Tudo Sobre

Concurso Profissões e Cursos

Técnico em Refrigeração

Técnico do frio



Redação
Publicado em 29/01/2007, às 12h02

O Técnico em Refrigeração e Climatização planeja, coordena, controla, orienta e executa ações referentes ao dimensionamento e à instalação e manutenção de equipamentos convencionais e microprocessados de refrigeração e climatização. Essas tarefas podem ser realizadas em indústrias, estabelecimentos comerciais e residenciais e em oficinas de refrigeração e climatização.

Entre as atividades próprias deste profissional está a elaboração de planilhas de custos, de acordo com especificações e normas técnicas das áreas de proteção ambiental, qualidade e saúde e de segurança. E também a prestação de assistência técnica na compra e venda de equipamentos e materiais, baseando-se em manuais e catálogos de fabricantes.

No segmento preventivo, elabora e executa planos e rotinas de manutenção em equipamentos de refrigeração e climatização, utilizando técnicas que possibilitem a obtenção da qualidade do ar interior, segundo a legislação vigente.

CURSO

De acordo com Rosseto, o curso ministrado na referida instituição possui duração de dois anos, dividido em quatro módulos, sendo que em cada um deles os alunos têm contato com um segmento específico da Refrigeração e Climatização. “No primeiro, adquirem as competências em reparação e instalação de refrigeração doméstica (refrigeradores, freezers) e condicionadores de ar compacto, tipo ‘janela’. No segundo, aprendem o processo de instalação e manutenção preventiva e corretiva de sistemas centrais de climatização. O terceiro módulo é destinado à refrigeração comercial e industrial. No último, os alunos são estimulados a desenvolverem projetos a partir de problemas do cotidianos das empresas e a realizarem melhorias em projetos de instalações já existentes (As-Building), sob as premissas de reduzir o consumo de energia e preservar o meio ambiente”, relata.

Segundo o coordenador, o curso também fornece aos participantes competências técnicas, como a realização de orçamentos, planilhas de custos, relatórios, apresentações multimídia, utilizando softwares modernos como autoCAD, MS Word, MS Excel, MS Power Point, o desenvolvimento de desenhos técnicos etc.

MERCADO

Uma área em expansão, porém carente de profissionais capacitados. É dessa forma que o coordenador técnico da Escola Senai Oscar Rodrigues Alves classifica o mercado de trabalho para quem atua nesse setor. Para ele, o segmento está em plena expansão em nosso País, devido a grande necessidade de armazenamento e conservação de produtos e pela climatização de ambientes, visando o conforto térmico das pessoas. “Esse crescimento faz com que as empresas ampliem seus quadros e procurem profissionais capacitados com formação técnica.

ATUALIZAÇÃO

Manter-se atualizado é um fator importante para quem quer seguir na área de Refrigeração e Climatização. “O segmento do frio possui alguns periódicos como a Revista Abrava, Revista do Frio, Revista Bola Preta, Jornal do Refrigerista, Revista Tecnologia da Refrigeração, entre outras publicações. Além disso, algumas empresas, como Carrier, Elgin, Emerson Climate, Bitzer Compressores, FullGauge Controls, Microblau e Vulkan do Brasil realizam na escola [Escola Senai Oscar Rodrigues Alves, que fica no bairro do Ipiranga, Zona Sul de São Paulo] seminários técnicos relacionados à refrigeração e Ar-Condicionado”, aponta Rossetto.

Rogerio Jovaneli
Reportagem/SP

+ Resumo do Concurso Profissões e Cursos

Profissões e Cursos
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário:
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda do Concurso

29/01/2008 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas