MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Maioria dos profissionais que usam o LinkedIn trabalham de home office

Além disso, o home office é uma das tendências do mercado para 2023 por abrir mais oportunidades para os profissionais e empresas

Homem sentado no sofá enquanto usa notebook
Homem sentado no sofá enquanto usa notebook - Freepik
Victoria Batalha

Victoria Batalha

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 26/01/2023, às 08h58 - Atualizado às 09h03

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

De acordo com um levantamento realizado pela agência Gombo no LinkedIn, o número de profissionais que utilizam a rede e trabalham no home office (trabalho 100% remoto), superou a quantidade de usuários que trabalham no modelo híbrido

Para chegar a esse resultado, foram entrevistados 2.977 usuários do site, incluindo profissionais brasileiros de grandes regiões do país ou que moram no exterior. Entre os entrevistados, 26,5% responderam que trabalham de forma remota, enquanto 24,5% trabalham no formato híbrido, que consiste em alguns dias presencialmente e outros em home office.

Trabalho remoto é tendência

Um relatório publicado entre uma parceria da Indeed com a Glassdoor revelou as cinco principais tendências do mercado de trabalho. Intitulado de “Hiring & Workplace Trends 2023 Report” (Relatório de Tendência no ambiente de trabalho e contratação para 2023), revelou que o trabalho remoto ficará em alta este ano e o que tudo indica, continuará crescendo.

Esse modelo de trabalho cresceu ainda mais durante a pandemia, que tinha como objetivo diminuir o risco de contaminação do coronavírus entre a população. 

Um fator que torna o home office tão popular é que permite que os profissionais trabalhem de qualquer lugar do mundo e para qualquer empresa, principalmente as multinacionais. Além disso, outra pesquisa feita pela Indeed Brasil revelou que 65% dos profissionais entrevistados se consideram muito mais produtivos enquanto trabalham de casa.

O trabalho remoto também permite uma maior flexibilidade para os colaboradores, permitindo que desta forma exista um equilíbrio entre a vida profissionais e a vida pessoal, uma tendência que vem aumentando cada vez mais entre os trabalhadores, que até mesmo pedem demissão ou recusam propostas de emprego caso não consigam encontrar esse ponto.

De qualquer forma, o trabalho remoto não é algo novo, mas que teve um crescimento mais rápido durante a pandemia e que tudo indica, vai crescer ainda mais. Mesmo que algumas empresas estejam se opondo e querendo que os profissionais retornem ao trabalho presencial. 

Siga o JC Concursos no Google News

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.