MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Mutirão de emprego LGBTQIA+ oferece mais de 300 vagas em São Paulo

Estão abertas as inscrições para o mutirão de emprego Contrata SP LGBTQIA+, iniciativa da Prefeitura SP para aumentar a inserção da comunidade no mercado de trabalho

Mutirão de emprego LGBTQIA+
Mutirão de emprego LGBTQIA+ - Freepik
Douglas Terenciano

Douglas Terenciano

douglas@jcconcursos.com.br

Publicado em 06/06/2023, às 10h47 - Atualizado às 10h54

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A 27ª edição da Parada Gay de SP acontecerá no próximo domingo, 11, com concentração na Avenida Paulista. Contudo, se você está em busca de uma oportunidade de emprego, saiba que estão abertas as inscrições para o mutirão de emprego Contrata SP LGBTQIA+, iniciativa da Prefeitura SP para aumentar a inserção da comunidade no mercado de trabalho. Por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, são oferecidas mais de 300 vagas de emprego nos setores do comércio, serviços e construção civil.

“Essa ação integra o grupo de programas da Prefeitura voltados a potencializar a diversidade e a inclusão no mercado de trabalho paulistano. O Cate é um serviço gratuito que mobiliza empresas para ofertar vagas por meio da plataforma, conscientizando sobre a importância da inclusão e combate à discriminação. Também auxiliamos no processo seletivo, orientando o trabalhador e tornando a experiência mais acessível e humanizada”, explica a secretária municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Aline Cardoso, da Prefeitura SP.

As oportunidades são para todos os níveis de escolaridade com salários que variam entre R$ 1.124 e R$ 3.500, em cargos como operador de telemarketing, atendente, recepcionista, operador de loja, padeiro, ajudante de confeiteiro, entre outras.

De acordo com a Prefeitura SP, quem passa pelo Contrata SP, além de ter contato com as empresas e participar dos processos seletivos, também pode participar da oficina do programa Elabora da Prefeitura de São Paulo para aprimorar o currículo e também pegar dicas sobre como se sair bem em entrevistas, dinâmicas de grupo, comportamento socioemocional, entre outros. Após a oficina, os primeiros participantes já se encaminharam para os processos seletivos do dia, dos quais participam empresas como a Petz e o Hospital Santa Casa.

Na última segunda, 5, enquanto esperavam ser chamados, alguns trabalhadores contaram ao portal da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho sobre suas experiências tentando se inserir no mercado de trabalho e as expectativas em relação ao Contrata SP.

Kevin Macaulay, que vêm procurando emprego há seis meses, comenta que, em entrevistas de emprego, geralmente observa a imposição de barreiras. “Muito depende de o entrevistador gostar de você, e sabemos que essas pessoas já têm uma predefinição de que tipo de gente elas querem contratar – uma predefinição na qual frequentemente não nos encaixamos. Quando vi que esse mutirão era voltado especialmente para o público LGBTQIA+, já vim muito mais motivado, eu falei ‘agora é o meu momento’!”, disse.

Já Alexandra Saphyre, aos 55 anos, conta que ao longo da vida observou evoluções no cenário de oportunidades e aceitação. “Antes de completar o meu processo de transição de gênero, em 2012, o momento da entrevista era sempre muito tenso, uma situação complicada porque era uma época em que não havia esse compromisso, essa necessidade das empresas de se mostrarem inclusivas”. Nos últimos 10 anos, a participante teve a chance de se qualificar profissionalmente e concluir duas graduações no ensino superior, em ciências e humanidades e em relações internacionais.

Durante uma das pesquisas de iniciação científica dentro da universidade, a profissional teve contato com outra iniciativa de inclusão e auxílio da Prefeitura de São Paulo como o programa Transcidadania, que oferece oportunidades de qualificação profissional para mais de 400 pessoas transgênero e travestis. “O programa realmente busca gerar mudança e impacto efetivo. Na época em que eu e muitas daquelas pessoas estudávamos, isso era um desafio muito grande, o ambiente escolar era hostil. O fato dessa iniciativa existir mostra que há um interesse por parte do poder público para auxiliar nesse desfalque na capacitação e preparação da população LGBTQIA+”, completa Alexandra Saphyre.

Como se inscrever no mutirão de emprego LGBTQIA+

Os processos seletivos para diversas empresas são realizados na unidade central do Cate (Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo), das 8h às 17h. O endereço é avenida Rio Branco, nº 252, e os interessados podem ir diretamente à unidade, portando RG, CPF e carteira de trabalho (digital ou física) e cópias de currículo. As inscrições vão até o dia 7 de junho.

Siga o JC Concursos no Google News

+ Resumo Empregos Cate 2024

Cate - Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo
Vagas: 700
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Analista, Assistente, Vendedor, Porteiro
Áreas de Atuação: Administrativa, Educação, Operacional, Saúde
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: Prefeitura de São Paulo
Estados com Vagas: SP
Cidades: São Paulo - SP

+ Agenda

01/01/2021 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
31/12/2024 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
empregosvagas de emprego

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.