Tudo Sobre

Concurso SME

SME busca organizadora para concurso de professor

Concurso será para 3.514 vagas de professores de educação infantil e ensino fundamental. Inicial de até R$ 2.600



Fernando Cezar Alves
Publicado em 03/02/2014, às 10h23

A Secretaria Municipal de Educação de São Paulo já iniciou o processo de escolha da organizadora do concurso que será realizado para o preenchimento de 3.514 vagas para professores de educação infantil e ensino fundamental. A informação foi divulgada pelo próprio secretário Cesar Callegari, durante reunião recente com o presidente do sindicato dos profissionais em educação no ensino municipal de São Paulo (Sinpeem), professor Claudio Fonseca. “O secretário não adiantou uma data precisa para liberação do edital, mas manteve a promessa de que o concurso ocorrerá ainda no primeiro semestre”, disse o sindicalista à reportagem do Jornal dos Concursos & Empregos.

CONFIRA A EDIÇÃO DIGITAL DO JC&E - CLIQUE AQUI

De qualquer forma, a comissão do concurso, formada por membros das Secretarias Municipais de Educação e Gestão Pública,  já está formada e trabalha na elaboração do edital, para que seja liberado o mais breve possível.  Embora o secretário não tenha especificado data, a assessoria de imprensa já havia antecipado que a intenção é liberar o documento ainda no primeiro trimestre.

Para concorrer ao cargo é necessário possuir ensino médio com formação para o magistério, licenciatura plena em pedagogia ou curso normal superior. A remuneração inicial é de R$ 1.950, com jornada de trabalho de 30 horas semanais e R$ 2.600 para 40 horas. Como benefícios, o órgão oferece auxílio refeição de R$ 296,12, sendo R$ 13,46 por dia, auxílio transporte de R$ 148,90, vale alimentação de R$ 257,12 e abono complementar de R$ 235,09. Para  quem trabalha em pré-escolas e Emefs, os benefícios são auxílio refeição de R$ 296,12 e abono complementar de R$ 176,30. A prefeitura também conta com um prêmio de desempenho educacional de R$ 2.400, concedido anualmente, e gratificação de difícil acesso para escolas de algumas regiões.

O concurso vem sendo aguardado desde 11 de dezembro, quando autorizado pelo prefeito Fernando Haddad. No último, realizado em 2010, a seleção contou com provas objetivas de conhecimentos gerais de educação e conhecimentos específicos, avaliação dissertativa e análise de títulos. Tanto conhecimentos gerais quanto específicos contaram com 30 questões cada. Já a parte dissertativa foi composta de duas questões. A organizadora foi a Fundação Carlos Chagas.

Na opinião do presidente do Sinpeem, o número de vagas autorizado pelo prefeito é adequado para as necessidades do cargo e deve suprir bem a demanda imediata, obedecendo legislação municipal que determina a realização de concursos para professores sempre que a necessidade de pessoal atingir 5% do total de vagas.

O concurso será realizado dentro de um processo de reestruturação do plano de carreiras do magistério municipal, uma vez que, no último dia 15, o prefeito Fernando Haddad sancionou a lei 15.963, que acrescenta duas referências à escala de padrões de vencimentos do quadro do magistério. 

APOSTILA ESPECÍFICA PROFESSOR / SP - CLIQUE AQUI

+ Resumo do Concurso SME

SME
Vagas: 3500
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: professores de educação infantil e ensino fundamental
Áreas de Atuação: Educação
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário: De R$ 1950,00 Até R$ 2600,00
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

03/02/2015 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas