PL propõe exame toxicológico para professores da rede pública

Os exames toxicológicos para drogas ilícitas deverão ser realizados antes da admissão do professor e uma vez por ano

Redação
Publicado em 21/08/2020, às 15h00

None
Divulgação

O Projeto de Lei 3928/20 torna obrigatório o exame toxicológico para professores da rede pública de ensino. O PL está em análise na Câmara dos Deputados, estabelece que os exames para detecção do uso de drogas ilícitas sejam realizados antes da admissão do professor e depois anualmente.

A proposta concede ao professor o direito à apresentação de contraprova, em caso dê resultado positivo. Confirmado o uso de droga pelo docente, ele será, conforme o projeto, encaminhado para tratamento a ser definido em regulamento, sem prejuízo de sanções administrativas.

Autor da proposta, o deputado Marcelo Brum (PSL-RS) entende que os professores “são peça chave na prevenção da dependência a drogas por terem contato prolongado com os alunos”. “Considerando esse fato, não é admissível que os profissionais do ensino possam ser, eles mesmos, dependentes de drogas ilícitas”, pontua Brum.

*reprodução Agência Câmara de Notícias

Comentários

Mais Lidas