Tudo Sobre

Concurso DPU

DPU pagará R$ 16,4 mil a 58 novos defensores

Inscrições vão até 8 de dezembro e podem ser realizadas por bachareis em direito. Taxa para se candidatar é de R$ 180



Rodrigo Garibaldi
Publicado em 21/11/2014, às 09h52

A Defensoria Pública da União (DPU) está com inscrições abertas para 58 vagas de defensor público federal de segunda categoria. Deste total, três são reservadas a candidatos com deficiência.

Os aprovados poderão escolher seu órgão de atuação de acordo com a distribuição nacional de vagas feita pelo defensor público-geral da união, com ordem de preferência a partir da classificação final no concurso.

Destaque: Prova Anterior da DPU.

Para concorrer às oportunidades, os profissionais precisam necessariamente ter formação superior em direito, estar registrados na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e comprovar a experiência de pelo menos três anos em atividades jurídicas. O salário inicial da carreira é de R$ 16.489,37.

Como concorrer – As inscrições poderão ser realizadas até o dia 8 de dezembro por meio do site do Cespe/UnB (www.cespe.unb.br), organizador do processo seletivo. A taxa para participar do concurso é de R$ 180 e deverá ser paga até 9 de janeiro de 2015.  

Processo seletivo – A avaliação objetiva está agendada para o dia 7 de fevereiro – nos 26 Estados brasileiros, além do Distrito Federal - e terá duração máxima de cinco horas. Ela será composta por 200 questões, divididas em quatro partes, com 50 tópicos referentes a cada um dos conjuntos de disciplinas ligadas ao direito.

Estes grupos são divididos do seguinte modo: 1º - direito administrativo, direito civil, direito empresarial, direito do consumidor, direito processual civil e direito tributário; 2º - direito penal, direito processual penal, direito penal militar, direito processual penal militar e direito eleitoral; 3º - direito do trabalho, direito processual do trabalho, direito previdenciário e da assistência social e princípios institucionais da defensoria pública; 4º - direito constitucional, direito internacional, direitos humanos, filosofia do direito, noções de sociologia jurídica e noções de ciência política.

No dia seguinte (8 de fevereiro), os candidatos serão submetidos às provas dissertativas escritas. A etapa também será dividida pelos quatro grupos e constará de uma questão e uma peça judicial de até 90 linhas para cada um dos conjuntos de disciplinas do direito. 

O candidato deverá acessar o site do Cespe/UnB no dia 2 de fevereiro para consultar a convocação com os horários e locais de realização das provas.

Antes do resultado final, os concorrentes ainda passarão por outras três fases – provas orais; avaliação de títulos de formação e sindicância de vida pregressa; e apuração de outros requisitos pessoais.

A validade do contrato dos candidatos selecionados será de um ano, contado a partir da data de homologação da classificação do concurso. A defensoria poderá prorrogar o acordo apenas mais uma vez, por um novo prazo de 12 meses.

+ Resumo do Concurso DPU

DPU - Defensoria Pública da União
Vagas: 58
Taxa de inscrição: R$ 180
Cargos: Defensor Publico
Áreas de Atuação: Judiciária / Jurídica
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário: Até R$ 16489,37
Organizadora: CESPE/UnB
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda do Concurso

21/11/2015 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas