UWC oferecem oportunidades para jovens

Em média são selecionados de três a sete brasileiros todos os anos.

Redação
Publicado em 12/11/2008, às 15h21

Os United World Colleges oferecem bolsas de estudos a jovens brasileiros entre 16 e 18 anos de idade. A organização recebe os selecionados em mais de 150 países durante dois anos para que estudem e convivam e um ambiente multicultural. Em média, de três a sete brasileiros são selecionados. As inscrições vão até 19 de novembro.

Nos colégios os alunos estudam, trocam experiências e entram em contato com as mais diversas culturas. Os estudantes acrescentam em seu currículo o Bacharelado Internacional (IB), reconhecido mundialmente e no Brasil é equivalente ao Ensino Médio. Os alunos têm atividades esportivas, artísticas e de serviço comunitário.

Requisitos

Para concorrer às bolsas os interessados devem estar na primeira série do ensino médio em 2008, ter nacionalidade brasileira e idade entre 15 e 18 anos. Não é necessário conhecimento prévio em inglês.

O movimento UWC é um projeto idealista que visa englobar todas as religiões e ideologias políticas, buscando a compreensão das diferenças. Sendo assim, o processo seletivo procura candidatos que se identifiquem com este objetivo. Além disso, os interessados devem ter disposição pessoal de trabalhar pelos ideais do movimento, por meio de sua profissão ou de outro veiculo.

Inscrições e Processo Seletivo

As inscrições são realizadas exclusivamente pela internet por meio do endereço eletrônico da organização.  Os candidatos podem se inscrever com desconto até o dia 4 de dezembro, pagando o valor de R$15. Após essa data a taxa é de R$30. O processo de seleção envolve três etapas. A primeira etapa consiste em uma prova escrita aplicada para todos os inscritos. Depois serão selecionados 45 candidatos para uma entrevista. Os 12 finalistas passarão pela fase do convívio.

Os United World Colleges concedem bolsas de estudos, anualmente, a cerca de 1000 jovens em todo o mundo. A organização é mantida com doações de instituições, empresas, governos e ex-alunos. Atualmente contam com 12 colégios espalhados pelo Canadá, Cingapura, Estados Unidos, Hong Kong, Índia, Itália, Noruega, País de Gales, Suazilândia, Costa Rica, Bósnia e Venezuela.

Samantha Cerquetani

Comentários

Mais Lidas