuta (1 - R$ 3.110,31), médico do trabalho (1 - R$ 6.159,16), ginecologista (1 - R$ 3.406,95), médico plantonista (CR - R$ 805,34 por plantão), nutricionista (CR - R$ 3.110,31), procurador jurídico (CR - R$ 3.110,31), professor de artes (CR - R$ 2.701,08), professor de educação básica - especial (1 - R$ 2.701,08) e psicólogo (CR - R$ 3.110,31).

 

 

Concurso Prefeitura Jacupiranga: inscrições e etapas

 

 

A RBO Assessoria, banca que organiza o certame, recebe inscrições até 24 de agosto, por meio do site www.rboconcursos.com.br. A empresa cobra taxas de R$ 35 (alfabetizados e nível fundamental), R$ 45 (médio) e R$ 60 (superior).   

 

Todos os candidatos farão prova objetiva com questões de conhecimentos básicos e específicos. A aplicação está prevista para 23 de setembro. 

 

A seleção será finalizada com outras duas etapas: teste prático (para borracheiro, mecânico, motorista, operador de máquinas, eletricista, eletricista de veículos, escriturário e secretário de escola) e avaliação de títulos (professor). 

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Jacupiranga terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

 

Principais atribuições do auxiliar de serviços gerais no concurso da Prefeitura de Jacupiranga

 

 

Executar tarefas de natureza operacional em obras públicas, conservação e manutenção de próprios municipais. Auxiliar nos serviços de armazenagem de materiais leves e pesados, tais como cal, cimento, areia, tijolos e outros, acondicionando-os em prateleiras ou pátios dos almoxarifados, para assegurar o estoque dos mesmos. Auxiliar nos serviços de jardinagem, aparando gramas, preparando a terra, plantando sementes e mudas, podando árvores, visando conservar, cultivar e embelezar canteiros em geral. Efetuar a limpeza e conservação de áreas verdes, praças, terrenos baldios, ruas e outros logradouros públicos, carpindo, limpando, lavando, varrendo, transportando entulhos, visando melhorar o aspecto do município. Efetuar a limpeza e conservação nos cemitérios e nos jazigos, bem como auxiliando na preparação de sepulturas, abrindo e fechando covas, para permitir o sepultamento dos cadáveres. Auxiliar os motoristas nas atividades de carregamento, descarregamento e entrega de materiais e mercadorias, valendo-se do esforço físico e/ou outros recursos, visando contribuir para a execução dos trabalhos. Auxiliar na preparação de ruas para a execução de serviços de pavimentação, compactando o solo, esparramando terra, pedra, para manter a conservação de trechos desgastados ou na abertura de novas vias. Auxiliar nas instalações e manutenções elétricas, fornecendo materiais necessários e utilizando ferramentas manuais, para estruturar a parte geral das instalações. Apreender animais soltos em vias públicas, tais como vaca, cavalo, cachorros, cabritos, etc., laçando-os e conduzindo-os ao local apropriado, para evitar acidentes e garantir a saúde da população. Entre outras atividades.
 

Continuar lendo

Atualizado: 01/08/2018 - 10:01

Campo Limpo Paulista SP ABRE concurso com 139 vagas

Prazo para inscrições vai até 30 de agosto. Concurso da Prefeitura de Campo Limpo Paulista tem chances para faxineiro, assistente administrativo, recepcionista, professor, entre outras funções

13 cargos

Por JCConcursos - Samuel Peressin

Foram abertas nesta quarta-feira (1) as inscrições para o concurso da Prefeitura de Campo Limpo Paulista, em São Paulo, com oferta de 139 vagas. 

 

O cargo de faxineiro (6 postos e remuneração inicial de R$ 1.142) é destinado a profissionais com ensino fundamental incompleto.

 

O edital apresenta chances de nível médio para assistente administrativo (10 - R$ 1.296), auxiliar de farmácia (2 - R$ 1.246), monitor de creche (1 - R$ 1.142) e recepcionista (12 - R$ 1.142).

 

Além de segundo grau, os interessados em concorrer como técnico de enfermagem (20 - R$ 1.804) e técnico de gesso (1 - R$ 1.513) devem possuir formação técnica.

APOSTILAS CONCURSO PREFEITURA DE CAMPO LIMPO PAULISTA 2018 - DIVERSOS CARGOS

As oportunidades que requerem curso superior são para assistente social (2 - R$ 2.366), enfermeiro padrão (2 - R$ 3.222), enfermeiro padrão plantonista (7 - R$ 3.465) e professor nas áreas de educação básica I - ensino fundamental (40 - R$ 2.565), educação infantil - pré-escola (12 - R$ 2.565) e educação infantil - creche (24 - R$ 2.395). 

 

 

Concurso Prefeitura Campo Limpo Paulista: inscrições e provas

 

 

O prazo para se inscrever termina às 23h59 de 30 de agosto. É necessário efetuar cadastro pelo site www.ibamsp-concursos.org.br. As taxas variam conforme a escolaridade exigida para cada cargo: R$ 47 (nível fundamental), R$ 65 (médio) e R$ 83 (superior). 

 

A seleção será realizada em duas fases: prova objetiva para todos os candidatos, em 23 de setembro, e avaliação de títulos somente para os concorrentes a professor, em data a ser definida.   

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Campo Limpo Paulista terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

 

Atribuições do assistente administrativo no concurso da Prefeitura de Campo Limpo Paulista

 

 

Responsável por serviços administrativos em geral: datilografia e digitação; arquivo de documentos; controle de processos administrativos e demais atribuições correlatas ao cargo.

 

 

Concurso Prefeitura Campo Limpo Paulista: atribuições do recepcionista

 

Responsável pelo atendimento dos pacientes da área da saúde no Hospital de Clínicas de Campo Limpo Paulista ou postos de atendimento; agendar procedimentos médicos, exames e consultas; registrar e cadastrar dados e informações e demais atribuições correlatas ao cargo.
 

Continuar lendo

Atualizado: 01/08/2018 - 09:26

Concurso IPHAN: PROVAS serão aplicadas em 26 de agosto

Com ofertas distribuídas entre todo o Brasil, concurso do Iphan preencherá postos em cargos auxiliar, técnico e analista. Salários chegam a R$ 5,4 mil

Níveis médio e superior

Por JCConcursos - Samuel Peressin

Destinado a preencher 411 vagas distribuídas em todo o Brasil, além de formar cadastro reserva, o novo concurso do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) terá as provas objetiva e discursiva aplicadas em 26 de agosto. 


O processo seletivo oferece 131 postos para auxiliar institucional (R$ 3.877,97), 176 para técnico (R$ 5.493,29) e 104 para analista (R$ 5.493,29). A primeira posição requer ensino médio completo, enquanto as demais cobram formação superior. Os valores já incluem o auxílio-alimentação de R$ 458.

APOSTILAS CONCURSO IPHAN 2018 - CARGOS DE NÍVEIS MÉDIO E SUPERIOR
CURSO ONLINE CONCURSO IPHAN 2018 - TÉCNICO E ANALISTA

As oportunidades estão distribuídas entre a sede do órgão, em Brasília, e superintendências/escritórios técnicos em todos os Estados brasileiros. Para São Paulo, foram disponibilizados 18 postos.  

As inscrições para o concurso do Iphan foram recebidas até 16 de julho, por meio do site http://www.cespe.unb.br/concursos. As taxas custaram R$ 84 (nível médio) e R$ 117 (superior). 

 

Concurso Iphan: distribuição das vagas por área de formação


Parte das chances para auxiliar institucional é destinada a candidatos que possuem, além de segundo grau, formação técnica em conservação e restauração de bens culturais móveis; edificações; e agronomia ou jardinagem.  

 

As oportunidades para técnico no concurso do Iphan atendem profissionais formados em ciências sociais ou antropologia; arqueologia; arquitetura e urbanismo; arquivologia; biblioteconomia; ciências biológicas; engenharia agronômica; engenharia civil; história; e educação, pedagogia ou ciências humanas. 

 


Ads

Curso Intensivo Gratuito para Concurso IPHAN

Para ajudar na preparação dos que realmente desejam passar nesse concurso, transmitiremos ao vivo e gratuitamente a partir de 18 de junho, o Curso Intensivo IPHAN. O conteúdo engloba desde português a história. São várias matérias de relevância com conteúdo de qualidade. Confira.

 

Já para analista, as opções são voltadas a participantes com graduação em qualquer área; comunicação social, jornalismo ou relações públicas; engenharia cartográfica, geografia ou geociências; e relações internacionais.

Sobre as provas do concurso do Iphan 2018


O processo seletivo envolverá provas objetiva e discursiva para todos os cargos, com aplicação nas capitais dos 26 Estados, além do Distrito Federal.

 

A primeira avaliação trará 120 questões de múltipla escolha, enquanto a segunda cobrará a elaboração de um texto dissertativo com até 30 linhas abordando tema da atualidade. 

 

O conteúdo programático inclui conhecimentos básicos (língua portuguesa, fundamentos da preservação do patrimônio cultura, noções de gestão/administração pública e atualidades) e específicos.

 

Haverá também análise de títulos para funções de nível superior, em período a ser definido. Os candidatos convocados poderão apresentar diplomas de especialização, mestrado e doutorado, bem como documentos que comprovem experiência profissional nos setores público e privado. 


De acordo com o edital, o concurso do Iphan terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério da instituição. 

 

Atribuições do auxiliar institucional no concurso do Iphan

 

Desenvolver atividades de nível intermediário de suporte às áreas administrativa e finalística, que compreendam a execução de atividades rotineiras de cunho administrativo e logístico; dar suporte às atividades que compõem o ciclo de gestão documental; dar suporte à análise, diagnóstico e intervenção em bens culturais móveis; dar apoio às atividades técnicas relativas à elaboração e análise de projetos e orçamentos e fiscalização de obras; dar suporte às atividades de fiscalização; realizar atividades de conservação e manutenção dos jardins históricos sob a gestão do Iphan; e outras atividades compatíveis com as atribuições profissionais e competências institucionais.

 

Concurso Iphan 2018: atribuições do técnico

 

Desenvolver atividades de nível superior, de complexidade e responsabilidade elevadas, que compreendam elaborar estudos, análises, pareceres, laudos, notas, relatórios e avaliações técnicas para instrução e acompanhamento de processos relativos à salvaguarda e à preservação do patrimônio cultural; avaliar o impacto ao patrimônio cultural em projetos e empreendimentos, inclusive no âmbito do licenciamento ambiental; realizar vistorias, levantamentos e avaliações de campo; acompanhar e se manifestar em processos relacionados a políticas intersetoriais e temáticas transversais ao patrimônio cultural; desenvolver e participar das atividades de articulação e mobilização social necessárias às ações institucionais; integrar conselhos representativos, comissões, grupos e equipes de trabalho de interesse da administração; elaborar e analisar orçamentos; acompanhar e fiscalizar intervenções e(ou) serviços; realizar intervenções conservativas e(ou) restaurativas de bens culturais e acervos sob a gestão do Iphan; elaborar termos de referência, projetos e editais; fiscalizar contratos, convênios e instrumentos congêneres e outras atividades compatíveis com as atribuições profissionais e competências institucionais.

 

Atribuições do analista no concurso do Iphan


Desenvolver atividades de nível superior, de complexidade e responsabilidade elevadas que compreendam o assessoramento especializado voltado para a gestão dos processos relativos à salvaguarda e à preservação do patrimônio cultural; acompanhar e se manifestar em processos relacionados a políticas intersetoriais e temáticas transversais ao patrimônio cultural; desenvolver e participar das atividades de articulação e mobilização social necessárias às ações institucionais; participar em conselhos representativos, comissões, grupos e equipes de trabalho de interesse da administração; elaborar e analisar orçamentos; executar atividades de gestão administrativa, orçamentária e financeira; acompanhar e fiscalizar projetos e(ou) serviços; elaborar termos de referência, projetos e editais; fiscalizar contratos, convênios e instrumentos congêneres; e outras atividades compatíveis com as atribuições profissionais e competências institucionais.

 

Conteúdo programático parcial para o concurso do Iphan

 

Língua portuguesa - 1 Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados. 2 Reconhecimento de tipos e gêneros textuais. 3 Domínio da ortografia oficial. 4 Domínio dos mecanismos de coesão textual. 4.1 Emprego de elementos de referenciação, substituição e repetição, de conectores e de outros elementos de sequenciação textual. 4.2 Emprego de tempos e modos verbais. 5 Domínio da estrutura morfossintática do período. 5.1 Emprego das classes de palavras. 5.2 Relações de coordenação entre orações e entre termos da oração. 5.3 Relações de subordinação entre orações e entre termos da oração. 5.4 Emprego dos sinais de pontuação. 5.5 Concordância verbal e nominal. 5.6 Regência verbal e nominal. 5.7 Emprego do sinal indicativo de crase. 5.8 Colocação dos pronomes átonos. 6 Reescrita de frases e parágrafos do texto. 6.1 Significação das palavras. 6.2 Substituição de palavras ou de trechos de texto. 6.3 Reorganização da estrutura de orações e de períodos do texto. 6.4 Reescrita de textos de diferentes gêneros e níveis de formalidade.

 

Fundamentos da preservação do patrimônio cultura - Noções sobre história política, econômica e social do Brasil. 1.1 Noções sobre história e institucionalização do patrimônio cultural no Brasil e no mundo, com ênfase na trajetória do IPHAN. 2 Marcos internacionais da preservação: Convenção relativa à Proteção do Patrimônio Mundial, Cultural e Natural (1972); Convenção para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial (2003). 3 Legislação brasileira sobre preservação de bens culturais. 3.1 Constituição Federal (artigos 20, 23, 24, 30, 215 e 216). 3.2 Decreto-Lei nº 25/1937, e suas alterações. 3.3 Lei nº 3.924/1961. 3.4 Lei nº 11.483/2007, e suas alterações (art. 9º). 3.5 Decreto nº 3.551/2000. 3.6 Decreto nº 9.238/2017. 4 Legislação aplicada ao patrimônio cultural. 4.1 Portaria IPHAN nº 187/2010; Portaria IPHAN nº 420/2010; Portaria IPHAN nº 127/2009; Portaria IPHAN nº 137/2016.

 

Noções de gestão e administração pública - 2.1 Princípios e normas referentes à administração direta e indireta. 2.2 Lei nº 8.666/1993, e suas alterações (Licitações e contratos administrativos). 3 Legislação administrativa. 3.1 Lei nº 8.112/1990, e suas alterações. 3.2 Lei nº 9.784/1999, e suas alterações (Processo Administrativo). 3.3 Lei nº 12.527/2011 (Lei de acesso à informação). 3.4 Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal, instituído pelo Decreto nº 1.171/1994, e suas alterações. 4 Gestão de pessoas no setor público. 4 Gestão de processos. 4.1 Conceitos da abordagem por processos. 4.2 Técnicas de mapeamento, análise e melhoria de processos.

 

Atualidades - (somente para a prova discursiva): 1 Tópicos atuais e relevantes de diversas áreas, tais como: política, economia, sociedade, educação, cultura, desenvolvimento sustentável e meio ambiente, relacionados ao patrimônio cultural.

 

Confira o conteúdo programático completo para o concurso do Iphan 2018

Continuar lendo

Atualizado: 01/08/2018 - 09:12

Concurso em Fernandópolis SP oferece nove vagas

Com inscrições a partir de 3 de agosto, concurso da Prefeitura de Fernandópolis oferece chances para profissionais de níveis médio e superior

Salários até R$ 14,1 mil

Por JCConcursos - Samuel Peressin

Distante cerca de 550 km da capital paulista, o município de Fernandópolis abriu concurso público para preencher nove vagas no quadro de servidores da prefeitura, além de formar cadastro reserva.

 

Estão em disputa cargos de ensino médio para motorista (1 posto e salário de R$ 1.367,62), operador de máquinas/trator (3 - R$ 1.756,51), auxiliar de saúde bucal (1 - R$ 1.431,16) e técnico de enfermagem (1 - R$ 1.859,24) - os dois últimos também cobram formação técnica. 

 

São ofertadas chances de nível superior para advogado (1 - R$ 2.383,26), fonoaudiólogo (1 - R$ 1.756,51) e médico ESF (1 - R$ 14.102,48).

 

Será possível se inscrever entre 9h de 3 de agosto e 23h59 de 3 de setembro, por meio do endereço www.eapc.com.br. As taxas custam R$ 50 (ensino médio) e R$ 80 (superior).  

 

 

Etapas do concurso da Prefeitura de Fernandópolis SP

 

 

Com aplicação prevista para 23 de setembro, a prova objetiva abordará conteúdos de língua portuguesa, raciocínio lógico/matemática, história de Fernandópolis, conhecimentos específicos e lei orgânica do município.

 

Além da avaliação escrita, o processo seletivo prevê teste prático (motorista e operador de máquinas/trator), em data a ser definida, e avaliação de títulos (advogado, médico e fonoaudiólogo), no mesmo dia do exame objetivo. 

 

De acordo com o edital, o concurso da Prefeitura de Fernandópolis terá validade de dois anos, prorrogável por mais dois, a critério do governo municipal.

 

 

Concurso Prefeitura Fernandópolis: atribuições do operador de máquinas/trator

 

 

Executar trabalho de operação em tratores em geral, máquinas pesadas assemelhadas, patrol, pá mecânica, rolo compressor e retroescavadeira; Informar ao mecânico quanto aos defeitos apresentados pelas máquinas; Comunicar ao chefe imediato a que estiver subordinado, qualquer anormalidade que porventura a máquina apresente; Efetuar inspeção no maquinário de forma preventiva; Executar outras tarefas correlatas mediante determinação superior.
 

Continuar lendo

Shopping