Tudo Sobre

Concurso China in Box

Empresa vai contratar quase 500 em 2008

As chances são dirigidas a Cozinheiros, Atendentes, Sushimen e Gerentes de Restaurante



Redação
Publicado em 07/03/2008, às 16h06

De acordo com o vice-presidente do grupo, Carlos Sadaki, serão abertas 16 novas lojas da rede em praticamente todo o Brasil, nas regiões sul, sudeste, norte e nordeste. A maioria das unidades será destinada ao Estado de São Paulo (nove). As chances são dirigidas a Cozinheiros, Atendentes, Sushimen e Gerentes de Restaurante

O grupo China in Box, que atua no setor de comida chinesa, está em franco processo de expansão e promete gerar, ao longo de todo este ano, quase 500 empregos diretos.

A empresa, que no ano passado se uniu a outra gigante do segmento de culinária rápida oriental, a Gendai, deverá investir na abertura de novas lojas em todas as empresas do grupo.


“Vamos abrir 16 lojas da China in Box em praticamente todo o Brasil, nas regiões sul, sudeste, norte e nordeste, sendo a maioria das unidades destinadas ao Estado de São Paulo (nove). Cada uma delas necessitará de, pelo menos, 20 empregados, o que daria um total de 320 empregos diretos gerados”, aponta Carlos Sadaki, vice-presidente do grupo China in Box.

O dirigente explica que, dos cerca de 20 contratados para as lojas China in Box, dois atuarão na rede de comida italiana Brevità.

“Além das vagas geradas com a inauguração das novas lojas China in Box ao longo do ano, também teremos novas contratações na Gendai. Serão cinco novas unidades da marca, especializada em comida japonesa, com demanda de 20 funcionários cada, o que dá um total de 100 empregos diretos; duas novas lojas Domburi, rede igualmente de comida japonesa, que também vai necessitar de 20 funcionários em cada loja, perfazendo-se um total de 40 vagas; e mais uma loja da bandeira Owan, de culinária chinesa e tailandesa, que contratará 30 candidatos”, aponta o dirigente.

Ao anunciar os planos de expansão, Sadaki afirma que é uma tendência de mercado a oferta de comidas mais saudáveis. “Nosso foco é São Paulo (capital e interior), Rio de Janeiro e Brasília/DF”, afirma. “Por questão de logística, o investimento é maior nessas localidades. São cidades com maior potencial de venda”, acrescenta.

Segundo informa o vice-presidente do grupo China in Box, para as novas lojas inauguradas serão contratados funcionários nas funções de Cozinheiro (candidatos do sexo masculino com o ensino fundamental); Atendente (ambos os sexos, com o nível médio), Sushiman (cozinheiro especializado na cozinha japonesa, do sexo masculino, com o ensino médio, para atuar na Gendai), Gerente de Restaurante (com nível universitário, ambos os sexos).

“Em geral, buscamos pessoas extrovertidas, que saibam lidar com o público, com boa comunicação e disponibilidade para trabalho em dias e horários diversos. A pessoa poderá trabalhar de dia ou à noite, aos sábados, em domingos e feriados”, explica Sadaki.

Para fazer a entrega das refeições em domicílio, também há necessidade da contratação de Motoboys. Geralmente, cada loja necessita de cinco a sete profissionais, por turno.

Remuneração

De acordo com Sadaki, os Atendentes e Cozinheiros contratados pelo Grupo China in Box iniciarão com salário de R$ 412, podendo atingir a até R$ 800, atuando nas mesmas funções. Já profissionais no cargo de Sushiman poderão ter remuneração máxima de R$ 2 mil, enquanto que Gerentes contam com rendimentos entre R$ 1,5 mil e 2,5 mil.

Em geral, os profissionais contratados cumprem jornadas de 44 horas com direito a uma folga por semana (apenas entre segunda e sexta-feira). Todos terão direito a vale-transporte, refeição no local de trabalho, plano de saúde (parcial), bônus por produtividade.


“Os profissionais do grupo passam por treinamentos contínuos, desde como atender ao cliente, passando por preparação de pratos, segurança alimentar até noções de administração e gerenciamento, para os níveis mais elevados. Inclusive, a China in Box paga até faculdade (cursos superiores de graduação) a Gerentes”, enfatiza Sadaki.

Serviço

De acordo com o vice-presidente, os candidatos às vagas que serão geradas pelo grupo China in Box ou mesmo àquelas já abertas (embora não soubesse precisar em quais lojas da rede, o dirigente disse haver posições disponíveis no momento) têm várias maneiras de se inscrever.

“Ele pode comparecer a uma unidade China in Box e preencher uma ficha. Ou então mandar currículo via e-mail para info@chinainbox.com.br, caso tenha interesse em trabalhar nas unidades da China in Box, ou sac@gendai.com.br, caso prefira atuar na rede Gendai. Outra opção é ligar para o telefone 0800-015-9595”.


“Mas eu recomendo mesmo é que procure a unidade mais próxima de sua residência, porque a gente vai acabar distribuindo os currículos entre as lojas e elas selecionarão as pessoas que morarem mais perto do local”, explica.


Basicamente, a seleção dos profissionais é composta por entrevistas com os franqueados e com o gerente de operação da loja. No caso dos candidatos ao cargo de Gerente, tratarão diretamente com a área de Recursos Humanos e com um diretor de operações.


“Também aplicamos testes de perfil. Não é fácil fazer a seleção dos candidatos. Mesmo em funções com pouca exigência em termos de escolaridade encontramos dificuldade. Infelizmente, o nível é muito baixo”, lamenta Sadaki.

Rogerio Jovaneli/SP

+ Resumo do Concurso China in Box

China in Box
Vagas: 490
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: www.dinamicaconsultoria.com.br

+ Agenda do Concurso

07/03/2009 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas