CATs selecionam para mais de 9 mil vagas em São Paulo

Há oportunidades no segmento de serviço, comércio, construção civil e indústria.

Douglas Terenciano
Publicado em 06/02/2015, às 15h13

As unidades do Centro de Apoio ao Trabalho, da Prefeitura de São Paulo, estão com mais de 9 mil vagas disponíveis, com destaque para 161 com salários acima de R$ 1.500. Há oportunidades no segmento de serviço, comércio, construção civil e indústria.

Para motorista de carreteiro são 20 vagas e é exigido o ensino fundamental completo e disponibilidade para o trabalho em escala de horário. O salário é de R$ 1.611,97.

Já para serralheiro, também com 20 oportunidades e exigência do ensino fundamental completo, os salários variam entre R$ 1.500 e R$ 1.900. Há vagas nas regiões leste e central. Ainda na área da construção civil estão abertas cinco vagas para auxiliar de pedreiro com salário de R$ 1.500.

Açougueiros encontram cinco oportunidades com salários que variam entre R$ 1.500 e 1.900, sendo necessário estar cursando o ensino fundamental. Há vagas na Vila Cruzeiro, Mooca e Santa Cecília.

Com vagas para as regiões sul e central, sendo requisito a escolaridade entre os ensinos fundamental e médio, chefes de cozinha podem concorrer a três oportunidades. Os salários variam entre R$ 1.624 e R$ 3.000.

Para coordenador de marketing digital são dez postos abertos com salário de R$ 5.000. Os interessados devem ter o ensino médio completo, conhecimento na área e disponibilidade para trabalhar no bairro de Santana.

Quem busca trabalho como gerente administrativo em lanchonete encontra três vagas no CAT com salário de R$ 1.800. A atividade será desenvolvida no bairro do Tucuruvi, das 8h às 17h, em escala de horário. Ainda na área gerencial há oportunidades para atuar em restaurantes com salários entre R$ 1.600 e R$ 2.000; e em planejamento de compras com rendimento mensal de R$ 4.000.

Os interessados em alguma das ações do Centro de Apoio ao Trabalho devem comparecer na unidade mais próxima e apresentar os seguintes documentos: RG, CPF, número do PIS e carteira de trabalho. Caso o trabalhador não tenha os últimos dois documentos, o CAT emite na hora. Os endereços dos postos de atendimento e também a programação completa da unidade móvel estão disponíveis no site www.prefeitura.sp.gov.br/trabalho.

Mais informações podem ser obtidas pela Central de Atendimento ao Munícipe, no telefone 156.

Comentários

Mais Lidas