Tudo Sobre

Concurso Profissões e Cursos

Técnico em Automação Industrial

Automatizando os processo industriais...



Redação
Publicado em 29/01/2007, às 12h31

O Técnico em Automação IndustriaL é um profissional com conhecimentos teóricos e práticos de processos industriais, controle de processos, instrumentação, dispositivos eletrônicos, circuitos elétricos, acionamentos de máquinas elétricas, equipamentos eletro-hidráulicos, eletropneumáticos e de redes industriais, dedicados à automação industrial. Ele atua na implantação e manutenção de sistemas produtivos automatizados.

Trata-se de uma carreira bastante promissora, pois as indústrias cada vez mais têm buscado tecnologia de ponta, equipamentos modernos e a automatização de seus processos de produção. O Técnico em Automação Industrial tem um crescente campo de atuação nas áreas Alimentícia, de Papel e Celulose, Metalúrgica, Naval, Petroquímica e Siderúrgica, entre outras.

“O técnico em Automação Industrial é o profissional que instala, opera e projeta sistemas aplicados a automação e controle, provendo infra-estrutura para sua implantação; analisa especificações de componentes e equipamentos que compõem sistemas automatizados; coordena equipes de trabalho e organiza o controle de qualidade de sistemas e dispositivos automáticos”, explica Renê Graminhani, coordenador do curso de Automação Industrial ministrado na Escola Técnica Estadual (ETE) Jorge Street, em São Caetano do Sul, no ABC paulista.

CURSO

De acordo com o educador, o curso tem duração de três semestres (três módulos), sendo que 50% das aulas são realizadas em laboratórios e oficinas. A outra metade é composta por aulas teóricas. “É um curso focado na parte eletrônica.

A grade curricular da ETE Jorge Street é montada de tal forma a contemplar um rol de habilidades e competências, capazes de proporcionar ao aluno uma formação visando uma excelência profissional”, afirma o educador, que acrescenta: “o interessado em seguir essa carreira deve ser pró-ativo, versátil, demonstrar interesse por pesquisa, ser observador, possuir boa comunicação e relacionamento interpessoal, além de conhecimentos em informática industrial, noção de inglês técnico e de desenho técnico em nível de interpretação”.

MERCADO

Sobre o mercado de trabalho para profissionais formados nesse segmento, Graminhani classifica como promissor e recomenda o trabalho em indústrias metalúrgicas e na área de mecânica, em geral. Para ele, o setor vem crescendo muito devido principalmente aos grandes avanços da tecnologia e à automação cada vez maior das fábricas. ”Hoje, as plantas fabris estão muito automatizadas e essa automatização exige mão-de-obra especializada e bem treinada, por isso é muito importante que esse profissional tenha um bom embasamento teórico e pratico”, analisa o educador, que completa: “a área em si é muito promissora, mas o sucesso profissional dependerá muito do tipo de empresa que a pessoa irá atuar.

Um recém-formado em início de carreira tem remuneração em torno de R$ 1,5 mil. Profissionais com um bom currículo e experiência no setor podem receber até R$ 2,5 mil”.

DICAS

Na opinião do coordenador do curso de Automação Industrial da ETE Jorge Street, é fundamental que no decorrer do curso o estuante procure um estágio para complementar os conhecimentos adquiridos. “O aluno deve se dedicar ao máximo e aproveitar todas as oportunidades de cursos de especialização que ele puder fazer. Após a conclusão, é importante que ele se mantenha atualizado, participando de cursos e investindo na sua formação profissional”, finaliza.

Rogerio Jovaneli
Reportagem/SP

+ Resumo do Concurso Profissões e Cursos

Profissões e Cursos
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário:
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda do Concurso

29/01/2008 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas