Procon MA: cresce expectativa por edital com 51 vagas

Do total de postos, 40 serão para o cargo de auxiliar, que pede apenas nível fundamental, enquanto as dez restantes serão para conciliador, com nível superior em direito

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro
Publicado: 04/12/2018 - 11:27 | Atualizado: 04/12/2018 - 11:27

Cresce a expectativa pela publicação do edital de abertura de inscrições do novo concurso público do  O Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon/MA). A liberação ainda depende de acortos que estão sendo feitos com a banca organizadora, que será  a Fundação Carlos Chagas, com a qual já conta com contrato assinado desde 23 de agosto. 

A seleção contará com uma oferta de 51 vagas imediatas, além de formar cadastro reserva de pessoal, para cargos com exigência de níveis fundamental e superior. O presidente do órgão, Duarte Júnior, já confirmou que as remunerações iniciais devem variar de R$ 3.900 a R$ 7 mil. 

A seleção vem sendo aguardada desde 29 de janeiro, quando anunciada por Duarte Júnior por meio de rede social. "Atenção concurseiros, intensifiquem os estudos! Neste semestre, vamos realizar o segundo concurso da história do Procon do Maranhão. Desta vez serão mais 51 vagas, sendo 11 para o cargo de conciliador e 40 para auxiliar de serviços ", publicou.  

Para concorrer ao cargo de auxiliar de serviços, que contará com uma oferta inicial de 40 postos, basta possuir ensino fundamental, enquanto os postos de conciliador, com 11 vagas, exige formação superior em direito.

De acordo com o presidente do órgão esta é uma das prioridades do governo Flávio Dino. “Com uma gestão ética e transparente, agimos sempre em obediência aos princípios basilares da administração pública. Por isso, estamos realizando concursos em prol da maior qualificação dos serviços que colocamos à disposição dos cidadãos”.

O primeiro concurso, realizado em 2017, contou com uma oferta de dez vagas para o cargo de fiscal de defesa do consumidor. Na ocasião, a banca organizadora também foi a Fundação Carlos Chagas.  

Vídeos Procon

Saiba como evitar o "branco" na hora da prova


Concursos Relacionados

Mais Lidas

Mais Recentes

Shopping