Tudo Sobre

Empregos CST

CST seleciona para 3.913 postos de trabalho

A seleção dos candidatos terá início na próxima segunda-feira, dia 3. Os salários oferecidos chegam a R$ 2 mil



Redação
Publicado em 28/04/2010, às 14h42

Na próxima segunda-feira, 3 de maio, o Centro de Solidariedade ao Trabalhador (CST) dará início a uma seleção que irá preencher 3.913 vagas em São Paulo.


As ofertas destinam-se a candidatos de nível médio. Do total de oportunidades, 1.043 não requerem experiência profissional, portanto, é uma boa chance para ingressar no mercado de trabalho.


As empresas contratantes buscam colaboradores para diversas áreas de atuação. Entre os cargos oferecidos, destacam-se os seguintes: vendedor (349), auxiliar de linha de produção (96), atendente de lanchonete (84), auxiliar de estoque (80), operador de supermercado (60), eletricista (52), assistente de vendas (35), auxiliar de almoxarifado (28), atendente de balcão (17), auxiliar de escritório (14) e ajudante de carga e descarga (12).


Remuneração – Os salários oscilam entre R$ 510 e R$ 2 mil, valores que variam de acordo com a função exercida pelos trabalhadores e a companhia para a qual prestarão serviços.


Como participar – Para confirmar o interesse pelas ofertas é preciso comparecer ao posto Liberdade do CST, que fica na rua Galvão Bueno, 782 (zona central), ou no de Santo Amaro, localizado na avenida Barão do Rio Branco, 864 (zona sul). As inscrições serão recebidas de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h, e é necessário estar munido de currículo, RG, carteira profissional e certificado de escolaridade.

Flávio Fernandes/SP

Veja também:

São Paulo: CIET de Guarulhos oferece 3.277 chances

Breezes Búzios/RJ: novo resort abrirá 300 chances de emprego

+ Resumo Empregos CST

CST
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Operacional
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda

28/04/2011 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas