CST recruta 350 trabalhadores em São Paulo

É necessário ter o curso na área e os salários variam entre R$ 800 e R$ 1.100.

Douglas Terenciano
Publicado em 18/03/2013, às 10h48

Nesta semana, o Centro de Solidariedade ao Trabalhador (CST) dispõe de 350 vagas na área de segurança em diversos cargos. As oportunidades estão distribuídas em todas as regiões de São Paulo.

As posições em aberto são para vigia e vigilante. A maioria dos postos não exige experiência na função. É necessário ter o curso na área e os salários variam entre R$ 800 e R$ 1.100.

O nível de escolaridade exigido é variado de acordo com a empresa contratante.

O processo seletivo vai até o dia 28, próxima quinta-feira.

Os interessados devem comparecer aos endereços abaixo com carteira profissional, RG, certificado de escolaridade e currículo.

Centro / Liberdade

Rua Galvão Bueno, n° 782

Zona Sul / Capão Redondo

Estrada de Itapecerica, n° 3.770

Zona Norte / Pirituba

Av. Cabo Adão Pereira, n° 387

Cursos para porteiro - Devido à grande quantidade de vagas para portaria, principalmente na região Sul da cidade, duas empresas da área em parceria com o posto de Santo Amaro do CST oferecem cursos gratuitos para função todas as quintas e sextas-feiras, às 9h.

São 55 vagas por dia com inscrição por ordem de chegada. “O curso é de apenas um dia, mas o trabalhador já aprende as principais noções da função. Essa iniciativa facilita bastante a aprovação na vaga e assim, o empregador também consegue suprir sua demanda de funcionários. Não é necessário ter experiência na área, o candidato só precisa ter mais de 18 anos”, explica Flávio Luciano, gerente da unidade de Santo Amaro.

A unidade fica na rua Barão do Rio Branco, n° 864, próximo ao Largo Treze.

Comentários

Mais Lidas