Raízen inscreve para Programa de Estágio 2015

Os inscritos deverão ter formação prevista para o período entre dezembro de 2015 e dezembro de 2016 e domínio do pacote Office. Para os cursos de direito, tecnologia da informação e ciências contábeis, a formação prevista é até dezembro de 2017

Renan Abbade
Publicado em 14/08/2014, às 14h12

A Raízen, joint venture entre Shell e Cosan, abriu as inscrições para o Programa de Estágio 2015. São mais de 100 vagas em 18 áreas para estudantes de diferentes cursos.

Com duração de até dois anos, o programa é aberto a estudantes de graduação dos cursos de agronomia, ciências agrícolas, administração (geral, com ênfase em finanças e ênfase em marketing), ciências contábeis, ciências econômicas, direito, engenharias (todas as especializações), tecnologia da informação, análise e desenvolvimento de sistemas, informática, processamento de dados, sistemas da informação, jornalismo, publicidade e propaganda, marketing, relações públicas, relações internacionais, psicologia e gestão de empresas.

Os inscritos deverão ter formação prevista para o período entre dezembro de 2015 e dezembro de 2016 e domínio do pacote Office. Para os cursos de direito, tecnologia da informação e ciências contábeis, a formação prevista é de dezembro de 2015 a dezembro de 2017.

A Raízen disponibiliza posições nos escritórios administrativos em São Paulo/SP, Piracicaba/SP e Rio de Janeiro/RJ; em unidades de produção de açúcar, etanol e energia; em terminais de distribuição de combustíveis; e em bases de aeroportos espalhados pelo Brasil.

Os interessados devem se inscrever até o dia 15 de setembro no site www.raizen.com.br/trabalhar-na-raizen/processos-de-selecao/programa-estagio.

“O Programa de Estágio da Raízen oferece oportunidades para estudantes em diversas áreas do nosso negócio. O estágio na Raízen desenvolve o aprendizado na prática. Oferecemos um ambiente desafiador, em que as situações do dia a dia são os maiores agentes para o desenvolvimento de nossos estagiários”, afirma Marina Quental, vice-presidente de recursos humanos da empresa.

O processo seletivo inclui testes on-line, dinâmica de grupo e entrevista final. A bolsa-auxílio e os benefícios oferecidos são compatíveis com o mercado. A contratação dos aprovados neste ciclo está prevista para janeiro de 2015.

Com foco em inovação e espírito empreendedor, a empresa tem como um de seus pilares a atenção às pessoas, apostando no talento individual de seus funcionários e em gestores preparados para incentivar o desenvolvimento de suas equipes.

Os candidatos selecionados terão a oportunidade de vivenciar o cotidiano de um dos principais players do setor sucroenergético, contando com um plano de desenvolvimento específico para estagiários: integração corporativa e na área de atuação, acompanhamento do gestor e da equipe de RH, capacitação profissional, avaliação de desempenho e projeto final de estágio. Além disso, alinhado à cultura de meritocracia da empresa, em caso de bom desempenho e disponibilidade de vagas na área de atuação, a empresa oferece a possibilidade de efetivação ao final do programa.

Sobre a Raízen
Líder em energia renovável no Brasil e primeiro player integrado do setor sucroenergético, com atuação em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia está entre as cinco maiores em faturamento do país e conta com cerca de 40 mil funcionários. Com 24 unidades, a Raízen produz 2 bilhões de litros de etanol por ano, 4 milhões de toneladas de açúcar e gera mais de 900 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar.

A empresa também está presente em 54 aeroportos, possui 58 terminais de distribuição e comercializa aproximadamente 22 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Na área de distribuição, a companhia conta com uma rede formada por mais de 5.000 postos de serviço com a marca Shell e mais de 900 lojas de conveniência Shell Select. A Raízen foi formada em 2011 a partir da integração de parte dos negócios de Shell e Cosan.

Comentários

Mais Lidas