MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Veja 8 dicas para lidar com a demissão e conquistar um novo emprego

Especialista em carreira aponta passo-a-passo para que profissionais deem a volta por cima e se recoloquem no mercado com mais agilidade

Oito dicas para conquistar um novo emprego
Oito dicas para conquistar um novo emprego - Freepik
Douglas Terenciano

Douglas Terenciano

douglas@jcconcursos.com.br

Publicado em 05/04/2023, às 11h47 - Atualizado em 20/04/2023, às 11h51

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Além de questões político-econômicas, diversos fatores geram incertezas no mercado de trabalho e fazem a população segurar o consumo e as empresas enxugar gastos. E, como consequência, milhares de profissionais têm vivenciado demissões, muitos pela primeira vez na carreira. Só em 2023, segundo o site Layoffs.fyi, que computa as demissões ao redor do mundo, já ocorreram mais de 108.000 desligamentos.

"Passar por uma demissão não é fácil, mas é possível sair mais forte dessa situação. Cada pessoa reage de uma maneira, mas, dentro do possível, o ideal é aproveitar a oportunidade para receber algum feedback, alguma pista do que poderia ter feito diferente. Pode ser que a empresa argumente que o motivo foi corte de custos, alegando que outros colegas também foram demitidos, porém, algo fez com você fosse um dos escolhidos, mesmo que não tenha sido o único. Por isso, o ideal é olhar para uma demissão da forma mais racional possível e buscar extrair algum aprendizado", comenta Tiago Mavichian, especialista em mercado de trabalho e CEO da Companhia de Estágios.

Então, se você está na esteira dos profissionais que foram recentemente demitidos, é hora de sacudir a poeira e dar a volta por cima com agilidade e leveza. Para isso, Mavichian sugere algumas dicas práticas:

1 - Identifique o que você precisa melhorar

Faça uma retrospectiva mental sobre a sua jornada na empresa, reflita sobre suas atitudes e o quanto de fato se empenhou para que o valor das suas entregas fosse percebido. Será que você se acomodou e seus conhecimentos ficaram defasados? Será que você deveria ter escutado mais os seus colegas de equipe? Fazer esse exercício permitirá que você reconheça quais são as habilidades comportamentais e técnicas que deve aprimorar, além de te ajudar a lidar com a sua demissão de uma maneira mais estratégica e sensata.

2 - Tenha um plano de ação

Para se recolocar e ter um desempenho melhor no próximo emprego, a dica é montar uma agenda diária com as atividades que precisa colocar em prática. Além de procurar cursos e outras formas para aprimorar conhecimentos, o primeiro passo é atualizar o seu currículo. Insira a última empresa, o seu cargo e as principais atividades, resultados e contribuições desenvolvidas. Coloque tudo o que for relevante. Na maioria dos casos, hoje não se usa mais currículo impresso. Porém, é importante deixá-lo pronto para enviá-lo por e-mail ou WhatsApp para recrutadores, sempre que necessário, ou mesmo para usá-lo como referência para preencher formulários e cadastros de processos seletivos online. Não adianta procurar oportunidades, conseguir uma entrevista ou mobilizar seus contatos sem ter feito isso. Evite queimar a largada. Mantenha a calma.

3 - Seja estratégico

Tenha clareza de como gostaria que o seu próximo emprego fosse. Leve em consideração a área de atuação, segmento, local de trabalho, cultura e valores da empresa, tudo isso é importante para otimizar o seu tempo. Assim você consegue traçar um plano de ação mais assertivo e evita passar por novas frustrações. Afinal, se aceitar a primeira oferta de emprego que passar pela sua frente, pode acabar se decepcionando mais tarde. Se tiver dúvidas, procure especialistas em orientação de carreira e invista mais em autoconhecimento.

4 - Mostre que está disponível

Com as etapas anteriores em dia, comunique aos seus contatos que você está procurando uma nova oportunidade de trabalho. A forma mais fácil de fazer isso hoje em dia é por meio de uma publicação nas redes sociais, principalmente no LinkedIn, cujas postagens têm foco profissional. Aí vai um ponto de atenção: não fale mal da empresa ou do chefe que te demitiu e, menos ainda, vitimize-se. Não precisa dizer expressamente que foi demitido nem explicar o porquê. A ideia é apenas contar que não está mais na antiga empresa, o que aprendeu nela, mostrar suas habilidades e dizer o que está buscando para o seu futuro profissional.

5 - Amplie seu networking

Depois de postar nas redes sociais é importante ter uma postura mais ativa. Não espere que um emprego bata na porta, pois dificilmente isso vai acontecer. Entre em contato com as pessoas que você tem mais proximidade como, por exemplo, amigos, ex-colegas de trabalho e professores. Lembre-se de fazer isso com naturalidade, sem parecer oportunista. Além disso, participe de eventos da sua área de atuação, converse e interaja o máximo que for possível com o seu networking.

6 - Potencialize suas chances

Há plataformas digitais que concentram um grande volume de vagas de emprego e isso aumenta as suas possibilidades de ser encontrado pelas empresas e ser convidado para participar de um processo seletivo. Faça uma lista dos mais relevantes e se cadastre em cada uma delas. Depois, relacione as empresas em que você gostaria de trabalhar e confira se os sites delas disponibilizam alguma maneira de cadastrar o seu currículo em campos como "trabalhe conosco" ou "banco de talentos". Dê preferência para portais que são bem avaliados no Google e evite, por exemplo, os que vendem cursos ou serviços atrelados a uma promessa de vaga.

7 - Tenha foco

Confira diariamente seus e-mails, porque essa é a forma mais provável que empresas e sites de empregos usam para entrar em contato com candidatos. Fique atento também ao seu WhatsApp, outro meio de comunicação muito usado nessa fase. Ao identificar oportunidades que podem dar match com o seu perfil profissional, leia atentamente as descrições, analise quais são os requisitos solicitados e preencha todos os campos necessários para se candidatar. Agora, um ponto de atenção: se a maioria das vagas de seu interesse pedem conhecimentos e habilidades que você não possui, acelere seu desenvolvimento. Matricule-se em um curso e atualize seu currículo, mostrando que está investindo em aprender. Assim, você aumenta a sua empregabilidade!

8 - Tudo em seu tempo

Mantenha a paciência e seja persistente. O tempo que você levará para conquistar um novo emprego está relacionado a uma série de fatores, como o quanto você se dedica à recolocação, nível de conhecimento, volume de vagas na sua área e bons relacionamentos no mercado de trabalho.

"Considere que o seu trabalho neste momento é procurar um emprego. Se você seguir estes oito passos com atenção, com certeza, em breve, você estará comemorando com amigos e familiares seu novo emprego", conclui Mavichian.

Siga o JC Concursos no Google News

+ Resumo Empregos Companhia de Estágios 2023

Companhia de Estágios
Vagas: 800
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Estagiário
Áreas de Atuação: Administrativa, Educação, Operacional, Saúde
Escolaridade: Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário:
Estados com Vagas: AC, AL, AP, AM, BA, CE, DF, ES, GO‍, MA, MT, MS, MG, PA, PB, PR, PE, PI, RJ, RN, RS, RO, RR, SC, SP, SE, TO

+ Agenda

12/03/2021 Abertura das inscrições Adicionar no Google Agenda
31/12/2023 Encerramento das inscrições Adicionar no Google Agenda
empregos

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.